gal vence

Euro Sub-17 Femininos (Lituânia), Portugal vence a Bielorrússia por 31-24, e está na final - Mundial Sub-19 Masculino Portugal derrotado pela Rússia por 33-26 - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 9 de maio de 2015

Crónica de Fim-de-semana – 36 – 2014 / 2015 – I

Esta crónica relativa ao Play OFF da PO01 e aos que definem os lugares do 1.º ao 4.º Lugar, bem como á 5.ª Jornada do Grupo “B”.
 
PO01 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Masculinos.
 
Grupo “A” - Play OFF
Final
Resultados
1.º Jogo
FC Porto 36 – 33 Sporting

Calendário
2.º Jogo
Dia 13-05-15
FC Porto - Sporting (21H00) Porto Canal/AndebolTV/BolaTV
3.º Jogo
Dia 16-05-15
Sporting - FC Porto (21H00)AndebolTV /BolaTV

Resultados
3.º / 4.º Lugar
1.º Jogo
Benfica 42 – 37 ABC Andebol TV/BenficaTV (diferido ás 00H30)

Calendário
2.º Jogo
Dia 29-05-15
ABC - Benfica (21H00) AndebolTV
3.º Jogo (Se necessário)
Dia 30-05-14
ABC - Benfica (19H00) AndebolTV
 
Disputaram-se os primeiros jogos não só da Final como do 3.º e 4.º Lugar. Enquanto o 1.º e 2.º lugar serão disputados á melhor de cinco jogos, os que definirão o 3.º 4.º lugar será disputado á melhor de três jogos. Repetimos o que já escrevemos em anteriores crónicas, relativa a este encontros, face á importância, de que os mesmos assumem. “Neste conjunto de equipas que se revestem de alguma importância, não devido ao que está regulamentado pois os 6 primeiros serão cabeças de série na Taça de Portugal, na próxima época, assumiu agora ainda mais relevância, conforme se constata através do conteúdo do Comunicado Oficial n.º 80 de 08-04-15, relativo ao possível número de equipa Portuguesas nas provas Europeias.” Isto apesar de os lugares classificativos entre o 5.º e o 8.º lugar apenas se iniciarem no próximo fim-de-semana. De registar como fator positivo o facto de não existirem ocorrências disciplinares nos jogos disputados
 
Disputou-se o primeiro dos três jogos relativos á definição do 3.º e 4.º lugar, que terminou com resultado, verdadeiramente inesperado, pelos números envolvidos, demonstrando que as equipas estiveram mais preocupadas com os seus aspetos ofensivos do que com os seus processos defensivos. Com a particularidade de a equipa bracarense estar a vencer ao intervalo por 20-17, e no final do encontro ter beneficiado de 8 livres de 7 metros, dos quais apenas converteu 4. O Benfica inicia o segundo período de jogo muito bem e aos 34 minutos iguala o marcador a 21 golos, entrando-se depois num período de grande equilíbrio e alternância no marcador até cerca dos 42 minutos, quando o resultado marcava uma igualdade a 27 golos, o Benfica assume então o comando do jogo e do marcador até final do encontro, com o ABC a estar cerca de 9 minutos sem marcador e sofrendo a contrariedade da desqualificação direta de Hugo Rocha (50 minutos), passando o marcador a registar 33-28, registando-se a maior diferença no marcador aos 54 e 55 minutos (38-31,e 39-32 a favor dos lisboetas). Borragan foi o marcador de serviço na equipa do Benfica com 8 golos (67% de eficácia), muito bem acompanhado pelo jovem Paulo Moreno com 7 golos (88% de eficácia), por imperativo de justiça deve-se destacar ainda o jovem guarda-redes Miguel Espinha no Benfica com 32% de eficácia. No ABC Fábio Vidrago (6 golos e 86% de eficácia), deu excelente continuidade ao fez ao serviço da Seleção Nacional, sendo juntamente com João Paulo Pinto com o mesmo número de golos os melhores marcadores da sua equipa. Com Humberto Gomes em dia não, Bruno Dias com 29% de eficácia destacou-se nas balizas do ABC. 
 
FC Porto 36 – 33 Sporting (Após um Prolongamento)
 
Reunidos os ingredientes necessários para um grande espetáculo de andebol, duas das melhores equipas do Andebol Nacional, e um pavilhão, completamente cheio de um público bastante animado, e cujas espectativas não saíram frustradas. O jogo foi emotivo cheio de mutações no marcador e com jogadores em grande destaque, e outros muito abaixo do se espera sempre deles. Começou melhor o FC Porto que aos 5 minutos de jogo vencia por um parcial de 5-0, perante uma equipa que parecia anestesiada com ataques curtos e ineficazes, e co Alfredo Quintana a realizar mais uma das suas boas exibições, oportuno time Out da equipa lisboeta, que aos 20 minutos de jogo iguala o marcador a 10 golos, “fruto” de uma franca melhoria defensiva e com o ataque a ser comandado por atleta de exceção (na nossa opinião) de seu nome Rui Silva (5 golos e 100% de eficácia), além de 6 assistências, isto traduz fielmente a prestação deste jogador durante os 70 minutos de jogo. O FC Porto, tem um momento de “pausa” no marcador e está cerca de 5 minutos sem marcar, permitindo que cerca dos 25 minutos o resultado passa ser favorável ao Sporting, por 14-10, com a equipa lisboeta a chegar aos cinco golos de vantagem (16-11), para ao intervalo estar a vencer por 17-14. O segundo tempo inicia-se com os lisboetas em inferioridade numérica, mas vão comandando o marcador até cerca dos 43 minutos, momento em voltam a ficar e inferioridade numérica e o FC Porto, marca três (3) golos de “rajada” e coloca-se novamente na frente do marcador por 22-21, através de rápidas ações de contra ataque e do seu pivot Salina (4 golos e 100% de eficácia) que também esteve muito bem quer nos aspetos defensivos quer atacantes inclusive no “roubo” bolas aos seus adversários. A partir deste momento e até final assistiu-se a um golo de total equilíbrio, com o marcador a registar alternâncias e diversas igualdades, com Frankis Carol, a obter o golo que deu origem ao prolongamento a treze (13) segundos dos 60 minutos. No prolongamento, o Sporting, começou melhor, mas foi perdendo clarividência consoante os minutos iam passando, com o FC Porto a marcar o ritmo e com Gilberto Duarte (8 golos 62% de eficácia) em grande plano, sendo muito bem acompanhado pelo jovem Hugo Santos (8 golos, 89% de eficácia, com 4 em 4 de 7 metros), uma palavra para Yoel Morales (4 golos, 100% de eficácia) que foi decisivo, nos momentos em que participou no jogo. Dois jogadores estiveram claramente abaixo do que podem e sabem produzir, no FC Porto, referimos a João Ferraz (3 golos e 0% de eficácia), mas muito precipitado, e no Sporting a Fábio Magalhães (3 golos, e apenas 33% de eficácia) e dizer que este atleta jogou praticamente os 70 minutos. Na equipa do Sporting, não seria justo terminar esta crónica sem referir dois jogadores que deram tudo o que tinham, os jovens Sérgio Barros (4 golos, 80% de eficácia) e Pedro Portela (8 golos, 80% de eficácia, e 1 em 2 de 7 metros). Os restantes guarda-redes que participaram no jogo estiveram muito abaixo do que sabem e podem produzir. Jogo dirigido pela dupla Internacional de Leiria constituída por Ivan Caçador e Eurico Nicolau, que tiveram um critério disciplinar no mínimo desequilibrado, não estiveram bem na falta do atacante, em especial sem bola, e nos passos permitindo golos com os atacantes em plena violação da área dos 6 metros. 
 
Grupo "B
5.ª Jornada
Dia 09-05-15
GC Santo Tirso 25 – 21 Xico Andebol
Belenenses 28 – 27 Ismai
 
Manutenção – Belenenses
Descem de divisão – Xico Andebol 
 
O Grupo “B”, tem como principal objetivo, definir quem desce de divisão, com a equipa do Belenenses, já tendo garantido a sua permanência na 1.ª Divisão, sejam quais foram os resultados que se venham a verificar, pelo que todos os resultados entre as restantes equipas se revestem de “capital” importância, para a definição dos dois últimos lugares. Parece-nos que o CA desta vez levou esta situação em consideração nas nomeações que efetuou. Nesta jornada, o Xico Andebol, ficou irremediavelmente “condenado” á descida de divisão. Co o outro lugar de descida de divisão a ser decidido na próxima e última jornada, persicamente no encontro entre o Ismai e o GC Santo Tirso, parece-nos que o CA terá de ter redobrada atenção a esta nomeação. De destacar mais uma vez que apesar dos resultados que se verificaram, não existe registo de qualquer ocorrência disciplinar. 
 
No Municipal das Lameiras o GC Santo Tirso, venceu o Xico Andebol, quê com esta derrota ficou irremediavelmente, marcado co a descida de divisão enquanto os tirsenses, reservaram precisamente para a última jornada da fase a decisão final de quem permanece ou de quem desce. O GC Santo Tirso, comandou o jogo e o marcador durante os 60 minutos, chegando ao intervalo já a vencer por 14-7. No segundo período de jogo, manteve-se fiel aos seus princípios e chegou a ter 11 golos de vantagem á passagem do minuto 45 (maior diferença registada e todo o encontro), para parar a sua marcação cerca dos 53 minutos permitindo ao Xico Andebol um parcial de 6-0, e desta forma minimizar o resultado final. Mário Lourenço e Paulo Martins, com 6 golos foram os melhores marcadores dos tirsenses, onde o guarda-redes Ricardo Castro esteve em grande plano com 49% de eficácia. Luís sarmento com 7 golos e Antoine Pavic com 5 golos foram os marcadores de serviço do Xico Andebol, que utilizou os seus 3 guarda-redes, com uma eficácia total de 34%. No Restelo o Belenenses defrontou uma equipa que deu que fazer, o Ismai, e que ao intervalo vencia pela margem mínima a equipa de Belém (13-12), e que deu tudo o que tinha para levar consigo a vitória neste encontro, que foi sempre disputado com grande equilíbrio de arte a parte, e onde o maior diferencial existente foi de três (3) golos, a favor dos azuis de Lisboa, para a Ivo Santos marcar o golo da vitória nos momentos finais do encontro, de nada servindo o time out, usado ainda pela equipa maiata, na tentativa de chegar á igualdade. Vasco Pinto do Belenenses com 9 (69% de eficácia) golos foi o melhor marcador da equipa e do jogo, com o experiente Luis Nunes a marcar 6 golos (67% de eficácia). Na equipa maiata destaque para o seu guarda redes, o cubano Yusnier Giron com 36% de eficácia, e para Miguel Sarmento com 8 golos (80% de eficácia.
 
Classificação do Grupo “B”, após esta jornada – 1.º Belenenses (33 pontos), 2.º Santo Tirso e Ismai (25 pontos), 4.º Xico Andebol (22 pontos) 
 
O Banhadas Andebol

32 comentários:

Anónimo disse...

Impressionante como conseguem dizer mal da dupla do porto x scp... não acredito que alguma dupla consiga gerir melhor um jogo destes!

Anónimo disse...

Rui Silva / Miguel Martins ?????????????? Há dúvidas????????? Qualquer semelhança , é pura coincidência . Miguelzinho vai mamar na chupeta que estás muito abaixo do Rui Silva , para quem anda a denegrir o melhor central português tens que aprender mais um bocadão para seres como ele . E além disso quem é assim tão bom não deve vir para aqui para o banhadas em anónimo , dizer mal dos colegas ,pois a qualidade de um jogador vê-se fora de campo , no seu carácter como pessoa e como homem.

Anónimo disse...

ao anonimo das 22:59, devo dizer-lhe que eu por exemplo e não devo ser só eu estou em completo acordo com o que o banhadas diz da arbitragem, pois não diz mal diz onde erraram, e é uma pura verdade, por exemplo o que era preciso para dar dois minutos ao nuno gonçalves, basta dizer isto e esta tudo dito, caro amigo, vimos jogos difrentes certamente, e olhe eu não sou lagarto.

Anónimo disse...

A arbitragem foi má.
Merece uma analise detalhada,porque falhou onde o banhadas diz e em outros aspetos.
Até erros de palmatória como os "dribles" do Daymaro no 19 golo do FCP. Eu lembro, bloco do cubano a bola vai ao solo ressalta e o Daymaro agarra-a com as duas mãos e, em seguida, inicia o deslocamento em drible.
E já agora, para os senhores que dizem que a Porto Canal não é parcial, respondam-me se alguém viu a repetição da agressão do Daymaro quando viu o vermelho direto.

Desta vez até o Luis Graça só viu os erros dos arbitros quando eram contra o FCP. Claro que é fácil fazer comentários com fair play nos jogos que o FCP ganham por 20 ao Xico andebol.

Anónimo disse...

Em primeiro lugar acho que estão a tratar mal o Miguel sem fundamento em segundo se alguém se portou mal foi o Rui andou a mentir no balneário até ao momento em que era impossível mentir mais e sou amigo dos 2,em relação ao jogo ,gostei bastante penso no entanto que a arbitragem prejudicou o Sporting principalmente o Nicolau isto de ser bom Tambem tem a ver c o exacto momento em que se inclina o campo,que se passa com o Fabio será que vai atrás do Rui e o Pedro Spinola Muito estranho o seu rendimento ,no entanto continuo a achar que o Sporting tem melhor plantel tem perdido em pormenores e todos sabemos que neste nível isso faz toda a diferença

Anónimo disse...

O Porto vale o que vale, que é muito, pois tem um plantel a léguas das restantes equipas. O Treinador do Porto tem vindo a deixar claro que é uma nulidade completa em termos táticos. A sorte dele é que tem atletas que resolvem os jogos de qualquer maneira. Ontem rodou completamente, apanhou um Sporting a jogar sempre com os mesmos 7 e mesmo assim não foi capaz de descolar? Excelente equipa a do Sporting disse ele. Quem tem 14 atletas de luxo, com soluções varias nos laterais onde os outros têm parcos recursos, tem que levar o jogo a prolongamento?
É verdade que já ganhou 6 e vai ganhar o 7º titulo, mas a mim não me convence!

Anónimo disse...

Então e agora senhores do abac qual é a desculpa, uma abada destas da equipa que só tem feito asneiras durante o campeonato, e ninguem fala.

Anónimo disse...

A arbitragem foi bastante interessante até 5 minutos do fim!
Nessa altura, particularmente o sr. Eurico Nicolau, deixou de apitar faltas descaradas da defesa do Porto.
Não (quis) ver um livre de 7 metros por violação da área do Nuno Gonçalves a 2 minutos do fim e não quis ver dois jogadores pendurados no Frankis Carol na jogada que decide o jogo pois marcando a 1m30s do fim, o sporting ficava com o jogo na mão.
Por outro lado, a dupla foi incoerente no assinalar do jogo passivo. Revejam o jogo e tenham em atenção alguns ataques azuis e brancos que demoravam 50 a 60 segundos só em passes para trás e para a frente porque, sem Gilberto, ninguém sabia o que fazer...mas assinalar jogo passivo...está quieto!
Apitar no Dragão é sempre complicado e assim não há quem consiga ser campeão.

Anónimo disse...

Sensacional recuperaçao do Ginásio ao inverso do Ismai que segue de derrota em derrota.
O xico fica onde é mais do que previsivel sem direção sem rumo em que todos mandam.
Ontem vi o impensável um guarda redes do Xico a insultar alto e bom som o treinador sem que nada lhe acontecesse.
Os juniores do Xico vão pelo mesmo caminho é só um milagre salvará da extinção o clube.
A arrogancia de muitos anos vai pagar-se com juros e rejuros.

Anónimo disse...

Anónimo de 10 de Maio às 12h27-

O ABC tinha mais do que se preocupar do que este jogo na Luz..

Ao contrário do SLB temos uma Final Europeia para disputar no próximo fim-de-semana e é nisso que está centrada a nossa atenção..

Este jogo era um mero treino..

Depois temos 2 jogos no Sá Leite para rectificar as coisas e agarrar o 3º lugar.

Anónimo disse...

Alguém sabe explicar porque é que o Nuno Roque não jogou??????

Anónimo disse...

Falarem de jogo passivo doPorto até dá vontade de rir. A jogada do golo em aéreo do Solha estava em passivo aí à 2minutos e fama de segundos.Os árbitros tudo fizeram para o Sporting ganhar nos últimos minutos.Já agora pergunto quando batem na cara dos atletas do Sporting marcaram o quê? E quando batem na do Gilberto(uma série de vezes)não é nada. O último golo antes do prolongamento é válido? Porquê?

Anónimo disse...

O Nuno Roque não jogou? Que raio de jogo é que viu? Devia estar a dormir

Anónimo disse...

P01
PLAY OFF

FINALÍSSIMA
Á MELHOR 5 JOGOS:
1º jogo
Face ao tempo de paragem muita coisa podia correr menos bem no que diz a forma desportiva(FD) das equipas e ao controle emocional dos acontecimento vividos nos limites da regra e decisão dos árbitros.
Publico empenhado até ao final do apito dos árbitros e equipas dando o seu melhor com algumas falhas pelo meio quer a nível individual quer a nível da conduta para como adversário.
No tempo do jogo o Sporting esteve mais perto da vitória mas a força e empenho dos portistas na parte final resolveu alguns golos de difícil execução e passou para o prolongamento a decisão final.
2-Prolongamento no 2º tempo o Porto ganhou varias disputas e ganhou com mérito mas tudo podia acontecer.
Jogadores em evidencia, Gilberto, Rui Silva, hugo e Portela.
Guarda redes abaixo dos normais rendimentos que nos habituaram ou mérito dos atacantes?..
Arbitragem dos Internacionais Ivan e Caçador foi normal dentro da bitola habitual sem interferir no resultado mantendo boa comunicação com os bancos e jogadores e na parte final decisões complicadas mas assertivas de 2" minutos podendo por em causa o equilíbrio entre as equipas, mas exclusões de acordo com o Regulamento Regra 6 e 8...

Parâmetros de avaliação:

-Regras básicas do jogo-4,5
Lei da Vantagem e Falta atacante-5
-jogo passivo 5
-comunicação com banco e mesa-5
-Momentos "Críticos" no jogo, decisões assertivas e justificadas.
cotação de 1 a 5)

Treinadores:
Ambos em forma, alegres exigentes e tudo fizeram para ajudar as equipas a resolver o jogo.
Publico: Excelente participação de um pavilhão cheio e de andebolistas e amantes da modalidade. claques em grande numero Porto e Sporting e cada uma desafiando-se e aplaudindo as suas Equipas.
Presidentes dos Clubes Presentes Jorge Nuno e Bruno de Carvalho o que valoriza a modalidade e provoca maior empenhamento dos jogadores e treinadores!

nota negativa: excesso de policiamento e guarda costas a proteger o Presidente BC, para quê?a evitar no futuro e 4ª feira lá estaremos de novo.

-Mesa de Jogo, com elementos que já andam há muitos anos na modalidade e fora de prazo de validade, este sector precisa urgente de gente nova e ex praticantes da modalidade, parecia os reformados da S.Social!
- Ausentes ou pelo menos não se notaram os dirigentes de Topo da Modalidade a nível Federativo? com excepção do Presidente do CA.




Anónimo disse...

10 de maio de 2015 às 19:25
Quem pode explicar é o Pai do Atleta um esperto na modalidade!tem um bom Curriculum nos vários clubes por onde o Nuno Roque excelente atleta central passou, mas não é fácil entrar naquela loucura de jogo atacante...
O Porto insiste não ter central!

Anónimo disse...

o presidente do ca esteve presente, é certamente uma grande novidade, e já agora onde esteve sentado. estamos cheios de curiosidade

Anónimo disse...

O Presidente do CA no aquecimento esteve junto à mesa com os reformados(esqueceram-se das Placas de homenagem) e foi insultado ele e o Espeçada por uma adepto conhecido do andebol e ex dirigente! depois foi falar e conversar com o Director do Porto Zé Magalhães uma saudável conversa, foi para o camarote do Pinto da Costa na lugar de chefia ou seja no extremo e longe do PC.
vigilante..

Anónimo disse...

Professor A.D.C. se acha a arbitragem assertiva já não sei como caracterizar uma arbitragem habilidosa e que foi o que esta me pareceu!

Anónimo disse...

O Nuno Roque jogou como é obvio mas praticamente nada , tanto entrou como logo saiu. O que fez de mal para não ter voltado a entrar , era essa resposta que eu estava à espera Sr anónimo das 8.55h. Parece que ficou muito ofendido .

Anónimo disse...

Porto Sporting
Mesa de juízes e cronometrista eram 4 e a FPA podiam ter aproveitado para entregar a Placa de reconhecimento de dedicação
a modalidade e passavam para a bancada
Presentes:
Pedro Espeçada, A.Pinho, Sérgio Sousa e Pangaio.

Falha no protocolo, alguns deles ja vivem do andebol há mais de 4o anos é tempo a masi e merecem um final feliz e aplauso...
Atento

Anónimo disse...

11 de maio de 2015 às 15:32
anónimo
Sabes pouco não dizes nada e metes te com quem não deves. Excelente arbitragem pergunta aos treinadores e capitães das equipas e 4 freira mais uma boa arbitragem dos rapazes da Madeira, se calhar não gostas!
Uma pergunta sabes as regras básicas do andebol?
Dou-te um doce da Teixeira .. se quiseres ver andebol aparece no Dragão caixa e senta-te ao lado os treinadores que se encontram no Topo Norte.
O relatório do ADC esta tecnicamente um mimo! mas declaro que sou amigo e admirador Dele..
Helio

Anónimo disse...

Sporting a perder na arbitragem.
Depois GR a 50%,Rui 50%, Frankis 70%, Portela 90%, Fábio 50%, Bruno 50%, Sérgio 70% e Spínola a 25%! Queriam vencer?
Arregalem os olhos!
Se jogassem bem se calhar não ganhavam, pois até não foi das piores assobiadelas que vi! Mas nos momentos decisivos a coisa cái sempre para o mesmo lado! Manhas...
No Porto Gilberto a 95% e um par de GR que é a melhor dupla em Portugal! Nódoa do jogo, o Habitual salina que devia andar no wrestling!
Oxalá o pavilhão encha nos próximos!
E o Sporting? Em que pavilhão jogará?


Anónimo disse...

Rui a meio gás e F. Magalhães nem isso, mas Spínola dá que pensar. Parece um Zombie! Portela tem de jogar tempo todo, assim como o ressuscitado Sérgio Barros que, depois de sofrer falta atacante teve de saír, nada valendo os 4 golos em cinco remates. Louvo-lhe ter voltado e ser dos primeiros a saír no ataque e voltar defendendo. Candeias este ano nada de especial fez e até se sabe que, estará de saída. Pivot Bruno armado em capitão mas mole. O Sporting quando a decidir perde jogos, ao contrário dos outros que aí ganham-nos! Obrigado a Pedro Portela o melhor, assim como Frankis Marzo que defende e ataca como ninguém em Portugal

Anónimo disse...

Vê-se logo quem ficou afectado com o comentário , não é dificil adivinhar. Antigamente no Ismai quando a mãmã andava por lá e tinha um postozito o bébé fazia o que queria , estava-se nas tintas para a equipa e treinava só para ele , e o meu filho e os outros sujeitavam-se. Muito feio esse comportamento . Mas a fama já vem do tempo do Águas e ao que parece vai continuar.

Anónimo disse...

Manden esse imberme jogar andebol para a China , ou mais longe se possivel e que venha quando já for veterano , pode ser que entretanto aprenda AHAHAHAHAAHAHAH

Anónimo disse...

Se o Tirso vence na maia vai haver muita gente a rir- se.
Prof Magalhães toca a mexer os cordelinhos senão o super projecto com super treinadores não anda. Atenção avança não vá falhar dois objectivos...

Anónimo disse...

Santo Tirso não vence na Maia, O ISMAI já se movimenta. Vejam a nomeação da dupla... é pra rir...
Santo Tirso tem que deixar a a pele em campo.

Anónimo disse...

Do Sporting no actual Porto só caberiam o craque Pedro Portela, Sérgio Barros e Frankis Marzo. Isto diz tudo mas vejamos em sentido contrário o caso de Spínola que, faria os tempos mortos de Ferraz e agora até mete pena. De guarda-redes estamos servidos e se Rui Silva vier vai produzir o dobro no minímo!

Anónimo disse...

Felicito o comentário das 12:21h , esse" pseudo jogador " enquanto não levar um valente puxão de orelhas vai ser muito pior do que aquilo que poderia ser.Deixem o Roque jogar pois além de acrexentar à equipa ensina o miúdo .Além disso sabe-se que o Miguel quer sair do Porto e se não conseguir melhor , parece que é vontade dele voltar à equipa onde começou a jogar , o grande clube de formação Águas Santas.Agora falta saber se eles o recebem depois de terem sido traídos.

Anónimo disse...

Não andem a criticar os apitadores. Eu sei de quem nem goste do Porto clube, não confundir com cidade e, adore ir ao dragão caixa! Vocês faziam o mesmo, ou não?

Anónimo disse...

É curioso que já ouvi falar que o Miguel do fcp quer ir para o ......... , pois já não suporta o Obradovic. Eu não acredito em bruxedos mas que os há , lá isso há . E há quem os saiba fazer ou os mande fazer muito beeeemmmmm .

Anónimo disse...

Como e possível um miúdo de 18 anos meter tanta confusão a algumas pessoas. Deixem estar o miudo. Os que estão na seleção na posição dele andam a época toda a não fazer um charruto e o miúdo que esta a fazer uma época incrível esta aqui a ser criticado, deixem se de invejas.