gal vence

Euro Sub-17 Femininos (Lituânia), Portugal vence a Geórgia por 48-11 - Mundial Sub-19 Masculino Portugal derrotado pela França 1/4 Final por 34-24 - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Competições Europeias 2013 / 2014 – XLII

A participação Portuguesa nas provas Europeias este fim-de-semana, iniciou-se com a participação do Sporting na 2.ª Jornada da novel EHF CUP Masculina.
 
Masculinos 
 
EHF CUP 
SPORTING

 O Sporting defrontou na 2.ª Jornada do Grupo “B” os Franceses do Montpellier HB, habitual frequentador da liga dos Campeões e considerado um dos grandes favoritos deste Grupo, e que na primeira jornada venceram tal como a equipa Portuguesa, só “cilindraram” praticamente os seus adversários o HC Zomimak da Macedónia por 41-22, e que contam nas fileiras atletas como Omeyer e Accambray, entre outros, que se sagraram recentemente Campeões Europeus em representação da Seleção Francesa. A equipa portuguesa que deu excelente réplica aos franceses, realizou um primeiro tempo que os forasteiros comandaram quase sempre o marcador, chegando aos 5 (cinco) golos de vantagem cercados 26 minutos de jogo, mas uma forte reação da equipa do Sporting que em 4 minutos faz um parcial de 5-0, permitiu que o intervalo chegasse com as equipas a registarem uma igualdade no marcador a 14 golos, que só era surpresa para quem não tem acompanhado esta jovem equipa portuguesa. No segundo período de jogo, uma entrada extraordinária da equipa do Sporting, levou a equipa aos 42 minutos estivesse na posição de vencedora com 3 (três) d diferença (21-18), mas partir dos 48 minutos após os franceses estabelecerem a igualdade a 22 golos, para de seguida assumirem o comando do marcador e não mais o largarem utilizando toda a sua experiência. Este encontro encerra algumas curiosidades, tais como o n.º de faltas técnicas cometidas pelo Sporting (14) é quanto nós demasiado elevada, além disso sofreu 8 livres de 7 metros, com apenas 1 a seu favor, e aqui poderá estar uma justificação para os 3 (três) golos de diferença, além de ter sofrido 6 exclusões contra apenas 2 do adversário (João Antunes saiu desqualificado com a terceira exclusão aos 50 minutos). Destaque para Pedro Solha com 7 golos e uma excelente exibição muito bem acompanhado pelo jovem Pedro Portela com 6 golos, tantos quantos marcou Fábio Magalhães mas cuja eficácia ao ataque é deveras irritante (50%). Nos Franceses o Argentino Diego Simonet com 12 golos foi a figura da equipa. Com este resultado tudo ainda esta em aberto no difícil apuramento deste grupo.
 
Resultado – 2.ª Jornada
Sporting – Montpellier HB (16H00)
Calendário – 3.ª Jornada
Dia 23-02-14
Sporting – HC Zomimak-M (15H00) (Macedónia)

O Noticias

10 comentários:

Anónimo disse...

Noticias colocas-te muito Material no Tabaco !
O Jogo de dia 23 é um Mafra e ás 15 Horas.
Vamos lá não informar mal o pessoal !
Cuidado que muito material no tabaco dá chatice !!

http://www.eurohandball.com/ec/ehfc/men/2013-14/match/4/018/Sporting+CP+-+HC+Zomimak-M

Anónimo disse...

Não percebo nada: as nossas equipas são roubadas em casa, fora e pelo caminho! Temos tanta gente nas instancias internacionais e não são capazes de influenciar ninguém, não para que nos favoreçam, mas para que não nos roubem? Ontem foi um escândalo: o Montpellier só ganhou, porque levou um empurrão de todo o tamanho, quando o Sporting recuperou e ficou a ganhar por 4 já a meio da 2ª parte. Foi um escândalo! Sr. Goulão, Sr. Rui Coelho, Sr. Ulisses: onde andam vocês? Em jantaradas? Façam alguma coisa pelo andebol nacional!

Anónimo disse...

O que se passou em Mafra foi vergonhoso. Sete ou oito penalidades máximas e um critério de bradar aos céus. O central argentino é um grande jogador mas tirar tanta falta simulando lesão e levantar-se e até as marcar é vergonhoso. Como foi possível o pivot do Montpellier terminar o jogo com aquele comportamento? Um dos apitarolas estava sempre a rir e chegou a estar a ouvir o G redes Francês a vociferar e riu-se também. Dá toda a sensação que a dupla de animadores escolheu os dois jogadores do Sporting que melhor defendiam para os afastar do jogo. Tudo com enorme simpatia mas gostamos de receber bem e não sermos enganados. O ambiente entre as claques dos dois clubes até foi bonito com misturas para se tirar fotos e outras coisas. havia um autocarro que transportou os apoiantes e assim fosse connosco na ida a frança. Noutros países é vulgar os vôos da equipa levarem as claques e familiares. È outro mundo de andebol. Neste país que somos só o futebol tem disto e nem sempre. Se calhar na fase de decisões do nosso campeonato no grupo "A" vão acontecer coisas iguais.Era bom que os nossos dirigentes estivessem atentos.

Anónimo disse...

Parabéns ao grande grupo que é esta equipa de ANDEBOL DO SPORTING!!!
Recordistas na mudança de pavilhões e pagando a falta de identidade com o público a fugir de dia pra dia, eles lutam até á exaustão!
Com uma arbitragem cheia de sinismo onde imperou o critério de filhos e enteados, lutaram sempre!
com alguns jogadores a acusar o uso excessivo devido á falta de banco, eles não desistiram!
Há modalidades no clube a levarem com derrotas humilhantes, eles fazem surpresas ganhando a equipas com orçamentos bestiais como o Skjern-Dinamarca!
E enquanto os tentam enganar com armadilhas de toda a espécie, eles conseguem estar em primeiro lugar do campeonato Andebol 1!
Será possível fazer mais? Eu talvez nem acredite mas, sei que vocês são leões de verdade! Perdoem-me por isso.
J S M- Torres Vedras

Anónimo disse...

Dizem que o grande mal do andebol leonino é não ter um pavilhão. No entanto penso que, de vez em quando visitar outros lugares do país, onde há muito Sportinguista é benéfico. Na minha família e lar, somos quatro habitando em Sintra. Prometemos aderir á festa que, certamente haverá nos dois jogos internacionais, assim como o da taça com o F. C. Porto.

O resultado não foi o desejado e, se calhar por alguém que, não jogando de bola na mão, joga mais que os jogadores. Não é só por cá que, acontecessem jogos de poder. Dos cinco jogos vistos esta época, nunca vi a equipa jogar tão bem, talvez superando as espectativas e, porque era com quem era. Esta equipa corre o risco de se tornar uma pequena lenda. Foram momentos únicos ver os meus filhos, a pedir autógrafos a ídolos deste desporto completo que, é o andebol! Agora há recordação de Candeias pelo guarda-redes cá da casa. Depois há de Solha e Fábio Magalhães e Portela. Com a idade deles não podia faltar a de Rui Silva, claro! Apesar de muitas mudanças no banco, nota-se que, a equipa base e os que, vão jogando vindos do banco não se alterou muito. Alguns estão lá nos últimos dois\três anos. Por mim gostando de jogadores completos adoro o cubano Frankis e, ele até está a jogar fora da posição de origem. Habitualmente não gosto de estrangeiros e, os últimos não tinham qualidade para fazer diferença nem me pereceram bem adaptados. Força equipa do nosso orgulho!

Anónimo disse...

Lamento profundamente o Líder do clube não ter estado presente. Homens com João Rocha só nasce um em dois séculos. No entanto curvo-me perante esta equipa! Estão a fazer uma época magnífica, com os meios que possuem. Neste Blog leio o que dizem deles e ponho-me a pensar. Tomaram medidas difíceis mas tudo tem funcionado. Estão a apostar na juventude (Rui Silva, P. Portela, Sérgio Barros. Luís Oliveira, Nuno Gonçalves) embora pense que, há ali jovens que ainda não estão maduros o suficiente. Não vejo muito jogos de formação devido a não poder. Numa época em que, ainda há a registar lesões ( Solha) em momentos chave, penso que só uma equipa muito unida e com perfil, consegue chegar onde chegaram com brio. Para além do Futsal julgo que, o andebol tem pernas para andar. Lamento igualmente a não presença de claques, quatro horas antes do futebol. Questões culturais. O andebol e o atletismo são modalidades de peculiar importância no clube. E já agora faço a pergunta a este grande auditório de andebol:
- Candeias, Portela e Solha não tinham lugar do outro lado?
Desta vez o Fábio agradou-me.

Anónimo disse...

Vou guardar os cinco autógrafos desta equipa e só lamento não poder ter uma camisola 4 do Portela. Gostei do miúdo Sérgio a dizer que, jogava em qualquer posição menos á baliza porque, podia ser humilhado. Que qualquer pavilhão serve, e a qualquer hora que, o pior é quando não se sonha. O nosso Candeias esteve bem melhor que o Omeyer. O Argentino deles é muito bom, só que os árbitros deixaram-no fazer o que lhe apeteceu. Foi pena o Solha estar tanto tempo lesionado. O Portela e o Solha não ficam a dever nada aos pontas deles. Eles são mais altos mas nós mais técnicistas. Vou estar no jogo da taça de Portugal. No meio da semana não posso. Joguem mais vezes fora de Lisboa.

Anónimo disse...

Todo o apoio a esta equipa de verdadeiros campeões é pouco. Há na nossa praça quem gaste bem mais e ande a chorar. Há os que, apostam em jogadas de bastidores e, não deram mais jogadores á principal seleção do país que nós. Como chegou esta equipa aqui? Sabendo-se que os meios são menos esta época e não temos quem nos dê "empurrõezinhos", para além do factor de desde a época passada, já termos utilizado 6 pavilhões, enfim! Tem de haver aqui o grande mérito dos jogadores e dupla técnica. Basta ver os anos anteriores e seus resultados e, ausência de esperança no futuro. Hoje temos um estrangeiro apenas mas, útil e humilde. Confesso que o meu preferido. Os diversos jovens e promessas, para mim dos 17\18 a 22\23, parecem imbuídos dum espírito que tinha morrido no clube. Devido á situação financeira tivemos de abdicar de dois jogadores de seleção, um deles titular no seu posto. Nunca teremos sossego pois, sabemos que de facto, há pontos fracos na equipa mas, transcendemo-nos! Querida equipa que muito respeito e admiro, continuem assim dentro de campo que, nós não nos calaremos fora dele.
Sócio do S.C.P. com Gamebox e membro de claque. Ex-praticante de andebol no clube e seleção.

Anónimo disse...

Conseguimos formar uma equipa de raça que procura a glória! Contra factos não há argumentos! Desta feita depois da grande surpresa na europa, abateram-nos pelas costas! Mas, ainda não nos rendemos

Anónimo disse...

Será que os dirigentes do Sporting já pensaram no que poderá acontecer a partir do dia 01Março2014? È que os jogos são entre os seis candidatos a vencer a prova... Vamos estar atentos. Curiosamente nunca ouvi os nossos adversários e detratores dizerem que fomos beneficiados. Quanto a abordagens a jogadores nossos já houve. Facilmente se sabe quando nos fazem perguntas ou quando nos perguntam o que achamos de algumas coisas. O mundo do andebol é tão pequeno. Alguém devia comentar os "erros" dos dois senhores que dirigiram o jogo em Mafra com o Montpelier A. .