gal vence

Euro Sub-17 Femininos (Lituânia), Portugal Campeão Europeu após vencer a Lituânia 25-24 - Mundial Sub-19 Masculino Portugal vence Japão por 34-26 e fica em 7.º Lugar - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

domingo, 1 de fevereiro de 2015

Campeonato do Mundo Qatar – 2015 – XXXII

24.º CAMPEONATO DO MUNDO SENIORES MASCULINO
FRANÇA PENTA CAMPEÃ DO MUNDO
        
Terminou o 24.º Mundial de Seniores Masculinos, que decorreu no Qatar e terminou em 01 de Fevereiro de 2015, e que terminou com a justa vitória da França, que desta forma junta o título Mundial ao Europeu e ao Olímpico. Na final que disputou “com o Qatar Andebol Team”, que foi um jogo que mais vez teve uma arbitragem a “condizer” com tudo o que se passou anteriormente nos jogos com a equipa apresentada pelo País organizador, depois de nas 1/2 Finais, mais uma vez a equipa não lhe chamamos a seleção pois como alguém já disse será provavelmente o Team de Andebol do País organizador, foi “levada ao colo” por mais arbitragem, desta vez Sérvia, que mais parecia a dupla da Macedónia a dirigir este encontro. E assim chegou á final uma equipa que não é do Continente Europeu, fazendo história. Mas sobre esta equipa aconselhemos a uma leitura do texto que o jornal o Público, publicou e que subscrevemos na sua totalidade e pode ter acesso ao mesmo por este link. Isso apenas confirma tudo o que se escreveu e disse nomeadamente nas nossas crónicas, relativas a esta Fase Final do Mundial, onde teremos de enaltecer a qualidade das transmissões.
Mais uma vez se refere a importância de se informar (no nosso entender) que Portugal está representado nesta prova pela dupla de árbitros da IHF Duarte Santos / Ricardo Vieira, e que após terem dirigido 3 jogos na Fase Preliminar, cuja descriminação efetuámos em anterior crónica, apenas dirigiram mais um encontro, este relativo á Presidents CUP, o jogo que definia os dois (2) últimos lugares (Chile / Argélia) da classificação final. Não sendo sequer suplentes em nenhum jogo dos 1/8 final, nem em nenhum jogo dos 1/4 Final. Vindo aser suplentes em mais dois jogos que definam os lugares entre o 5.º e o 8.º lugar (Dinamarca / Eslovénia e o Alemanha / Eslovénia). Ao não serem nomeados para nenhum encontro nestas fases, nem como suplentes, pode-se ter várias leituras, algumas das quais poderão ser nitidamente especulativas, e enquanto nas nossas crónicas anteriores dissemos que ireiamos “…nós iremos pela mais positiva”, agora já não pensamos da mesma forma, depois de tudo o que assistimos, temos a consciência de que existem mais uma vez e neste Mundial isto tem sido por demais evidente, duplas “protegidas”, o que prejudicaram nitidamente a dupla Portuguesa, pois algumas das atuações que temos observado senão “foram” “parecem” feitas de “encomenda”, e já referimos algumas. A ser verdade a presença de dirigentes do CA no local, voltamos a perguntar, o que estão lá a fazer? Pois não se entende?
 
Sobre a arbitragem poderemos ainda dizer, que em 2013 a dupla Internacional de Leiria constituída por Ivan Caçador e Eurico Nicolau, que foi a dupla mais jovem presente neste evento, o que só por si, representa o futuro a nível Internacional. A sua presença saldou-se em terem dirigido 5 encontros (4 na Fase Preliminar e um nos 1/8 Final) ou seja, na nossa opinião a sua presença foi muito mais positiva. Nesta analise não poderemos omitir que a dupla portuguesa, ficou no grupo das duplas que dirigiram menos encontros (4) juntamente com as duplas do (Brasil, França, Lituânia, Suécia e Tunísia), e que apenas por comparação a dupla que dirigiu a final esteve presente em 8 jogos o dobro e  as polémicas duplas da Macedónia em 6 e da Sérvia em 5, sendo na nossa opinião a grande prejudicada a dupla da Dinamarca que dirigiu o jogo do 3/4 Lugar e era por toda a gente considerada a melhor dupla presente neste Mundial. 
 
Resultados:
1/2 FinalLusail Multipurpose Hall
Dia 30-01-15
Polónia 29 – 31 Qatar
Espanha 22 – 24 França
3/4 Lugar - Lusail Multipurpose Hall
Dia 01-02-15
Polónia 29 – 28 Espanha (C/prolongamento)
5/6 LugarLusail Multipurpose Hall
Dia 31-01-15
Croácia 24 – 28 Dinamarca
7/8 LugarLusail Multipurpose Hall
Dia 31-01-15
Alemanha 28 – 23 Eslovénia
FinalLusail Multipurpose Hall
Dia 01-02-15
Qatar 22 – 25 França 
 
Os jogos das 1/2 Final, 3.º e 4.º lugar e Final, são disputados no Lusail Multipurpose Hall, com uma lotação de 15.300 lugares. 
 
Classificação Final1.º França, 2.º Qatar, 3.º Polónia, 4.º Espanha, 5.º Dinamarca, 6.º Croácia, 7.º Alemanha, 8.º Eslovénia, 9.º Macedónia, 10.º Suécia, 11.º Islândia, 12.º Argentina, 13.º Áustria, 14.º Egipto, 15.º Tunísia, 16.º Brasil, 17.º República Checa, 18.º Bielorrússia, 19.º Rússia, 20.º Bósnia, 21.º Irião, 22.º Arábia Saudita, 23.º Chile e 24.º Argélia. 
 
Outros Prémios

MVP – Thierry Omeyer (França)
Melhor Marcador – Dragan Gajic (Eslovénia) – 71 Golos

Equipa Ideal

Guarda Redes – Thierry Omeyer (França)
Ponta Esquerdo – Valero Rivera (Espanha)
Lateral Esquerdo – Rafael Capote (Qatar)
Central – Nikola Karabatic (França)
Lateral Direito – Zarko Markovic (Qatar)
Ponta Direito – Dragan Gajic (Eslovénia)
Pivot – Bartosz Jurecki (Polónia)

O Noticias

17 comentários:

Anónimo disse...

Já somos pequenos, e com um CA destes vamos mesmo desaparecer. Ao Mundial só tinha que ir a melhor Dupla . Ivan e Eurico!!!

Jorge Almeida disse...

Lista de transmissões de jogos de Andebol na TV, Internet e Rádio previstas entre 2 e 8 Fevereiro 2015:

http://andeboltv.blogspot.pt/2015/02/lista-de-transmissoes-entre-02-08.html

Jorge Almeida disse...

Permitam-me fazer o meu balanço sobre este Mundial.

Concordo com a análise do Banhadas acerca da arbitragem. Por amor de deus, o que é que os sérvios, os macedónios (Nachevsky nojento) e estes checos têm que Santos e Vieira não têm? Padrinhos. O que é que a dupla madeirense fizeram que estas duplas não fizeram? Demonstraram saber o livro de regras. Parece que foram prejudicados pela boa arbitragem que fizeram num jogo que envolveu a Bósnia. Enfim ... Espero que isto não os faça desistir da arbitragem. Ir arbitrar o jogos dos últimos soa a humilhação. Estes meandros não os merecem.

Em termso de desilusões, nomeio as 4 equipas europeias que ficaram entre o 17º e o 20º. Facto inédito ... Mais à frente na classificação, a derrota dos croatas contra os Polacos pôs estes balcânicos numa posição que penso que têm plantel para mais. Mas aquilo não parece uma equipa, mas um conjunto de jogadores ...

Em termos de surpresas positivas, ponho a prestação dos alemães (foram bem mais à frente que o que pensei. Esfoçaram-se por mostrar que mereciam estar no Mundial depois da maneira como entraram), polacos, argentinos, egipcios e brasileiros. Acho que merece um louvor a prestação argentina e egípcia, pois apostaram em jogadores muitos deles só a jogar nos países de origem, contrariamente à estratégia brasileira de exportação de jogadores para a Europa (copiando a estratégia que aplicaram nos Femininos), mas depois olha-se para o Campeonato Brasileiro, e enfim ... Mas, mesmo assim, prefiro mil vezes a estratégia brasileira que o Qatar Andebol Clube, uma equipa levada ao colo (ou rebocada, como queiram) até à final por péssimas arbitragens. Para o habitualmente circunspeto Professor Fernando Pais ter falado disso mesmo bastas vezes na transmissão do jogo da final, está tudo dito.

Preocupa-me não ter visto referências a testes anti-doping durante a competição. Foram feitos? A quem? Com que critérios? Na equipa do Qatar, nunca tinha ouvido falar do Capote e do unico qatari de s«nascimento que apareceu a jogar a bom nivel. Donde é que eles surgiram? Onde é que habitualmente jogam em termos de clubes? Como é que surgiram a jogar a este nível agora?

Será que Saric vai aparecer a jogar no próximo Mundial pela 4ª selecção? Qual será, desta vez? Perante isto, o que Rutenka queria fazer aqui há uns anos parece ser uma brincadeira de crianças. É que, ao menos, o bielorrusso viveu mesmo na Bielorrússia, Eslovénia e Espanha. O Saric só conheceu o Qatar quando lá foi jogar pelo Barcelona no Superglobe.

Não corram com o faraó egípcio do seu palácio em Basileia, não, que vão ver o que acontece ao Andebol daqui a uns anos ... Tirem-no de lá enquanto é tempo, e coloquem lá alguém que saiba trabalhar em prol da nossa querida modalidade.

Anónimo disse...

Gostava de dizer que a participação da dupla Portuguesa foi um sucesso, mas para quem teve oportunidade de ver a sua atuação, percebeu que foi um fracasso, pois não estiveram à alturas dos jogos, principalmente do decisivo, onde, muito nervosos, meteram agua por todos os lados. A verdade é que não foram os únicos, pois preferi os erros deles aos roubos de outros.
Esta trapalhada de terem encostado a dupla de Leiria para colocarem estes foi mesmo uma coisa Kafiana que não lembra ao diabo, com excepção do diabo que gere a arbitragem nacional.
Quanto à deslocação do CA (quantos?)ao Mundial estou completamente de acordo, pois as grandes decisões tomam-se nestes encontros e se tu não estás presente és esquecido. Espero que a delegação Portuguesa tenha contado com a presença do presidente da FAP, pois se este não foi e foi apenas o CA, isso sim, é um escândalo.

Jorge Almeida disse...

Em relação aos adversários europeus dos clubes portugueses, nesta semana temos a seguinte situação:

Adversários do FC Porto:

1º) Na Bundesliga Alemã vai haver All Star Game na próxima 6ª (transmissão Sport 1 alemão), pelo que não há jogos do campeonato, logo não há Füchse Berlin nesta semana;

2º) Os sérvios do Vojvodijna Novi Sad vão jogar em Skopje (Macedónia) contra o Metalurg local para a SEHA GSS League no próximo Sábado a partir das 16:30 de Portugal Continental. Ainda não foi divulgada nenhuma transmissão deste jogo, talvez mais novidades quanto a isso na próxima 4ª feira.

3º) Os dinamarqueses do Skjern Håndbold vão jogar em casa no próximo Sábado para a Liga Dinamarquesa contra o KIF Kolding København, com transmissão em direto a partir das 16:10 de Portugal Continental no canal de TV Dinamarquês TV2, um canal conhecido dos habituais sítios na net onde algumas almas caridosas costumam deixar uns links para os menos afortunados verem as transmissões. Pode ser que Mick Schubert consiga traduzir os comentários dos comentadores dinamarqueses para Português :)

Adversário do ABC:

O HC Dukla Praha vai jogar em casa do HK Královo Pole a partir das 18:00 de Sábado, 7 de Fevereiro (Horário de Portugal Continental), a contar para a Liga Checa. O jogo prevê-se passar em direto no link http://hazena.tvcom.cz/Zapas/Soutez-Hazena-extraliga-muzi/Cast-Zakladni-cast/Pohlavi-Muzi/Sezona-2014-2015/37585-HK-Kralovo-Pole-HC-Dukla-Praha.htm. Os checos também costumam providenciar o jogo em diferido no mesmo link após o término da partida.

Adversário do SL Benfica:

O HB Dudelange vai receber no Sábado, 7-2-2015, pelas 19:00 de Portugal Continental, o HBC Schifflange, jogo a contar para a Liga Luxemburguesa. Não é provavel a transmissão deste jogo.

Jorge Almeida disse...

Divulgação de videos de acções de formação de treinadores:

1º) DHF Tophåndbold Symposium 2013 - Exercises for improving individual's ability to play in defense (Professor: Luka Panza - 75 minutos)

https://www.youtube.com/watch?v=L278ppaWuHY&index=5&list=PLdV2jEuBxUCkF3kUzxkQ6piCoihkugv5L

2º) DHF Tophåndbold Symposium 2013 - The Wing Players (Professor Paulo Pereira - 75 minutos)

https://www.youtube.com/watch?v=iqh9u_-TdbI&index=7&list=PLdV2jEuBxUCkF3kUzxkQ6piCoihkugv5L

3º) Paulo Pereira - The Wing players (Parte Teórica)

https://www.youtube.com/watch?x-yt-ts=1422579428&v=RPNkvoQDaFQ&x-yt-cl=85114404

4º) Paulo Pereira - Adaptive defense (Parte Teórica)

https://www.youtube.com/watch?v=JRSuVMSInA4&x-yt-ts=1422579428&x-yt-cl=85114404

Estas sessões são as unicas dum simposio organizado em 2013 pela Federação Dinamarquesa que foram dadas em Inglês. As outras palestras foram em Dinamarquês, lingua que não entendo nada.

Soube destes videos em consulta ao blogue do Professor Paulo Pereira. Aproveito para dar-lhe os meus parabéns.

Jorge Almeida disse...

Divulgação de acção de formação para treinadores de Andebol:

2º simpósio de Andebol:

http://www.andebolito.com/2ordm-simpoacutesio-de-andebol.html

Decorre no próximo Sábado, 7-2-2015, entre as 8:30 e as 19:00, em Lisboa

Anónimo disse...

E de repente com um golpe de malabarismo eis que o Sr Marreiros faz das suas, deixa os de Leiria em Portugal e patrocina a ascenção dos Madeirenses pro Mundial Masculino! Não só destrui todo o percurso, trabalho e objectivos da nossa melhor dupla, como também, com as exibições dos seus compadres na Mundial, poderá ter destruido também a dupla da madeira. o futuro o dirá!
Para já fica espelhada nesta nomeação a vergonha de CA que temos em Portugal. E a Federação conivente!
Valeu a pena? O jogo que decide o 23º e 24º lugar do Mundial normalmente é arbitrado por duplas de fora da europa pois são normalmente as mais fracas!
Estava a dupla bem preparada? Qual foi o apoio do CA antes da ida ao Qatar? QUe jogos arbitraram em Portugal para se prepararem?
O que é que forma elementos do CA fazer ao Qatar?
Porque é que a dupla ficou até ao fim sem arbitrar mais nada? Mau demais terminar um Mundial a apitar os ultimos classificados.
Terminada a prova é hora da FAP e do CA fazer um balanço desta manobra!
Alguém internamente os promoveu; alguém externamente os apoiou, publicitou e patrocinou...
Assumam agora a responsabilidade!
Demita-se sr Presidente do CA! Faça um favor ao nosso andebol e não destrua mais duplas

Anónimo disse...

Nem sei o que dizer sobre o que foi escrito sobre o Mundial do Qatar, serão os bloguistas tão novos assim??? Foi so no Qarar que Seleçoes foram levadas ao colo? Muitas historias haviam por contar de Mundiais passados e ja agora Europeus. Ate posso afirmar que nem foi muito mau em comparação. Sobre a arbitragem, costuma dizer se no tecto é assim o que acontece por ai abaixo loooool.

Anónimo disse...

Aí está a SACANAGEM toda a tocar bombo da orquestra de Leiria.
Uma palavra aos homens de Leiria cujo nível se mantem intocavl.
Mas também um apelo aos homens da Madeira para levantarem a cabeça porque o simples fato de terem sido nomeados deixaos Internacionais da Farinha Amparo oriundos da zona a norte do Mondego.
Aos homens SÉRIOS do andebol, resolvam depressa a situação das nossas seleções serem apuradas para estes eventos e deixem de pensar que algum reles Pres.do CA possa ter influência a nível da IHF.
Solicito algum orgulho e verticalidade a quem SABE EM VERDADE as causas do afastamento da dupla de Leiria, que o venha aqui dizer e pare esta expeculação, pois caso contrário esta a contribuir para que os árbitros e dirigentes de AVIARIO da zona de LEIRIA,GUIMARAES e BRAGA, continuem em bicos de pés a fazer 15 ou mais exclusões, como se o nosso andebol fosse eternamente um jogo entre Custóias e Monsanto.
ATENTO

Anónimo disse...

Anónimo das 11.06: alguma coisa está errada, pois afirma que o A. Silva esteve no Qatar, entretanto no portal da FAP diz que ele esteve na Chamusca e na V. N. da Barquinha, na sexta feira a assinar um protocolo e no sábado vi-o no ABC - Benfica. Será que o homem se move à velocidade da luz?

Anónimo disse...

Andam aqui uns "ATENTOS" que de tanta raivinha ainda mordem a língua e caem para o lado mortos com o próprio veneno.
Falam em o CA ter encostado a dupla de Leiria para apoiar a da Madeira.
Nutro tanta amizade pelo presidente do CA como aqueles que lhe chamam BUDA, mas das poucas decisões que tomou acertadas foi, com a sua experiência como arbitro, ao saber que a dupla de Leiria estava "MORTA" tratou de mandar a outra para a frente.
O que pode a IHF fazer quando, num determinado jogo em que estavam a observar uma dupla de árbitros, esta,decide nos últimos segundos puxar dos seus galões, como faz tantas vezes no seu país, sem olhar a Lei da Vantagem( a tal que define os BONS árbitros)marcar 7 metros e 2 minutos. Na altura ficaram lindos no vídeo.
AZAR. O marcador falhou e a sua equipa falhou o apuramento.
Tudo isto a "JOVEM" dupla sabe porque tendo cometido um erro de arrogância lhe foi dito pela IHF.
O que até aqui foi escrito, salvo um ou outro pormenor esta no conhecimento dos interessados.
Os não interessados continuam a assobiar para o lado.
Como arbitro ainda em atividade defendo acima de tudo a verdade.
E mais tarde se tiver possibilidade de chegar mais alto, gostaria de ser tratado como a dupla madeirense,
Um abraço para eles

Anónimo disse...

se querem meter veneno, metam mas sejam realistas e corretos, pois nem o Augusto Silva nem o Ulisses estiveram no Qatar, e mais deveos é dar graças por ter dus duplas de grane qualidade na IHF, a de Leiria e a da Madeira, provavelmente não merecem +e os dirigentes que têm, pois são na realidade uito fraquinhos, e o andebol precisa de alguem que possa não passear a vaidade, mas que sinta a arbitragem e o andebol, façam um grande favor á arbitragem e enalteçam os nossos árbitros a nivel Internacional, pois provavelmente se tivessem o mesmo procedimento de alguns em todos os mundiais, iam bastante longe e mais nºao digo, mas não assimo com as Iniais de outro, não assino nada pura e simplesmente.

Anónimo disse...


Não sei se o Ulisses e o Augusto Silva estiveram ou não no Qatar. Não sei se o Marreiros também lá esteve, mas sei uma coisa: se não estiveram deveriam ter estado! Deviam ter estado porque é nos grandes palcos que se tomam as grandes decisões e quem não está não é lembrado. Deviam ter estado porque indiscutivelmente cada um a seu modo são hoje a face visível da nossa modalidade. Deviam ter estado se mais não fosse como prémio por terem conseguido trazer para o andebol e para a arbitragem um novo andamento, melhorando a olhos vistos a dinâmica do andebol. Deviam ter estado porque quem trabalha merece recompensas e estes três merecem-nas de certeza absoluta.
Não simpatizo da passividade do Ulisses, com a agressividade do Augusto Silva, com a arrogância do Marreiros. Mas possivelmente a passividade de um, a agressividade de outro e arrogância do terceiro são a receita para que o andebol seja como é hoje uma modalidade tesa financeiramente mas reconhecida como a modalidade com melhor imagem e dinâmica a seguir ao futebol.
Sei que vou ferir suscetibilidades mas estou no andebol há 20 anos e seguramente esta direção da FAP é para mim das melhores de sempre.
Infelizmente nem tudo são rosas e há alguns aspetos que deviam melhorar. Um deles é que é mais fácil a qualquer dirigente ou treinador falar com o deputado Ulisses ou com o A. Silva, do que falar com os funcionários da FAP. Estes atendem chamadas ou devolvem as chamadas, os funcionários nunca estão, estão sempre em reunião ou seja lá o que for. Esta razia começa no Dr. Miguel Fernandes que é incontactável e estende-se à maioria dos funcionários. Até a telefonista atende o telefone por favor.

O Banhadas Andebol disse...

Alerta-se que não foram aceites, comentários que continham frases ou palavras menos próprias, e ainda que foram eliminados alguns por conterem declaradamente mentoras no seu conteúdo, e que foram confirmadas á posterior, e este será sempre o procedimento adoptado. Assim apelámos a que todos os comentários sejam qual for o item em que seja inseridos, sejam feitos para que possam ser publicados, e não contenham no seu conteúdo, mesmo que dissimuladamente temas menos verdadeiros.

Anónimo disse...

Boa Henrique Silva é assim mesmo! Não os deixes dizer mal de ti!

Anónimo disse...

O Silva parece o sensor do Regime ele até tinhas laivos de Sindicalista mas era só para parolo ver !

Hangar 13