gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Crónica de Fim-de-semana – 08 – 2015 / 2016 - IV

Crónica de fim-de-semana dedicada à PO04.

São directamente aprovados para a Fase Final as 3 primeiras classificadas em cada zona da 1.ª Fase. 

PO04 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Juniores Masculinos.

Zona Norte
Resultados
9.ª Jornada
Xico Andebol 27 - 32 Ismai
Águas Santas 30 - 25 AA Avanca
FC Porto 28 - 28 ABC
Boavista FC 33 - 37 FC Gaia
São Mamede 22 - 31 GC Santo Tirso

Nova jornada completa, o que se refere com grande prazer, onde se verificaram alguns jogos de grande equilíbrio e que poderão ter influência decisiva no estabelecimento da classificação final, e outros onde os favoritos superiores aos seus adversários. De salientar que apesar do equilíbrio verificado em alguns encontros, a jornada foi disputada sem ocorrências disciplinares registadas o que é sempre salutar. Registe-se ainda que não se verificou qualquer alteração nos três Primeiros lugares em termos classificativos, na classificação da Zona. Um dos principais encontros da jornada, disputou-se no Colégio Carvalhos e colocou frente a frente o FC Porto com o ABC, duas das equipas, que discutem o apuramento na Zona. Foi um encontro, com domínio repartido, o ABC comandou o jogo e o marcador durante o primeiro tempo chegando ao intervalo a vencer por 15-12, o FC Porto, reagiu bem e após igualar a 20 golos, o equilíbrio quer no marcador quer no jogo foi uma constante, terminando o jogo numa igualdade, resultado que isola no 1.º lugar da classificação da zona o águas Santas. Ruben Ribeiro com 7 golos, Gonçalo Ferreira, Rui Ferreira e Eduardo Mendonça com 5 golos cada foram os principais marcadores do FC Porto. No ABC um dos nomes mais inquestionáveis da equipa André Gomes com 11 golos foi não só o melhor marcador da equipa como do jogo. No encontro entre os maiatos do Águas Santas e a AA Avanca, que colocava em jogo o comandante da Zona e um dos favoritos ao apuramento, teve sérios problemas para levar de vencida a equipa da AA Avanca, apesar da diferença de valor existente entre as duas equipas, mas por vezes o querer supera a técnica quando a mesma não tem o seu total aproveitamento. A vitória da equipa maiata não está nem nunca esteve em causa, pois ao intervalo já vencia por 17-12, mas no segundo tempo sofreu e deixou que a AA Avanca realizasse um dos seus melhores jogos. Pedro Sousa com 9 golos e Gonçalo Vieira com 6 golos foram os melhores marcadores do Águas Santas, Mais uma vez Diogo Oliveira com 9 golos e Ciprian Popovici com 5 golos, foram os melhores marcadores da AA Avanca. Em Guimarães, disputou-se o Xico Andebol / Ismai, equipas do meio da tabela, mas com objectivos similares, por aquilo que é dado a perceber, tentando manterem-se nos lugares que lhes ficar na mesma divisão, mas neste encontro o Xico Andebol, entro melhor chegou a comandar o marcador, para permitir a reviravolta posterior para voltar a entra no jogo e chegar ao intervalo com uma igualdade a 14 golos. Segundo período de jogo completamente diferente com os homens do Ismai a superiorizarem-se nitidamente e a construírem um resultado, que lhes permitiu uma vitória, sem grandes percalços. Paulo Abreu com 9 golos e Pedro Roque com 6 golos foram os melhores marcadores do Xico Andebol, enquanto Afonso Cavadas e Fábio Rodrigues com 7 golos cada um foram os principais marcadores do Ismai. Em São Mamede a equipa local, recebeu o GC Santo Tirso e voltou a perder, sendo a única equipa da Zona que ainda não venceu qualquer encontro. Neste jogo o mesmo ficou praticamente decidido, no final dos primeiros 30 minutos, que chegou com os tirsenses já na frente por 17-9, que ainda foi ampliado no segundo período, apesar da normal reacção da equipa de São Mamede, e onde o GC Santo Tirso, face ao resultado aproveitou para fazer gestão do plantel. João Carvalho com 5 golos foi o melhor marcador dos academistas de São Mamede, com José Rebelo e os seus 7 golos a ser o melhor marcador dos tirsenses, seguido de perto por António Cruz e Tiago Costa com 5 golos cada, com 10 jogadores da equipa a marcarem golos. Terminamos com o jogo entre o Boavista FC e o FC Gaia, que foi vencer o jogo como visitante, dominando o jogo em termos de marcador, embora a equipa do Boavista FC, tenha dado a réplica possível. Ao intervalo o F Gaia já vencia por 17-14, e terminou com um diferencial de 4 golos, o que atesta a réplica já referida. João Tavares com 8 golos, e Tomas Hall com 6 golos foram os melhores marcadores do Boavista FC, que também teve 10 jogadores a marcarem golos., No FC Gaia Álvaro Queirós e Diogo Feio com 13 golos cada, foram os melhores marcadores da equipa e do jogo. O FC Gaia com esta vitória obteve a sua segunda vitória na prova até ao momento.

Após a disputa destes jogos a classificação ficou assim ordenada – 1.º Águas Santas (25 pontos, 2.º ABC e FC Porto (24 pontos), 4.º GC Santo Tirso (23 pontos), 5.º Ismai (19 pontos), 6.º Xico Andebol (16 pontos), 7.º FC Gaia (14 pontos), 8.º Boavista FC (13 pontos), 9.º AA Avanca e São Mamede (11 pontos).

Zona Sul
Resultados
7.ª Jornada
São Bernardo 38 – 35 Juventude Lis
9.ª Jornada
ADC Benavente 33 - 38 Benfica
Juventude Lis 19 - 32 Sporting
São Bernardo 18 - 20 Belenenses
IFC Torrense 25 - 34 Estarreja AC s/d
Alto Moinho 31 - 22 Ginásio Sul s/d
 
Esta crónica, já engloba o jogo que se encontrava em atraso da 7.ª Jornada, pois felizmente, foi mais um fim-de-semana, onde se cumpriu toda a jornada, de Salientar pela positiva que não se verificaram jogos com ocorrências disciplinares. E na nossa opinião a equipa do Alto Moinho, continua ser a grande sensação da prova nesta Zona. A jornada propriamente dita foi caracterizada pela forte maioria de vitórias das equipas visitantes, e onde as equipas que começaram mal esta prova, aparentemente têm vindo a recuperar.

Em São Bernardo, disputou-se o jogo em atraso da 7.ª Jornada, onde a equipa visitada recebia a Juventude Lis, a quem venceu, num jogo sem grandes preocupações defensivas de ambos os lados tal o número de golos final, e onde a equipa local teve de suportar a excedente réplica da equipa leiriense, mormente no segundo período de jogo, já que o resultado ao intervalo se cifrava em 22-17. NO segundo tempo a diferença chegou a ser apenas de dois (2) golos aos 31-29, embora a equipa do São Bernardo controlasse a maior parte do tempo o resultado. João Almeida com 10 golos e Jorge Costa com 7 golos, foram os principais marcadores do São Bernardo, na equipa da Juventude Lis, Francisco Santos e Pedro Santos ambos com 8 golos cada, foram os seus melhores marcadores. Nos restantes jogos os resultados foram quase sempre dilatados. O Benfica, que foi a Benavente defrontar o ADC Benavente, venceu, continuando a ser a única equipa que apenas contabiliza vitórias, na prova incluindo a Zona Norte., apresentou-se neste jogo com toda a sua principal “artilharia”, pois a equipa ribatejana, não costuma facilitar e criou alguns problemas á equipa lisboeta, de tal forma que o resultado ao intervalo se situava, em 19-15 a favor dos encarnados, e no segundo tempo, apenas conseguiram aumentar o seu pecúlio em mais um golo. Nos locais Fábio Leal com 18 golos, foi o goleador da equipa do jogo e da jornada, seguido de Fábio Diogo com 9 golos, na equipa do Benfica, os experientes Hugo Freitas e Augusto Aranda, ambos com 9 golos cada foram os seus principais marcadores. Em Leiria, disputou-se o Juventude Lis / Sporting, que terminou com a expressiva vitória da equipa visitante, que começou mal a prova, e que paulatinamente tem vindo a subir de forma, de tal maneira que neste momento já se encontra no 2.º lugar da Classificação da Zona, de parceria com a equipa sensação até ao momento (Alto Moinho). Neste encontro foi de total domínio da equipa lisboeta que ao intervalo já vencia por 15-9, aumentando a sua vantagem no período complementar. Ivo Amador com 5 golos foi mais uma vez o melhor marcador dos leirienses. Enquanto no Sporting, que também se apresentou a grande maioria dos seus principais elementos, teve mais uma vez em Bruno Gaspar com 14 golos o seu melhor marcador, que acumulou com o melhor marcador do jogo, sendo acompanhado pela dupla André Lourenço e Francisco Tavares, ambos com 5 golos cada. O São Bernardo que quase fez jornada dupla, disputou em primeiro lugar no seu recinto a equipa do Belenenses, que terminou como vencedora, num jogo de grande equilíbrio, como o demonstra o resultado final, com o intervalo a chegar com a equipa do Restelo já na frente pelo mesmo diferencial com que terminou o encontro (11-9). Com esta vitória a equipa do Belenenses, começa a subir na tabela classificativa, para se situar em lugares mais consentâneos com o seu historial na prova. Num jogo onde as defesas se superiorizaram aos ataques, o melhor marcador do São Bernardo não ultrapassou os três (3) golos e foram 4 atletas (Fábio Basto, Jorge Costa, João Almeida e António Abreu). Na equipa do Belenenses o seu melhor marcador foi David Ferreira com 5 golos. Na Torre da Marinha, a equipa (na nossa opinião) mais fraca da Zona, recebeu o Estarreja AC e perdeu, por um volumoso resultado, que foi totalmente construído durante os 30 minutos iniciais do jogo, pois o intervalo chegou com a equipa visitante a vencer por 21-12, precisamente o mesmo diferencial, que se registava no final do encontro, o que é demonstrativo da boa reacção dos locais nos segundos 30 minutos. Com esta derrota a equipa do IFC Torrense, continua ser a única nas duas zonas que apenas regista derrotas nos jogos disputados. NO IFC Torrense João Mourão com 6 golos foi o melhor marcador da equipa, enquanto no Estarreja AC Tiago Couto com 12 golos foi o seu melhor marcador, numa equipa que inscreveu 13 jogadores, e onde 10 marcaram golos. O último jogo da jornada, foi disputado entre vizinhos, e foi o Alto Moinho / Ginásio Sul, que terminou com uma vitória clara da equipa do Alto Moinho, que assim continua com apenas uma derrota no seu registo classificativo. Ao intervalo já vencia por 15-11, período em que o Ginásio Sul, ainda procurou dar alguma resposta ao bom jogo do adversário, no segundo tempo as diferenças acentuaram-se, com o Alto Moinho a ampliar a sua vantagem. No Ginásio Sul, mais uma vez Pedro Padre com 19 golos foi o seu melhor marcador, acompanhado, mais uma vez por Diogo Abadia com 7 golos. NO Alto Moinho Vasco Boal com 11 golos foi não só o melhor marcador da equipa como do jogo.

Após a disputa destes jogos a classificação ficou assim ordenada – 1.º Benfica (27 pontos), 2.º Sporting, e Alto Moinho (22 pontos), 4.º Estarreja AC (21 pontos), 5.º Belenenses (20 pontos), 6.º Juventude Lis e Ginásio Sul (16 pontos), 8.º São Bernardo (15 pontos), 9.º ADC Benavente (12 pontos), 10.º IFC Torrense (9 pontos)

O Noticias

Sem comentários: