gal vence

Fim de Semana com as Super Taças - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Planeamento e Orçamento 2017 – II


PLANEAMENTO E ORÇAMENTO 2017 – II

Na sequência do que anteriormente dissemos hoje iremos abordar algumas das quest´~oes relativas á divulgação da modalidade.

Nas 24 páginas publicadas no Portal da Federação onde se aborda o planeamento da actividade para 2017 e o seu orçamento, não existe nem uma palavra, para o MARKETING, achamos estranho pois a Federação, é detentora única de uma sociedade de nome AND MARKETING (ver ponto 10.1 da certificação legal de contas, no relatório sobre as contas de 2015), e que já foi referida em alguns comentários, mas cujo orçamento é completamente desconhecido de toda a gente, apesar de referida nos relatórios dos auditores às contas FAP.

A Propósito desta associada cabe-nos perguntar o seguinte:

Para que serve,e o que faz?
Quais são as suas verdadeiras verbas?
Quantos funcionários têm?

Será que serve para este verdadeiro “escândalo”, que foi publicado no Jornal de Noticias, em 24-12-16.
(Fonte Jornal Noticias)
Já os responsáveis da modalidade deram conta da situação que está criada, e como resolvê-la, e quais os investimentos a fazer (não existe verba prevista), para esta actividade.

Por hoje terminamos, outros se lhe seguirão.

O Banhadas Andebol

6 comentários:

Anónimo disse...

Andebol em último lugar nas preferências dos leitores do JN?
Perfeitamente natural, embora seja doloroso para quem goste realmente da modalidade.
Já lá vai o tempo em que o andebol era a segunda modalidade, logo a seguir ao futebol.
Triste, não é?

Jorge Almeida disse...

Banhadas, o orçamento é da FAP, e só da FAP, não de nenhuma empresa privada, nem é elaborado na lógica de somar todas as entidades dependentes da FAP, senão ter-se-ia de incluir os orçamentos de todas as associações regionais.

O orçamento é a peça em que, no final de cada ano, a FAP (neste caso) diz quanto é que estima que vai gastar em cada rubrica no ano seguinte na sua actividade operacional do dia-a-dia.

Nisto da AND Marketing, SA, o que acho inacreditável foi a FAP, com as suas finanças "no vermelho", em vez de encerrar esta sociedade, foi lá "investir" 240.000 €.
Note-se que esta sociedade, nesse momento, já estava em "falência técnica" (e aqui refiro-me à noção legalmente expressa no artigo 35º do Código das Sociedades Comerciais - os prejuízos acumulados serem tão grandes que o seu capital próprio já era inferior a 1/2 do capital social).
Claramente que os 240.000 € lá enfiados são fumo, hoje em dia.

Anónimo disse...

só existe um comentário possível, vergonha e os delegados nas assembleias, são os grandes culpados

Anónimo disse...

Querem o quê?
Aqueles anos com cisão liga / federação.
Clubes históricos como o Vitoria de Setubal desaparecem do andebol.
Sem televisão.
Equipas sem qualidade, campeonatos pouco competitivos, horários da treta, maus pavilhões, zero de promoção. Cada vez mais zonas do país sem andebol, nem sequer de formação.
Gosta de andebol hoje quem gostava há 10 ou 20 anos atrás.
Milagres?

Anónimo disse...

Muito preocupante esta sondagem, sendo fácil de perceber o que se passa com o andebol em Portugal.

- Clubes sem qualquer apoio financeiro da FPA.
- Custos de arbitragem, deslocações, inscrições e seguros totalmente irreais.
- Desinvestimento dos Clubes a nível orçamental.
- Campeonato sem visibilidade, sem televisão e sem atrair patrocinadores.
- Clubes a optarem por modalidades mais visíveis e vendáveis, como o Futsal.
- Clubes que secam os restantes com a política de terem 40/50 jogadores sob contrato, para emprestarem, monopolizando ainda a formação tendo escalões com 30/40 miúdos, impedindo o seu desenvolvimento noutros clubes menores.
- Equipas com orçamentos de milhões a jogarem com equipas com orçamentos baixíssimos, 10 ou 15x inferiores, tendo ainda a ajuda da arbitragem, no caso de ser necessário, de forma a garantir as vitórias que esses investimentos de milhões justificam.

Anónimo disse...

Andebol Tuga a prestigiar-se...