gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

terça-feira, 6 de maio de 2014

P004 – Fase Final – 2013 /2014 – V

Crónica dedicada á Fase Final Nacional da PO04, que finalmente se pode afirmar, sem grande margem de erro de que, ”agora é existi a tão desejada competitividade no escalão que todos dizem não existir, e provavelmente com toda a razão.” 
 
PO04 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Juniores Masculinos
 
Fase Final Nacional – Grupo “A”
 
4.ª Jornada
Benfica 25 - 20 Sporting
ABC 32 - 22 Belenenses
Xico Andebol 26 - 28 FC Porto
 
Um dos factos mais salientes e que não nos cansaremos de assinalar, é de que nos jogos disputados não se verificaram casos disciplinares, e as assistências voltaram a superaram o que anteriormente se vinha verificando, o que reforça a nossa ideia de que quando existe equilíbrio e competitividade há público. Continuamos com a esperança de que a Andebol TV dê alguma atenção a esta prova. Falando desta jornada, que felizmente voltou a não teve jogos adiados, o que é bastante salutar. 
 
Nos jogos realizados, natural saliência para o clássico Benfica / Sporting, que terminou com uma vitória do Benfica, por uma margem que no final dos 30 minutos iniciais ninguém esperaria, pois o equilíbrio até esse momento era um dos principais fatores do encontro, verificando-se uma igualdade a 10 golos. Ambas as equipas apresentaram-se com os seus principais elementos, mas uma equipa como a do Sporting que se diz candidata ao título nacional, não pode falhar 3 (três) Livres de 7 metros, cm esta derrota dificilmente a equipa do Sporting, poderá estar definitivamente arredada da discussão do 1.º lugar. No Benfica Tiago Ferro com 7 golos foi o seu principal marcador, enquanto na equipa adversária, a distribuição dos golos por diversos marcadores, não nos leva a salientar ninguém. No Flávio Sá Leite em Braga reside um dos grandes candidatos ao ambicionado Titulo Nacional o ABC, que venceu claramente um Belenenses, bastante inferior ao que nos habituamos a ver, e que ao intervalo já vencia a sua congénere de Lisboa por 18-10, o que lhe dava uma total garantia para os segundos 30 minutos. O ABC voltou a ter em Filipe Caniço com 9 golos o seu principal marcador, e com esta vitória, é até este momento a única equipa que contabiliza por vitórias todos os jogos disputados, ao contrário do seu adversário, que apenas regista derrotas. Em Guimarães, realizou-se o último jogo da jornada o Xico Andebol / FC Porto, com a equipa da cidade invicta a apresentar-se desta vez com todos os seus “pesos pesados” como por exemplo, João Moniz. Miguel Martins que acabou por ser o melhor marcador da equipa com 8 golos, entre outros elementos com experiência inclusive de PO01. O Xico Andebol que vinha de uma vitória moralizadora, alcançada na jornada anterior em Belém, e que voltou a ter em José Santos o seu principal marcador desta vez com 9 golos. O encontro foi sempre disputado com grande equilíbrio, conforme se pode constatar pelo resultado ao intervalo, onde os portistas venciam pela diferença mínima 12-11. O Este resultado o FC Porto, mantem o 2.º lugar na Classificação. A classificação após a realização desta jornada é a seguinte: 1.º ABC (12 pontos), 2.º FC Porto (10 pontos), 3.º Benfica (9 pontos), 4.º Sporting (7 pontos), 5.º Xico Andebol (6 pontos), e 6.º Belenenses (4 pontos). 
 
O Noticias

8 comentários:

Jorge Almeida disse...

Fora de tópico:

Alerto para a entrevista dada pelo Sr. Presidente da FAP ao portal da FAP na net sobre as conclusões da reunião de presidentes de federações europeias no passado fim de semana na Hungria.

Mais pormenores, ver http://portal.fpa.pt/fap_portal/do?com=DS;1;111;+PAGE%282000025%29+K-CATEGORIA%28380%29+KID-NOTICIA%289594%29+COD_COR_CAIXA%281%29+TIT-CAIXA%28Not%EDcias%29;RCNT%281%29

É de realçar que a FAP assim dê a conhecer o que os seus representantes foram fazer a este tipo de reuniões. Deveria ser sempre assim, mas, como sabemos, no passado foram mais as situações em que o secretismo se impôs.

Jorge Almeida disse...

Fora de tópico:

Há mesmo órgãos de comunicação social que raramente falam doutra coisa que não o futebol, e quando o fazem é, muitas vezes, para denegrir.
Um exemplo disso é a peça que vem no sítio "Relvado" sobre violência nas bancadas na final da Liga dos Campeões de Andebol Feminino (para quem queira ver: http://relvado.sapo.pt/diversos/videos/video-violencia-na-final-liga-campeoes-andebol-494961). Foram realçar isto em vez de, por exemplo, o golo de Anita Görbicz que tem corrido o mundo.

A milhas disto, e de modo a realçar o que me parece ser uma cobertura pela positiva, aqui vai o destaque que o sítio "Modalidades" deu a um golo marcado no passado fim de semana por Luc Abalo (ver http://www.modalidades.com.pt/andebol/5012-andebol-o-inacreditavel-golo-de-luc-abalo).

Há que dar destaque a quem merece, e não a uma série de energumenos que não devia entrar em nenhum recinto cultural / desportivo.

Anónimo disse...

Estive na catedral do Andebol a assistir a um jogo que só nos primeiro 15 minutos é que esteve equilibrado com um ABC muito superior não só neste jogo mas em todos os outros jogos
Só quero falar sobre um jogador do belenenses que eu já não via jogar há muito tempo desde uma fase final de infantis em guimarães e depois voltei a ver numa outra fase final de iniciados também em guimarães.Não sei de quem é culpa nem tenho nada com isso, mas dá pena ver um jogador com um braço e pulso esquerdo tão bom que faz inveja a muita gente não perder aquilo que ele sabe que tem a mais
Ele deve ser mais novo 1 ou 2 anos que o meu filho, se ele ler esta mensagem deve reflectir nestas minhas palavra, força

Anónimo disse...

Este fim de semana assisti a um espectaculo degradante e do mais bizarro que eu já presenciei em mais de 15 anos de andebol.
No jogo S, Bernardo Ginásio o ponta esquerda do S. Bernardo baixou os calções até aos joelhos e virou o rabo, o resto de tão minúsculo não se chegou a ver,para os adeptos do Ginásio.
Resultado a dupla de arbitragem puniu o indígena com 2 minutos.
De louvar a atitude do jogador Azenha que no final do jogo se dirigiu aos adeptos e em nome da equipa pediu desculpa.
Sempre quero ver se a Direcção do clube vai ou não tomar alguma atitude.



Anónimo disse...

Nos juniores o Sporting foi humilhado pelo Benfica. Não há nada ali para se ver com um minímo de dignidade. Espero que o Sporting corriga porque o ano passado foi tetracampeão na categoria. Será que mesmo assim aproveita para a sua principal equipa um ou outro jogador? O Guarda redes até fez rir. Nota-se pouco trabalho e muito mal feito. Agora falem mal do Frederio Carlos que teve resultados óptimos nos seniores apesar das faltas de apoio de toda a ordem. Já nem falo dos casos com lesões como a de Solha.

Anónimo disse...

À senhora do post anónimo de: 7 de Maio de 2014 às 20:48

Minha senhora, antes de vir para aqui escrever inverdades, convinha escrever de todos os factos ocorridos. Sem querer falar do acto ocorrido, pois sou daqueles que pensa que cada um é responsável pelos seus actos e atitudes,queria lembrar que o atleta em questão não é o ponta esquerda (da forma que o descreve está a falar mal de um inocente). Se quer falar do tamanho de algumas partes dos atletas, vejo que se dirige aos pavilhões para ver coisas que não o andebol e chamar de Indígena a um jovem atleta, não se esqueça que também tem um filho a jogar (no Ginásio) e outras mães também podem insulta-lo, o que não acho de bom tom. Agora não se esqueça dos factos e os factos ocorridos vêm muito antes desse momento, pois foi quase todo o jogo com esses dois ou três adeptos (a senhora incluída) do Ginásio, a insultar árbitros e atletas e treinador da equipa da casa. Tanto é que, no final do jogo, o seu filho, talvez por vergonha, se dirigiu ao local onde estava presente em histerismo e lhe implorou que fosse embora. Eu não aprovo qualquer tipo de indisciplina, nem qualquer tipo de actos extra-desportivos, mas também há que saber estar num local onde se pratica desporto, seja no campo ou na bancada. O Atleta Azenha não é o capitão de equipa, por isso não tem a missão de pedir desculpas em nome de ninguém, se quer que peça em nome dele (individualmente) e em relação as atitudes que a direcção do clube irá ou não tomar, o mail e telefone do clube estão no portal da federação e será dessas formas que poderá colocar todas essas questões.
Cumprimentos

Anónimo disse...

esta malta de santo tirso sao ca uns cromos....nao ganham nada e depois vem para aqui com estas desculpas sem nexo....voces sao o publico mais porco que ha e ainda falam ...tenham mas e cuidado se este ano nao voltam a passar a bola a ninguem nos seniores e morrem na praia outra vez...

Anónimo disse...

pelo que vejo o campeonato de juniores este ano é tão pobre que aqui no blogue nem se fala de andebol jogado. È triste falar de situações de indisciplina e falta de pais e educação. Pior é que depois quando há barracadas no estrangeiro e não foram poucas anda-se a pedir clemência. O Sporting desapareceu totalmente nesta categoria e o Belenenses mete dó. Dos finalistas do ano passado restam Benfica, Porto e A.B.C. que deve limpar o prémio. Equipa bem trabalhada. Benfica e Porto possuem valores mas não há equipa. quanto ao ISMAI não tem nada de nada. As voltas que isto dá...
Pena o meu Sismarias não andar por aqui...