gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Relatório e Contas – 2016 - I

RELATÓRIO E CONTAS DE 2016

Este um post que pode parecer que é elaborado fora de tempo, mas entendemos que o deveríamos fazer (até poderão existir outros, mais técnicos, depois de ser publicada a acta da respectiva Assembleia, e como a mesma já se encontra disponível no Portal da FAP, estando registada como a acta 189/2017.

Começamos por lamentar que uma Assembleia que é composta por 56 (cinquenta e seis) Delegados apenas estiveram presentes 24 (vinte e quatro), conforme consta no documento já referido, sendo caso para perguntar onde andam os outros e o que fazem? Deste modo o documento facilmente foi aprovado por unanimidade. O Problema não está na unanimidade mas sim na falta de interesse e de respeito que grande parte dos delegados demonstra pela modalidade.

Mas curiosamente, apenas se registaram a intervenção de 4 delegados, e destes apenas dois falaram de contas, pois uma intervenção é para referir cursos de dirigente (Presidente da ANCAMP) e outra para demonstrar o seu acordo com o acabar com os oficiais de mesa (Presidente da AA Lisboa), e felicitar a Federação pela apresentação de contas, é triste de que tenham sido apenas estas as intervenções e os outros, será que não havia perguntas a fazer? Estranho…

Como é possível aprovar-se um documento por unanimidade, que apresenta logo na sai página 2 um erro grave (até pode ter sido de transcrição), mas nunca é referido por ninguém, cabe-nos aqui perguntar será que o leram, nós publicamos imagem do erro, pois a alteração do formato competitivo da PO01, não se dá na época 2015/2016, mas sim em 2016/ 2017.
Depois não se compreende, o motivo por que não existiu, uma comparação, entre o que foi aprovado em termos orçamentais, e que foi efectivamente gasto, para se poder ter uma forma de comparação e de verificação dos desvios existentes nas diversas rubricas.

Outra situação que nos chamou de imediato a atenção é o facto de não existir nenhuma descriminação de devedores, nem de credores, porquê?

Uma constante que se têm mantido durante toda a época em curso como no ano civil de 2016, e que já estende a 2017, são as dividas aos quadros de arbitragem, no entanto verifica-se que na página 8 do anexo 8 (Em outras contas a receber), surge uma verba relativa a Árbitros Alto Rendimento, no valor de 10347,18€, nós perguntamos como é possível a grande maioria dos elementos ligados á arbitragem ter verbas em atraso, e surgir esta situação em termos de relatório de contas.
Por fim quase que nos queriam “esganar”, quando referimos o aspecto da existência da And Marketing, e agora, surge em termos de contas uma provisão de perdas por imparidades de 275000€ ou eventuais responsabilidades sobre esta participação da Federação, e ninguém diz nada, incompreensível!
Por hoje chega senão o post seria demasiado longo, no entanto temos a consciência de que iremos ter comentários muito desagradáveis, e alguns até impróprios para “consumo”, mas sem qualquer receio, cá estaremos para o que for necessário.

O Banhadas Andebol

6 comentários:

Anónimo disse...

Este sim é o velho banhadas a tocar-lhes nos machinhos, faltou foi falar na possível engenharia para as contas darem aqueles números.

O Velho

Anónimo disse...

Não existem mais comentários esquisito, mas acrescento, só devem ter estado presentes os profissionais do andebol, para não perderem as avenças.

Anónimo disse...

Este relatório faz-me lembrar aquela máxima 'à mulher de César não basta ser séria, tem que parecê-lo'.
Refiro-me apenas ao relatório porque as pessoas que o elaboraram nem essa dúvida merecem. Porque não parecem nem são sérias.

O Banhadas diz: "temos a consciência de que iremos ter comentários muito desagradáveis, e alguns até impróprios para “consumo”.
Quem fizer esse tipo de comentários não faz a mínima ideia do que é ser sério. E serão, quem sabe, os mandatados pela FAP para o efeito.

Com que então, diz a FAP, "a época 2015/2016 foi a época de retorno" blablabla. E ninguém diz nada sobre este erro monumental?!?!

Aprovado por unanimidade. Mas esta gente leu o relatório? Ou anda a fazer fretes aos senhores da Calçada?

Anónimo disse...

Agora, até fogem. já existe quem seja candidato a presidente de junta, ola ri lolé

Anónimo disse...

Estas Assembleias são da treta, só vem quem tem tudo pago pelo andebol,

Anónimo disse...

é só a comer e a beber à conta