gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

domingo, 25 de maio de 2014

PO12 – 2013 / 2014 – Fase Apuramento

PO12 – Campeonato Nacional de Juvenis Femininos
 
Realizou-se de 23 a 25-05-14 no Pavilhão do Colégio de Gaia em Gaia a Fase de Apuramento desta Prova.  
Modelo Competitivo: Os clubes apurados da 1ª Fase serão agrupados na 2ª Fase em 3 zonas geográficas (TXT a 2 voltas). O 1º Classificado de cada zona fica apurado para a Fase Final. O 2º Classificado de cada zona disputa uma fase de apuramento com o representante da região Autónoma da Madeira (TXT a 1 volta – regime concentração), sendo que o 1º Classificado fica apurado para disputar a Fase Final (TXT a 1 volta – regime concentração). O 1º Classificado será Campeão Nacional. 
 
Resultados da Fase de Apuramento 
 
1.ª Jornada
CD Bartolomeu Perestrelo 22 – 21 Colégio Gaia
Valongo Vouga 21 – 25 Porto Salvo
2.ª Jornada
Colégio Gaia 21 – 27 Porto Salvo
CD Bartolomeu Perestrelo 28 – 27 Valongo Vouga
3.ª Jornada
Valongo Vouga 34 – 29 Colégio Gaia
Porto Salvo 22 – 23 CD Bartolomeu Perestrelo
 
Nota – Nesta prova a Madeira foi representada por um clube, o que se saúda. 
 
Classificação Final – 1.º CD Bartolomeu Perestrelo, 2.º Porto Salvo, 3.º Valongo Vouga e 4.º Colégio Gaia. 
 
Apurado para a Fase Final – CD Bartolomeu Perestrelo 
 
A Fase Final disputa-se de 13 a 15 de Junho numa organização conjunta, FAP, AA Braga e Maiastars, definindo quem será Campeão Nacional (não é indicado o local de disputa) 
 
O Formador

8 comentários:

Anónimo disse...

Analizem os boletins de jogo. Como e possivel haverem 4 jogos com uma media de 15 exclusoes por jogo (sexta e sabado) e no domingo essa media cair drasticamente. Presenciei os jogos todos e isso explica se por no dia de hoje (domingo) ter estado uma dupla competente. Excelente jogo entre o Perestrelo e o Porto salvo com uma arbiragem de nivel.

Anónimo disse...

Qualquer equipa que jogue contra o colégio e com as árbitras residentes, acaba com um monte de exclusões.

Anónimo disse...

Colégio em último lugar ?
Então desta vez não havia quem as levasse ao colo?
O que aconteceu à equipa fantástica?
Afinal a pose de superioridade era apenas baseada em.... nada!!!

Anónimo disse...

Parabéns às Madeirenses.
Ano após ano, as terceiras fases dos escalões femininos de formação são dominadas pelas equipas da Madeira.
Será que as mentes iluminadas dos treinadores e dirigentes aqui do continente alguma vez vão acordar e perceber o que está mal?

Anónimo disse...

Alé Bartolomeu

Fantástico fim de semana. Contra tudo e contra todos.

Só não percebi porque é que o Professor Florêncio esteve sempre a apoiar o Porto Salvo, dando até indicações à Bia e à Tatiana durante todo o jogo da final e não apoiou a nossa equipa, nem nos orientou.
Não é o Professor Florencio, o nosso Selecionador Nacional?

Anónimo disse...

la vai o Col Gaia roubar mais umas 30 juvenis e juniores para o ano a ver se la consegue chegar.

sp p o ano, sp p o ano....


Anónimo disse...

As equipas madeirenses dominam as 3ªs fases, maioritariamente até pode ser verdade, mas então porque não ganham as fases finais todas?! E nem sempre dominam, ainda este ano em iniciadas não passaram e em juvenis ganharam os jogos todos por um golo de diferença!!!

Anónimo disse...

olha a prof. já esta de ferias...
rebentou com o Valongo, que podia ser campeao nacional de juniores, alterou as leis e decretos federativos, COM A PERMISSÃO DO SEU PRESIDENTE, manda no presidente da arbitragem da ass. de andebol do porto e
agora põe os lacaios a trabalhar.

então nao era o ano em que o Colegio ia ganhar tudo???

pois é prof. fala muito alto..., a idade não perdoa, e quando se fala alto com o responsavel da arbitragem do Porto sobre os outros clubes, e o que os arbitros devem ou nao fazer, exigindo em voz alta, que nao podem permitir isto ou aquilo está tudo dito.

tudo, tudo não está, pois os lacaios andam muito ocupados a procura de atletas de diversos clubes, para preencher as lacunas do prof. e das atletas seniores. ouvi dizer que os cubanos queriam vir.
consta-se que as orientações são desviantes do titulo e a maioria das atletas, passam de jovens promessas a jogadoras que ninguem as quer.

Nos bastidores já lhe chamam o cemitério das jogadoras.