gal vence

Fim de Semana com as Super Taças - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Ranking Europeu para a Época 2017 / 2018 – Masculinos

PORTUGAL ENTRE NO TOP 10
PORTUGAL SUBIU 3 LUGAR

Segundo informa o sítio da (Publicando o respetivo documento o que se saúda) EHF que volta a publicar  a tabela de Ranking Masculino para a Época 2017 / 2018. (faremos como de costume Texto próprio, para o Feminino). E repetindo na prática o que dissemos na época anterior.

Informação - Importante
Apenas se informa de que a Federação teve de informar até ao dia 7 de Junho, de quais as equipas que irão estar presentes quer mo masculino, quer no feminino, na Liga dos Campões.

Tabela Masculina (Já publicada)
Analisando, muito sumariamente a mesma diremos:

Portugal sobe três lugares (na época passada tinha subido 1 lugar) (passando de 13.º lugar, para 10.º), esta subida, poderá ter como consequência imediata a confirmação da entrada directa do nosso representante na Fase de Grupos da Liga dos Campeões que na época 2017 / 2018 (o que não acreditamos muito, pela experiência vivida nos últimos anos), prova que como sabemos, sofreu uma forte alteração na sua forma de disputa, na época 2015 2016. Finalmente atingimos um “patamar” aceitável e que muito se deve á participação das equipas portuguesas nas provas Europeias. No entanto esta subida, onde ultrapassamos a Suécia que passou de 10.º para 11.º. a Roménia que passou de 9.º para 12.º, e da Rússia, que passou de 12.º para 16.º, no entanto esta subida no Ranking divulgado, não provoca qualquer alteração, nos direitos e nos números equipas nas diversas provas Europeias, que se mantém, num total de 4 equipas, (1 na Liga dos Campeões, na EHF CUP 2, e na Challenge CUP 1).

Textos publicados em devido tempo

Nos dois primeiros lugares do Ranking, verificou-se uma troca (previsível) entre a Espanha que passa para 3.º lugar e a Hungria que passa para 2.º Lugar, mantendo a liderança inalterável na Alemanha. Assim, a Alemanha e a Hungria, passam a sere os únicos com 5 equipas nas competições Europeias (2 na Liga dos Campeões), em detrimento da Espanha, que passa a ter direito a apenas a uma equipa na Liga dos Campeões.

Registamos ainda uma das maiores descidas, que foi a do Luxemburgo que foi de 9 lugares (passou de 21.º para 30.º), no entanto a descida Rússia teve como imediata consequência a passagem de 2 equipas na EHF CUP, para apenas 1 equipa, enquanto na Challenge CUP, passou de 1 para 2 equipas, ficando na época em causa com a mesma representação (4 equipas), outra das maiores descidas, diz respeito á Lituânia que foi de 8 lugares (passou de 30.º para 38.º).

A maior subida, é registada foi da Holanda (9 lugares), passando de 32.ª para 23.ª garantindo desde já um lugar na Liga dos Campeões, e pela nossa conhecida Islândia igualmente de 9 lugares (de 36.º para 27.º), garantiu, com esta subida, igualmente um lugar na Liga dos Campeões. No entanto é igualmente de salientar a subida da Republica Checa (8 lugares de 27.º para 19.º).
Com Base nos critérios já definidos e que englobam oito parâmetros (local, TV, Ranking na respectiva Federação, espectadores, desempenho em competições anteriores da EHF, potencial de patrocínio, implementação de funções e regulamentação das funções dos Órgãos de Comunicação Social).
Assim a Liga dos Campeões Masculina, será constituída por:
2 Grupos A e B, com 8 clubes cada – Total de 16
2 Grupos C e D, com 6 Clubes cada – Total de 12
Haverá torneios de qualificação, cujos vencedores, farão parte dos Grupos C e D.
Sendo a Fase de grupos desta prova disputa por 28 clubes-

Nota – Este Ranking, foi elaborado com base nos resultados obtidos nas épocas 2013/2014, 2014/2015 e 2015/2016.

O Sorteio das qualificações e dos Grupos será realizado em Ljubljana (Eslovénia) em 30 de Junho de 2017.

As principais Datas para a liga dos Campeões Masculina, serão as seguintes:
  • 07-06-17 – Prazo Limite para indicação pelas Federações dos seus representantes e dos pedidos extras.
  • 23/24-06-17 – Divulgação das equipas, que constituirão os Grupos A, B, C, e D e torneios de qualificação.
  • 30-06-17 – Sorteio, conforme já divulgado neste texto.
  • 02/03-09-17 – Torneios de qualificação.
  • 13/17-09-17 – Fase de Grupos, 1.ª Jornada.
  • 29-11-17/ 03-12-17 – Última Jornada para os Grupos C e D (10.ª jornada).
  • 21-02/04-03-18 – Última Jornada para os Grupos A e B (14.ª Jornada).
  • 21-03/01-04-18 – 1/8 Final
  • 18-29-04-17 – 1/4 Final
  • 01-05-18 – Sorteio da Final Four
  • 26/27-05-18 – Final Four em Colónia.
O Analista

3 comentários:

Anónimo disse...

Ontem os jornais falavam que a Federação candidatou o Sporting e o Porto à Liga dos Campeões. Esta informação é puramente uma jornada de propaganda que a FAP está a fazer. Vejamos: o ABC na época anterior não conseguiu entrar direto na fase de grupos e se pudesse era corrido da fase de apuramento. Agora que nao dependemos de ranking (como muito bem escreveu o Banhadas) mas sim de CAPACIDADE DE INFLUENCIA na EHF, coisa que esta direção não tem, querem fazer-nos de lorpas e candidatam duas equipas para a Liga dos Campeões.
É só gente incompetente a liderar estes assuntos!

Anónimo disse...

Adorava saber se a "nossa" federação vai com rapidez mandar repetir o\os jogo\os e explicar que houve um imbróglio. È uma vergonha que acontece, havendo imagens de jogo\os. E se não houvesse? Se calhar se os melhores árbitros nacionais estivessem nos jogos de decisão, nada disto tinha acontecido! O gigantesco investimento em jogadores de nome e fama e, a compra de jogos da Challenge disputados em Portugal até á final a duas mãos, levaram a isto! Parece que o Porto tem na selecção tudo controlado, com três agentes seus a fazer convocatórias. O Sporting vai correndo por controlar as coisas? Há aqui uma luta misteriosa porque, é um facto que algo se passou e passa com arbitragens. O que não se encaixa e muito menos pode ser compreendido é, o facto de uma dupla da Madeira apitar jogos que decidem! Porquê eles se nem são são melhores? Não deveria e deve a "nossa" federação estar insuspeita? Que campeonato verdadeiro é este onde numa primeira fase, os pontos passam a metade numa segunda fase a decidir? Onde anda o secretário de estado dos Desportos? Quem planifica? Tenham vergonha!

Anónimo disse...

Com o Bruno de Carvalho a EHF nem vai piar. O Saporte vai directamente para os oitavos de final.