gal vence

Fim de Semana com as Super Taças - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

domingo, 20 de abril de 2014

Crónica de Fim-de-semana – 30 – 2013 / 2014 – I

Mais uma jornada da PO01 Fase Final Grupo “A”, e do Grupo “B”. Sendo que hoje procedemos a uma atualização, face á realização de jogo do Grupo “B”, já que a 5.ª jornada e última da 1.ª volta desta Fase vai durar.

Parece que finalmente regressaram as nomeações de árbitros a tempo e horas e de que o secretismo foi “sol de pouca dura”. Ainda Bem.
 
Continuamos a manter o nosso silencia, suspendendo temporariamente qualquer comentário acerca do funcionamento do site da Federação durante os fins-de-semana, na esperança de que seja cumprido tudo o que consta da nota informativa elaborada em tempo sobre o tema.

PO01 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Masculinos.

Fase Final
Grupo “A”
5.ª Jornada
Dia 15-04-14
SC Horta 26 – 31 Sporting
Dia 19-04-14
Benfica 25 - 26 FC Porto
Dia 30-04-14
ABC – Águas Santas (21H00) Andebol TV
6.ª Jornada
Dia 05-04-14
Águas Santas 29 – 36 Sporting

Apenas se realizou o encontro Águas Santas / Sporting, jogo relativo á 6.ª Jornada, e que foi antecipado, face aos compromissos Europeus dos dois Clubes, e que terminou com a vitória do Sporting, que passou a comandar a Classificação á condição. Após o interregno verificado para a disputa das Fases Finais da Taça de Portugal, eis o regresso á 5.ª jornada, com a disputada de mais um encontro, desta vez antecipado o SC Horta / Sporting que acaba por terminar com nova vitória do Sporting, num encontro que foi disputado com a grande equilíbrio durante os primeiros 30 minutos, que terminaram numa igualdade a 16 golos, no entanto o SC Horta durante este período chegou a estar no comando do marcador por 16-14. No segundo período de jogo um excelente recomeço da equipa continental, que lhe permitiu chegar rapidamente aos 5 (cinco) golos de vantagem (24-19),permitindo-lhe até ao final do encontro fazer uma gestão total do resultado, apesar de a equipa insular ainda se ter aproximado no marcador até aos 27-25. Destaca-se no Sporting, e começa a ser um hábito Pedro Portela com os seus 10 golos, logo seguido de perto pelo cubano Frankis Carol com 8 golos, na equipa do SC Horta, Tiago Silva (6 golos) em especial na 1.ª parte e Rui Barreto com igual número de golos marcados. Mais um encontro da 5.ª jornada se disputou, o clássico Benfica/FC Porto, que terminou com a vitória do FC Porto. Após a conclusão deste encontro a Classificação ficou assim ordenada, 1.º Sporting (44 pontos, + 1 Jogo), 2.º FC Porto (43 pontos), 3.ª ABC (40 pontos, - 1 jogo) 4.º Benfica (38 pontos), 5.º Águas Santas (36 pontos) e 6.º SC Horta (25 pontos).

Águas Santas 29 – 36 Sporting
 
Jogo disputado no Pavilhão de Águas Santas (onde se disputarão, no próximo fim de semana as Finais Four das Taças de Portugal em Masculino e Feminino, esperando nós que os problemas verificados com o cronometro e o marcador estejam resolvidos), que não se apresentava com o público que se esperava para este encontro, apesar de não se poder considerar que estava com uma fraca assistência. Foi um encontro onde a equipa lisboeta entrou a todo o “vapor”, e aos 5 minutos já vencia por 5-0, chegando ainda durante os 30 minutos iniciais a estar a vencer por 9 golos de diferença (20-11) aos 29 minutos. O Sporting durante este período fez da sua rapidez e da fluidez do seu ataque as suas principais armas, bem assentes numa defesa suficientemente agressiva e eficaz onde sobressaiu a forma em que se encontra Ricardo Candeias, que esteve sempre bem durante todo o jogo sendo na nossa opinião uma das grandes figuras do jogo. O Águas Santas foi uma equipa apática e sem recuperação defensiva, com um comportamento que igualmente na nossa opinião não se coaduna com a sua maneira de encarar estes encontros. Até Telmo Ferreira não esteve nos seus dias, e Pedro Cruz apesar dos seus 7 golos, esteve longe de render o que pode. Nos segundos 30 minutos o jogo foi de puro equilíbrio com o Sporting sempre a controlar o marcador e a fazer uma autêntica gestão dos elementos que apresentou, sobressaindo a pouca utilização neste período de Pedro Solha por exemplo. A equipa maiata efetuou ataques demasiado curtos e com muitas falhas em especial ao nível do remate e da receção. Apesar de tudo Nuno Roque (4 golos), juntamento com Bosko também com 4 golos procuraram levar a sua equipa para a frente, mas esta estava em dia não. No Sporting o seu contra ataque e os rápidos Lançamentos de saída foram as suas principais armas, com o cubano Frankis Marzo em grande forma (9 golos) de todas as formas e feitios, e com Pedro Portela (8 golos) a confirmar-se cada vez mais como jogador de exceção, e tendo ainda um Fábio Magalhães mais assertivo com 6 golos, obteve uma excelente vitória, sendo que esta época a equipa maiata, não conseguiu vencer os lisboetas uma única vez. O Encontro foi dirigido pela dupla IHF de Leiria constituída por Eurico Nicolau e Ivan Caçador, que em nossa opinião teriam tido uma atuação de excelência, não fossem as duas falhas por nós contabilizadas na Lei da Vantagem.
 
Uma nota final para as declarações do técnico Paulo Faria, que praticamente endossa a responsabilidade da derrota para a equipa ao afirmar “tivemos atitudes pouco empenhada”, achamos termos impróprios para quem deu tudo o que tinha para dar dentro das 4 linhas.

Benfica 25 – 26 FC Porto

No pavilhão da Luz realizou-se mais um dos clássicos do Andebol Português, que merecia muito mais público do aquele que esteve presente. Mas infelizmente para aqueles que ali se deslocaram, assistiram a um mau jogo de Andebol, com ambos os técnicos a preocuparem-se em demasia com a arbitragem e a passarem a maior parte do tempo de braços abertos a pedirem ninguém sabe o quê. Até jogadores que passaram impunes algumas vezes a teatralizarem as situações e pretenderem sistematicamente obter vantagens de situações não existentes, ou por excessiva agressividade, está neste caso Tiago Rocha do FC Porto e Álvaro Rodrigues e Tiago Pereira do Benfica. Foi um jogo demasiado físico, com demasiados empurrões, agarrões, e outras situações similares. Felizmente que o segundo período de jogo trouxe mais calma e jogou-se mais pausadamente. Foi o melhor período do jogo. A agressividade deu origem a uma desqualificação aos 21 minutos de jogo a João Ferraz do FC Porto, que colocou fora de jogo, aquele que eventualmente seria uma das grandes armas do Benfica o seu 1.ª linha Elledy Semedo (foi retirado em maca do recinto de jogo) que mesmo assim já tinha marcado 4 golos. As defesas sobrepuseram-se aos ataques, e nas balizas 3 guarda-redes mostram toda a sua valia Hugo Figueira e Vicente Alamo pelo Benfica e Hugo Laurentino pelo FC Porto, pois Quintana também não esteve nos seus dias. O FC Porto que nos primeiros 30 minutos chegou a estar em vantagem por 4 golos em duas ocasiões, aos 9-5 quando iam decorridos 16 minutos e aos 10-6 quando iam decorridos cerca de 21 minutos, após a desqualificação de João Ferraz o Benfica equilibrou a partida e chegou ao intervalo a vencer pela diferença mínima 11-10. No segundo período assistiu-se a equilíbrio total tanto no marcador como no jogo e a máxima distância que uma equipa consegui obter foi de 2 (dois golos), quando o Benfica vencia por 22-20 aos 50 minutos de jogo, estranhamente quando estava a vencer por 23-22 (cerca dos 54 minutos), o técnico do Benfica solicita um Time-Out, que ninguém entendeu, e o resultado a seguir passa para 24-23 a favor do FC Porto aos 57 minutos. Daqui até final assistiu-se a uma “infantilidade” de João Pais a dar origem a uma exclusão quando faltam cerca de 50 segundos, e quando o resultado estava numa igualdade a 25 golos, um dos melhores jogadores em campo José Costa (na nossa opinião) oferece a bola a 3 segundos do fim a Gilberto Duarte que com a baliza aberta marca o golo da vitória (o Benfica tinha feito entrar mais um jogador de campo, tirando o guarda-redes. Destaque no Benfica para a nítida subida de forma de Cláudio Pedroso (5 golos) tantos como José Costa, já por nós referido. No FC Porto Pedo Spínola com 7 golos e Gilberto Duarte com 6 golos foram os seus melhores marcadores. Dirigiu o encontro a dupla EHF de Braga constituída por Daniel Freitas e Cesar Carvalho, que tiveram uma tarefa dificílima. Mas foram permissivos na conduta disciplinar dos jogadores, e pecaram na falta do acatante. O Cartão Vermelho mostrado a João Ferraz perca por ser tardio, pois uma mostragem segura e imediata tinha evitado muita da confusão que se estabeleceu, e a 5 segundos do fim de jogo, a não mostragem do Cartão Vermelho a Tiago Rocha, que fica com a bola na mão impedindo um contra ataque são pecados capitais num encontro desta natureza

Uma nota negativa para os dois delegados (diremos assim pois ninguém sabe quem era o observador), não se entende que sendo os dois delegados da EHF, tenham permitido o comportamento dos bancos durante todo o jogo, mais não se compreende como o Sr. Manuel da Conceição (guardamos cópia do Boletim) interveio no jogo se nem inscrito no boletim de jogo está. Depois como pode o diretor de campo do clube da casa, funcionar como 5 oficial ao Banco, pois esteve sistematicamente atrás do banco da equipa da casa. E não se compreende que o dirigente da equipa da casa não inscrito no boletim de jogo tenha ficado na zona dos bancos, após a saída de um oficial de equipa que acompanhou o atleta ao hospital.

Grupo “B”
5.ª Jornada
Madeira SAD 29 - 24 Belenenses
AA Avanca 26 - 22 AC Fafe
Passos Manuel 25 - 29 Ismai

Mesmo com uma paragem forçada, derivado da disputa neste fim-de-semana das Finais Four das Taças de Portugal, disputou-se o Madeira SAD / Belenenses, jogo que colocava frente a frente duas das equipas que comandavam a zona, e que são naturalmente duas das equipas favoritas a continuarem na 1.ª Divisão na próxima época. Venceram os madeirenses num jogo de algum equilíbrio, com o resultado ao intervalo a já ser favorável a equipa Insular (15-12). Destacam-se nos insulares e como de costume o Gonçalo Vieira com 6 golos e um dos reforços da época o Sérgio Rola que foi o melhor marcador da equipa com 7 golos. Na equipa do Continente, que sofreu a segunda derrota nesta fase, Teve um Nelson Pina em grande, pelo menos neste jogo com os seus 7 golos.Com os dois jogos que se realizaram, terminou a 1.ª volta deste grupo, registando-se no AA Avanca/ AC Fafe a primeira vitória desta equipa nesta fase, precisamente sobre a outra equipa o AC Fafe que apenas contabiliza derrotas até ao momento nesta fase. A equipa da casa construiu o resultado nos primeiros 30 minutos chegando ao intervalo a vencer por 16-8, no segundo período teve de ver-se com a forte reação da equipa minhota. No Avanca Vasco Santos (7 golos) e João Vilar (6 golos), foram os seus melhores marcadores, enquanto nos homens de Fafe, os do costume Pedro Peneda (6 golos) e Marco Sousa (5 golos), foram os marcadores de serviço. Em Lisboa disputou-se o Passos Manuel / Ismai, que terminou com uma excelente vitória da equipa nortenha, que desta forma, se torna uma das favoritas á manutenção na 1.ª Divisão. O Passos Manuel com uma primeira parte fraca, permitiu que o seu adversário cria-se um avanço no marcador de difícil recuperação, apesar de todos os esforços colocados em campo, e tem de começar a pensar que necessita de pontos para se manter a salvo de uma descida de Divisão. Nos lisboetas, Pedro Sequeira como seria de esperar foi o melhor marcador com 8 golos, enquanto na equipa maiata António Ventura com 9 golos, foi não só o melhor marcador da equipa como do jogo. Após a conclusão desta jornada a Classificação ficou assim: - 1.º Madeira SAD (32 pontos), 2.º Ismai (31 pontos), 3.º Belenenses (29 pontos), 4.º Passos Manuel (27 pontos), 5.º AA Avanca e AC Fafe (21 pontos).

Banhadas Andebol

51 comentários:

Anónimo disse...

Rectifiquem o resultado do jogo ABC-Aguas Santas pois ainda não se realizou, é evidente que é lapso.

O Banhadas Andebol disse...

O nosso agradecimento ao anónimo das 15:48, já foi devidamente rectificado.

Anónimo disse...

E agora Paulo Faria, a culpa quando não é dos árbitros é dos jogadores, falta de empenhamento... isso não faz parte das responsabilidades do lider? quem lidera?

Alias, julgo que o Aguas Santas está no seu lugar, 5º classificado, na realidade está muito aquem dos outros quatro que estão à sua frente...

O peixe morre pela boca, como treinador tambem se more pelas atitudes e declarações for a do context dos jogos, espere para ver, mas não deve ter muito future como treinador!!!

Anónimo disse...

Foste atropelado Paulo Faria? Então tao astuto que tu és e levas assim um banho tático desde os primeiros minutos? Tão arguto que és e não foste capaz de ler com clareza o jogo do Sporting e encontrar antídotos para isso? Culpas os atletas? Mas que é isso? Humildade rapaz, não custa nada! Assume que foste comido de cebolada e não percebeste puto do que te passou à frente.
Já reparaste que tens melhor equipa que o ABC e que ficaste para trás? Isso não é incompetência? São os árbitros não é?
Andas armado aos cucos com as competições europeias a enganar trolha e presidente da camara bacoco, mas devias ser humilde e dizer que esta taça europeia é muito fraquinha, fraquinha mesmo, pois até o Xico com uma equipa de juniores chegou quase à final, há dois ou três anos atrás! Difícil, difícil mesmo, é não ganhar jogos nesta competição de 3ª divisão não é?
Poe-te fino que qualquer dia vais ser obrigado a beber da agua que envenenas todos os dias e vais tombar no chão. O pior é que trolhas e autarcas ignorantes para enganar não há por aí muitos, por isso corres o risco de ficar se tacho!
Começa já a mudar a imagem que pode ser que te safes. Começa por pedir desculpa aos sócios por não teres conseguido nenhum dos grandes objetivos, que seria a presença na final da Taça, ou um lugar nos 4 primeiros. Reconhece que tens um bom plantel, experiente, que podia ter feito muito mais, mas que foste incompetente.
Por favor não destruas o A. Santas, que é um grande clube, muito querido de todos nós e que não merece na sua gestão técnica um falhado que nunca provou nada e um trolha na presidência!
Não destruam o A. Santas por favor!

Anónimo disse...

Gostava de dizer mais alguma coisita do que os anónimos das 6 de Abril de 2014 às 22:09 e das 7 de Abril de 2014 às 17:37, mas chega já dizem quase tudo que eu penso do Paulinho que não tem qualquer escrupulos, quer no Andebol, ou no Colegio que a mulher tem em Braga...

Anónimo disse...

Este Paulo Faria até era um bom central e penso que podia ter jogado mais um ano. Agora como treinador... valha-nos deus! È claro que não me pronuncio quanto ao que vale como homem... Todos sabemos! Enfim! O Àguas já nem com os grandes joga motivado? Puxa... È de mais! O Salgado e o Mário Lourenço o que andam a fazer? È de mais! O ABC vai chamar-vos um figo... Quando vier o Porto basta dar-vos um juvenil ou junior... e já sabemos como é! Já notaram no calendário? Notem! Acordem lesmas!

Anónimo disse...

Aí o meu Belem que caminha a passos largos para o abismo, por favor alguem que ponha mão naquilo eu já sou velho, senão tinham de me aturar.

Anónimo disse...

Não tenhas medo anónimo das 22.3o, Tu querias que o Belém descesse mas não vais ter esse gosto porque o Belém não descerá, mas como velho que és pergunta á família dos PASTEIS o que queriam fazer ao BELENENSES, e fico-me por aqui. Boa-noite e viva o Belém

Anónimo disse...

Incrível! Quem fez a crónica do Madeira Belém esqueceu-se de mencionar o principal responsável por este resultado... Luis Carvalho (Ferra) com uma exibição IMPRESSIONANTE!

Anónimo disse...

quanto ao madeira -belenenses se calhar e melhor o sr.guimaraes correr com alguns seniores como anda a fazer nas camadas jovens , primeiro foi o pivot dos juniores e esta semana na nazare foi o guarda redes dos juvenis/juniores qualquer dia joga o Cajó

Anónimo disse...

A treinadora andou todo o ano a falar de despromoção e a desvalorizar atletas com qualidade. Mais ambição e trabalho e teria outros resultados.

Anónimo disse...

o esperto que avança sempre com o nome da família dos pasteis deve ter alguma obsessão por esta família ...pensará ele que é o maior excepto para esta família ??? caia na real senhor, chega de estragar a formação pois nos seniores estou-me bem borrifando para o que lá se passa visto que já são homens que se defendam.Agora na formação....uma vergonha a última em anos e anos do prestigiado torneio da Nazaré deve ser o 1º ano que o Belenenses não tem nenhuma equipe nas finais....Isto quer dizer alguma coisa ou também acha que não ??? julga-se o dono do mundo é ????

Anónimo disse...

E caminha o Ismai para a liderança do grupo b. Força e parabéns!

Anónimo disse...

Os últimos 15 segundos do Benfica-Porto são o reflexo do que foram a época do meu glorioso. Vou tentar não tecer mais comentários sobre o que aconteceu porque não vale a pena. Jorge Rito teve 2 anos para mostrar trabalho com o maior orçamento da primeira divisão e o resultado foi horrível.

O que é importante é que os dirigentes do SLB pensem bem quem será o sucessor de Rito. Acho que já todos perceberam que alguém do estilo de José António Silva e Rito não serve para o nosso Benfica. O Benfica precisa de um treinador jovem que traga de novo o público ao andebol do Benfica, um treinador vencedor e que não jogue como no século passado.

A minha escolha óbvia era o Carlos Resende mas infelizmente, por deixarem correr o tempo, já está fora de hipótese porque renovou com o ABC… Que hipóteses ainda há pela minha ordem de preferência.

Paulo Jorge Pereira. O meu favorito. Tem como pontos fortes a excelente capacidade de liderança, treinador de sucesso a nível internacional, um sistema de jogo ofensivo muito bem estruturado, sendo o treinador português com mais provas dadas lá fora, quer em clubes angolanos quer na selecção da Tunísia. Tem como pontos fracos a ligação ao FCP e a esmagadora maioria do seu percurso ligado ao andebol feminino. Probabilidades de ser treinador do SLB é de cerca de 15% pois tem contrato com a Tunísia e acho difícil conseguir quebrá-lo.

Ulisses Pereira. A minha segunda escolha. Tem como pontos fortes o carisma, capacidade de comunicação, estilo de andebol moderno, sistemas defensivos muito arrojados e transformou um clube de bairro em campeão nacional. Tem como pontos fracos o fato de ser um treinador dedicado ao andebol feminino, o que poderia dificultar a transição. Probabilidades de ser treinador do SLB é de cerca de 10% pois ninguém acredita que o Benfica tenha dinheiro que o demova a deixar de ser um dos homens fortes da bolsa portuguesa.

Paulo Fidalgo. A minha terceira escolha. Tem como pontos fortes o espírito de luta das suas equipas, sistemas defensivos muito bem adaptados às equipas adversárias, criação de excelente espírito de grupo e uma passagem pelo Madeira Sad onde, com recursos muito limitados, lutou contra os melhores. Tem como pontos fracos alguma falta de pulso contra jogadores mais rebeldes. Probabilidades de ser o treinador do SLB é de 40% pois apesar de ser seleccionador jovem de Portugal, facilmente o Benfica o conseguiria convencê-lo a ser o novo líder do emblema benfiquista saindo da Federação.

10+15+40%=65%. E os restantes 35%? São para o caso do Benfica voltar a cometer os erros habituais e lembrar-se de ir buscar treinadores sem o perfil certo como Paulo Faria ou alguém da velha guarda…

Resende já voou. Vamos lá a ver se é desta que o SLB acerta. É obrigatório recuperar o título!

Anónimo disse...

Anónimo
20 de Abril de 2014 às 03:30 Os teus comentários são mais ou menos para rir, não sabes, não percebes da matéria mas como ignorante que és dizes palermices!
Dos 3 treinadores mencionas-te nada é possível e ridículo colocar o Ulisses Pereira neste filme, só se fosse o pai Presidente da FPA que foi grande jogador e continua a ser bom estratega!
O Benfica desde a saída ridícula do Alex. Donner(deve estar a olhar o eu Benfica lá de cima!) e deve comentar .... entraram 2 treinadores com experiencia de treino mas falta de competência para treinarem os Grandes do nosso Desporto os resultados flama por csi e o JR tive azar ontem que foram os próprios atletas que entregaram o ouro ao bandido!!!
A minha ideia é que se corre o risco de o andebol do Benfica desaparecer o que seira muito mau para o Andebol português, os 3 grandes PIORTO+BENFICA e SPORTING deveriam agendar um protocolo sobre as Modalidades de "Alto Rendimento" por exemplo uma ideia, Benfica Futsal, Basquetebol e Andebol, Porto Futsal e Andebol e Sporting Andebol e Basquetebol. deste modo se evitavam o desaparecimento das modalidades desportivas que fizeram história no Desporto Português.
Mas voltando ao Benfica, precisa de um COACH campeão e existe e com um treinador de Campo jovem e com vivencia do Treino de alto nível manter os mesmos objetivos e tudo vai ser assertivo...

Anónimo disse...

Comentário ao últimos anos Benfica e para continuar no Sucesso desportivo desde o tempo do José António Silva, depois Jorge Rito era contratar o amigo O Rolando Freitas e tudo continuava bem na família da incompetência técnica e o grande responsável por todas estas contratações foi e será o Diretor da Formação Prof. Carlos Cruz que nestes momentos está em silencio estratégico... ai o meu Benfica!, começar por cima e terminar na equipa.

Anónimo disse...

Entendo o comentário deste anónimo das 03:30. Ter o plantel mais caro do andebol lusitano e, ano após ano, nada ganhar, é certamente frustrante.
E concordo com a análise feita ao Rito e demais pseudo-candidatos.
Só queria perceber uma coisa....

RECUPERAR O TITULO? Para se falar em recuperar era necessário ser comum ser campeão.
E o Benfica em andebol...títulos só se for na equipa B.
Porque antes do título com o Donner, em 2007/2008 só mesmo no final da década de 80!!!!

Anónimo disse...

Discordo desses nomes para o Benfica. Ulisses e Paulo Pereira são treinadores com uma mística grande e muita qualidade mas são homens do feminino. Não acho que fossem boa aposta. O Fidalgo é demasiado brando para lidar com um grupo de jogadores tão difíceis e tantas primas donas.

Outros treinadores portugueses nem pensar (estes e mais o Resende eram os melhores ainda assim), Faria horrível!

Por isso, acho que a única opção é contratar um treinador estrangeiro!

Anónimo disse...

Diz o Banhadas que os dois delegados presentes no Benfica x Porto são delegados da EHF.
Não é verdade. João Costa sim, Hugo Virgílio não.
Merecem ambos nota negativa? Sem dúvida que sim.

Manuel Conceição não deveria intervir, como o fez. Não estava nomeado, deveria remeter-se à posição de espectador, sem qualquer tipo de interferência.

O director de campo, por acaso antigo árbitro e antigo delegado (Fernando Branquinho) sabe que não pode estar onde esteve.
O que quer dizer que nenhum dos delegados actuou de acordo com as normas.

O mesmo se passa com o tal dirigente, não inscrito, colocado na zona dos bancos.
Mais uma falha grosseira dos delegados.
Porque nem mesmo a saída de um oficial para acompanhar o Semedo ao hospital, permite a substituição por quem quer que seja.

O grau de dificuldade do jogo pode, por vezes, ter consequências na prestação de árbitros menos habituados à pressão.
Mas não pode nem deve fazer tremer os delegados, neste caso dois nomeados + um não nomeado, como fez.
Quem tem medo compra um cão.
Está na hora dos senhores Conceição e Costa fazerem as malas e do Hugo Virgílio repetir os testes.

Conselho de Arbitragem no seu melhor, com os seus agentes a destilar incompetência e medo.

Anónimo disse...

Segundo as informações que circulam por Aveiro, o SLB depois de saber que o FCP tentou arrancar o Ulisses do feminino e leva-lo para a Invicta não demorou muito a chegar-se à frente... e com uma abordagem muito lógica...não levava só o treinador para os seniores, mas sim o Triunvirato que fez do Alavarium campeão nacional feminino.... e depois de ontem, já andam à procura da caneta....

Anónimo disse...

O problema do Benfica não é só contratar treinadores de final de carreira. Também contrata jogadores de final de carreira.

Acho muito bem que o Benfica contrate um treinador jovem (os 3 nomes apontados seriam óptimos) mas também precisa de apostar em jogadores jovens estilo Gilberto, Wilson, etc... Porque se continuar a ir buscar Inácios e Álvaros que já não ambicionam nada a não ser o dinheiro, até podem lá colocar o Mourinho que nada ganham...

Anónimo disse...

Parabéns Benfica!

Perdeste a Taça e já perdeste o campeonato! Mais um ano sem ganhar nada! O Ritinho já tem as favas contadas. O luisinho só sabe enterrar dinheiro. Muito bem! A unica coisa que conseguiste foi destruir a carreira de dois árbitros.

Os meus parabéns!

Anónimo disse...

Respeitando o Fidalgo e o Ulisses, dois jovens treinadores com muito talento, que sabem estar (algo que tem faltado aos treinadores do Benfica) são ainda muito verdes para aguentar a pressão de um clube grande. Nada contra eles mas são novos demais.

Por isso, o nome certo é Paulo Jorge Pereira. O treinador com melhor currículo a nível internacional, que tem experiência de treinar um grande (FCP).

Mas infelizmente os dirigentes do Benfica costumam sempre fazer a pior opção e vão buscar um Faria ou um Luís Santos ou alguém assim...

Anónimo disse...

Pelo contrário, eu até acho que o Fidalgo, ou o Ulisses seriam opções muito boas. São jovens? São e a opção é de risco. Mas o que tem acontecido às opções seguras que têm sido tomadas? Asneira...

Mas muito mais que o treinador o que me preocupa é os jogadores. É que ao contrário dos anos anteriores, os nossos rivais têm renovado com os melhores. E que jogadores nos sobram?

Nós precisávamos de Gilbertos, Wilsons, Portelas, Brunos Moreiras, Seabras. E estes todos têm contrato? Vamos buscar quem?

Não há... Por isso, duvido que mesmo indo buscar um treinador arrojado e com carisma que isto d~e a volta....

Anónimo disse...

meu caro,

é óbvio para qualquer uma das 5 ou 6 pessoas a vir ler este blog que é sempre a mesma pessoa a escrever sobre o Ulisses, Fidalgo e Pereira, de há uns tempos para cá.

é também óbvia a tentativa de promoção a um deles em particular.

não é tão óbvio que sejas essa própria pessoa.

mas é bastante plausível.

Portanto, a seres o Pereira, é porque ainda ninguém te telefonou. Logo, obrigado por nos confirmares(a nós, 5 ou 6 leitores), quem de certeza NÃO irá ser o próximo treinador do benfica, independentemente de ser uma boa escolha ou não (provavelmente até o serias).

abraço

p.s - se, por exemplo, variares o tipo de pontuação, parágrafos e gramática, consegues parecer ser pessoas diferentes por cada comentário, como de facto o tentas dar a entender que és. também convém esperares mais de meia hora entre cada comentário.

Anónimo disse...

Pois a solução continuará a ser contratar a preço de ouro jogadores do FCP, treinadores que se destacam nos outros clubes, ex-árbitros para dirigentes, ex-diretores da FAP (não basta o que lá está e que não despe a camisola nas decisões)mas pasme-se continuam a perder. Hoje com tanta ajuda dos árbitros, com delegados muito exigentes para o banco do Porto, até parece que não vimos as atitudes no banco do Benfica, mesmo assim ... não ganharam. Portanto para o ano vão buscar pelo menos 3 jogadores ao Porto e um dia vão ser campeões. Outra anedota é considerar Ulisses como contratável, então o rapaz ganha um campeonato porque contrata algumas das melhores jogadoras nacionais e sabemos como treinam no feminino e já é nome a observar, façam-no dá jeito ao Sporting, Braga, Porto. Perguntem a quem sabe e ficam a saber a qualidade do sr. Ulisses,mas como disse ...importante é ser falado.

Anónimo disse...

Henrique Silva ao seu melhor nível Bacoco como sempre !

Anónimo disse...

Gil tem contrato com o Porto, Portela com o Sporting, Moreira renovou e Seabra renovou.

Quem sobra de jeito em Portugal? Ninguém.

Com o jeito que o Benfica tem para fazer asneiras leva o Faria para treinador e o Pedro Cruz para jogador :)

Anónimo disse...

O treinador que o slb precisa chama-se Jose Tomaz. O professor Jose Tomaz foi o embaixador do alto rendimento em Portugal, tem um conhecimento da modalidade, do treino, da motivação e gestão de equipas como ninguém. É um verdadeiro LIDER. Basta perguntar a algum jogador, como eu, que tenha estado numa equipa treinada por ele. Nunca tive um treinador assim. E não sei se sabem ele agora está a ajudar o GSLoures e tem feito um trabalho monumental com aqueles jovens!
Ele é o homem que o meu SLB precisa. Para daqui a uma ano estarmos a festejar como hoje está a festejar o futebol. Professor José Tomaz a treinador do Benfica.

Anónimo disse...

O treinador que o slb precisa chama-se Jose Tomaz. O professor Jose Tomaz foi o embaixador do alto rendimento em Portugal, tem um conhecimento da modalidade, do treino, da motivação e gestão de equipas como ninguém. É um verdadeiro LIDER. Basta perguntar a algum jogador, como eu, que tenha estado numa equipa treinada por ele. Nunca tive um treinador assim. E não sei se sabem ele agora está a ajudar o GSLoures e tem feito um trabalho monumental com aqueles jovens!
Ele é o homem que o meu SLB precisa. Para daqui a uma ano estarmos a festejar como hoje está a festejar o futebol. Professor José Tomaz a treinador do Benfica.

Anónimo disse...

A questão do técnico para o SLB e importante....mas mais importante e renovar o plantel. Existem no plantel atletas com qualidade,mas já sem o fulgor de outros tempos....e numa época inteira faz diferença....qualquer dos técnicos apontados o poderia ser,mas com esta tipologia de atleta não dá....gente nova,mais vontade,mais querer,mais raça e claro,também qualidade.Este será o caminho...mas para isso e preciso tomar decisões. Boa sorte !

Anónimo disse...

Benfica- porto grande jogo durinho como se deve jogar pena que esta dupla de arbitros seja fraca para estes jogos, cada vez me convenso mais que as duplas que vao para internacionais sao favores pagos da fap as associacoes

Anónimo disse...

Dirigiu o encontro a dupla EHF de Braga constituída por Daniel Freitas e Cesar Carvalho, que tiveram uma tarefa dificílima. Mas foram permissivos na conduta disciplinar dos jogadores, e pecaram na falta do acatante. O Cartão Vermelho mostrado a João Ferraz perca por ser tardio, pois uma mostragem segura e imediata tinha evitado muita da confusão que se estabeleceu, e a 5 segundos do fim de jogo, a não mostragem do Cartão Vermelho a Tiago Rocha, que fica com a bola na mão impedindo um contra ataque são pecados capitais num encontro desta natureza.
QUEM ANDA A PROMOVER ARBITROS JOVENS MAS SEM TEMPERO PARA GRANDES VOOS DEVE REFLECTIR E CONCLUIR QUE OS MELHORES SAO OS MELHORES E PARA OS JOGOS MAIS COMPLICADOS COMO FOI O CASO DO ULTIMO BENFICA-PORTO, COM OS ARBITROS INTERNACIONAIS DE LEIRIA E MADEIRA OS PROBLEMAS ERAM RESOLVIDOS E BEM RESOLVIDOS E NÃO AQUELA TRAPALHADA NO FINAL DO JOGO COM TANTSO ERROS DE DECISÃO!
Mas A mesa esteve ao seu melhor nível gente não credenciada a mandar e a interferir nos bancos e a influenciar as decisões da arbitragem!.
Continua caro Presidente do CA a brincar ás promoções e depois não se passa nada...Com esta dupla é difícil ver uns minutos 7X7 o normal é 4X4, 5X5 e 6X6, segundo alguns dos entendidos que importa ...
Sabem quantas exclusões de 2' foram aplicadas pela dupla?, uma delicia o concerto de apitadela nos últimos minutos não dando a lei da vantagem(LV, estavam cheios de medo!

Anónimo disse...

Independentemente da arbitragem ter sido boa ou má, há que corrigir uma observação deste blog.
Sou sportinguista, logo falo com o à-vontade de quem nada tem a ganhar com este comentário. Já vi atentamente os últimos minutos deste jogo, pois não o acompanhei e quando o Tiago Rocha pega na bola a 5 segundos do fim, provavelmente para parar o reinício do jogo, algo legítimo e punível nas leis do jogo, os árbitros tinham acabado de interromper o mesmo, logo já não há lugar a qualquer sanção.

Anónimo disse...

Com todo o respeito pelo Prof José Tomaz, essa escolha era exactamente cometer o mesmo erro que com José António Silva ou Rito. O Prof José Tomaz é um grande homem e um bom profissional mas é mais um do andebol do passado que tem tido os resultados que se vê.

Apesar de preferir Paulo Jorge Pereira e Ulisses Pereira, o contrato do primeiro com a seleção da tunísia e o fato de não haver dinheiro que retirem Ulisses Pereira na Bolsa, fazem-me acreditar que a melhor solução é Paulo Fidalgo.

O que não há dúvida é que precisamos de um treinador moderno. Mas sem jogadoras jovens também não há milagres, por isso o Benfica tem que pensar em dispensar muita gente que ali tem e apostar em jogadores jovens e de qualidade, algo que o ABC e o Sporting têm feito com sucesso esta época.

Anónimo disse...

Ao anónimo das 00:23

O homen deve meter medo a muita gente, estão sempre a falar no nome dele, gostava de o cnhecer pessoalmente para lhe dar os parabens, porque será que falam tanto no nome dele.dá a sensação de que anda alguém aflito, será

Anónimo disse...

Não percebo qual é o mal de se dizer bem do Paulo Pereira.

Ele não é o treinador com melhor curriculum no estrangeiro? Então é o homem certo para liderar o Benfica.

Que me perdoem o Fidalgo e o Ulisses, dois amigos que acho que são grandes treinadores e com uma mente muito à frente no andebol, mas o Paulo Jorge é o Paulo Jorge!

Falar de outros nomes ainda é mais ridículo... Paulo Jorge Pereira para o Benfica já!

Anónimo disse...

porque será que no texto que é escrito sobre o benfica porto, nunca é referido o excesso de pessoas não autorizadas a estarem dentro do campo, aquando da lesão do semedo, será que existem diferenças de tratamento, gostava de saber o motivo.

Anónimo disse...

Os últimos instantes e o resultado final do jogo SLB e FCP foi surreal. Neste jogo a equipa do SLB trabalhou, mas o destino traçado mostrou-se mais forte.

Mais uma vez é visível que muito mais é possível fazer. Outras equipas estão de parabéns, mas o Andebol sénior do SLB está cabisbaixo, sem a chama vitoriosa, faltará ideias, nova estratégia, uma nova visão, que abandone o passado, que perceba a gestão do andebol moderno, das contratações à formação.

Fala-se do prof. Jorge Rito e projecta-se nomes alternativos. Carlos Resende ? Independentemente do nome deve ser alguém (inclusive estrangeiro) com carisma, conhecedor do Andebol moderno, pragmático, com poder técnico, acima de algumas mentalidades.

Quanto à formação apostar no acompanhamento cuidado e permanente dos atletas, aqueles com verdadeiro potencial e dedicados. Uma outra visão de futuro para a coordenação técnica.


Anónimo disse...

ninguém disse que havia mal em dizer-se bem do Paulo Pereira.

O Paulo Pereira é um excelente treinador.

O problema é que tu és provavelmente o Paulo Pereira, com tanta auto-promoção mal disfarçada.

Por que raio achas que meter o Ulisses e o Fidalgo ao barulho desvia as atenções da promoção ao Pereira?

achas claramente que quem aqui vem ler é burro e não percebe essa manobra de 6 anos de idade mental.

o país tem bom tempo, boa comida, família mais perto e sobretudo se o benfica te empregar, dá para viver sem problemas económicos - e por isso compreendemos o desejo de voltar(es).

mas recorreres à caixa de comentários no Banhadas como se fosse a Gestifut é das coisas mais tristes a que nós, leitores, já assistimos por aqui, meu caro.

boa sorte para o resto da campanha, um abraço

Anónimo disse...

Carlos Resende era uma grande opção mas renovou pelo ABC.

Acho engraçado quando se diz que não sei quem não é bom treinador porque só ganhou porque tinha as melhores atletas ou o outro porque treina uma selecção. Mas não foi isso que tem falhado no Benfica? O Benfica não tem os melhores jogadores? E com os melhores não ganhou, isso é que é preocupante!

Eu gosto dos nomes Fidalgo, Paulo Pereira, Ulisses Pereira, Resende.

Só não quero é alguém mais velho porque isso não tem resultado! Precisamos de arrojo e alguém que entusiasme os adeptos!!!!

Anónimo disse...

Caríssimo anónimo

21 de Abril de 2014 às 18:09

O vergonhoso é uma pessoa com responsabilidades na Modalidade e em cargos de Direcção estar aqui a escrever banalidades e Baboseiras contra a Própria Modalidade.
O Deputado já devia ter tomado medidas para acabar com a Brincadeira.
Não se faça de novas e o Sr sabe bem onde o encontrar.

Anónimo disse...

Treinador para substituir Rito no benfica so estou a ver o Florencio pai e correr com metade da equipa

Anónimo disse...

Triste andebol que num benfica-porto é apitado por dois protegidos fartinhos de errar tal como as manas Sá. Deviam estar lá os melhores e que não estejam sob pressão de anteriores barracas. pegando no jogo e vendo minuto a minuto logo se vê a falta de calo e personalidade. O porto é campeão de certeza pois para além da sorte incrível os seus jogadores sabem esticar a corda e houve dois que mais pareciam adjuntos dos apitadores. Gostava que ou o A.B.C\U.M. ou o Sporting fossem campeões porque o futuro está na maneira como governam a casa. O Benfica arrisca-se a fechar a secção pois o presidente dá tudo mas não é só o azar e os árbitros porque se nota falta de equipa. Tudo junto dá nota negativa. Se formos ver a gravação dum outro jogo no pav.do porto os mesmos árbitros fazem valer critérios completamente diferentes... JÁ AGORA COMO É POSSÍVEL UM ATLETA DA N. SELEÇÃO SOFRER DE EPILÍPSIA E JOGAR? O QUE ANDAVA A FAZER TODA AQUELA GENTE DENTRO DE PAVILHÃO? SEJAM AMADORES MAS NÃO TANTO!

Interrogações disse...

Mas será que existe algum problema clínico que um atleta, da seleção Nacional de Andebol, que padeça de Epilepsia, controlada, não possa ser atleta de Alta Competição? A modalidade nem sequer é de profissionais... Por isso não vejo qualquer tipo de problema nisso. Uma arritmia? Isso sim é perigoso pelo risco de paragem Cardio Respiratória... Ou agora também iremos vetar os Diabéticos?!

Amadores? Só clubes que se dizem profissionais empregarem técnicos de competências dúbias... Terem Fisioterapeutas sem qualificações e experiência... Ter um curso não é sinal de competência profissional... Médicos que assinam de cruz e nem aparecem a época toda ou sequer conhecem os jogadores... Dirigentes de clubes com responsabilidades certificados com cursos de primeiros socorros nas ações de formação no início de época em vez de ouvirem os feitos financeiros da Direção da FAP...

Não seriam mais competentes, necessários e importantes?! Cursos de civismo isso já nem se fala. Mas isso já vai da EDUCAÇÃO de cada um...

De que adianta num pavilhão estarem uns bombeiros voluntários com uma Maca? São a sua maioria tripulantes de ambulância que para fazerem um socorro nem sequer têm conhecimentos ou competências?!

Não seria pertinente usarem estes exemplos para obrigarem os clubes a terem CORPOS CLÍNICOS legítimos e reais?!
A LPA na sua curta e conturbada existência obrigava os clubes visitados a apresentarem MÉDICO para TODOS os Jogos. Será que não seria um principio?! Será que os Clubes não deveriam TODOS ser obrigados, para participarem nas Provas Nacionais Fixas/Não Fixas a apresentarem um CORPO CLÍNICO competente e apresentá-lo em TODOS os jogos, tal como os TREINADORES têm!? Seria certamente mais um fenómeno desportivo a ser considerado pela ASAE!?!

Esperamos todos que surja mais uma desgraça num pavilhão desportivo... Tal como aconteceu no Futebol para depois de a casa roubada colocar as trancas na Porta... E isto não é só ter um DAE que fará milagres... É preciso saber utilizá.lo...

Mais umas interrogações para o incremento das competências de uma modalidade infinita e indefinidamente AMADORA e triste...

Interrogações disse...

Relativamente ao Jogo... Não se entende é tanta gente a rondar o Banco do SLB... a fazerem comentários para a mesa dos oficiais de mesa e delegados e para o banco da equipa... Quantos oficiais estariam inscritos pelo SLB... 5, 6?

O diretor de campo parecia estar inscrito no banco?! Substitua o Oficial A que se ausentou? O dirigente da Modalidade passeava-se alegre e despreocupadamente pelo recinto de jogo... Por momentos ainda pensei que seria ele o responsável pela Limpeza do Piso?! Mas ao que parece... Não era...

Um delegado que tenta controlar o Treinador do FC Porto, sem sucesso e sem ação perante as suas atitudes... Sinceramente mais valeria ter ficado sentado na mesa e assim não veríamos LIVE insultos por parte desse Treinador diretamente ao Delegado... Mas certamente não ouviu nada... Depois de sancioná-lo com a exclusão de 2 Minutos... Sentadinho na mesa estava Melhor... Deve ter sido, se calhar, para compensar atitudes/influências anteriores... Na direção do jogo pela equipa de arbitragem...

Uma dupla de arbitragem... triste e sem chama... empurrada como um foguete para a EHF mas ao que parece... o ditado vai-se cumprir como com Ícaro... Quanto mais alto se sobe maior será a Queda...

O CA da FAP faz tal como numa corrida de cavalos... Aposta no cavalo errado... um Pangaré... do qual se espera que possa vencer um puro Sangue mas se sabe de antemão que não conseguirá vencer a corrida dos campeões.

Certamente continuaremos a ver barbaridades como esta e ainda maiores... Até porque atualmente o CA anda poupado em circulares...

Anónimo disse...

Caro anónimo das 18:06
Imagina por acaso quantas vezes durante o Benfica / Porto, os elementos da Mesa foram ofendidos por oficiais das duas equipas?
É natural que não tenha anotado.

Não seria natural que os elementos da Mesa (2+2+1 só em delegados) tivessem feito um relatório disciplinar de acordo com o que se passou?
Era não só natural mas obrigatório.
Só que o relatório...deve ter apanhado com lexívia. Ficou (em) branco.

A esmagadora maioria dos delegados do CA têm medo. E falta de classe.

Anónimo disse...

"Eu gosto dos nomes Fidalgo, Paulo Pereira, Ulisses Pereira, Resende."

percebes que acrescentares o Resende ao lote não convence ninguém de que não és o mesmo a falar dos outros constantemente nos restantes comentários?

Anónimo disse...

Por que é que insistem que é o Paulo Jorge Pereira que está a escrever isto? Ou alguém tem dúvidas que, apesar do Fidalgo, Ulisses e Resende serem excelentes treinadores e os melhores em Portugal, o Paulo Jorge Pereira é o melhor?

Se é o melhor porque é que o nome dele não havia de aparecer?

Anónimo disse...

Até a Marca fala no que aconteceu na Luz como escândalo de como se perde uma partida... http://www.marca.com/2014/04/24/balonmano/1398340661.html?cid=SMBOSO34503&s_kw

Por favor, Rito fora!

E não me tragam mais velhadas para o comando do nosso SLB! Queremos alguém jovem capaz de nos fazer jogar um andebol de futuro!

Anónimo disse...

mais uma vez, não há nada de errado em aparecer o nome do Paulo Jorge Pereira.

voltamos a dizer que o Paulo Jorge Pereira seria, DE FACTO, uma BOA opção para o Benfica, visto ser um EXCELENTE treinador.

o que tu não pareces perceber, meu caro, é que o problema está na MANEIRA em como o nome PAULO JORGE PEREIRA surge aqui mencionado.

e essa maneira revela-se como uma (auto)promoção descarada.

não usasses tu o nome dos outros que mencionas sempre para tentar não dar bandeira (Ulisses, Fidalgo e agora mais recentemente até o Resende), e ninguém aqui suspeitaria que ÉS TU o Pereira.

a burrice tem limites.

no entanto, boa sorte para o resto da tua campanha. abraço