gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

domingo, 6 de novembro de 2016

Europeu 2018 Masculino – VI

EURO 2018 MASCULINO NA CROÁCIA
(APURAMENTO)

Portugal disputou hoje o seu segundo encontro na Qualificação 2 a caminho do Europeu 2018, cuja fase final será disputada por um total de 16 equipes, de 12 a 28-01-2018, em quatro cidades (Zagreb, Varazdin, Porec e Split), havendo lugar á qualificação de 15 equipas. Pois apenas o Organizador está diretamente apurado.

PORTUGAL EMPATA COM A ESLOVÉNIA
(2.ª JORNADA)

Finalmente um encontro da Selecção Nacional disputado na Zona Centro do Pais, neste caso em Lisboa, e no Pavilhão da Luz, para defrontarmos a Eslovénia, que esteve presente no Rio 2016, e que na 1.ª Jornada do Grupo 5 venceu a Suíça por 32-27. Verificou-se um Pavilhão completo (finalmente). Um encontro que começou com um episódio caricato de impedir a utilização de Rui Silva, em virtude dos óculos que usava, que são precisamente os mesmos que foram usados na Alemanha, e nos jogos Europeus do seu clube (interessante saber-se qual a posição da FAP, em relação a esta atitude), pois parece-nos que começou aqui a construção do resultado final. Jogo que se realizou depois da Alemanha ter vencido na Suíça por apenas um golo. Portugal jogou muito bem em termos defensivos, com concentração, e mais agressividade perante uma equipa que demonstrou toda a sua qualidade e possuída por um guarda-redes de seu nome Primoz Prost que foi na nossa opinião o homem do jogo, pois ao contrário tivemos um Quintana abaixo do que costuma produzir, e um Ricardo Candeias que nos 12 minutos que esteve na baliza, não agarrou uma bola. Em termos de ataque, tivemos um primeiro tempo menos conseguido, em especial por Gilberto Duarte (5 golos, 56% de eficácia) e onde Jorge Silva (3 golos, 43% de eficácia) foi quanto a nós uma importante peça do jogo com toda a sua experiencia, em especial em termos defensivos. O Intervalo chegou com a Eslovénia na frente por 11-9). No segundo tempo Portugal continuou a mostrar excelente coesão defensiva, teremos de dizer que Salina (2golos, 67% de eficácia) foi um dos grandes baluartes da mesma, e uma nítida melhoria no ataque, onde surgiram Gilberto Duarte, e Fábio Vidrago (4 golos, 80% de eficácia), e acima de tudo a qualidade de um jovem de nome Miguel Martins (3 golos, 60% de eficácia) que esteve muito bem, a jogar e a fazer jogar, embora se tenha que dizer, que nunca aproveitamos as situações de 7 metros (2), e nunca soubemos aproveitar as superioridades numéricas de que dispusemos. Mas mesmo assim nunca permitimos que a Eslovénia “fugiu-se” no marcador e aos 54 minutos a Eslovénia vencia por 24-21, para então surgir dois novos jogadores na nossa equipa António Areia (3 golos, 50% de eficácia), e Nuno Grilo (2 golos, 50% de eficácia), eoas 55 minutos estabelecemos a igualdade a 25 golos, para aos 56 passarmos para a frente do marcador por 26-25, com António Areia a permitir uma defesa do guarda-redes da Eslovénia a cerca de 40 segundos do fim do encontro, para os eslovenos igualarem o encontro através de um polémico 7 metros a 3 segundos do fim do encontro. Na equipa eslovena, além do homem que esteve soberbo na baliza, tivemos Jure Dolenec (5 golos e 83% de eficácia), e um Kavticnik (4 golos, 80% de eficácia), que devem ser destacados. Jogo dirigido pela dupla da Letónia composta por Zigmars Sondors e Renare Licis, que na nossa opinião foram influenciadas pelo “peso” do técnico da equipa da Eslovénia Veselin Vujovic, e nunca tiveram um princípio de equidade na aplicação em especial da sanção progressiva. E tiveram uma influência no resultado com a “invenção” da desqualificação de Fábio Vidrago nos últimos segundos do encontro e na marcação do consequente livre de 7 metros, oferecendo (na nossa opinião) a igualdade a uma equipa que se encontrava em desespero.

Resultados
Jornada 1 – 02-11-16 – Alemanha 35 - 24 Portugal
Jornada 2 – 06-11-16 – Portugal 26 – 26 Eslovénia

Portugal só volta a jogar em Maio de 2017, quando se disputarem a 3.ª e 4.ª Jornada.

Banhadas Andebol

48 comentários:

Unknown disse...

Na Eslovénia não fazem a seleção pelo tamanho dos jogadores. Repararam que o central esloveno era tão pequeno como o Seabra?

Jorge Almeida disse...

Este resultado obriga a que se ganhem todos os restantes jogos para ir ao Europeu.

Pavilhão cheio, mas publico a assistir como se estivesse num dos cinemas do centro comercial próximo. Num jogo que já se previa equilibrado, e num torneio que é pequeno, este tipo de partidas tinha de ser marcada para pavilhões com publico sabedor, presente e que apoia do princípio ao fim, especialmente "naquelas" alturas. Há que regressar ao Sá Leite, e com urgência. Alternativa: Todos os pavilhões de equipas da PO01 e da PO02 sem futebol onde se registem boas assistências. Há que ter publico que saiba criar o inferno para as equipas adversárias.

Com um seleccionador novo, não percebo porque é que não se efectuou pelo menos um jogo treino antes destes 2 jogos. Sempre o seleccionador poderia verificar a actuação dos atletas em jogo, e não só nos treinos. Possíveis adversários podem ser boas equipas espanholas e francesas.

Neste jogo, vi pouco. Do pouco que vi, vi algumas falhas técnicas da equipa nacional, especialmente em ataque, que nem nos infantis se admitem. Perder posses de bola de maneira estúpida, como algumas foram perdidas, para além de remates ao 6 metros em que se acertou no GR, é arriscar ao que aconteceu. É certo que um dos golos da selecção nacional é digno dos apanhados, aquele de Fábio Vidrago em que o Prost saiu da baliza para a linha final e o Vidrago apanhou a bola e meteu-a na baliza deserta. Mas caramba, este empate sabe a derrota ...

Anónimo disse...

Tudo pesado e sobrepesado os factos são que ao fim do 2ª jogo, o sonho já foi desfeito...Tem o sr. selecionador motivos fortes para se repensar e a FAP para se redimir!
É pena... mas penso que este já deu o que tinha a dar...
Preparar o futuro sem inventar. na seleção têm de estar os que a cada momento estão melhor. Tenham 18 ou 38 anos... tenham 2,00m ou 1.50m...
A esperança é a ultima a morrer mas um dos objetivos já foi...ganhar 4 jogos sendo que três seriam os de casa e o da Suiça fora (PP dixit)...
Sempre a fazer contas e a remendar trajetos.
Gostei de ver na bancada a apoiar alguns dos proscritos e excluídos! Nobreza chama-se!

Anónimo disse...

A decisao final esta certa. A nova regra diz que qualquer sanção que nos ultimos 30 segundos sejam passivas de 2 minutos terá de ser aplicado o cartao vermelho, azul e o respetivo 7 metros. O Vidrago é que nao tem de fazer aquilo, vamos parar de culpar os arbitros... Os comentarios televisivos entao nem se fala...

Anónimo disse...

Devo dizer que é muito mau quando num jogo da seleção os miúdos que entram com a equipa vão com o equipamento de um clube ...... Mt mau na minha opinião é como portista e amante da modalidade

Anónimo disse...

o Anónimo 6 de novembro de 2016 às 22:18 calado é um poeta!

Anónimo disse...

Foi pena o resultado final com decisões discutíveis da dupla de arbitragem, deixando a impressão que queriam uma solução para todos. Claro o treinador esloveno não parou quase todo o jogo de reclamar e contestar, algo habitual nele.

A equipa eslovena tinha excelentes jogadores, experientes e com profunda cultura de andebol. Quer se queira ou não neste nível técnico e exigência a disponibilidade física é essencial. Devemos pensar:

Como é possível a Eslovénia com 2 milhões de habitantes, nação de pequenas dimensões, ter esta importância no Andebol ? Outra cultura e forma de estar no desporto e na vida.

Quanto a Portugal trabalhou muito, mas não foi melhor que o adversário. Mais de 5 golos falhados aos 6 metros. Neste campeonato não é aceitável.

Anónimo disse...

Um bom jogo e bastante melhor que contra a Alemanha, mas os problemas estão lá e o Seleccionador Paulo Pereira só tem que corrigir quer na selecção de alguns atletas quer na estratégia durante o jogos.
Para quem andou a defender a anterior Estrutura Técnica/OF e seus colaboradores) da FPA a mando do Sr. Augusto Silva* e Ulisses Pereira tem a resposta e em pouco tempo. Foram anos! perdidos e só perdeu o Andebol e os nosso Melhores Atletas.
Mas será sempre complicado entrar no grupo das Selecções habituais nas Fases Finais de Jogos Olímpicos, Europeus e Mundiais.
* que deu sempre preferência aos treinadores da sua rua de Guimarães e foram só 4 nas estruturas da FPA.
Temos agora 4 meses para preparar melhor os próximos jogos com a Suíça.
O local escolhido assim como o piso e cor não foram muito felizes para a pratica do Andebol e captação de imagens.Para ganharmos temos que jogar Em BRAGA na Grande NAVE, Porto.
Quem tem duvidas vá a historia dos resultados de excelência da nossa Selecção e local onde se realizaram os jogos!

Anónimo disse...

Eis o andebol dum país chamado Portugal:
- Jogo num dos poucos pavilhões com condições, se nos lembrarmos que, em competições Europeias o campeão, foi impedido de usar o seu pavilhão. Onde será o próximo jogo em casa? Triste que se entre em campo com crianças vestidas á moda do clube dono do pavilhão. Triste que os limpa-chão estivessem vestidos da mesma forma. Triste que o pavilhão não estivesse bem completo. Os bilhetes até eram baratos, para o tipo de competição e selecções envolvidas. O povo não adere, resta saber porquê. Futebol só depois de muitas horas, ou o ambiente em redor desta selecção já é tão sujo que, não se quer apoiar? Lamentável o falatório nas bancadas e as "votações" com ironia á mistura, devido ao erro de Antunes. Castigado por um jogo quem vai ser chamado? Polémica prometida! È desta que convoca o Pedro Solha? Opta por um novo para além de Branquinho? Chama Sérgio Barros? Volta a Hugo Santos? O povo adora estas coisas! E eu a rir-me sem vontade, porque seria sempre Solha mais um e, por acaso também não era Branquinho. Será que só lá chega quem joga em "grandes"? Solha andou pelo Àguas antes de Porto e Sporting. Santas Quanto ás votações sobre Cavalcanti e Daymaro Salina achei piada. De Quintana achei piada que, já se defendia que o Cubano é um fora de série e, o outro podia ser Figueira ou Laurentino. Haverá mias Cubanos para naturalizar? Dito por VIP em local de muita gente de andebol, pode ser que ganhe forma! Com a vitória da Alemanha no dia anterior há quem esteja á espera, duma vaga nos melhores terceiros lugares. Bem me parecia que os duelos com a Suiça, é que iam ser de gritos. Gostei do modo de arbitrar e conduzir o jogo. Se calhar foram a melhor equipa! Mas quem deu nas vistas foram outras pessoas! Rui Silva não foi autorizado a jogar devido aos óculos? È que com a Alemanha jogou! O que tem a FAP a dizer da matéria? Quando comecei a praticar andebol já Rui, jogava e não me lembro de quantos anos o vejo a jogar com eles! E agora? Temos outro caso como as mangas? Aqui há variedade e gostos para todas as cores, formas e feitios! Achei piada é que, fossem de que clube fossem, os apoiantes da selecção, não simpatizavam com o atual seleccionador! Interessante!

Anónimo disse...

Que figuras andamos a fazer no andebol. O caso das lunetas usadas por Rui Silva, que me lembre desde criança vai ter que ser analisado. O que tem a Fedederação a dizer deste episódio? No próprio dia nada foi comentado sequer! Como pode ser possivel? No jogo anterior com a Alemanha usou-os. Foi permitido porque ninguém notou? Eram doutra marca autorizada e credenciada? Banhadas esclareçam-nos quanto a regulamentação. Há um jogador doutra selecção que usa e ainda á dias vi-o jogar, através da EHF Tv. Julgo ser polaco. Assim ficamos só com um central de raiz. Já não bastava outros casos como a não convocação de Seabra. Sorte malvada! Estes jogos de apuramento só acabam para Junho de 2017. Será que ninguém competente na FAP comentará? Este caso promete mais que, os mercenários do Qatar!

Anónimo disse...

Mais uma vez tivemos que aturar comentadoras dum canal privado de clube. À hora do jogo não tendo outro meio aproveitei o convite de dois irmãos Benfiquistas, para ver o Portugal-Eslovénia. a Rapariga desatou a falar de tudo sem saber. Quem perde é o andebol! Julgo que na sofreguidão de falar do seu clube, esqueceu-se que era um jogo de andebol da nossa seleção! Já notaram que sou Sportinguista pois, agora vos digo que, chamou-me a atenção que numa casa de tanto Benfiquista, todos estavam de acordo que, não convocarem Solha é má vontade e um escândalo! Haverá assim tantos jogadores bons que possamos, por birra não convocar o melhor dos últimos anos, a jogar naquela ponta? Este cara de pau de olhar meio louco devia explicar o porquê! Desde que ouvi uma birra especial dum árbitro da Madeira, com um jogador dum clube por causa dum caso de namoricos, acredito em tudo! Grilo é bem convocado mas, o puto Gomes é gozar connosco. Então o Semedo não é melhor. Dá a sensação que este adivinho errou muito nas escolhas, porque há mais casos. Que tempo houve de analisar jogos e vídeos? Sendo do clube que sou, acho que a central o Wilson Davis que está tão bem em França, é melhor que o Rui ou o imatura Martins. Naquela posição exige-se muito de experiencia e sensatez. Nos guarda-redes penso que, Candeias vai atravessar o deserto, pois Quintana errou ao jogar por Portugal. Desculpem-me mas é o que penso. Não tem rival no nosso campeonato a não ser o Croata do Sporting. Não achei bem os limpadores de chão andarem equipados á Benfica. Podiam vestir um fato de treino sem emblemas. Está prevista alguma destas eliminatórias no novo pavilhão do Sporting?

Jorge Almeida disse...

Lista de transmissões de jogos de Andebol na TV, Internet e Rádio previstas entre 07 e 13 Novembro 2016:

http://andeboltv.blogspot.pt/2016/11/lista-de-transmissoes-entre-07-e-13.html

Anónimo disse...

Depois do resultado de ontem que se deve a alguma sorte nossa, o que vem a seguir? A Federação Portuguesa ou os irresponsáveis que andam á frente dela, querem continuar com aventuras? Este Pau Pereira não teve tempo para preparar bem uma selecção. Rodearam-no de incompetentes como o pequeno Martingo que, quer dar nas vistas e convoca projetos ou provetas. Mais grave o pretenso treinador de guarda-redes nem está autorizado a estar nestas funções. Convocar á sorte ou tentando adivinhar nunca dará certo! Se achar que fazer suspense ou surpresas sem nexo, pior! E agora vamos gramar estas loucuras por quanto tempo? Não era melhor continuar o trabalho feito anteriormente por Rolando e Monteiro? Não será que vamos ter aqui um Jasus do andebol, com ares de ditador e prepotente? Agora já é tarde...

Anónimo disse...

Ontem correu bem. Mas a coisa não vai longe. E porquê? São mundos de andebol diferentes! Repararam no apoio á selecção da Eslovénia? Quantos Portugas estiveram na Alemanha a apoiar a n selecção? Que se saiba há lá muitos emigrados. Pois... primeiro há que acabar com histórias várias cá dentro! Hà que purificar, o que não queremos na maioria! Há que melhorar o nosso campeonato. As duas primeiras classificadas Porto e Sporting, têm mais de metade da equipa constituída por estrangeiros. Devido aos custos dos mesmos quando não se adaptam, apostam neles na mesma. O nacional é emprestado ou forçado a saír! Será que de milhares de Portugas a trabalhar na Suiça, vai haver apoio quando jogarmos lá? Hummm... cheira-me que nem pensar! O andebol tem de ser mais apelativo. Desde as escolas. Para bem de todos deixem as jogadas de casca de banana.

Anónimo disse...

Anónimo das 23h21- Também concordo que é muito mau e que não devia ter acontecido, mas mesmo assim não é tão grave como o que se passou no Porto no jogo com a Islândia o ano passado em que os bilhetes para o público estavam esgotados mas os SuperDragões vendiam bilhetes sem lugar marcado à entrada do pavilhão..

Anónimo disse...

O mal é nosso! Não se desculpem! Arbitragens? Ficamos mais uma vez pendurados. Desde a maneira misteriosa como tudo se faz para construír uma selecção e quem a dirige, tudo está sujinho, sujinho! No jogo de ontem tudo foi correndo bem e houve um momento em que, tudo correu mal aos nossos adversários. Pensem que eles são uma pequenissíma república de dois milhões de habitantes! Têm é uma forma de pensar e viver o andebol melhor e mais limpa! Nós damos tiros nos pés! Esta convocatória, foi mais uma de casos e mais casos! Porquê? Estarmos em casa a ouvir as loucuras que, ontem via tv se ouviram, não leva a nada! Quem não percebe o minímo e aceitável sobre andebol, não deve ter um micro á frente das ventas! Só peço ao cara de mau que vá treinar para o deserto lá na Tunísia. Lá é que há muitos Camelos...
JL-Leiria

jgo disse...

O ABC só com Portugueses e sem ter jogadores como Quintana, Gilberto,Pedro Portela, Vidrago ou Tiago Rocha, entre muitos outros, provavelmente tinha ganho a esta Eslovénia..

A diferença é que o ABC tem treinador ao contrário da Seleção Portuguesa..

Se o opositor está a concretizar com facilidade de primeira linha sobe-se a defesa para ser mais difícil marcarem, especialmente se se tem na baliza um grande guarda-redes nos lances de 6 metros como é o Quintana.

A nível ofensivo se o jogar em força não resulta que se usem jogadas estudadas e se mude a organização de jogo mas para isso é necessário ter um central que o saiba fazer, e o central português que melhor sabe alterar o ritmo de jogo (Pedro Seabra) estava como espectador na bancada pois nem convocado foi..

Anónimo disse...

Mais uma vez se prova que, começam a mudar mentalidades em Portugal! Há jogadores nossos que podem jogar em vários campeonatos desta Europa. O nosso mal está no dirigismo mesquinho e terceiro mundista ou... pior! O Paulo Pereira vem agora aramado em psicólogo, tentar arrebatar sorrisos e prometer esperanças. Se... Se... Se... que tal se fosse mais sério? Mas quais heróis do mar? Deixe-se de pantominices! Seja sério e tente ter alguma personalidade e verticalidade! Só talvez o seu lirísmo acredite em sermos apurados, Enfim! Até nem é o maior culpado! Afinal, o que fez de tão importante? Mas julga que emociona ou engana alguém, com os discursos para a tv mostrar? Deixe-se de teatrinhos de fantoches! Bem diz o povo que, o que nasce torto tarde ou nunca se endireita! Será que dorme bem?

Anónimo disse...

Heróis do mar? Os atletas sim, pois não têm culpa dos devaneios da FAP e dos seus lacaios PP; Cm e TF... Super "credenciados" mas que vivem do andebol...nada sabendo fazer mais além disso.
Temos de ir falar com o selecionador da Eslovénia (e outros) para lhe fazer ver que ele está completamente errado nos critérios com que seleciona os seus jogadores e faz a sua seleção...pois pelos vistos os do PP ele não conhece!!!!

Anónimo disse...

Alemanha= 1ª divisão de andebol europeu.
Eslovénia= 2ª divisão
Suiça= 3ª divisão
Portugal= 3ª ou 4ª divisão?
O que leva um humano a interessar-se por uma modalidade?
O que o leva a querer muito praticar?
O que leva a conseguir praticar a alto nível?
NÃO BRINQUEMOS ÁS SELECÇÕES! O ANDEBOL ANDA SÓ DE MARCHA-ATRÁS? TENTEMOS ENGRENAR A PRIMEIRA VELOCIDADE! NÃO CONDUZA COM ALCÓOL! NÃO CONDUZA APÓS TER COMETIDO UMA IRREGULARIDADE!

Anónimo disse...

Vou responder a muitas perguntas:
O Telmo Ferreira após estar integrado na seleção pedem uma equivalencia magica, aposto que daqui a uns 2 meses ele tem master coach
Carlos Martingo é o elo ao F. C. Porto, para colocar jovens jogadores para o estatuto de alto rendimento, permitido assim maior disponibilidade (compromissos universitarios, exames, aulas obrigatórias, etc)
Paulo Pereira canta de Galo, como sempre fez, mas aposto que não ganha mais nenhum jogo, eslovenia sem Bombac, Skof, etc... Alem do mais a arrogância de um foi a morte do outro, a arrogância ainda maior do treinador Eslovêno, não trazer os melhores, e rodar a equipa...
Deixo aqui uma aposta, alem de não ganharmos nenhum jogo, vai haver muita gentinha dubia na seleção, o Paulo vai vender o "peixe", como estamos a preparar pra proxima competição.

Anónimo disse...

No meio desta monumental trapaça que já nem dá para disfarçar, já temos a sensação de tudo perdido. A sorte nem sempre sorri aos que tudo fazem sem lógica. Continuo a pensar que, não se deveria ter mudado a equipa que comandava a selecção principal e coordenava todas as outras. Agora só voltaremos a jogar em Maio ou Junho. Até lá muito vai acontecer e muita mudança vai haver. Neste espaço de tempo o selecionador vai ter tempo para ver muito jogo e escolher sem ser em cima do joelho. Resta-lhe ser honesto intelectualmente e ter humildade para aproveitar a aprender com o falhanço. Tenha cuidado e selecione os melhores e para vencer sempre. È um hábito a ser adquirido. Nesta pseudo-convocatória para além dos que, não foram convocados e dois casos são escandalosos, há os que não se compreende serem! No banco de Portugal, há jogadores que, é um escandalo convocar. Um dos caos é inadmissível. Assim não!

Anónimo disse...

Totalmente de acordo com o anónimo de 06Nov-22h18. Pena é que quem se ponha a escrever post depois da meia noite e, sabe-se lá sob influência duma super lua cheia ou liquídos que, perturbam o normal funcionamento mental, estampa-se! Tapar o sol com peneira não chega! Há cegos que sentem e há os que não querem ver. Depois ainda há os que, são cegos mas, não são daltónicos..Achei igualmente piada aos que defendem o mundo a andar ao contrário e, até dizem que o ABC venceria esta selecção!

Anónimo disse...

Poderemos discutir se o segundo guarda -redes é X ou Y. Podemos discutir tudo mas sempre na ideia do todo. Discutir um jogador que é de longe o mais internacional. O que melhor joga em stress e momentos de decisão. O que nos últimos três anos é de longe o mais concretizador. È de momento o que tem tudo a favor e até os adversários se interrogam do porquê. Sentir que há aqui um caso, criado por alguém é nojento. È duma falta de dignidade atroz. O que se pretende chamando quem até nem está a fazer grande época (Antunes) ou, joga no seu clube porque não há outro (Branquinho) é obra! No caso do segundo não tem experiência nestas andanças. Convoquem o Moreira para o outro lado! Triste! Seremos todos Portugueses?

Anónimo disse...

Nesta altura só há um Português que acredita, ou pelo menos assim o diz vamos apurar-nos... desesperado, faz discurso para Português ouvir. Ò Paulinho dá pra entender que, no último jogo decide-se tudo, se ainda der. O problema é que transmites suspeição á distância... Como não há emprego a treinar clube, vais apoquentar-nos a pouca paciência! Volta Rolando, estás perdoaodo!

Anónimo disse...

Só por curiosidade lembro que Montenegro venceu a D. Russia. Ponham aqui os olhos em como um pais que é quase um centésimo doutro, o vence em andebol. No nosso caso a Eslovénia vem da antiga Yugoslávia que, tinha tradições em andebol. Esta pequena nação com pouco mais de dois milhões de habitantes, anda á anos em disputas de Mundiais e Europeus. Como o consegue? Analisem...

Anónimo disse...

Convoquem é o Roberto Moreira do Oleiros não percebo como um valor daqueles anda perdido na 2a divisão..se não querem jogar com o Seabra joguem com 2 pivots

Anónimo disse...

Festejar empates e disfarçar teatralizando? Não esqueçamos que tivemos alguma sorte, em momento capital e, não sendo equipa B, a Eslov
énia rodou e não trouxe alguém... não se estiquem. Por questão de honra tentem ganhar á Suiça. Façam uma promoções de camisolas da seleção e cachecóis. Criem uma imagem de seleção de ANDEBOL. notaram nos apoiantes adversários? E olhem que não se trata dum país com bom nível de vida!

Anónimo disse...

Serão estes os melhores? Provavelmente quase todos, mas enquanto Portugal tiver um campeonato como o nosso a nível sénior nunca passamos disto (tanto em masculino como em feminino) apesar de muitos dos atletas da PO01 serem profissionais (pelo menos no Porto, Sporting e Benfica).

Qual será o problema de irem buscar um seleccionador estrangeiro conhecedor da realidade lá fora, mas fora na Europa? Já se esqueceram do Donner e do trabalho que fez.

Nunca um jogo deste poderia ser jogado no pavilhão da Luz que não tem cultura andebolistica, basta ver os jogos do campeonato lá disputados.

Comentadores sejam eles do SCP, do Porto Canal ou da Benfica TV é sempre o mesmo, não sabem do que falam.

Os árbitros não fizeram uma arbitragem boa, muitos erros, mas mesmo muitos.

Como é que Portugal a 5 segundos do fim cai naquela situação?
Como não aguentaram mais tempo a bola no ataque e não fizeram falta a meio campo, em vez do que aconteceu?

Anónimo disse...

Podemos ver de muitos ângulos diferentes. Não podemos é decidir a favor do que queremos. O Vidrago agiu em prol da equipa. São segundos decisivos e, arriscou. Se formos ás regras temos de concordar que, foram cumpridas, embora não nos agradando. Isto treina-se mas há muita coisa que, se verifica que com uma mão cheia de treinos, ainda não foi feito. No lance da sua expulsão Vidrago, pendura-se impedindo o adversário de jogar. Os árbitros estiveram bem. No tratamento aos bancos é que, não concordo com as diferenças! Pereira não é conhecido nem como jogador nem treinador, ao passo que, o nosso adversário tem enorme peso e usou-o! Por vezes perturbou o jogo e talvez não quisesse ritmos muito vivos. Vastas vezes não é só cá que, se nota quem use o adormecimento e, quebra de ritmo do adversário como estratégia. Isto tira tudo o que o andebol tem de melhor, em matéria de vida e beleza. na mesma se vêm empurrões e agarrões prolongados, sobretudo entre pivots. O caso de Rui Silva é simplesmente incrível! Ninguém da FAP a comentar\esclarecer? Anedótico! E quer queiramos ou não, teve influência. Quanto a escolhas para central ou outras posições, estas duas opções não são as minhas. O selecionador deve saber unir! No caso da ponta esquerda o imbróglio vai infelizmente continuar, porque Antunes será, em princípio punido com um jogo. Quem vai convocar? È que, agora vão começar as pressões. Isto podia ser evitado! Não discuto qual o jogador que convocava nesse posto. Aqui assumo que seria Pedro Solha mais um e julgo ser do mais fácil de decidir. È muito triste este caso e dá um ar de algo muito estranho. Outro exemplo o de Gomes, a aparecer mas Jacob já é central á mais tempo. Não são jogos particulares e defendo que, em apuramentos não se pode queimar experiencias.

Anónimo disse...

Sempre que tem que se convocar jogadores para selecções, surgem os advogados de defesa! Ele é os que, querem o jogador do clube, os que querem o nascido na terra. E já se viu que este sr. Paulo Pereira com tantos anos disto enterrou-se, até ao pescoço! Com um calendário em que, há duas equipas claramente favoritas, complicou-se em demasia. Admira-me que, quem anda á tanto ano no andebol tenha chegado a isto. O destino prega partidas e a falta de personalidade naõ se emenda com caras de durão. O caso de solha é vergonha do pior. È daqueles que quase por unanimidade Portugal inteiro escolhia. E lá vamos continuar sem paz onde era mais fácil ter. Feio é ver uma federação que parece não existir e, fica mal na foto, com o caso Rui Silva. O atleta fez o percurso todo em selecções, devendo ser quem mais vezes é internacional na sua idade. Por muitas e repetidas destas situações e nem falo de casos de grave indisciplina, Portugal nunca sente o apoio do povo. Quando se sabe que, um atleta bêbado faz o que faz, num país estrangeiro e o pr. toma conhecimento, mas estranhamente nem fala, o que pensar? Medo do clube? Da associação por ser a de mais peso? Por não querer incomodar a associação que, o apoiou? No comment...

Anónimo disse...

Há os que entendem o desporto como uma guerra e os inconscientes que, fazem-na como sendo uma guerra disfarçada. Apenas dois jogos e a nossa federação criou um monstro. afinal quem deveria ou deve ser o selecionador? Português ou estrangeiro? Acumulando com clube ou não? O certo é que não deve deixar dúvidas nos seus actos. Não deve pactuar com pressões ou recados. Deve decidir tendo uma linha de orientação lógica. Deve como principal técnico vigiar o que se passa, nos escalões de formação. O futuro não vai ser risonho para as cores da nação. Só um milagre e digamos que depois do sorteio já era de esperar. Lamento os factos ocorridos e em catadupa. Fica mal e é falta de respeito ao seu público, não haver normas de procedimento e pior, fingir-se não existirem. Grave tentar agir em surdina e com modos não claros, parecendo haver algo a esconder. Um país não deve ter um líder que divida, acompanhado doutro que, nada fez de relevante e ainda dum outro que nem possuí credenciais para o cargo! Se o nomeado opta por caminho sinuoso, e cego no poder dado escolher parecendo perseguir quem assim não obedece, tudo dito! Os lúcidos são grandes quando possuem humildade! Depois de dois jogos já se chegou á conclusão que, aqueles jogadores não representam um país! Quem tem um minímo de conhecimento na modalidade e acompanha, verifica facilmente uma "selecção" sem ligação e onde não estão os melhores e onde, há escolhas escandalosas de principiante. Mais grave sente-se o dedo de escolhas sem honestidade em escalões abaixo.

Anónimo disse...

Não se trata de erros ou palhaçadas. Trata-se de jogo sujo. Mais uma vez e pra não variar. Daqui a dez anos falaremos do mesmo... cheira a viciação por todos os poros! O melhor? Era uma nova federação de andebol de todos os Portugueses e que, a mesma tivesse uma equipa técnica competente e com uma lógica. Não contem comigo. Estou farto de ser enganado!

Anónimo disse...

NUNCA VI UMA SELECÇÃO CHEGAR TÃO BAIXO! QUANDO ATÉ EM ESCALÕES DE FORMAÇÃO, SE ANDA A FAZER FAVORES E LANÇAR QUEM NÃO TEM O MÉRITO, ESTÁ TUDO ESCLARECIDO. QUANDO UMA PRETENSA SELECÇÃO É FEITA Á MEDIDA DUM SÓ CLUBE, A QUE OUTROS SE VERGAM... NÃO PERCAMOS TEMPO A FAZER DOS OUTROS LORPAS! TÃO POUCO TEMPO E TANTA DECISÃO VICIADA? DEMITAM-SE TODOS! QUEM ACREDITA NESTA CALDEIRADA DE MARISCO ESTRAGADO?

Anónimo disse...

In"experiencia" competitiva, time out a 1 min. do fim, tinham acabado de chegar ao ataque, o problema subsiste, Obradovic, Donner, para mim os melhores que passaram em Portugal, agora Montenegro (Obradovic) a dar cartas.
O proximo adjunto sera Rui Silva, Tiago Gama, etc, admira me que ainda não estejam nas selecções mais jovens.

Anónimo disse...

E o pivot?

Anónimo disse...

Amigo, o jogo também deu em canal que não necessitava de subscrição (TVI24)...

Anónimo disse...

Boa análise... Quando se está a analisar um jogo de infantis/iniciados...

Anónimo disse...

Isto já faz lembrar o Sporting do Bruno de Orvalho. È um festival de ideias. Experimenta-se,muda-se e nada pega bem. Depois aparece um salvador que, sem perceber nada manda mudar tudo porque se tem que ganhar. O problema é quem paga? Houuu!

Anónimo disse...

Depois dum sorteio custoso só nos faltava a triste realidade, de tudo o que é porcaria do nosso andebol. Temos que reconhecer que, as coisas são feitas em surdina para compor um trio de homens que, seleciona e irá treinar uma equipa "que deveria representar Portugal em Andebol". È uma vergonha que, neste país haja pessoas que, brincam com o povo, gastando a bel-prazer. Nunca se apura quem? Depois assistimos a uma convocatória que, é uma vergonha ainda maior com casos e mais casos, onde sobressai a falta de verticalidade. Alguns destes casos (escolhas) não têm lógica nenhuma. Mais um embrulho. O Andebol vai descendo na popularidade e pelos vistos, há quem assobie para o lado. Há quem se esqueça que a selecção é uma equipa de todos nós. Ora se escolhem catraios que, precisam de muito andamento, ora quem tenha experiência mas isso não conte!

Anónimo disse...

HÁ QUE RECONHECER QUE O AMBIENTE É TÃO PODRE QUE, SE CALHAR TEREMOS QUE RECORRER A UM TREINADOR ESTRANGEIRO. POR MIM ESCOLHIA CARLOS REZENDE QUE, É O MELHOR E DE LONGE E, É TALVEZ O ÚNICO QUE REÚNE UMA MAIORIA A APOIAR. RECEIO É QUE NÃO QUEIRA. UM RESPONSÁVEL POR ESTE PROJETO TEM DE TER IDEIAS E NÃO SER UM PAU MANDADO. LEMBRA-ME DE OLSSON ASSISTIR E DAR OS TREINOS DE SELECÇÕES MAIS JOVENS.

Anónimo disse...

Houve quem não estivesse á altura. Todo este processo foi feito em cima do joelho. Afinal quantos jogos viu Paulo Pereira? Qual a situação de tanto jogador a atuar no estrangeiro? Houve quem se manifestasse indisponível? Com jogadores a atuar em Espanha, França , Hungria, Macedónia, Belgica, Holanda e Angola, se não me estiver a faltar mais... convenhamos que, não é fácil! Já se compreendeu que, o selecionador ou o que, lhe quisermos chamar, estava a leste! No entanto não desculpo os que o indicaram e, muito menos desresponsabilizo, uma convocatória que é uma autêntica loteria! A partir do momento que, PP é escolhido é ele que escolhe com quem quer trabalhar, ou aceita com a FAP a dar uma equipa já montada, que ele comandará. A verdade é que, há sempre estas gincanas e suspeita-se de tudo. Porquê? Com a agravante de á poucos dias uma convocatória de sub-21, ter igualmente casos duvidosos. E muitos! Qual o papel do adjunto Martinho?

Anónimo disse...

O delegado ao jogo entre portugal e Eslovénia baseou-se em quê, para tomar esta decisão? Se os procedimentos começam a ser á vontade do freguês, algo está mal. Em Portugal até há outro caso ou casos. O Ronny Semedo do Benfica e Laurentino do fcp usam protecções. No caso do Laurentino até será perigoso uns óculos que, não ofereçam segurança, pois trata-se dum guarda-redes. No caso do Semedo há o perigo de lesionar um adversário, caso contacte fortemente. Até já aconteceram episódios de grande tensão. O Rui já joga com óculos desde infantil, se não houver um engano meu. Como Português tenho vergonha de muita coisa que, se passa no andebol. Agora, não posso admitir que, não sejamos tratados de forma igual! Era tempo da F.A.P. fazer uma conferêencia de imprensa. Uma vez que anda na moda ter diretores de comunicação no desporto... aproveitem! Ou peçam emprestado ao sporting aquele sem pescoço de óculos.

Anónimo disse...

Este era um caso fácil, muito fácil de resolver mas mais uma vez e pra não variar, vamos continuar no labirinto. Jogos de poder... há algo sempre escondido. que grande vassourada é precisa no pobre e doente andebol de portugal. Não sabia que, há perseguidos e há benefeciados neste andebol cada vez mais amador. Benefeciar com estatuto de alta competição quem, não o tem por mérito e vontade de vencer, é grave! È ilegal! Se não é indiscrição quantos elementos vai levar a próxima comitiva?
LM-Braga

Anónimo disse...

Vou ser curto e simples, Paulo Pereira não provou nada como treinador, foi adjunto, nas seleções eram femininas.
Mas tem muita labia a vender o proprio peixe, basta ver o numero de congressos a qual é convidado, tal e qual o José Antonio Silva, eles acham se os melhores.
Em relação aos adjuntos, alem de amizade antiga, existe interesses, por isso não estão pela qualidade que podem trazer, estão pelo significado que tem.
Realmente a estes tres irmaos metralha, gostava de os ver num clube mediano, terem de trabalhar para o bem superior, pois é disso que se trata a Seleção, é uma seleção mediana, que tem necessidade de cultura e empenho de grupo.
Mas para isso é necessario irem os melhores.
Em relação a qualificação, esqueçam. Eles vão andar aqui a dizer o que quiserem, para no fim "QUASE" que era.
A federação neste momento, é um barco com muitos buracos, agora depende da qualidade do material para os tapar, pode ser aqueles dos chinesses, parece bom mas é uma merd.. ou pode ser aquele um pouco mais caro, mas com resultados visiveis, provas dadas, etc. Não falo so do selecionador e adjuntos...

Anónimo disse...

Descrever o pavilhão EDP como «completo» tem que se lhe diga! è para dar um ar que o povo aderiu? Vá lá... mas, alguma vez encheu com andebol? Se calhar nem quando joga lá o Benfica que dizem ser o maior clube do mundo. Calma...

Anónimo disse...

Tanto falatório? Vamos ser diretos! Em Portugal endeusaram alguns treinadores e outros como o Paulo endeusam-se! Ele só engana incautos ou ignorantes. O que dói é tudo ser com o acordo e deixa andar da federação. È farinha do mesmo saco! O Paulo vai andar a tentar convencer-se a si próprio, sabendo que nunca poderá haver apuramento. Depois lá virá a desculpa barata. Azar, ou jogadores fora de forma. Nunca vai ser a tática nem os jogadores escolhidos por sopro ao ouvido. Muito menos as experiências suicidas. Ainda falta saber é se quem ali manda mais é o pequenote Martingo. Deve ser giro o Telmo a explicar ao Quintana algumas situações...

Anónimo disse...

1a bomba, Solha fora da selecção.
Espero pra ver quem se segue, agora sim, renovação na selecção e a proxima grande competição será ??????
Dos ditos 28, ja são 27, ate Maio seram 20, os convocados nesta.