gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 13 de junho de 2015

PO14 e PO15 – Encontros Nacionais de Infantis Femininos e Masculinos – 2014 /2015 - III

Já nos referimos por mais de uma vez “que estas provas que deixaram e bem de se designar por Campeonatos Nacionais, passando a designar-se por Encontros Nacionais. Passando a prova não fixa, teve uma primeira fase da responsabilidade das Associações (Comunicados N.º 41 da presente época) que assumiram promover nas suas regiões e não só, retirando alguma carga emotiva aos jovens atletas e proporcionando-lhes mais atividade.” 
 
Felizmente deixou de haver numero máximo para passar a ser “prevista”, o que altera substancialmente o inicialmente dito. E assim esperamos que esta época aconteça
 
O Encontro Nacional, realiza-se de 18 a 21 de Junho em Leiria~, sendo prevista a realização de 156 jogos, divididos por nove (9) campos, a saber:
 
Estádio Municipal de Leiria (2)
Pav. da Juventude Lis
Pav. Gandara
Pav. Marrazes
Pav. Pousos
Pav. Esc. Correia Mateus
Pav. Sta. Eufémia
Pav. Souto Carpalhosa
 
Prova Feminina, PO14 – Participam 24 equipas
Foram constituídas, 8 zonas, incluindo as equipas da Região Autónoma da Madeira (2)

Zona 1 – JAC-Alcanena, Douro AC e ACD Monte
Zona 2 – Porto Alto, CP Vacariça e GD Chaves
Zona 3 – Gil Eanes, CA Leça e Alavarium
Zona 4 – Didáxis A2D, ASCD SM Mato e Juventude Lis
Zona 5 – CC Ansião, CS Madeira e ND Santa Joana
Zona 6 – AA Espinho, Juventude Mar e SIR 1.º Maio
Zona 7 – S. Félix Marinha, B. Perestrelo e Porto Salvo
Zona 8 – S. Pedro Sul, ARC Alpendorada e Lagoa AC

Modelo Competitivo

1ª Fase - TXT a 1 volta (8 zonas – com 3 clubes cada) 
 
2ª Fase - Apuramento 1º ao 8º – 1º zona 1x1º zona 2; 1º zona 3x1º zona 4; 1º zona 5x1º zona 6; 1º zona 7x1º zona 8; repete-se para os 2º e 3º classificados (Apur. 9º/16º e 17º/24º); 
 
1/2 Finais – Vencedor do 1º zona 1x1º zona 2; Vencedor do 1º zona 3x1º zona 4; Vencedor do 1º zona 5x1º zona 6; Vencedor do 1º zona 7x1º zona 8; repete-se para os vencidos e restantes classificações; 
 
Jogos Finais – Vencedor 1/2 Finais e repete-se para restantes classificações 
 
Prova Masculina PO15 – Participam 32 equipas
Foram constituídas, 8 zonas, incluindo as equipas Insulares.

Zona 1 – Águas Santas, Alto Moinho, CD Feirense e SIR 1.º Maio
Zona 2 – ABC, B. Perestrelo, IPG Guarda e Juventude Lis
Zona 3 – S. Pedro Sul, Boavista FC, SP. Oleiros e Lagoa AC
Zona 4 – Zona Azul, Almada AC, CA Barrosas e SC Espinho
Zona 5 – ADC Benavente, Póvoa do Varzim, Benfica e Évora AC
Zona 6 – AC Sismaria, Vela Tavira, Santo Tirso, GC Tarouca
Zona 7 – CCR Fermentões, Ginásio Sul, União Progresso e representante dos Açores
Zona 8 – Colégio Carvalhos, NA Penedono, Samora Correia, Sporting
 
Modelo Competitivo:
 
1ª Fase - TXT a 1 volta (8 zonas – com 4 clubes cada) 
 
2ª Fase - Apuramento 1º ao 8º – 1º zona 1x1º zona 2; 1º zona 3x1º zona 4; 1º zona 5x1º zona 6; 1º zona 7x1º zona 8; repete-se para os 2º e 3º e 4º classificados (Apur. 9º/16º, 17º/24º e 25º a 32º); 
 
1/2 Finais – Vencedor do 1º zona 1x1º zona 2; Vencedor do 1º zona 3x1º zona 4; Vencedor do 1º zona 5x1º zona 6; Vencedor do 1º zona 7x1º zona 8; repete-se para os vencidos e restantes classificações; 
 
Jogos Finais – Vencedor 1/2 Finais e repete-se para restantes classificações
 
Quadro competitivo, previsto:

Dia 18-06-15
1ª Jornada da 1ª Fase;
Dia 19-06-15
2.ª e 3ª Jornada da 1ª Fase
Dia 20-06-15
Jogos de Apuramento;
Dia 21-06-15
Jogos Classificação Final.

Outras atividades
Dia 18-06-15
Reunião Técnica, Cerimónia de Abertura (21H00), Atividades culturais/desportivas
Dia 19 e 20-06-15
Atividades culturais/desportivas
Dia 21-06-15
Cerimónia de Encerramento (13H30) e entrega de prémios

O Formador

6 comentários:

Anónimo disse...

Ao que parece, sem confirmação, parte dos jogos será efectuado em relvados, algo que a ser verdade é muito negativo diria mesmo um perfeito disparate.

Anónimo disse...

O perfeito disparate é o comentário do anónimo de 13jun às 20:14. Se não sabe e não tem confirmação, porque é que comenta? É melhor levar chuteiras de pitons grandes porque a relva está muito alta...

Interrogações disse...

Realmente o nível de aprendizagem deste CA é sofrível. Verdadeiramente aprende-se com os erros quando não se volta repeti-los... E este CA? Continuar a reincidir em actos faltosos e no não cumprimento do regulamento da arbitragem. Será que estes Encontros Nacionais de Infantis Masculinos e Femininos não têm de ser arbitrados por árbitros? Nacionais ou Regionais? Porque insiste este CA em nomear no Portal ex-árbitros? Vamos dizer que a culpa é da AA Aveiro que se esqueceu esta época de inscrever o árbitro? Tenham decência e aprendam com os Vossos erros! Não continuem sistematicamente a contribuir para a derrocada das associações desportivas e dar as armas necessárias aos presidentes dos futebóis para argumentarem junto do Governo a redução de verbas já escassas porque estes incumprimentos sim podem retirar a utilidade pública... Sabemos que a Direcção anda a contas com as visitas das finanças e de todos dizerem que nada têm a haver com actos antigos de gestão... Mas sinceramente espreitem para o CA que é o PRINCIPAL contribuidor para a derrocada da Arbitragem em Portugal e consequentemente da Modalidade, o ANDEBOL.
Basta olharem para as constantes críticas de favorecimentos associativos, porque para ser-se SÉRIO também TEMOS de PARECER SÉRIOS e o Facto de nomear árbitros das próprias Associações envolvidas em nada enaltece o espírito da competição dando desde LOGO abertura à suspeição em que todos (dos MUITOS) erros cometidos são olhados aos microscópio e vistos como propositados e deliberados.
É necessário atentar que também como educadores para a cidadania, o CA não está a dar o melhor dos exemplos, fazendo realçar a podridão que inunda a sociedade e deixando os árbitros expostos à opinião pública, esquecendo o dever do seu manto protector que apenas usa para cobrir alguns(mas).
Continuaremos atentos a ver que este CA contribui para não dignificação da Modalidade e consequentemente da Arbitragem. Mas ao que parece a Direcção da FAP em jeito de pré campanha para as Legislativas preocupa-se mais com a conquista de votos e se calhar em colher junto do CA votos Alentejanos e Algarvios que conquistará via PT... Ou será MEO?
O Andebol precisa de pessoas competentes, profissionais ou não e não de pessoas que apenas procurem a sua valorização pessoal (política) para atingirem mais altos voos partidários (não é Sr. Presidente?). A Arbitragem tem de ser recriada e renascer com mentes frescas e disponíveis e não continuar amarrada a Velhos do Restelo que nada mais fazem do que prevalecer o SISTEMA (Segundo Bruno de Carvalho).
A Arbitragem precisa de MAIS e MELHOR que o feito neste mandato (PIOR é IMPOSSÍVEL), e não digam que foi só da falta de verbas para pagamentos porque grande parte dos erros vieram de dentro do CA e na sua aposta cega em critérios regionalistas que resultaram em grandes prejuízos para os clubes e modalidade. Daí resultaram em campeões que estariam aquém das suas competências alcançar mas que beneficiaram de alguns erros de casting (ou não) de duplas de arbitragem mais sensíveis a pressões externas que tanto foram criticadas ao longo da época desportiva. Fazer nomeações de controlo remoto sem estar ninguém presente para VER in loco quem melhor está preparado para suportar as pressões dá nisto. NOMEAR sem conhecer dá o mesmo que NOMEAR sem NADA PERCEBER da arte...
AO futuro da ARBITRAGEM e do ANDEBOL... a PRIMAZIA E A COMPETÊNCIA RUMO À EXCELÊNCIA!

Anónimo disse...

Subscrevo na integra o Interrogações.

Anónimo disse...

A menos que no estadio de Leiria tenham mandado pavimentar o relvado e como estão marcados vários jogos para o campo 1 e 2 do estádio alguém me explica como vai ser

Anónimo disse...

Confirmado os jogos serão no relvados e o campo 1 e 2 já estão montados.
O comenatdor que aconcelhou a levar chuteiras esta certo
Uma anedota que justifica a abertura de um novo tópico pelo banhadas