gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Crónica de Fim-de-semana – 19 – 2013 / 2014 - II

Crónica possível dedicada á PO02. Em mais uma jornada em que não existiram jogos adiados, o que é de saudar, a bem da verdade desportiva.
 
E infelizmente já não foram raros os boletins de jogo incompletos (nítido retrocesso). Regressaram os jogos não contabilizados e refletidos nas classificações, no final o que se passa?
 
PO02 – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Seniores Masculinos.
 
Zona Norte – Resultados
 
20.ª Jornada
São Bernardo 38 - 32 Modicus (Antecipado)
Fermentões 28 - 31 FC Porto "B"
Marítimo 32 - 21 Académico FC
Santo Tirso 36 - 27 AD Sanjoanense
FC Infesta 20 - 25 São Mamede
FC Gaia 27 - 20 SP Oleiros
Xico Andebol 39 - 25 Santana
 
Na continuação do que dissemos na jornada antecedente, verificou-se uma melhoria disciplinar, verificando-se apenas um jogo co relatório disciplinar, o que mais uma vez se saúda, mas em sentido contrário tivemos Boletins de jogo que além de incompletos, não têm os resultados contabilizados na Classificação Geral da Zona o que é de lamentar. Esta jornada teve uma característica que deve ser destacada, todos os vencedores na 1.ª volta confirmaram as suas vitórias, com maior ou menor dificuldade. E a 6 (seis) jornadas do fim desta Fase, continuamos a afirmar que no nosso entender neste momento a luta é grande pelo 3.º Lugar da Zona e o último que dá acesso á Fase Final. Xico Andebol um dos líderes em igualdade pontual com o Santo Tirso, venceu com grande facilidade o irregular Santana, com um resultado que começou a ser construído no primeiro período de jogo (21-13 ao intervalo). O Santo Tirso recebeu e venceu a AD Sanjoanense, igualmente num encontro de sentido único (Boletim de jogo incompleto e não contabilizado), com Diogo Oliveira a ser o seu principal marcador com 10 golos. No dérbi de Infesta venceu o São Mamede, no único jogo com relatório disciplinar (3 (três) desqualificações, sendo 1 (uma) direta), num encontro de grande equilíbrio, apesar da diferença que se regista no fina do encontro, e assim se mante no 3.º Lugar da Zona. A equipa da Madeira que contabiliza menos um jogo, recebeu e venceu a equipa do Lima com grande facilidade, com um resultado totalmente construído no primeiro período (17-5 ao intervalo), (Boletim de jogo incompleto e não contabilizado), com este resultado os madeirenses entram na possível luta pelo 3 lugar da classificação na Zona. O CCR Fermentões que tem vindo a efetuar uma excelente carreira nos últimos jogos, cedeu desta vez em casa diante o FC Porto “B”, mas não sem criar grandes problemas aos portistas. Em Gaia a equipa do FC venceu novamente o SP Oleiros, que continua a ocupar o último lugar na zona, num encontro de total superioridade da equipa visitada. Em jogo antecipado da jornada os aveirenses do São Bernardo que teve em Tiago Sousa com os seus 13 golos a sua principal figura, venceram a equipa de Sandim, com este resultado ainda podem acalentar ténues esperanças de pelo menos em termos matemáticos discutirem o 3 lugar. Após a realização desta jornada a classificação ficou assim ordenada, (apenas até ao 6.º Lugar): 1.º Xico Andebol e Santo Tirso (55 pontos), 3.º São Mamede (51 pontos), 4.ºMaritimo (47 pontos), 5.º FC Porto “B” (46 pontos – 1 jogo) e 6.º CCR Fermentões (44 pontos). 
 
Zona Sul – Resultados
 
20.ª Jornada
IFC Torrense 17 - 13 CDE Camões
Samora Correia 14 - 25 Benfica "B"
Boa Hora 25 - 20 Vela Tavira
Ginásio Sul 24 - 26 Alto Moinho
ADC Benavente 36 - 29 AC Sismaria.
NA Redondo 34 - 28 Vitória FC
Ílhavo 26 - 27 CD Marienses
 
De registar nesta zona a forte melhoria registada nos Boletins de jogo, pois não existe nenhum incompleto e estão todos lançados, sendo um dos grandes factos a assinalar, pelo que de raro tem. E referimos com enorme satisfação, que apenas existe um jogo com relatório disciplinar, precisamente aquele que tem o resultado mais esquisito da zona, o IFC Torrense / CDE Camões (1 (uma) desqualificação), este jogo encerra ainda na nossa opinião uma grande curiosidade é o CDE Camões não apresenta o seu técnico Jorge Escravana á 3 (três) jornadas seguidas, diga-se que desconhecemos o real motivo, e nos limitamos apenas a assinala-lo. Este foi um dos encontro em que foi retificado resultado verificado na 1.ª volta, e que apresenta um índice de concretização dos mais baixos em toda a prova, com a equipa da Torre da Marinha a vencer já ao intervalo por 9-6, apesar desta derrota a equipa Liceal manteve o 2.º lugar da Classificação na zona, no entanto viu aproximarem-se perigosamente alguns adversários que poderão complicar até o apuramento para a Fase Final. O ADC Benavente confirmou o resultado da 1.ª volta, no entanto passou por algumas dificuldades, quando no final do primeiro período perdia por 19-17, como de costume voltou a ter em Ricardo Barrão com os seus 13 golos o “salvador da pátria”, num pavilhão com uma excelente assistência, com esta vitória manteve intactas todas as suas esperanças no apuramento para a Fase Final. Num jogo disputado em “família” o Boa Hora voltou a vencer o “lanterna vermelha”, mas passou por um grande susto quando ao intervalo perdia por 13-10, com esta sua vitória a equipa de Lisboa manteve-se na “corrida” aos lugares de apuramento da zona para a Fase Final. Um dos destaques da jornada, vai para a indiscutível vitória dos alentejanos do Redondo diante o Vitória FC (a mudança de treinador, parece já ter deixado de fazer efeito), voltou a sofrer uma derrota, este foi um dos encontros onde foi retificado o resultado verificado na 1.ª volta, com o alentejano Ricardo Cabral a ser mais uma vez o melhor marcado da quipá com 10 golos. Num jogo de grande equilíbrio os açorianos do Marienses foram vencer a Ílhavo pela diferença mínima, a equipa local, num jogo em que na 1.ª volta foi averbada Falta de Comparência á equipa da Região de Aveiro. Os Insulares com um jogo a menos (Vela Tavira / Marienses, mas em Santa Maria), ainda são matematicamente candidatos ao apuramento. Sensacional a vitória do Alto do Moinho no Ginásio do Sul, retificando o resultado da 1.ª volta, num encontro também ele de grande equilíbrio. Por último o Samora Correia / Benfica “B”, com a equipa dos lisboetas a vencerem com grande facilidade num pavilhão que continua a registar sempre boas assistências. Após a conclusão desta jornada a classificação, ficou assim ordenada até ao 6.º Lugar: 1.º Benfica “B” (58 pontos), 2.º CDE Camões (52 pontos), 3.º ADC Benavente (50 pontos), 4.º Boa Hora (49 pontos), 5.º CD Marienses (44 pontos – 1 jogo), 6.º IFC Torrense (40 pontos).
 
O Banhadas Andebol

13 comentários:

Anónimo disse...

Ó Banhadas, toca a acordar!!! O São Bernardo está a 13 pontos da S.Mamede. Faltando 6 jogos para acabar a fase regular digam-me lá como é que podem ter "ténues esperanças de chegar ao 3º Lugar?". Pelo calendário só o FCP B pode chegar ao 3º lugar e isso só irá acontecer se tiver ajudas divinas do Xico, do Santo Tirso e das duplas da AA Porto ou mesmo das de Braga.

Anónimo disse...

Com a época a meio, uma estranha sensação de esvaziamento competitivo nacional nos campeonatos da formação, o avizinhar das fases seguintes, muito mais complicadas e já se começou a sentir..... leva a pensar sobre o futuro do Andebol no Benfica, clube grande e de forte tradição, que ambiciona projectar-se cada vez mais e deve prepara-se para as novas exigências e paradigmas do Andebol moderno.

Quais os objectivos da época ?

Com a entrada de várias dezenas de jovens jogadores nas últimas épocas, qual a taxa de atletas da formação que chegam aos seniores ?

O que significa rendimento em formação? Como se avalia com rigor a produtividade, quando os atletas jogam 60, 30 ou 10 minutos ?

etc

Exigência e rigor: é verdade deve-se incutir sempre a auto-disciplina, a ambição, a motivação e a humildade, e agir com critérios claros.

Mais do que palavras, o exemplo é o melhor princípio formativo. Saber ouvir todos, observar, para melhor decidir. O ruído propaga-se, mas nunca foi bom conselheiro.

Na metodologia de uma formação com qualidade e para um futuro ( de alta competição ! ) há pressupostos para as escolhas e desenvolvimento dos atletas nos diferentes escalões e postos específicos, como seja o potencial morfológico, os níveis físicos, a motricidade, o potencial de jogo e a aptidão mental.

Embora pareça obvio, nunca é demais sublinhar, o centro da formação são os jogadores e é essencial muito cuidado com a sua selecção e com o reverso negativo das escolhas erradas.


Anónimo disse...

Ninguém no académico quer o Jorge de volta?

Anónimo disse...

Marienses na fase final .....hummmm eles bem podem tentar.....

prefiro viajar...mas de carro até Lisboa!!

SLB/CAMÕES/BENAVENTE/BOA HORA

Anónimo disse...

Os marienses não vão estar na fase final meu caro, mas ainda vais ter que fazer mais umas viagens a Santa Maria. Pois nós não desistimos assim tão facilmente e talvez ainda esta época tenhas que voltar cá! Isto é com cada cromo que comenta aqui! Por acaso viste alguém vir aqui comentar que a equipa dos marienses ia estar na fase final? Vocês muito se queixam por terem que fazer uma viagem durante a época palhaços de mer@@!

Interrogações disse...

Falando da Arbitragem na ANDEBOL 2:

Ora vejamos algumas curiosidades...

Porque será que nos jogos em casa o XICO ANDEBOL foi sempre arbitrado por duplas de arbitragem de AA Braga (5 vezes pela dupla Costa/Teixeira e 3 Marinho/Novais) exceto em 1 ocasião por dupla da AA Aveiro (Sá/Sá)? Ninguém se espanta? Até porque em jogos fora já vão 2 por duplas da AA Braga? Nada de estranho pois não?

O FCP 'B' arbitrado 5 vezes por dupla Sá/Sá? Nada de estranho?
e o Fontes pelo mesmo caminho? Sempre com parceiros diferentes mas é o ponto comum?

A AASM 4 vezes pelo Leite/Tavares também nada de estranho? 4 vezes pelas Sá/Sá? Constrangimentos económicos?

O GCST deverá ser o mais eclético nos árbitros... Já levou com todos...

O CCRF 3 vezes Costa/Teixeira... 3 vezes Alves/Fernandes... 10 vezes com duplas da AA Braga. Só uma vez dupla da AA Porto... Estranho? Normalíssimo.

O CDSB 8 vezes com duplas da AA Aveiro? Só 2 com duplas de AA Leiria? Ninguém acha estranho? Pronto..

Até o CSM acaba por ser mais diferenciado a nível associativo...
Incrível!?

O CDCS 5 vezes duplas da AA Braga... 2 vezes duplas da AA Porto...

O FCG 6 vezes da AA Braga.. Dominante até agora?! Mas depois até vai rodando as AA... do Porto só 1 + 1/2...

FCI também tem rodado as AA sem grande supremacia de qualquer delas...

ADM outro caso de levar com duplas desde Braga até Leiria, passando por Aveiro...

ADS 7 vezes duplas de AA Aveiro em casa... Constrangimentos económicos?

CDCSPO só um jogo em casa por dupla da Madeira de resto... sempre duplas da AA Aveiro...

AFC Muito rotativo... Só 2 duplas já levam com 3 jogos desta equipa Almeida/Oliveira e Silva/Marques...

Muito constrangimento económico? Vamos ver quando isto começar a doer como vai ser... se vamos continuar a ver os clubes em casa a terem arbitragens, isentas, de duplas das próprias AA... Vai dar origem a muitas dúvidas e de certo sem certezas... de nada.

A SUL...

Interrogações disse...

A SUL vejamos...

Mais nenhuma dupla o fez mas os Santos/Gonçalo já levam 4 jogos do SLB 'B' entre casa e fora...

SLB 'B' maioritariamente pela dupla que disse mais o Teixeira (4) com vários partners... Sempre AA Lisboa 2 duplas da Madeira... e 1 de Braga outra Setubal.

CDEC em alta rotação em casa... só repetiram Martins/Martins e Costa/Teixeira... Mas apontam sempre AA Lisboa.

ADCB duplas de Santarém? Nem uma... Então os constrangimentos económicos? Duplas desde Aveiro mas maioritariamente Lisboa, mas passando em Leiria e Portalegre...

BHFC Lisboa, Setubal, Portalegre e Santarém mas maioritariamente é de? Mas curiosamente ainda não tiveram direito a duplas do Norte...

IFCT Setúbal? Não... 1 vez pura e umas miscelânias... Muito esquisito para estes lados... Pensei que era só aos Açores que ninguém queria ir... Só em metade dos jogos tiveram duplas provisórias de início de época... De resto só arranjos...

VFC até já dupla de Braga tiveram... Desde Madeira, Leiria e Aveiro muito rotativos... Mas também de Lisboa e Setúbal tiveram... Líderes com 3 jogos casa e fora são Santos/Gonçalo e Fernandes/Nunes...

GCS mais 3 jogos de Santos/Gonçalo... Os clubes não se cansam de levar SEMPRE com os mesmos? Ou os árbitros de levarem SEMPRE com os mesmo jogadores? Enfim...

CDM já 2 duplas repetiram...Machado/Pereira... são lá do lado... da Terra e Baleiza/Alexandre... deve ser perto de Portalegre até lá... LOL...

IAC tirando 2 de Leiria e uma do Porto... De resto sempre Aveiro ou então mista de Aveiro com Leiria...

ACS em Leiria já passou de quase tudo... Deve ser a meio do País mas mesmo assim são as Duplas da AA Lisboa que lá mais vão... Saudades da Grelha....? Porque para ir a casa de alguém agora já não deve dar... Mudou-se para a Capital... LOL...

NASC outra vez Santarém... Curioso é que o Rodrigues/Capela já os fizeram 3 vezes fora... mas nunca em casa... Mas aqui a dupla de Santarém Gonçalves/Casimiro já fizeram 2 jogos...

CCRAM... Setúbal... Nada... De resto já de quase todas as AA arbitraram... Só Santarém é que não e Leiria só fora...

NAR... 1º passeio turístico... 3 jogos mas fora dos Santos/Gonçalo... Passear não... A Vítima é Portalegre com 4 jogos em casa... É perto e bom caminho até Évora... LOL Aqui sim já Setúbal e Algarve lá foram...

CVT 3 jogos de duplas da AA Algarve mais 2 de Portalegre... nada de muitos passeios turísticos... Tirando que de resto ficou entregue a AA Lisboa que aproveitam para arbitrar a Andebol9... Aqui sim devem haver constrangimentos económicos... Ainda não foi ninguém do Norte até Lá... LOL!!

Isto faz pensar... OU será que nos vamos todos recusar a pensar?

Interrogações disse...

Mas olhando com olhos de se ver... Claramente as maiores barbaridades vêem-se na ZONA NORTE... porque para SUL quando os jogos apertam lá vão umas duplas do NORTE para arbitrar ou para serem observadas pelos OBSERVADORES do SUL que são em MAIORIA...

Ao que parece no NORTE não gostam de andar a perder tempo a ver Árbitros... LOL!?!?!?

Uma coisa que se nota MUITO cá para SUL é que as duplas não gostam muito de andar sempre em dupla... Gostam de variar de parceiro... Velhas Ideias? Ou novos conceitos? Porque nas dispensas e impedimentos... Não aparecem muitas informações compreensíveis...
Continuam a haver coisas estranhas não é?

Anónimo disse...

Enquanto o FCInfesta continuar a ser FCPauloGuimarães não vai longe, vai continuar assim!
E a minha briosa poderia estar melhor mas não tenho dúvidas que estará na fase final.

Anónimo disse...

Excelente jogo em Ilhavo este sabado. De causar inveja a muitos jogos de PO1 que vi esta esta epoca. Duas equipas so com preocupacao em jogar e a respeitarem se. Pena o pouco publico.
Boa arbitragem de uma dupla que ao que me parece e de nivel 1. Sem vaidades, e a dialogarem com os jogadores.

Anónimo disse...

Que eu saiba o conselho de arbitragem maioritariamente sao dw lisboa se as duplas do norte vai la e pk exes msm senhores nao tem dinheiro pa vir ao norte e entao fazem com que as duplas do norte va ao sul investir dinheiro...

Anónimo disse...

IFC Torrense 17 - 13 CDE Camões:

what the f*ck (mais detalhes)!

Anónimo disse...

Andebol moderno e rápido