gal vence

Euro Sub-19 Feminino, Portugal derrotada pela Dinamarca 32/16 - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 1 de abril de 2017

Competições Europeias 2016 / 2017 – LXXXX – EHF CUP Masculina

EHF CUP MASCULINA 

Este fim-de-semana as equipas portuguesas disputaram a 6.ª e última jornada desta Fase da prova, que globalmente, consideramos positiva para as cores nacionais. No entanto esta jornada é disputada sobre o espectro de já existirem equipa apuradas para os 1/4 Final (Füchese Berlin - Alemanha, SC Maddeburg - Alemanha, e Grundfos Tatabanya - Hungria), e 1 uma equipa com apuramento directo (Frisch Auf Göppingrn - Alemanha) para a Final Four, por já ter vencido o seu grupo e por ser o organizador da mesma, o que significa que nos 1/4 Final apenas haverá 3 jogos, e portanto os lugares ainda em discussão nesta jornada, são apenas 3, e na mesma encontravam-se as 2 equipas portuguesas, que foram eliminadas, Portugal apenas ficou com representação nas competições Europeias, na Challenge CUP Masculina. Curiosamente nenhum dos encontros teve direito a transmissão na EHF TV, o que se estranha.

GRUPO B – FC Porto

FC PORTO PERDE COM
FRISCH AUF GÖPPINGRN
O FC Porto, que nesta 6.ª jornada do Grupo B, defrontou a equipa já vencedora do Grupo e que vai organizar a final Four da Prova, a forte equipa dos alemães do Frisch Auf Göppingrn, com quem perdeu na 1.ª volta da prova por 31-27 no Dragão Caxa, e o seu apuramento estava dependente não só de uma vilória no encontro, como ainda de resultados de terceiros. Hoje o jogo disputado num pavilhão bem composto, e que tem como lotação máxima cerca de 5600 espectadores (estavam 4800), o FC Porto não se atemorizou nem com o ambiente nem com o adversário e surpreendentemente comandou o jogo e o marcador até aos 39 minutos de jogo, quando vencia por 18-17. Depois ter chegado ao intervalo na frente do marcador por 13-10, diferencial que registou por diversas vezes, poi iniciou o encontro com um parcial de 3-0, depois dos 39 minutos de jogo tivemos um período de grande equilíbrio no jogo e no marcador, que durou até cerca dos 53 minutos, quando se verificava uma igualdade a 25 golos, e onde verificaram diversas alternâncias no marcador, com a equipa alemã então a passar para a frente do marcador (26-25), chegando a gora ao diferencial de 3 golos a seu favor como por exemplo 28-25, e 30-27, como FC Porto sempre a reagir de forma positiva. De assinalar os 9 livres de 7 metros assinalados á equipa portuguesa, mas apenas 5 foram convertidos, contra os 3 de que beneficiou e que converteu todos. Rui Silva com 6 golos (86% de eficácia) foi não só o melhor marcador da equipa como o seu condutor de jogo. Com Alexis Borges (5 golos, 71% de eficácia), a seguir-lhe as pisadas, tendo 11 jogadores a marcarem golos, pela equipa Alemão Marcel Schiller com 9 golos (82% de eficácia) e o sérvio Zarko Sesum (5 golos (63% de eficácia), foram os seus melhores marcadores. Terminamos dizendo que a equipa portuguesa foi eliminada, mas fez um jogo de grande dignidade.

Resultados
1.ª Jornada
HC Midtjylland 29 – 26 FC Porto
2.ªJornada
FC Porto 27 – 31 Frisch Auf Göppingen
3.ª Jornada
FC Porto 23 – 22 BM Granollers
4.ª Jornada
BM Granollers 33 – 22 FC Porto
5.ª Jornada
FC Porto 33 – 25 HC Midtjylland
6.ª Jornada
Frisch Auf Göppingrn 30 – 28 FC Porto

Classificação
GRUPO D – Benfica

BENFICA PERDE COM
 O HELVETIA ANAITASUNA 

O Benfica voltou a defrontar os espanhóis do Helvetia Anaitasuna, a quem derrotou no jogo da 1.ª volta por 33-28, disputando o encontro, não podendo perder por mais de 3 golos, de forma a garantir o apuramento directo no seu grupo dependendo apenas do foi o seu comportamento neste encontro, que foi disputado num pavilhão completamente cheio (3000) e animado sempre a puxar pela sua equipa. O Benfica foi amplamente derrotado, apesar da dignidade que colocou no jogo, a equipa espanhola nunca deu quaisquer hipóteses aos portugueses e fortemente apoiada pelo seu público, foi construindo o resultado de tal forma que ao intervalo já vencia por 17-12, e já tinha ultrapassado o número de golos que lhe permitia, ser ela a equipa apurada no grupo, para no segundo tempo consolidar não só o resultado como aumentar ainda a diferença, terminando a vencer por um diferencial de 7 golos, que era totalmente imprevisível para s cores nacionais. Também não queremos terminar sem endereçar os nossos parabéns à equipa portuguesa que lutou até ao último jogo pelo possível apuramento para os 1/4 Final. David Carvalho, Belone Moreira, Paulo Moreno e Elledy Semedo, todos com 5 golos cada foram os melhores marcadores da equipa do Benfica, enquanto Ander Ugarte, e Oswaldo dos Santos, ambos com 6 golos cada fotam os melhores marcadores da equipa espanhola.

Resultados
1.ª Jornada
MT Melsungen 32 – 22 Benfica
2.ªJornada
Benfica 33 – 28 Helvetia Anaitasuna
3.ª Jornada
Cocks 21 – 23 Benfica
4.ª Jornada
Benfica 26 – 25 Cocks
5.ª Jornada
Benfica 26 – 24 MT Melsungen
6.ª Jornada
Dia 01-04-16
Helvetia Anaitasuna 35 – 28 Benfica

Classificação
O Sorteio dos 1/4 Final, realizam-se no dia 04-04-17.

O Banhadas Andebol

2 comentários:

Anónimo disse...

O LÒGICO! Era de esperar que, assim se consumasse. Portugal caminha a passos incrivelmente rápidos para a morte completa do Andebol. A modalidade rainha dos pavilhões hoje chega em alguns clubes, a ter menos público que o Voleibol! Enquanto se vão vendo tv´s a dar jogos de Volei masculino e femenino, mais hóquei e muito Futsal, o andebol definha. De quem é a culpa? Porque será que há pavilhões ás moscas? Veja-se o caso do Sporting com um grupo de jogadores onde há oito estrangeiros, alguns com nome na modalidade e com pouco mais de cem pessoas a assistir! Com a eliminação de Porto e Benfica da EHF CUP, vai haver ainda menos interesse. A fase final a seis no grupo A conseguirá ataír? È que se o Porto ganhar ao Sporting, resta pouco interesse, a não ser pelo 3º. posto entre Benfica e ABC. Porque se fala tanto em saída de jogadores? Vai mais um alargamento? Não era melhor em Portugal fazer andebol de 6? Sempre se poupava!...

Anónimo disse...

Que miséria de época o Benfica fez. Pareceu estar a melhorar mas, realmente eliminado da europa na ehf e da taça de Portugal resta a luta por um quarto lugar. Nem é bom lembrar que corre risco de o não conseguir pois, em casa perdeu já um jogo com o A Santas. Alguns jogadores foram duma irregularidade incrível. Quando se joga no meio ou fundo da tabela, isso não se nota mas, quando num Benfica o grau de exigência é maior e a regularidade é que conta. Há quem já não seja o primeiro ano que resultou mal. O andebol continua a ser a besta negra.