gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 26 de novembro de 2016

Crónica Intermédia de Fim-de-semana – 25 – 2016 / 2017 – I

Regressamos às nossas normais crónicas de fim-de-semana, desta vez para tratarmos apenas dos jogos que foram disputados, relativos á 13.ª Jornada que ainda fica incompleta.

PO01 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Masculinos.

9.ª Jornada
Dia 22-12-16
Belenenses - ABC (19H00)
13.ª Jornada
Dia 26-11-16
Boa Hora 24 – 25 AC Fafe
AA Avanca 25 – 26 Sporting
Ismai 26 – 26 Arsenal
Belenenses 28 – 33 Madeira SAD
Dia 29-11-16
FC Porto - SC Horta (19H00)
Dia 30-11-16
Benfica - São Mamede (21H00)
Dia 18-01-17
Águas Santas - ABC (21H00)

Disputaram-se apenas 4 jogos relativos á 13.ª jornada, pois os outros encontros foram adiados devido á participação das equipas portuguesas nas diversas provas europeias. Lamentar que quatro jogos disputados três tenham registado a existência de relatórios de ocorrências disciplinares. Como factor positivo o equilíbrio registado nos jogos realizados.

No pavilhão Adelino Costa, realizou-se o AA Avanca / Sporting, que foi um jogo que surpreendentemente ou talvez não terminou com a vitória da equipa do Sporting pela diferença mínima. O Sporting foi um conjunto de jogadores que dominou o jogo durante os primeiros 30 minutos chegando ao intervalo a vencer por 16-11, No segundo tempo a partir dos 34 minutos começou a ver a equipa da AA Avanca a reagir e bem ao resultado que lhe era adverso de tal forma que aos 41 minutos apenas vencia pela diferença mínima (19-18), para aos 43 minutos o resultado ser uma igualdade a 19 golos, o equilíbrio a partir deste momento foi uma constante do encontro para aos 58 minutos se registar uma igualdade a 25 golos, para Frankis Carol nos segundos finais do encontro marcar o golo da vitória da sua equipa. E este resultado foi obtido com Cudic na baliza durante os 60 minutos com uma eficácia de 36% enquanto do outro lado Alejandro Carreras obteve 38% de eficácia. Pedro Veitia com 9 golos (64% de eficácia) e Diogo Oliveira com 6 golos (apenas 43% de eficácia) foram os melhores marcadores da AA Avanca, Pedro Portela com 7 golos (70% de eficácia) e Pedro Solha com 6 golos (86% de eficácia), foram os melhores marcadores do Sporting.

No Pavilhão Acacio Rosa, disputou-se o Belenenses / Madeira SAD, (foi um dos encontros onde se registaram ocorrências disciplinares), que teve a particularidade de assinalar o regresso a direção técnica da equipa do Belenenses de João Florência, que não foi feliz, pois a equipa de Belém sofreu mais uma derrota. Foi um jogo de total domínio da equipa insular que a partir dos 3 minutos de jogo vencia por 3-2, para nunca mais perder o comando do marcador e do jogo. Chegando ao intervalo já a vencer por 18-14, e chegando a ter vantagens de 6 golos, como por exemplo aos 38 minutos quando vencia por 22-16. No entanto na equipa do Belenenses deve-se destacar o seu guarda-redes João Moniz com 33% de eficácia, e como é normal Nuno Roque (87% de eficácia), e Tiago Ferro (86% de eficácia) ambos com 7 golos cada, na equipa do Madeira SAD, grande plano para os seus dois guarda-redes Luis Carvalho (33% de eficácia) e Yusnier Giron (36% de eficácia), tendo ainda Bruno Moreira com 8 golos (80% de eficácia), e Fábio Magalhães com 7 golos (64% de eficácia), como melhores marcadores.

Tivemos depois um dos resultados surpresa da jornada (na nossa opinião) que se registou no Boa Hora / AC Fafe, num encontro de grande equilíbrio e que terminou com a vitória da equipa do AC Fafe pela diferença mínima (encontro onde se registaram ocorrências disciplinares). Que já vencia ao intervalo por 11-9, o encontro foi de total equilíbrio até aos 8 minutos, quando se registava uma igualdade a 2 golos, a seguir o AC Fafe passou a comandar o jogo e o marcador, no entanto registou-se nova igualdade a 9 golos aos 27 minutos, no entanto a equipa de Fafe rapidamente regressou ao comando do jogo e do marcador chegando a ter um diferencial favorável de 4 golos, aos 33 minutos (13-9), mas o Boa Hora com uma excelente reação iguala novamente o marcador a 18 golos quando estavam decorridos cerca de 45 minutos, registando-se nova igualdade aos 58 minutos agora a 23 golos, para a equipa do AC Fafe resolver o encontro nos minutos finais. Uma das principais diferenças registadas entre as duas equipas deve-se á prestação dos guarda-redes, enquanto Tiago Moreira do Bora Hora teve 27% de eficácia, enquanto Bruno Dias do AC Fafe teve 38% de eficácia). Pedro Sequeira com 9 golos (56% de eficácia), e Rui Barreto com 5 golos (50% de eficácia), foram os melhores marcadores do Boa Hora, Belmiro Alves com 10 golos (91% de eficácia), e Nuno Pimenta com 5 golos (71% de eficácia), foram os melhores marcadores do AC Fafe.

Na Maia, tivemos o resultado mais equilibrado da Jornada, no encontro Ismai / Arsenal, que terminou com uma igualdade (encontro onde se registaram ocorrências disciplinares), apesar do equilíbrio que se verificava ao intervalo, igualdade a 14 golos e da igualdade final, a equipa bracarense do Arsenal esteve mas vezes no comando marcador, permitindo sempre a reação dos maiatos. Por exemplo aos 24 minutos vencia por um diferencial de 4 golos (13-9), e já no segundo tempo voltou a verificar-se o mesmo diferencial aos 40 minutos (20-16). O Ismai iguala o encontro através de um livre de 7 metros convertido nos últimos momentos do encontro. No Arsenal, uma especial referencia para o seu guarda-redes Ricardo Castro com 37% de eficácia). Angel Zulueta com 9 golos (mas apenas 45% de eficácia), e Yoan Blanco com 6 golos (85% de eficácia), foram os melhores marcadores do Ismai, enquanto André Caldas (55% de eficácia), e André Azevedo (67% de eficácia) com 6 golos cada foram os melhores marcadores do Arsenal.. 

A Classificação ficou assim ordenada: - 1.º Sporting (37 Pontos, + 1 jogo), 2.º FC Porto (36 pontos), 3.º Benfica (32 pontos), 4.º Madeira SAD (29 pontos, + 1jogo), 5.º ABC (27 pontos, -1 jogo, 6.º Boa Hora (+2 jogo) e (AA Avanca (+ 1 jogo) (26 pontos), 8.º Águas Santas (24 pontos), 9.º Ismai, e AC Fafe (21 pontos, +1 jogo), 11.º Arsenal (20 pontos, +1 jogo), 12.º Belenenses, e SC Horta (19 pontos), 14.º São Mamede (15 pontos, +1 jogo). 

O Banhadas Andebol

16 comentários:

Anónimo disse...

A virem ao de cima as fraquezas dos leões. Pessoalmente e com a minha experiência vivida de andebol, não acredito num Sporting campeão. Fui ver o jogo e os próprios Sportinguistas duvidam da regularidade da equipa. Comprou-se á maluca. O Sporting precisa e á muitos anos de alguém competente na secção de andebol. Perdeu-se o equilibrio. Este Cudic não é nem de perto guarda-redes para, equipa de meio da tabela. E há ali uns miudos que basta ver o aquecimento, para se perceber que não vão jogar na equipa principal. Espanta-me é que, Rui Silva veio a singrar, tal como Seabra oriundo daqui da Zona Aveirense, do S. Bernardo. Nesta equipa teriam lugar Fábio Magalhães, desde que com um treinador que soubesse puxar por ele! Se calhar cometeu-se o maior dos erros ao permitir, tanto gasto com um líder que disso tem muito pouco! Cheira-me a caso e ouve-se muita coisa que, bate digamos, demasiadamente certo! Ainda não é desta que o andebol vai ganhar nome novamente no clube. E os anos vão passando! Não se pode viver de ilusões... e as vitórias com o ABC e Benfica, a mim não iludiram. Em momentos de decisão esta equipa vai falhar! Quem perceber um pouco e quizer ver, deteta facilmente!

Anónimo disse...

No calor do jogo Avanca-Sporting percebeu-se que, o Sporting ainda não é equipa feita. Nem podia com este pouco tempo. Não basta ter jogadores de topo ou que se diz ganharem muito bem. Jogadores são jogadores. Equipa capaz de resolver sobretudo em momentos capitais é outra coisa. Depois ter quem saiba resolver com as peças que tem ao dispor é outra e muito diferente. O Sporting gasta rios de dinheiro num treinador que, nem é inteligente nem sabe sequer estar, enervando a equipa. Afinal há Portugueses capazes na equipa, ao contrário de alguns iluminados que defendem a tal super-equipa de estrangeiros. Solha e Portela foram os que mais gostei. Já agora porque quiz sair o Sérgio? Era um bom suplente. Muito útil para segundas partes. A malta mais nova no pavilhão, dizia que é o melhor marcador num clube da Eslóvenia ou Macedónia. O guarda-redes principal é fora do comum mas, este o suplente não entendo. E esteve o tempo todo na baliza, portanto tinha de mostrar mais. Sofre golos que ninguém percebe. Penso que há Portugueses capazes de fazer o mesmo e, muito mais baratos provávelmente. João Pinto está bloqueado e já se viu porquê.
JB- Aveiro

Anónimo disse...

O que se passa no Belenenses é uma vergonha

Anónimo disse...

Batiam a torto e a direito no Frederico. Foi com ele que o Sporting praticou o melhor andebol em muitos anos. Com estes jogadores só mandar este treinador para casa e ir buscar quem nunca deveria ter saído.

Anónimo disse...

Há quem esteja a não reconhecer o mérito do Avanca, isso sim! Uma equipa que, foi a que mais investiu num treinador que nada ganhou neste país e que, iluminados dum dos maiores clubes do mesmo deixaram ser ele, a construir uma equipa de luxo. A verdade é que o Sporting é um Leão mas de papel. A verdade é que a maioria dos clubes deste Andebol 1, não aceitaria este treinador Espanhol nem de borla. Tem alguns jogadores com nome e "experiência em provas Europeias", parafraseando o Espanhol obeso e, com dieta desapropriada. Onde está depois o saber fazer a mistura das peças e montar-se uma equipa? Pois... Daí o nervosismo constante e o medo de não receber os prémios, por vitória dos troféus em disputa. Se me permitem este bicho-papão nem é assim tão forte. Onde anda a regularidade de alguns daqueles craques? E para quê ter e pagar bem a um Carlos Carneiro á muito, arredado dos palcos de selecção? O mesmo se pergunta a escolher Pedroso que, só fez um bom jogo este ano, embora contra o Benfica. O Benfica já se percebeu não vai ganhar este campeonato, vai apenas andar mais lá em cima. De resto depressa de vê a pouca consistência de alguns elementos daquele projeto de grande equipa. Para que serve Tavares se pouco joga e não tem corpo para um grande? È que depois a defender não tem estrutura. Que guarda-redes é aquele que ontem se viu na Avanca Tv, ter dificuldades imensas em algum tipo de bolas? O Avanca é neste momento daquelas equipas logo a seguir ás mais profissionalizadas digamos assim, aquela que melhor andebol pratica! Sejamos verdadeiros aliás, não será por acaso que um ou outro jogador da equipa já foi convidado a ingressar nos tais grandes. Há a destacar que a avanca TV faz um serviço bom ao divulgar a modalidade. E não se assiste ás tristezas que ouvimos na Sporting Tv ou, no Porto canal e Benfica Tv. Nem precisamos de puxar fanaticamente pela equipa da casa e dizer parvalheiras pois, sabemos o que valemos e onde podemos ir!

Anónimo disse...

Anda muito na moda anunciar jogadores e dizer o que eles são capazes. No Belenenses a originalidade não tem limites. Devido á desorganização reinante, a somar á falta de money neste clube manda-se vir mais um técnico! O outro fica e assim se agrada a pai e filho. Já se percebeu que houve jogadores que, fugiram ás banhadas. Pagar só no mês primeiro afugentou jogadores. E agora? Não ganhando ás equipas do seu campeonato resta esperar pela sorte e azar dos outros, não é? Alguns dos emprestados como o Ferro nem para a segunda divisão servem. Não tarda e o pavilhão vai parecer, um centro de convívio para quem tem mais de oitenta anos. Vamos ver é se não há jogadores donos de lugar, porque assim então vamos pela escadaria abaixo. Com um campeonato menor se calhar estaríamos apenas á espera da queda fatal.

Anónimo disse...

O que se passa no Belenenses é mesmo uma vergonha corre se com carlos Jorge um treinador que deu o seu cartao para que o Joao Florencio (filho)pode se estar no banco, quero ver como e que vao fazer com equipa de juniores .
Quanto ao Boa-hora /Fafe nao e nenhuma surpresa surpresa e os resultados que o Boa-hora fez antes , pois deve ter o pior treinador da primeira divisao e toda a gente sabe que so esta a treinar a equipa pq e baratinho e ainda paga uns jantares e almoços aos atletas.

Anónimo disse...

Porque será que apesar das loucuras cometidas no Sporting, é o próprio público do clube a não acreditar? Prova disso os pavilhões vazios, como sucedeu no jogo com o rival-mor Benfica. Desculpas de ser ao meio da semana não servem. A modalidade empobreceu porque os últimos anos foram touradas e jogadas, umas atrás de outras. Um entra e sai de jogadores onde nunca imperou a lógica e continuidade da modalidade. Um gastar de dinheiro onde nada se foi buscar. Quando foi o último campeonato? Porque se assistiu a jogadores a quererem sair? Porque se foram buscar estrangeiros bem piores e bem mais caros que nacionais? Porque se andou a formar e os jogadores só resultaram fora do Sporting? Demasiados mistérios onde nunca houve respostas! Treinadores sendo tratados de forma descomunalmente diferente. Resultados é que nenhuns. No jogo Avanca-Sporting estivemos á beira dum escândalo e, a sete segundos do fim se o adversário marca era bonito! Agora temos guarda-redes estrangeiro para divertir o pavilhão? Que tristeza! Que falta de mentalidade ganhadora! Isto é um grupo de mercenários que, sómente vem aos prémios!

Anónimo disse...

Uma nota: como é possível o Presidente da AAB - Sr, Manuel Moreira de seu nome - "fazer mesa" num jogo em que uma equipa da sua associação - ARSENAL DA DEVESA - disputa um jogo importante para a conquista de pontos com o ISMAI-ARSENAL?

O dirigente do Arsenal fez e disse o que quiz. Só neste país. Mas claro, os quilometrozitos a fazer mesas sempre dão para umas noites de fado. Haja decoro. Não havia necessidade.

Anónimo disse...

Esta do pr. da AAB tem piada mas não chega aos calcanhares doutra, feita numa f final! Aí no dia anterior um jogador muito malandro mas que, raramente foi castigado, foi ameaçado no dia anterior á final, "de não receber o prémio"! Como sabia? È que atrás da mesa ouve-se tudo! Reconheça-se que, ele defende tão bem os interesses da associação, que chega a parecer tudo natural! Por isso havia grandes jantares com todos incluindo arbitragem. Por isso havia apostas mas de quem ficava nos últimos lugares! No tempo do grande ABC, havia quem estivesse bem informado, dos gostos de vários árbitros internacionais. Os pormenores desses gostos eram de rir. Ouvi num pavilhão umas pessoas e fiquei parvo. Tive dois filhos a fazerem de parvos em fases finais. Era impossível ficarem nos dois primeiros lugares...

Anónimo disse...

O que se passa no Sporting não é pra rir! È grave, muito grave!!! Tanta mudança e tanta suspeita sobre a ilógica de tanta decisão dá que pensar!!! O certo é que nada se ganha e, chega-se ao ponto de jogadores não renderem lá mas, renderem em outros sitios. Tanto na formação como equipa principal. Uma pergunta tem de ser feita. Como pode ser possível? O caso dos treinadores é incrível! São os adversários que, dizem que viram o Sporting praticar o melhor andebol em Portugal. O que mais estava de acordo com as características de jogador Português. Algumas das coisas que se ouvem e desabafos são de bradar aos céus! a verdade é que o Sporting é uma teia de falhados que, vão do diretor da modalidade, ao diretor-geral das modalidades e o presidente que nada sabe do que se passa. As escolhas e apostas sem nexo, depois do que se sabe deste treinador Espanhol, são de loucos. Eu diria outra coisa! O que se ouve é terrível e não deixa ninguém indiferente. Estive demasiados anos no andebol e no clube, para virar a cara. Isto não se trata só de irresponsabilidades! Há que apurar o que se passa. A verdade é que, todos sabemos que mesmo vencendo, o andebol tem os dias contados depois. Um treinador não pode ser dono do nosso andebol, sobretudo sem resultados. Então para além do escândalo que ganha, vão-se buscar jogadores que, ganhavam o que ganhavam noutros países? Para além de se substituir um técnico Português que, estava a fazer um trabalho de fundo, humilham-se os jogadores Portugueses! O papel de líder-treinador é conseguir tirar o melhor dos jogadores e, captar o público! Sempre assim foi e será! È claro que a chacota de termos como capitão de equipa quem temos e, com a agravante de quase nem jogar, diz muito! A história do rapaz da paleta um dia vai saber-se! È de arrepiar esta negociata! Porque não se apostou nem metade, em quem deu alguma coisa e, não deu mais devido ás vicissitudes do andebol\desporto, no geral no nosso país? Isto é uma canalhada, por isso nem o pavilhão do Casal Vistoso se põe a meio. Nem, com claques convidadas e miudos das modalidades! Vergonha! Fomos o rei da modalidade e agora nem principes! Com o dinheiro do meu pai rico eu aposto em tudo...

Anónimo disse...

Deviamos averiguar a vergonha do fracasso do ABC na Europa. Que figurinha! Aquilo não é para inventores nem aventureiros. Muito menos para amadores convictos! È a prova mais do andebol num continente que, quase tudo decide e dá á muitos anos os campeões do mundo. Os curiosos do ABC que, nem um sete-base têm, andaram a visitar pavilhões onde se vive o andebol de forma mais sofisticada. Aprendam. Falem com as familias emigradas em França ou Alemanha. Falem com os jogadores e jogadoras, a viver em países onde o andebol é até a modalidade mais praticada. Desta vez a associação maior do país e a mais organizada, nada fez. O ABC é um limão espremido até á casca mas, por cá resulta. Porquê? E ainda se gabam de ter o melhor público? Que público? Dizem que ainda poupam? Pois... Realmente há jogadores que, rebentaram devido á idade e outros inexperientes e que, vão depois para outros lugares onde se paga mais. O Arsenal sua equipa B de nada vale. Digam que sou do Porto mas, isto é uma macacada.

Anónimo disse...

A palhaçada continua em Belém, temos de correr com esta familia de pasteleiros incompetentes que voltou ao andebol. Diziam que iamos aos 6 primeiros e neste momento estamos em penultimo e se perdermos com o POrto e depois Horta ficamos em posição de descida.

Tenham vergonha e desapareçam para sempre, apareceram no andebol porque o filho que parece o Bud Spencer começou a jogar, e dizem-se salvadores da modalidade no clube, mas todos sabemos a quem fizeram a cama para chegarem ao poder, cambada de incompetentes.

Anónimo disse...

Esperemos que o histerismo de Zupo não dê para, andar a desculpar-se do cansaço ou outra coisa qualquer. O Sporting neste momento é quem menos viajou na Europa. Ou aliás, nada! È quem apanhou adversários diretos em Portugal, em dia não. Como se não bastasse depois dos Italianos desajeitados, calhou em sorte uma equipa com algum nome mas, que está em terceiro num campeonato que, não andará muito longe da qualidade do nosso. No entanto Zupo a tremer, vai dizendo ao jornal A Bola que, lá os jogos têm quatro mil e cinco mil pessoas. Fique descansado que, os melhores do país andam para outros lados. O Lazarov o mais conhecido está no Barça mas está velhote. Então onde anda a equipa, potencial vencedora de tudo? Depois da derrota no Porto, andam a tremer. Pensavam que éramos o ABC em noite não. O que define a classe duma equipa, é ganhar nos momentos de decisão. Limitem-se ao sonho!

Anónimo disse...

Ironia do destino, o Belém talvez não desça porque o campeonato foi aumentado. Eu não estou a falar de aumento de qualidade, atenção! Custa muito ver singrar em todos os grandes, jogadores feitos nesta casa. Agora opta-se por aumentar a equipa técnica. Se havia irmãos a governar dentro e fora de campo, agora há pai e filho a comandar a equipa! Vamos vendo um dos pavilhões que mais enchia, com passarinhos a cantarem no interior. Qualquer dia nem os dois grandes preferem emprestar jogadores, tal é a anarquia. Com medo, emprestam-nos ao Boa-Hora. Só me admira não haver mais apoios da industria hoteleira. Restauração não é andebol.

Nuno Sousa disse...

Tanto dizer mal do SCP e ganharam.se tivessem perdido Minha nossa.o k e certo e k o SCP tem uma derrota este ano contra o campeão nacional no dragao por a diferença mínima.tenham calma senhores.esta equipa do SCP e uma super equipa mas tem k crescer como equipa e isso só com treinador e com tempo.