gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Crónica de Fim-de-semana – 15 – 2014 / 2015 - II

Habitual crónica, dedicada á PO02, e que este fim-de-semana assinala o inicio da 2.ª volta desta Fase da Prova. 
 
Continuamos a alertar que esta época face a uma alteração no regulamento da prova, as descidas de divisão serão consumadas no final da 1.ª fase da prova, ou seja a fase que se disputa atualmente, assumindo assim uma maior importância todos os jogos disputados. 
 
PO02 – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Seniores Masculinos. 
 
Resultados

Zona Norte
12.ª Jornada
Dia 17-12-14
AD Sanjoanense 31 - 26 FC Porto "B"
14.ª Jornada
Dia 17-12-14
Boavista FC 21 - 31 AA Avanca
Dia 20-12-14
Académico FC 19 - 25 FC Gaia
Arsenal Devesa 29 - 26 AD Sanjoanense
São Bernardo 36 - 22 Santana
AC Fafe 25 - 11 CCR Fermentões
São Mamede 26 - 26 SP Oleiros s/d
Dia 25-01-15
FC Porto "B" - Marítimo (17H00)
 
Na jornada que assinala o início da 2.ª volta desta Fase da prova, verifica-se novamente o adiamento, de um jogo desta jornada, o que consideramos mais uma vez um fator negativo, no andamento desta prova, até porque o adiamento certamente não nada a ver com questões desportivas, o que se lamenta profundamente, tal como se lamenta a tardia realização do jogo em atraso da 12.ª Jornada, que foi realizado, apenas em 17-12-14, e cuja referência foi por nós feita na última crónica da prova. Começaremos precisamente pelo jogo em atraso onde a AD Sanjoanenses a realizar uma competição acima das expectativas, venceu um FC Porto “B”, completamente descaracterizado e sem alguns dos seus principais elementos. O resultado que se verificada ao intervalo já era um perfeito indicativo do que poderia acontecer, com a AD Sanjoanense a vencer por 15-13. Na equipa da Região de Aveiro destacaram-se Bruno Pinho com 9 golos e Ricardo Pinho com 8 golos, enquanto no FC Porto “B”, Rui Ferreira com 7 golos foi o seu melhor marcador, com este resultado a equipa portista está cada vez mais afastada dos lugares de acesso ao apuramento á Fase Final. Nos jogos disputados e relativos a 1.ª jornada da 2.ª Volta, apenas num jogo não se verificou a vitória da mesma equipa, ou seja em apenas um jogo houve retificação do resultado foi no São Mamede com o SP Oleiros, onde se verificou uma igualdade, com a equipa de São Mamede a corrigir a derrota verificada na 1.ª jornada, mas este resultado que foi bem mais positivo para os homens de Oleiros, que ao intervalo venciam por 15-14, nu encontro sempre de grande equilíbrio, e onde nem os 12 golos de Gustavo Almeida, conseguiram levar a equipa de São Mamede á vitória, Fernando Rodrigues com 9 golos foi o melhor marcador da equipa de Oleiros. Com este resultado a equipa do São Mamede afasta-se da discussão dos lugares de acesso á Fase Final. No Jogo antecipado da jornada o líder da zona deslocou-se não ao bessa mas sim ao Colégio de Carvalhos onde defrontou a sempre complicada equipa do Boavista FC, encendo e por uma confortável margem e mantendo-se assim no topo da classificação da zona. Ao intervalo já vencia por 17-12. Destaca-se neste encontro os 11 golos marcados pelo jovem Ricardo Mourão, enquanto na equipa do Bessa os golos foram bastante distribuídos por diversos marcadores. No Pavilhão Flávio Sá Leite os bracarenses do Arsenal Devesa, receberam e venceram a AD Sanjoanense, precisamente pelo mesmo resultado verificado na 1.ª volta, foi jogo equilibrado durante os 30 minutos iniciais, que terminaram numa igualdade a 12 golos, depois de várias igualdades verificadas ao longo desta primeira parte. No entanto a equipa da AD Sanjoanense com um excelente início do segundo período, passou a comandar o marcador, mas foi perdendo folego, cedendo o comando do marcador em definitivo cerca dos 50 minutos de jogo. Este jogo foi o único encontro da jornada cm ocorrências disciplinares. Com esta vitória os neo divisionários do Arsenal Devesa continuam a ser fortes candidatos ao acesso á 2.ª Fase da Prova (na nossa opinião). Os melhores marcadores do encontro voltaram mais vez a ser Ricardo Pinho com 10 golos e Bruno Pinho com 8 golos da AD Sanjoanense, enquanto nos Arsenalistas, os golos foram distribuídos por 8 atletas, o que demonstra a qualidade do seu plantel. Em São Bernardo a equipa local venceu sem qualquer dificuldade a equipa mais fraca da zona e única que apenas regista derrotas, e que curiosamente se apresentou neste encontro com apenas 10 jogadores, a superioridade dos locais nunca esteve em causa e ao intervalo já venciam por 19-10, e numa demonstração de grande equilíbrio do seu plantel foram 12 os atletas que marcaram, enquanto no Santana o seu melhor marcador foi Daniel Veloso com 8 golos. Com este resultado os aveirenses igualaram o São Mamede na classificação da zona. Em Fafe os Locais venceram os também minhotos do Fermentões por um resultado que chega a ser “ridículo”, com o resultado ao intervalo de 14-6 a ser favorável ao AC Fafe e a ser um precioso indicador do que seria o resultado final, tal a superioridade evidenciada pelos fafenses, com este resultado o AC Fafe, garante o 2.º lugar na classificação e confirma ser um dos grandes favoritos ao apuramento para a Fase Final, o CCR Fermentões, terá de “lutar” e muito para fugir aos lugares de despromoção. No AC Fafe mais uma vez Cesar Gonçalves foi o seu melhor marcador e do jogo com 7 golos. Como informação adicional podemos informar de que este foi o jogo da jornada que na zona registou-se maior assistência (200). No Lima a equipa do Académico FC recebeu o FC Gaia e tal como na 1.ª volta voltou a perder, embora desta vez a sua réplica tenha sido maior por isso o diferencial final foi bastante reduzido, embora o intervalo chegasse já com a equipa de Gaia na frente do marcador por 12-10. O segundo período foi uma continuidade do primeiro. Apesar dos 8 golos de Filipe Lopes o Académico não conseguiu mais uma vez alcançar um resultado positivo, No FC Gaia Pedro Garcia com 7 golos foi o seu melhor marcador. Com esta derrota o Académico FC, tal como o CCR Fermentões colocam-se na zona de possível descida. Após os jogos disputados até este momento a classificação é a seguinte – 1.º AA Avanca (39 pontos), 2.º AC Fafe (36 pontos), 3.º Arsenal Devesa (35 pontos), 4.º Marítimo (32 pontos, -1 jogo), 5.º São Mamede e São Bernardo (31 pontos), 7.º AD Sanjoanense (30 pontos), 8.º FC Gaia (26 pontos), 9.º Boavista (+ 1 jogo) e FC Porto “B” (-1 jogo) (25 pontos), 11.º SP Oleiros (24 pontos, + 1 jogo), 12.º CCR Fermentões (22 pontos), 13.º Académico FC (20 pontos), 14.º Santana (14 Pontos).  
 
Zona Sul
11.ª Jornada
Dia 17-12-14
Benfica "B" 13 - 16 Boa Hora
14.ª Jornada
Dia 20-12-14
Vitória FC 33 - 22 Almada
ADC Benavente 39 - 21 Samora Correia
GS Loures 22 - 20 IFC Torrense
Benfica "B" 20 - 24 AC Sismaria
Boa Hora 25 - 16 Vela Tavira
Ílhavo 22 - 30 CD Marienses
CDE Camões 19 - 15 Alto Moinho 
 
Mais uma vez e tal como na Zona Norte lamenta-se a tardia realização do jogo em atraso da 11.ª Jornada, que foi realizado, apenas em 17-12-14, e cuja referência foi por nós feita na última crónica da prova. Neste encontro disputado no dia indicado, e onde se verificou a vitória “inesperada” do Boa Hora, estamos perante um resultado final que apelidamos, apenas de “patético”, para não sermos acusado de incendiários, pois um encontro entre duas equipas com ambições aos lugares de acesso á Fase Final é o mínimo que poderemos dizer, e para os nossos leitores terem ainda uma noção mais exata do que dizemos, acrescentamos o resultado que se verificava ao intervalo, que era de 11-4 a favor do Boa Hora, e sobre este jogo está tudo dito.  Continuamos com o jogo onde o Benfica “B” recebeu o AC Sismaria e perdeu, segunda derrota consecutiva, de uma equipa que até ao momento têm demonstrado ambições ao apuramento para a Fase Final, mas agora com estas duas derrotas, “parece-nos” que poderá haver indícios de alteração dos objetivos a atingir. Com esta vitória a equipa de Gândara retificou a derrota que tinha sofrido na 1.ª volta, embora desta vez o equilíbrio verificado pelo menos até ao intervalo quando se verificava uma igualdade a 10 golos, tenha sido bastante mais elevado. De destacar neste encontro os 10 golos de Filipe Oliveira e os 7 golos de Luís Portela do Sismaria. Com este resultado a discussão no mínimo pelo 3.º lugar de apuramento para a Fase Final começa a ficar mais “quentinha”, nesta zona. O Boa Hora que voltou a vencer o Vela Tavira, com relativa facilidade, embora o resultado ao intervalo possa dar a ideia de algum equilíbrio que apenas foi aparente. Não existem destaques individuais em nenhuma das equipas, embora seja de assinalar que no Boa Hora, 10 jogadores concretizaram ocasiões de golo. Com este resultado o Boa Hora assume isolado o comando da zona, tornando-se num dos grandes favoritos ao apuramento para a Fase Final. No único jogo onde se verificaram ocorrências disciplinares, o Vitória FC foi uma das equipas que retificou o resultado da 1.ª volta, vencendo o neo divisionário Almada AC, por resultado final que não deixa duvidas quando á justiça da sua vitória, e que já se materializava ao intervalo com o resultado a seu favor de 14-10, este foi um encontro que colocou frente a frente dois dos mais históricos clubes da modalidade. Destacaram-se como marcadores no Vitória FC os elementos do costume, André Praxedes com 9 golos, Francisco Fuzeta com 8 golos e José Machuqueiro 7 golos, pelo Almada AC o suspeito do costume João Guerreiro com 9 golos foi o melhor marcador da sua equipa. No dérbi ribatejano vitória sem surpresa da equipa que esta época tem dado melhor conta de si, o ADC Benavente por números que não deixam dúvidas a ninguém sobre a justiça da sua vitória diante um Samora Correia longe do valor que normalmente costumava apresentar, com o resultado ao intervalo (21-12 a favor do ADC Benavente), já a ser um precioso indicativo do que seria o resultado final. De destacar a excelente moldura humana que costuma caracterizar estes encontros e que mais uma vez não fugiu á regra, registando o maior número de espectadores em todos os jogos das duas zona (400). António Cabaça com 14 golos foi mais uma vez o melhor marcador do ADC Benavente e do Jogo. Em Loures disputou um dos jogos com o resultado mais equilibrado da zona, com a equipa local o GS Loures a retificar também ela o resultado da 1.ª volta e a vencer a equipa da Torre da Marinha o IFC Torrense, o resultado ao intervalo que registava uma diferença de 3 golos a favor dos locais, o que nos demonstra o equilíbrio verificado durante os segundos 30 minutos deste encontro. Mais uma vez Zito Magalhães com 7 golos foi o melhor marcador dos locais, enquanto nos setubalenses foram 9 os jogadores a marcar. Com este resultado a equipa do GS Loures começa a afastar-se da zona perigosa, e a conquistar uma posição de manutenção, pois é nosso entender que não aspiram aa mais. A equipa insular do CD Marinhenses, voltou às vitórias, e confirmou o resultado obtido na 1.ª volta, mas desta vez em Ílhavo onde voltou a vencer a equipa local e desta vez folgadamente, embora ao intervalo apenas tivesse uma vantagem de 2 golos (13-11), salienta-se neste encontro mais uma vez António Cortez do CD Marienses com 9 golos. Com este resultado a equipa açoriana, mantém completamente intactas as suas aspirações a um dos 3 lugares que garantam o apuramento para a Fase Final. Uma das equipas que consideramos mais irregulares na competição o CDE Camões, venceu o Alto Moinho, confirmando o resultado da 1.ª volta, num jogo de grande equilíbrio que não é verdadeiramente refletido no resultado final, onde a equipa visitante vencia ao intervalo por 10-9. Com este resultado aparentemente o CDE Camões estará na discussão do 3º lugar de apuramento para a Fase Final, embora (na nossa opinião), colocamos a pergunta, será que estarão? Após esta jornada a classificação é a seguinte – 1.º Boa Hora (38 pontos), 2.º Benfica (37 pontos), 3.º CD Marienses (36 pontos), 4.º AC Sismaria (33 pontos), 5.º CDE Camões (31 pontos), 6.º ADC Benavente (30 pontos), 7.º IFC Torrense (27 pontos), 8.º Almada AC, Vitória FC e GS Loures (26 pontos), 11.º Ílhavo e Alto Minho (24 pontos), 13.º Vela Tavira (18 Pontos), 14.º Samora Correia (16 pontos).
 
O Banhadas Andebol

19 comentários:

Anónimo disse...

Ridicula a forma como o Banhadas fala do jogo em atraso Benfica "B"-Boa Hora...
Um jogo não pode ter poucos golos?? Quem viu o jogo sabe, um jogo em que o Boa-Hora fez, na primeira parte, um jogo defensivo brilhante para nao dizer perfeito! Na segunda parte os papeis inverteram-se, contudo, o Boa-Hora continuou a defender bem, menos bem que na 1ª parte, mas o suficiente para segurar o jogo! Quem viu o jogo sabe que foi um grande jogo defensivo! É pena é que os únicos protagonistas no andebol sejam os atacantes, quando encontramos um bom defesa parece que fechamos os olhos, e aparentemente, até o rebaixamos...mesmo que sejam duas grandes equipas....

Anónimo disse...

Começo por transcrever o escrito sobre o Boavista na crónica do "Banhadas":
"...No Jogo antecipado da jornada o líder da zona deslocou-se não ao bessa mas sim ao Colégio de Carvalhos onde defrontou a sempre complicada equipa do Boavista FC..."
Pois o problema vai ser daqui para frente, se já não estava nada facil apeser de sermos sempre uma equipa que "complica", quero ver como vai ser sem os tais jogadores que segundo dizem sairam ou vão sair em Dezembro, ou seja:
Confirmaram-me que o ponta esquerda já saiu este jogador era o melhor marcador da equipa até ao momento, responsável por 106 golos dos 377 que até ao momento temos, tive oportunidade de o ver jogar em alguns jogos, notava-se de facto que tinha / têm uma qualidade tecnica muito grande.
Outros 2 já abandonaram e se despediram da equipa, apesar de menos utilizados vão fazer falta;
Segundo parece existem ainda outros dois do "sete titular", que têm convites para sair e estão a ser altamente precionados para o fazer.
Ou seja como vai ser?
Vamos conseguir continuar a complicar?
Vamos ou não nos aguentar na 2ª Divisão.
Quero ter fé e acreditar que sim.

Anónimo disse...

Engraçado como o Benfica B desvirtua a Zona Sul. Contra algumas equipas apresenta o Estado Maior das Forças Armadas, contra outras apresenta uns Índios com uns arcos e uma flechas de madeira.

Anónimo disse...

O Samora Correia, depois ter andado a investir centenas de euros em jogadores de foram agora investe centenas num treinador. Treinador esse, que até voltou a jogar, mas num jogo em que se adivinhava a derrota simplesmente ficou sentado no banco de suplentes.

Uma humilhação gratuita foi protagonizada pelos jogadores da equipa do Benavente, naquilo que foi o bater no fundo da equipa do Samora. Alguns jogadores não mereciam, mas a sua direcção está a pagar caro as opções que foi fazendo tudo para querer ser líder ribatejano, algo que nunca conseguiu, nem perto chegou, quebrando mesmo muitos jogadores prata da casa.

Saudações!

Anónimo disse...

Então vai ver quem apresentou para este jogo contra o Boa-Hora e verificas que apenas faltou a presença do Moreno e David Carvalho

Anónimo disse...

Cheira-me, que estão a querer fazer a folha ao Marienses.

Anónimo disse...

O Banhadas está sempre muito preocupado com os resultados da Zona Sul, e gosta de tecer comentários, não sei donde porque nem está presente (há deve ler a ficha de jogo). Estou à vontade para falar até porque teoricamente este resultado até nem me interessava, mas estive lá, vi o que aconteceu, e só é estranho para quem não viu o jogo, como não seria estranho (patético?)se o Banhadas estivesse presente. Falar só por falar, e denegrir a honra das pessoas é muito fácil. Vamos ser sérios e se não se gosta da zona sul, não falem dela, falem só dos amigos da zona norte, sempre ficam todos em casa. BOAS FESTAS.

Anónimo disse...

Oh pa sinceramente espero que não e que desçam que é o que merecem pela forma como trabalham fora do campo! O campeonato vai a meio, já não chega a vergonha que foi o ano passado e sem qualquer escrúpulos continuam a convidar jogadores de outros clubes com despromoções e apuramentos ainda por decidir! S. Mamede, Académico, Santana ... vergonhoso!

Quem não sabe estar no desporto nem respeitar não merece ser respeitado ... ainda falta muito para o campeonato acabar! Boa sorte a todos menos ao Boavista!

Anónimo disse...

Sobre o Benfica e o Boa Hora antes de mais parabéns ao vencedor. Parece que no Benfica não estiveram alguns jogadores.

Como na Vida nem todos os resultados ou estratégias de gestão tem uma explicação ou não. Parece certo que independentemente da "profundíssima" técnica e do que se julga previsível, no Benfica diz-se que se joga sempre para formar e ganhar, mas também se perde sem querer...



Anónimo disse...

Não se metam no trabalho em Samora... O clube está de boa saúde. Em relação aos valores praticados ninguem tem a ver com isso!

Anónimo disse...

O jogo Camões - Alto Moinho: Dupla de arbitragem deixou-se levar pela experiência do camões. Foi notório o medo da dupla a tomar decisões no jogo... Sempre que decidiam era a favor do camões.

Anónimo disse...

Vocês caros amigos se querem jogar no Boavista pecam ao treinador para ir fazer uns treinos, com o tamanho da vossa azia não há clube que vos queira e no entanto vêm para aqui afogar as mágoas já que não sabem jogar o vosso trabalho é falar mal dos outros mas enfim. Estejam calado e apreciem o Boavista na segunda divisão para o ano. Beijinhos aziados

Anónimo disse...

Fala se tanto do que não se sabe em Samora
(eu não sou cobarde e assino)
João Pereira

Anónimo disse...

" Anónimo disse...

O jogo Camões - Alto Moinho: Dupla de arbitragem deixou-se levar pela experiência do camões. Foi notório o medo da dupla a tomar decisões no jogo... Sempre que decidiam era a favor do camões.

23 de dezembro de 2014 às 17:02"

Uiiiiiiiiiiii que medo que a dupla teve do Camões.
O jogo teve duas partes distintas:
Na 1ª o Alto Moinho cascou como quis e estava tudo bem.
Na 2ª foi cascado e queixou-se.
Sobre a "dupla" apenas referir que era só "upla", arbitro só vi um.

Anónimo disse...

Anónimo das 11:34 disse tudo! Cheio de razão...!
O Banhadas é errado para com a zona sul e esteve muito mal com os comentários tecidos ao jogo Benfica "B" com Boa-Hora... peço que cresçam, que olhem e critiquem por voçes, nao se deixem levar por isto...

Anónimo disse...

Uma coisa é certa esse resultado do Benfica B x Boa Hora levanta suspeitas, pelo menos para quem não viu e só olha para o resultado e pior ainda olhando para os parciais.
Mesmo que tudo tenha supostamente sido normal, as ????? ficam sempre, ainda mais conjugado com o resultado contra o Sismaria, parece que estão a tramar o Marienses, é lixado ter de ir ao Açores novamente, mesmo a FAP pode preferir que os Açorianos fiquem pela Fase Regular (já que não há Fase Complementar), evita despesas.
Podem dizer que isto são Teorias de Conspiração, mas podem acontecer, veremos o que o futuro nos diz...

Boas Festas

Anónimo disse...

Posso garantir que não aconteceu nenhuma conspiração contra ninguém no jogo Benfica "B" e Boa-Hora. Foi um excelente jogo defensivo e para quem foi ver foi optimo, pois os jogos ganham-se na defesa, e foi o caso deste jogo. Andebol não é golos apenas, pois quem tenta marcar quem pessoas a impedir que por vezes são melhor sucedidas (defesas). Não houve quaisquer conspirações, apenas um grande jogo pelas duas equipas (a nivel defensivo) mas melhor pelo Boa-Hora!

Anónimo disse...

benfica x boa Hora - uns dos piores jogos de andebol q vi ate hoje

Anónimo disse...

Então nem deves saber o que é andebol....