gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Andebol de Praia – Fase Final - 2017

APURAMENTOS – FASE FINAL

Tal como na última época, a Federação de Andebol, elaborou uma CO (112, de 16-06-17, onde explicita as formas de apuramento para participação na Fase Final do Circuitos Nacionais de Andebol de Praia, e que sofrem uma forte alteração em relação ao anterior, e que em nossa opinião se conjugam com a evolução que se pretende que a vertente praia venha a ter no panorama do Andebol  Nacional (é uma opinião).

Candidaturas recepcionadas de 4 Circuitos – Aveiro, Leiria, Lisboa/Setúbal, e Porto.

Informação Importante – Apenas são apuradas equipas que compitam em Circuitos Regulares (com um mínimo de 4 etapas homologadas pela FAP)

AS SEGUINTES CONDIÇÕES TÊM DE SE VERIFICAR EM PELO MENOS, 3 ETAPAS.

Seniores Masculinos – Quadro competitivo de 12 equipas

Circuitos com 6 equipas e menos de 8 apuram o Campeão.
Circuitos com 8 equipas e menos de 12 apuram o Campeão, e 2.º Classificado.
Circuitos com 12 equipas ou mais, apuram, O Campeão, 2.º e 3.º Classificados

As restantes equipas serão apuradas pela ordem que se segue até completar o quadro de 12 equipas:

1.º - Equipa Portuguesa melhor Classificada no EBT (se já estiver apurada, entrará a segunda e assim sucessivamente)
2.º - Mais 1 equipa do Circuito com mais equipas
3.º - Mais 1 equipa do 2.º Circuito com mais equipas
4.º - Mais 1 equipa do 3.º Circuito com mais equipas
5.º e seguintes – Volta ao 2.º critério, 3.º critério, e 4.º critério e assim sucessivamente.

Seniores Femininos – Quadro Competitivo de 8 a 10 equipas:

Circuitos com 6 equipas e menos de 8 apuram o Campeão.
Circuitos com 8 equipas e menos de 10 apuram o Campeão, e 2.º Classificado.
Circuitos com 10 equipas ou mais, apuram, O Campeão, 2.º e 3.º Classificados

As restantes equipas serão apuradas pela ordem que se segue até completar o quadro:

1.º - Equipa Portuguesa melhor Classificada no “EBT”
2.º - Mais 1 equipa do Circuito com mais equipas
3.º - Mais 1 equipa do 2.º Circuito com mais equipas
4.º - Mais 1 equipa do 3.º Circuito com mais equipas
5.º e seguintes – Volta ao 2.º critério, 3.º critério, e 4.º critério e assim sucessivamente.

Sub-18 Femininos – Igual aos Seniores Femininos, e apenas se exclui o apurado do “EBT”.

Sub-18 MasculinosNão é indicado o critério de Apuramento (Falha, pensamos nós), apenas se indica que o quadro competitivo terá até 12 equipas.

Situação de excepção

Ao Circuito Lisboa/Setúbal, como entidade organizadora da Fase Final é atribuído um Wild Card por escalão e género. Caso consiga apuramento directo o Wild Card fica sem efeito.
(Fonte FAP)

Apenas recordamos - As alterações verificadas nos escalões, embora não seja explicada a sua razão.

Novos Escalões
Seniores - Nascidos até 1998
Sub-18 – Nascidos entre 1999 e 2001
Sub-15 – Nascidos entre 2002 e 2004 (Apenas Circuitos Regionais) (*)
 (*) – Confirma as nossas suspeitas de que não existiria na Fase Final Nacional

O Noticias 

2 comentários:

Anónimo disse...

Agora só se espera que as associações sejam obrigadas a meter no portal as equipas todas e os atletas, para não ser outra vez a pouca vergonha do ano passado no circuito de aveiro e no garcicup. Mas era para beneficiar os gordos e o selecionador nacional, por isso fecham todos os olhos.

Anónimo disse...

E os circuitos com menos de 6 equipas?
Não apuram ninguém?

Teremos por exemplo o circuito de Aveiro a não apurar nenhuma equipa em Seniores Masculinos?