gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

domingo, 26 de abril de 2015

PO03 – Crónica de Fim-de-semana – 08 – 2014 / 2015



Breve crónica da PO03, referente á 2.ª Fase desta prova nacional não fixa, que iniciou a 2.ª volta desta Fase.
 
PO03 – Campeonato nacional da 3.ª Divisão Seniores Masculinos
 
Repetimos esta informação por a considerarmos de extrema importância – “Esta prova sofreu uma forte alteração regulamentar que comunicada através do Comunicado Oficial n.º 68 de 25-02-15, para a qual chamamos a atenção.”. 

  • Apenas disputam a Fase Final os 1.ª’s Classificados de cada zona, juntamento com o Campeão dos Açores.
  • Apenas sobem á 2.ª Divisão Nacional os dois (2) primeiros classificados das Zonas 1 e 2.
2.ª Fase
 
Zona 2 – 8.ª- Jornada
CD Mafra 28 - 31 Oriental Lisboa
Batalha AC 13 - 24 Juventude Lis
Zona Azul 28 - 25 1.º Dezembro
CF Sassoeiros 30 - 23 NA Redondo 
 
Disputou a 8.ª jornada da prova, que assinala o início da 2.ª volta desta fase. Onde se verificou que dois resultados, foram retificados em relação á jornada homóloga da 1.ª volta. Destaca-se ainda o facto de ter sido uma jornada sem qualquer registo de ocorrência disciplinar.
 
Nesta zona, verifica-se, semana após semana, uma total confirmação, do temos vindo a afirmar, em relação ao equilíbrio com que está a ser disputada, em especial na disputa dos seis (6) primeiros lugares. Pois na nossa opinião, tanto o Batalha AC, que voltou a perder desta vez com a Juventude Lis, num resultado, que “esquisito”, em especial no segundo período de jogo, depois de um primeiro tempo de grande equilíbrio que terminou numa igualdade a 10 golos, os homens da batalha, apenas concretizaram 3 golos nos segundos 30 minutos, no mínimo, consideramos esquisito, e é um dos jogos em que termos disciplinares, presumimos que não se registaram ocorrências. Com este resultado a equipa do Batalha AC, continua sem registar qualquer vitória até ao momento. O Melhor marcador do encontro e da Juventude Lis foi Rui Pereira com 7 golos, numa equipa onde 11 atletas marcaram golos. Outra das equipas que igualmente na nossa opinião está afastada da discussão dos lugares que podem proporcionar ou acesso á Fase Final ou á subida de Divisão é o CD Mafra, que nesta jornada voltou a perder, com o Oriental Lisboa, e continua nos últimos lugares com apenas uma vitória, num jogo onde a equipa lisboeta, tem vindo a efetuar uma prestação acima das espectativas (na nossa opinião), com o resultado ao intervalo a ser já favorável aos lisboetas por 13-9, para no segundo período ser disputado com um maior equilíbrio. Paulo Galrão do CD Mafra com 10 golos foi o melhor marcador do jogo e da sua equipa, enquanto no Oriental Lisboa, Paulo Teves com 8 golos, Bruno Luz e Diogo Duarte ambos com 7 golos foram os melhores marcadores do Oriental Lisboa. Tivemos uma retificação de resultado, com a equipa do 1.º Dezembro a sofrer a sua segunda derrota, diante uma equipa, que após ter começado a prova menos bem, tem vindo a subir de rendimento, estamos a referir-nos aos alentejanos do Zona Azul. Ao intervalo o Zona Azul, jogando como visitado, já vencia ao intervalo por 17-12. Hugo Estanque com 7 golos foi o melhor marcador da equipa alentejana, enquanto, Diogo Simão igualmente com 7 golos foi o melhor marcador da equipa de queijas. O CF Sassoeiros, foi outra das equipas que retificou o resultado, então verificado na jornada homóloga, da 1.ª volta, e tem sido uma das equipas mais irregulares nesta competição (na nossa opinião), desta vez venceu a outra equipa alentejana o NA Redondo, e ficou numa posição onde até final da prova ainda poderá ter uma palavra a dizer, em especial em relação aos lugares de subida. Este foi um encontro disputado com grande equilíbrio, onde o resultado ao intervalo, apenas era favorável a CF Sassoeiros pela diferença mínima (14-13). João Pinho e Ricardo Simão ambos com 7 golos foram os melhores marcadores da equipa do CF Sassoeiros, enquanto Diogo Carocho do NA Redondo com 9 golos foi não só o melhor marcador da equipa como do jogo. 
 
A classificação ficou assim estabelecida:1.º Juventude Lis (22 pontos), 2.º 1.º Dezembro (20 pontos), 3.º NA Redondo (18 pontos), 4.º Zona Azul e Oriental Lisboa (17 pontos), 6.º CF Sassoeiros (15 pontos), 7.º CD Mafra (10 pontos), 8.º Batalha AC (9 pontos). 
 
Zona 1 – 8.ª Jornada
ACD Monte 29 - 34 Estarreja AC
Albicastrense 25 - 26 Modicus
CA Leça 20 - 30 SC Espinho
FC Infesta 19 - 20 Gondomar Cultural
 
Também nesta zona se disputou a 8.ª e primeira jornada da 2.ª volta nesta Fase, que teve a curiosidade de ter verificado uma clara superioridade das equipas visitantes, que venceram todos os jogos. E onde se verificou a total confirmação dos resultados verificados na jornada homóloga, da 1.ª volta desta fase, embora nalguns jogos o equilíbrio fosse evidente. Destaca-se tal como na outra zona, ainda o facto de ter sido uma jornada sem qualquer registo de ocorrência disciplinar.
 
Os resultados verificados, provocaram que se começasse a definir com maior clareza quais são os grandes favoritos a ocupar as duas primeiras posições na classificação da Zona. Continuando a verificar-se uma total supremacia da equipa do Estarreja AC, que continua a ser a única equipa entre as duas zonas, que apenas contabiliza vitórias, e que nesta jornada, na sua deslocação ao ACD Monte voltou a vencer, com relativa facilidade, chegando ao meio tempo já na frente do marcador por 21-15, para no segundo tempo fazer uma completa gestão do resultado e do plantel. Carlos Abreu do ACD Monte com 7 golos a ser o melhor marcador da sua equipa, Diogo Taboada e Alexandre Rodrigues ambos com 7 golos foram os melhores marcadores do Estarreja AC. A outra equipa que se começa a destacar nesta zona, e revela-se um dos mais fortes candidatos aos lugares cimeiros da classificação é o Modicus de Sandim, que foi a Castelo Branco vencer a sempre aguerrida equipa do Albicastrense, pela diferença mínima, apesar de ter chegado ao intervalo a vencer por 15-10, mas teve de suportar uma excelente reação dos albicastrenses, no segundo período de jogo. Estranha-se que a AD Albicastrense a jogar em casa, apenas tivesse inscrito 10 jogadores. Tiago Viegas do Albicastrense com 9 golos, foi o melhor marcador do jogo e da equipa, por sua vez Nuno Loureiro com 7 golos foi o melhor marcador do Modicus. Em Leça a equipa local, recebeu o SC Espinho, e voltou a perder, continuando a ser á única equipa zona que ainda não venceu qualquer jogo. Ao intervalo o resultado já era favorável ao SC Espinho por 12-10, que no segundo período aumentou claramente a sua vantagem. Este foi um encontro, que embora não exista o registo de ocorrências disciplinares, se verificaram 17 exclusões, um completo exagero (na nossa opinião). Bruno Silva do CA Leça com 6 golos foi o melhor marcador da equipa, e Alexandre Relvas com 8 golos foi o melhor marcador do jogo e do SC Espinho. Terminamos esta nossa ligeira crónica sobre esta Zona, com mais um jogo que terminou com o resultado a ser definido pela diferença mínima, e que foi a vitória do Gondomar Cultural frente ao FC Infesta. Confirmando o resultado que já se verificava ao intervalo quando o Gondomar Cultural vencia por 10-9, com um segundo período disputado com grande equilíbrio. Pedro Ferreira do FC Infesta com 10 golos, foi o melhor marcador da equipa e do jogo, enquanto Ivo Martins e Bruno Pião, ambos com 6 golos foram os melhores marcadores do Gondomar Cultural. 
 
A classificação ficou assim estabelecida: 1.º Estarreja AC (24 pontos), 2.ºModicus (20 pontos), 3.º Albicastrense (18 pontos), 4.º SC Espinho (16 pontos), 5.º Gondomar Cultural (15 pontos), 6.º FC Infesta (14 pontos), 7.º ACD Monte (12 pontos), 8.º CA Leça (9 pontos)
 
O Noticias

7 comentários:

Anónimo disse...

começa a ficar decidida esta a zona norte assim como a zona sul, não imagino que os 2 primeiros de cada zona se alterem...

os planteis mais extensos ganham esta provas, principalmente nesta fase do ano em que o pessoal vai faltando mais e que aparecem as viagens mais longas e tudo

Anónimo disse...

Prognóstico de alguém atento ao andebol e que conhece a maioria das equipas:

Zona Norte
1 Estarreja
2 Módicos
3 Espinho
4 Albicastrense
5 Infesta
6 Gondomar
7 Monte
8 Leça

Zona Sul

1 Juventude Lis
2 Redondo
3 Zona Azul
4 1 Dezembro
5 Oriental
6 Sassoeiros
7 Mafra
8 Batalha

Anónimo disse...

Realmente deves conhecer muita coisa

Anónimo disse...

Com estes prognósticos deves conhecer tanto as equipas como eu conheço os cardeais do Vaticano...é tipo sei onde ficam, sei mais ou menos quem lá anda, mas não sei bem o que fazem...vi umas fotos, li uns posts e siga..No fim veremos se tens jeito para integrar a Guarda Suiça, mas duvidoooo.

Mas já que és um atento observador devias focar-te nas duplas que apitam os jogos da Juve Lis e do verdadeiro "colinho" promovido pelas mesmas..isso sim é de esmiuçar e isso sim condiciona o resto do campeonato, mas o clã Afra não pode ficar desiludido..Carpe Diem!

Anónimo disse...

Ui tanta azia hehe

Anónimo disse...

Devemos estar na presença de um atleta de um determinado clube que tem de subir à força...Concordo perfeitamente que depois da Juventude de Lis, as equipas alentejanas são as mais equilibradas e depois para mim ainda vem o Oriental... Quanto às arbitragens basta olhar um pouco para o que se tem passado...Determinados clubes fora da zona de influência (Lisboa) raramente ganham...porque será? onde está a invencibilidade na segunda fase? mas não se preocupem que hão-de fazer para vocês subirem...basta ver que no raio de influência já todos os adversários diretos perderam em jogos insuspeitos...Boa sorte a todas as equipas e que ganhem as melhores sem esquemas e sem pressões..

Anónimo disse...

ha aqui gente que realmente devia seriamente pensar em ir ao medico porque tem algum grau de deficiencia
uma equipa que tem uma media altissima de golos e eliminado da taça por uma equipa da 1a divisao onde teve o jogo quase todo a ganhar...chega a leiria e marca 10 golos 3 na 2a parte...acho que e so pensarem um bocado...a juve deve ser uma super equipa loool
Um a parte o zona azul mereceu ganhar este jogo...o merito tem que ser reconhecido
e eu sou jogador do 1o dezembro
agora cm a juve foi um autentico circo,ms como e obvio n fomos os unicos a ser prejudicados