gal vence

Euro Sub-17 Femininos (Lituânia), Portugal vence a Bielorrússia por 31-24, e está na final - Mundial Sub-19 Masculino Portugal vence Japão por 34-26 e fica em 7.º Lugar - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 7 de junho de 2014

PO06 Fase Final – 2013 / 2014 - VI

Cronica ligeira sobre a Fase final desta prova, que foi disputada num novo formato competitivo. E que se confirmou na sua total plenitude, a nossa previsão, de grande equilíbrio e forte competitividade, apesar da presença de uma seleção numa prova de clubes. E com o Campeão Nacional já anunciado desde a última Jornada. Que assim sucede ao Benfica campeão na última época. 

ÁGUAS SANTAS CAMPEÃO NACIONAL 
PO06 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Juvenis Masculinos

Fase Final
6.ª Jornada
ABC 26 – 23 Águas Santas
Benfica 23 – 23 CCF Madeira

Repetimos o título que encimava o teto anterior, apenas por ser a última jornada da prova, pois como já era do conhecimento publico o Campeão Nacional estava encontrado desde a última jornada, fossem quais fossem os resultados verificados nesta 6.ª e última jornada da Prova. Pensamos que este formato de competição é aquele que melhor serve os interesses da modalidade, pois apesar da distância pontual de uma equipa, constata-se que o equilíbrio existente entre as restantes equipas foi evidente e quando assim a modalidade é quem mais beneficia.
 
Nesta jornada, a equipa já campeã Nacional, deslocou-se ao Flávio Sá Leite, para defrontar o ABC, a quem tinha vencido por um dilatado resultado na 1.ª volta, neste encontro e com titulo já garantido ainda chegou ao fim dos primeiros 30 minutos de jogo a vencer por 14-12, mas os donos da casa com uma forte reação no segundo período de jogo, acabaram por vencer o jogo, evitando desta forma que a equipa maiata, fosse campeã sem derrotas. Não se registaram destaques individuais, sendo preferível dar o destaque aos conjuntos como equipa que o foram na verdade. Felizmente desta vez a FAP esteve representada e Eduardo Filipe da Direção da FAP, que procedeu á imediata entrega da Taça. Não se compreende como dois encontros que começaram á mesma hora, um esteja com todo o processo concluído em termos de informação no Portal da FAP, e o outro nem o resultado se sabe (pelo menos até ás 22H00 de 07-06-14). No outro jogo da jornada registou-se tal como na primeira volta uma igualdade, desta vez a 23 golos, com a equipa lisboeta a sobrepor-se na primeira parte e os insulares a reagirem positivamente no segundo período de jogo. De destacar os 7 golos obtidos por Nelson Silva e Francisco Silva na equipa insular, enquanto nos lisboetas o seu melhor marcador foi Pedro Padre com 6 golos. De saudar mais uma jornada sem casos disciplinares, neste escalão.
 
A Classificação final ficou assim ordenada: 1.º Águas Santas (16 pontos), 2.º Benfica e ABC (11 pontos), 4.º CCF Madeira (10 pontos).
 
Descem de Divisão – Ginásio do Sul (AA Lisboa), Cister SA (AA Leiria), Na Penedono (AA Viseu) e CA Leça (AA Porto)
 
O Formador

11 comentários:

Anónimo disse...

banhadas podiam fazer um topico de transferencias

Anónimo disse...

Parabéns Madeirenses. Voltem para o ano porque deram brilho à prova.

Anónimo disse...

Parabens ABC, esta vitória prova que podiam ter ido mais longe

Anónimo disse...

Sim o ABC podia ter pelo menos adiado para o último jogo a decisão do Campeonato. Precisa de ter um treinador que fosse parte do problema...

Anónimo disse...

Sim o ABC podia ter pelo menos adiado para o último jogo a decisão do Campeonato. Precisa de ter um treinador que fosse parte do problema...

Anónimo disse...

Banhadas:
A classificação está bem ordenada ? Quem ficou em 3º ?

Anónimo disse...

Em 3 lugar ficou o ABC, pois empatou e perdeu com o Benfica

Anónimo disse...

Quatro boas equipas disputaram a fase final, com o Águas Santas campeão. Mereceu.

A equipa do Benfica foi vice campeã; acima de tudo, deve-se reconhecer o trabalho e o valor dos atletas, jovens com potencial e com qualidade.

Mas desde o início da época, por vezes, a equipa pareceu instável, com prestações entre o bom e o abaixo do esperado, o que não ajudou. Lamentável. Razões ?

Fica o desejo que o responsável da formação analise e tire as conclusões certas sobre a época e para futuro: estratégia para os escalões, as boas e más escolhas, opções e mudanças de atletas, a gestão dos treinadores, o exemplo a dar, o respeito e a disciplina, o conceito de mérito, etc.

O sucesso e crescimento das equipas resultam da continuidade, do testado com sucesso, e a inteligência da mudança útil. Perde-se mais atletas para o futuro do que se ganha.

Mais uma vez, o Prof. Nuno Alvarez ajudou a fazer a diferença pela qualidade da sua liderança, as capacidades interpessoais e o conhecimento técnico.








Anónimo disse...

O NA Penedono nao desce pois o Salgueiros desistiu na sua serie..

Cumprimentos.

Anónimo disse...

pois que a seleçao da madeira para proxima epoca em vez de 3 jogos fique logo apurada directamente e o benfica que continue a gastar dinheiro em contratacoes como tem feito ate aqui pois este ano ganha o campeonato de juniores e chega

Anónimo disse...

o abc só ganhou ao aguas santas porque o aguas santas jogou maior parte do jogo só com miudos de primeiro ano