gal vence

Fim de Semana com as Super Taças - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

domingo, 19 de abril de 2015

Competições Europeias 2014 / 2015 – XXXXVI – No Masculino

Mais um fim-de-semana com a participação das equipas portuguesas nas competições Europeias no Masculino com a disputa da 2.ª Mão dos 1/2 Final (6.ªEliminatória) da Challenge CUP, onde participam as equipas do ABC e do Benfica. 
 
Masculinos
 
CHALLENGE CUP
ABC VENCE ELIMINATÓRIA
(ESTÁ NA FINAL)
Depois da vitória no Flávio Sá Leite, e com uma enorme carga de jogos o ABC, deslocou-se á Noruega, para defrontar o Stord Handball , num jogo que apesar da vantagem adquirida no jogo da 1.ª Mão, não seria fácil, como se veio a verificar, apesar da derrota sofrida por 27-25, foi ”mais do que suficiente”, para mais uma equipa Portuguesa marcar presença na fina desta prova. O jogo foi de grande equilíbrio, e por vezes causou alguma preocupação, quando os noruegueses chegaram a ter 4 golos de vantagem, como por exemplo cerca dos 34 minutos (15-11), depois de uma 1.ª parte de grande equilíbrio, mas mais vezes com a equipa da casa, no comando do marcador depois de um começo prometedor do ABC que aos 10 minutos vencia por 6-5, e chegou ao intervalo a perder somente pela diferença mínima (12-11). No segundo temo além do diferencial e do tempo que já referimos, de referir a sucessão de sanções aplicadas a João Paulo Pinto, que terminaram na desqualificação do mesmo, quando ainda só estavam decorridos, cerca de 38 minutos. Cerca dos 45 minutos os noruegueses voltaram a ter 4 golos de diferença (19-15), no entanto a equipa bracarense reagiu com um extraordinário brio e após um parcial de 5-0 em 6 minutos, cerca dos 50 minutos coloca-se na frente do marcado por 20-19, seguindo-se um período de grande equilíbrio, até que aos 57 minutos se regista nova igualdade a 27 golos, através de uma excelente ação de Hugo Rocha. Depois até final foi gerir emoções e o marcador. Ricardo Pesqueira e Nuno Grilo com 7 golos foram os melhores marcadores da equipa, pela equipa norueguesa, foi o dinamarquês Jasper Traberg com 8 golos foi o seu melhor marcador.
 
Resultados
1.ª Mão
ABC 25 – 18 Stord Handball (Noruega)
2.ª Mão
Stord Handball (Noruega) 27 – 25 ABC

BENFICA ELIMINADO
(PERDE JOGO DA 2.ª MÃO)
O Benfica, depois de ter perdido na Roménia por 2 golos de diferença, jogava esta 2.ª Mão com sérias e justas esperanças, em dar a volta ao resultado, mas para isso acontecer, tinha de se apresentar ao seu melhor nível, face á qualidade e experiencia demonstrada pela equipa romena, além disso os seus jogadores, nomeadamente Tiago Pereira e Carlos Carneiro, especial no 2.º tempo, deveriam preocupar-se mais em jogar a fazer jogar a equipa do tentar jogar para provocar exclusões dos adversários e com esta atitude prejudicaram nitidamente a sua equipa. O Benfica, ainda por cima, sofre algumas exclusões, verdadeiramente “infantis” como por exemplo a exclusão de Tiago Pereira ao atirar a bola para longe. Teremos ainda de dizer que a equipa portuguesa depois de ter realizado um 1.º tempo, com alguma qualidade, mas com bastantes dificuldades, conseguiu equilibrar o resultado, chegando ao intervalo a vencer por 2 golos (15-13). No segundo tempo o Benfica sofre um parcial de 7-1 em 13 minutos, com os romenos a cerca dos 43 minutos a colocar o resultado em 21-16 a favor dos romenos. Durante este período os maus passes. As más receções, a falta de remates, e um sistema atacante que não conseguia meter a bola no pivot, e uma defesa, que não suportava os atacantes romenos, justificaram o resultado final. Na equipa encarnada António Areia com 8 golos foi o seu atleta em maior evidência e que menos merecia este resultado, apesar de tudo Carlos Carneiro, bem abaixo do que tem produzido ultimamente ainda obteve 4 golos, perante uma das melhores assistências nos últimos tempos no pavilhão da Luz. Naequipa romena o guarda-redes romeno Levente Azabo, enquanto e mais uma vez, o georgiano Vladimir Rusia com 8 golos foi o seu melhor marcador, seguido pelo romeno Ionut Ramba com 5 golos. O Jogo foi dirigido por uma dupla da Ucrânia constituída por Taras Kouzz e Viktor Zhoba, que demonstrou estar num dia menos positivo, pois a sua atuação foi bastante infeliz, sem critério disciplinar, permitiam jogo passivo, permitiram faltas sobre a regra 8, sem qualquer sanção. Lei da vantagem não existiu, faltas dos atacantes assinaladas sem critério. Para terminar este negativismo, tiveram um delegado ao jogo de nacionalidade austríaca (Gerhard Reisinger), que só complicou e inventou uma exclusão por entrada de um jogado a mais que nunca existiu, e deu origem a uma exclusão completamente indevida.

Calendário
1.ª Mão
Handbal club Odorhei (Roménia) 31 – 29 Benfica
2.ª Mão
Benfica 25 – 27 Handbal club Odorhei (Roménia)
 
A Final que conta com a presença de uma equipa portuguesa o ABC, será disputada a 1.º Mão em 16/17-05-15 e a 2.ª Mão em 23/24-05-15, com o sorteio previsto para 21-04-15.
 
O Noticias

27 comentários:

Anónimo disse...

A diferença do 19-15 para o 19-20 que decidiu a eliminatória logo ali deveu-se a um time-out pedido por Resende.

O trabalho no banco deste ABC é a todos os níveis excepcional..

Jorge Almeida disse...

1º) Parabéns ao ABC pela passagem à final da Taça Challenge.
Já agora, tragam o caneco.
Pena a derrota de hoje, sempre eram mais pontos para o ranking das equipas nacionais.

2º) Parabéns às nossas meninas Sub 19 pelo apuramento para o próximo europeu.

3º) Lamento a não passagem do SL Benfica à final da Taça Challenge. Pena a derrota de hoje, sempre eram mais pontos para o ranking das equipas nacionais.

4º) Um contributo para a discussão que te aparecido sobre o modelo do Play-Off, suas vantagens e desvantagens (em Castelhano);

"El Gerente de la Bundesliga propondrá los Play-Offs para la Liga germana"

http://www.cope.es/Blog-COPE/blog-De-Rosca/El-Gerente-de-la-Bundesliga-propondra-los-Play-Offs-para-la-Liga-germana.html

Trata-se dum artigo do nosso conhecido Luis Malvar, jornalista da rádio Cadena Cope de Espanha que se debruça muito sobre os temas do Andebol.

Anónimo disse...

Parabéns ABC!
Vamos lá tentar trazer a Taça, com muita raça, empenho e humildade!
Não se cumpriu o desejo de Carlos Resende: os lampiões foram de vela... Pelo menos ninguém poderá dizer que os lampiões têm comportamentos irregulares, são certinhos como um relógio suíço: prova em que participem é prova que não ganham! Sem alpelo nem agrava...

Anónimo disse...

http://www.record.xl.pt/Modalidades/Andebol/interior.aspx?content_id=943428

Anónimo disse...

Este Benfica precisa de limpeza já. Uma autentica vergonha.

Anónimo disse...

Muitos parabéns ao ABC.

O SLB perdeu porque:

A equipa romena foi superior, mais maturidade e uma interpretação pragmática do jogo moderno. Bons executantes, grande disponibilidade física, ao estilo da Europa central, escola de leste, identidade que o Andebol nacional nunca teve. O que é jogar "Benfica" ?

O SLB com falhas técnicas e erros, que surgiram frequentemente ao longo da época. Na hora da verdade não pode acontecer.

Onde anda o público benfiquista ? Ontem no hóquei o pavilhão estava cheio e o Andebol... meia casa ou menos.

Urgente tirar conclusões e perceber o que falhou e as responsabilidade. A começar pelo coordenador prof. Carlos Cruz. O treinador precisa de tempo. Nesta época triste e de desorientação sem títulos parece ser necessário encontrar alguém que seja uma referência do Mundo do Andebol, de elevada credibilidade, vitorioso, com grande autoridade, exterior ao clube.

A actual formação não será solução a curto/médio prazo. Repensar os valores, o acompanhamento e a captação.

Mais uma vez, a responsabilidade não foi dos árbitros ou do delegado.

Força ABC.

Anónimo disse...

Por muito fraca que ache a equipa do slb. Houve um erro da mesa....

Anónimo disse...

lamentáveis atitudes dos Carneiro e Tiago. Estes senhores envergonham o Benfica e o País. Com uma dupla em condições não acabavam o jogo. Gostei particularmente das agressões do Tiago no final do jogo

Anónimo disse...

Excelente participação das 2 equipas portuguesas e com destinos diferentes, o ABC chega pela primeira vez à final e o Benfica ficou por caminho por erros próprios e a merecer uma reflexão sobre o seu futuro e as pessoas que dirigem a modalidade.
Recordar que o Sporting já foi vencedor desta prova e o seu treinador era o Prof. Paulo Faria e o Sp.horta foi finalista vencido.
Boa sorte ABC e as noites ou tarde de maré cheia na ARENA de BRAGA vai voltar por excelentes motivos.
Abraço a todos na pessoa do Pres. José Nogueira que entrou bem no Clube e já fez história para a modalidade, à dupla técnica Carlos Resende/ Carlos Ferreira e todo o plantel brilhante nos resultados nesta competição.
ADC

Jorge Almeida disse...

Lista de transmissões de jogos de Andebol na TV, Internet e Rádio previstas entre 20 e 26 Abril 2015:

http://andeboltv.blogspot.pt/2015/04/lista-de-transmissoes-entre-20-e-26.html

Anónimo disse...

Quanto ao pouco público na Luz (houve quem fizesse a comparação com o Hóquei do dia anterior), é bom lembrar que não há público de andebol nos grandes (quer dizer, há uma pequeníssima minoria), bem como não há público de hóquei, basquete, berlinde,... Os benfiquistas, portistas e sportinguistas não são adeptos de modalidade nenhuma, incluindo o futebol. No futebol vão aos jogos como se fossem à guerra, que se lixe o jogo, o que interessa é ganhar. Nas outras modalidades só aparecem quando acham que vão ser campeões, para se poderem vangloriar. Além disso são adeptos que só costumam ir ao futebol e, quando chegam ao andebol portam-se como se estivessem no estádio.
Adeptos a sério são os que vemos na Alemanha, Dinamarca, Espanha ou países de Leste. São aqueles que percebem o jogo, sabem pressionar nos momentos decisivos e vibram com as jogadas. Por cá há raríssimas excepções. Certa franja de adeptos do ABC, Águas Santas e pouco mais.

Anónimo disse...

A equipa romena é muito poderosa.
O erro da mesa ocorreu.

Mas o SLB fica a dever a si próprio e às suas falhas técnicas a eliminação.

Jogadores há que não sentem aquela camisola!Não há garra.

Jogadores houve que tiveram outras preocupações que não jogar para marcar e ganhar!Depois de assegurado isso teriam tido tempo para "acertar contas" e queimar tempo e ganhar exclusões!

Publico diminuto e sem atitude/cultura desportiva. Imagens muito feias no final para com os jogadores/equipa vencedora!

... Foi pena!

Anónimo disse...

A reflexão sobre as outras modalidades que não o andebol é conhecida e antiga. Evidências: o Benfica Porto Hóquei encheu o Pavilhão e uma semifinal europeia de Andebol não. Efectivamente há pavilhões que ficam "compostos", outros muito longe, como o do Andebol do Benfica, onde se junta alguns adeptos da modalidade, atletas, pais, ocasionais e adeptos do football. As questões de fundo são várias, a começar pela cultura desportiva da modalidade, que não existe....mas que se vê noutros clubes como uma referência da cidade, da região.

Noutros países, o adepto entende a modalidade, é respeitado, o clube é o prolongamento da família e da comunidade. É interessante ver alguns clubes potências europeias, com origem em cidades de média dimensão. Por cá temos jogos do PO1 e PO2 com menos de 100 adeptos.

Quanto ao Benfica, queixa-se do delegado, talvez com razão. Mas os Romenos foram superiores.

Sugestão: olhar para dentro e coragem !




Anónimo disse...

Parabéns ao ABC, que apesar de esta ser uma prova da 3ª divisão internacional conseguiu ir à final, o que é um grande feito, visto que o ABC também é uma equipa fraquinha.
Não se iludam quanto ao valor das nossas equipas por terem chegado tão longe, pois pelo que se viu, só mesmo a equipa Romena é que tem algum, repito, algum valor!
A prova que esta prova é fraca está no facto de até o Paulo Faria, que como treinador é fraco, como ainda se viu este fim-de-semana, já ter ganho esta prova.

Anónimo disse...

anónimo das 12:34- É engraçado ver que na sua opinião é tudo fraco..

O Faria foi jogador do melhor treinador que alguma vez se sentou num banco em Portugal (Donner) e com ele aprendeu muito, tendo inclusivê jogado uma final da Liga dos Campeões, algo que nem daqui a 100 anos uma equipa Portuguesa conseguirá.

Para mais provas basta ver o que o Paulo tem feito no Águas Santas para se perceber que a qualidade está lá..

Veja o nível a que evoluíram esta época entre outros Pedro Cruz ou Rosário (que tinha estagnado desde que chegou ao FCP)

Anónimo disse...

O comentário do comentadeiro das 12:34 só pode ter uma definição: lamentável e asqueroso! fraquinho é o sr como portuguÊs e adepto do andebol...

A sua modalidade é? Criquet? Xadrez?

Anónimo disse...

O SLB , também já está de FÉRIAS .....

Não esquecer que o Aguas Santas eliminou esta equipe o ano passado nos quartos .

Anónimo disse...

Prof, o ABC chega pela 2ª vez à final da challenge... e a primeira não foi assim há tanto tempo!

graças a deus que já não tem oportunidades de dar calinadas deste calibre (e outras bem piores) em contexto de aula.

tó zé

Anónimo disse...

20 de abril de 2015 às 12:34
anónimo!

Tudo fraco na Taça Challenge menos os teus comentários! sabes és mesmo fraco ou mesmo muito fraco !.. não tens ponta por onde se pegue.
As competições internacionais são sempre difíceis e chegar á final complicado.. mas há competições mais fortes mas a realidade dos orçamentos não permite chegar lá!
ÉS MESMO MUITO FRAQUITO?.

Anónimo disse...

A Challenge é a prova a que podem aspirar equipas PORTUGUESAS porque, o nosso andebol é de terceira linha. Realidade!
O clube campeão á vários anos no país esforça-se e mata-se todo mas, veja-se que este ano nem na EHF passou, quanto mais na liga de campeões. A nossa seleção igualmente tem de tentar e, já muito se fez quanto é juventude e mudança de mentalidades! Mas, vai demorar um tempo e é preciso que, apareçam valores! ... E que se aposte neles!

O Benfica foi prejudicado e "roubado" sentindo-se que a dupla de curiosos do apito, eram anti-casa. Agora que cometeu erros de menino, cometeu! No final do jogo e se pegarem nas imagens dele, Tiago apanha uns quatro\cinco jogos e Carneiro um. De certeza! Só se aproveitou A. Areia!

Só me apetece gritar ganhem A.B.C.! Se depois se repetir o jogo dado a gravidade da falha de mesa e árbitros... Que ganhe o melhor de Benfica e ABC!


Anónimo disse...

A Challenge é a prova a que podem aspirar equipas PORTUGUESAS porque, o nosso andebol é de terceira linha. Realidade!
O clube campeão á vários anos no país esforça-se e mata-se todo mas, veja-se que este ano nem na EHF passou, quanto mais na liga de campeões. A nossa seleção igualmente tem de tentar e, já muito se fez quanto é juventude e mudança de mentalidades! Mas, vai demorar um tempo e é preciso que, apareçam valores! ... E que se aposte neles!

O Benfica foi prejudicado e "roubado" sentindo-se que a dupla de curiosos do apito, eram anti-casa. Agora que cometeu erros de menino, cometeu! No final do jogo e se pegarem nas imagens dele, Tiago apanha uns quatro\cinco jogos e Carneiro um. De certeza! Só se aproveitou A. Areia!

Só me apetece gritar ganhem A.B.C.! Se depois se repetir o jogo dado a gravidade da falha de mesa e árbitros... Que ganhe o melhor de Benfica e ABC!

Anónimo disse...

É fantástico que o ABC tenha chegado à final da Challenge. Seria ainda melhor se a ganhasse, o que esperamos todos que aconteça. Não acredito que isso aconteça, porque a equipa Romena joga andebol e as equipas Portuguesas jogam com truques! O ilusionismo é bom à 1ª porque surpreende, mas dificilmente engana duas vezes!
Vamos ser realistas: nem a EHF sabe que esta taça existe! É efetivamente de 3ª divisão e a única prova a que podemos aspirar, pois equivale ao nível do nosso andebol!
Quando vimos o Porto a baquear na fase de grupos da EHF, sendo o Porto como é, a equipa mais cotada no país, o que podemos aspirar?
Temos anos de caminho para percorrer e confesso que não vejo jeitos de isto endireitar, porque tal como no futebol temos meio mundo a tentar destruir o outro meio.
O andebol ficou um caos depois do conflito com a Liga e nunca mais se endireitou. A prova disso é que tínhamos uma direção acabada de ser eleita e já tínhamos um candidato a anunciar-se ao próximo ato eleitoral que decorria apenas daí por três anos. Como pode o andebol aspirar a ser grande, se aqueles que dizem gostar dele o destroem todos os dias?

Anónimo disse...

A minha modalidade é o andebol ( praticante, dirigente, pai de atletas etc, etc, ) e o meu clube é desde sempre o Benfica... Dito isto o meu sentimento é.... A equipa de seniores A do Benfica deve de acabar durante 2 anos... Irem absolutamente todos para a rua....E começar de novo e com gente nova daqui a 2 anos! Não há outra hipótese, por vezes é necessário dar 1 passo atrás para dar 2 á frente! Daqui para a frente será....Força ABC... Força Sporting ! :-)

Anónimo disse...

O Benfica desde a saída do Alex.Donner esta sem treinador há anos que se pode esperar, não basta ser benfiquista para treinar a qualquer preço! é preciso saber e fazer para conquistar títulos como o Matos Moura, Ângelo Pintado, António Cunha, Obradovic, Paulo Pereira e Carlos Resende,José Magalhães.
Vale a pena decidir a nova estrutura directiva e Técnica o resto está no balneário..
Benfiquista
Cruz Quebrada

Anónimo disse...

O problema do Benfica está na vontade que os jogadores demonstram durante os jogos. Jogar daquela forma uma meia final de uma competição europeia é inadmissível e deve levar a tomar alguma atitude no futuro. O plantel é "chefiado" por um Carlos Carneiro que já devia ter deixado a Luz há algum tempo. Para além de um ordenado astronómico e dos ares de vedeta é um destabilizador de balneário. Alguém tem dúvidas de que ajudou a correr com o Donner (coitado! trabalhava muito!)! Os guarda-redes pouco ou nada contribuem para a equipa (é inacreditável a forma como Hugo Figueira é por vezes batido). Pedroso faz um jogo... leva um toque... e fica de fora um mês... recupera... faz um jogo e mais do mesmo!). Borragan é muito mau a defender e tem alturas que é pior a atacar! Depois temos Arse (muito limitado), Pais (fraquito), Areia (tem dias), Costa (matacão), Moreno (a subir), Ronny (expectável), Dario (já foi!)... e mais uns quantos ainda inexperientes ou demasiado fracos para uma equipa que ambiciona vencer! Isto já para não falar do corpo técnico, com um treinador sem grandes provas dadas no seu país, dirigentes que colocam os "seus" projectos à frente de tudo e um presidente de secção que é uma nulidade. Já alguém se interrogou porque é que o andebol do Benfica não tem um treinador português credenciado? Porventura porque ninguém quer ir para lá cumprir ordens. É mais do que tempo de abdicar, em consciência, de vencer e preparar o futuro, construindo uma equipa e não uma manta de retalhos com jogadores sem categoria. Quanto ao público. Bem, como é que alguém quer ir ver jogar uma equipa (por muito benfiquista que seja), que, nos últimos anos, foi a única das modalidades que não venceu um campeonato! Aliás, nos últimos 20 anos, venceu um (2007/2008). Querem modelos, vejam o FC Porto, a garra, a ambição, a construção de uma equipa, o sistema de jogo. O que se coloca é que se quer fazer do Benfica um histórico da modalidade... que nunca foi! Aí encontram-se o Porto (mais em evidência nos últimos anos), o Sporting (sempre presente) e o ABC (um mito).

Anónimo disse...

O comentário de 22 de Abril às 18:32 dá uma perspectiva da cultura, problemas e questões do andebol benfiquista.

Quem não mudar, exigir a mudança ou executar as alterações de fundo custe o que custar, corre o risco da aceitar o estado do Andebol no Benfica e nada mudar porque há sempre uns sábios, teóricos e do poder a quererem mudar pouco ou devagar para ficar na mesma.

Anónimo disse...

consta-se que alguém com conhecimentos e força para endireitar o andebol no benfica foi convidade e recusou, porque parece que queria fazer uma grande linpeza e aí alguèm tremeu, e parece que não ía sózinho, levava algu+em da sua inteira coniança e ainda por cima befiquista dos sete costados.

Eu em nome do andebol e do benfica pedia-lhe que reconsiderasse grande comanheiro e amigo.