gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 30 de junho de 2018

Jogos do Mediterrâneo – Andebol – 2018 - IV


ANDEBOL NA XVIII EDIÇÃO
TARRAGONA – 2018
PORTUGAL 7.º EM FEMININOS

Conforme informamos no nosso último texto sobre estas provas, hoje procedemos à divulgação dos resultados finais em ambos os géneros. Recordando, que os Jogos decorreram em Tarragona de 23 de junho a 1 de Julho de 2018. Hoje dedicamos o texto apenas aos femininos, para não tornar o post demasiado extensivo

Selecção A - Feminina
(Foto FAP)
Sistema Competitivo
Criados dois grupos onde jogam txt a uma volta, apurando-se os dois primeiros de cada grupo para a disputa das 1/2 Final, e os 3.º e 4.º classificados de cada grupo discutem os lugares do 5.º ao 8.º, em jogos directos (3.º GA / 3.º GB, e 4.º GA / 4.º GB)

Depois de termos sido derrotadas de forma clara, nos dois primeiros encontro, Portugal disputou o seu terceiro jogo com a Grécia, e voltou a sofre nova derrota (destaque-se, as lucidas declarações do seleccionador nacional ao portal da FAP), num encontro onde perante uma equipa que demonstra alguma evolução técnica, mas que no entanto ao intervalo vencia a nossa equipa, por apenas um (1) golo (13-12). No segundo tempo, não conseguimos dar a volta ao resultado e as gregas, venceram o encontro com toda a justiça. Neste encontro destaque para Lamprini Tsakalou com 8 golos (62% de eficácia), e Aikaterini Vafeidou com 6 golos (60% de eficácia), e que foram as melhores marcadoras da Grécia. Portugal que teve 10 jogadoras a marcarem golos, sendo Soraia Lopes com 7 golos (88% de eficácia), e Mariana Lopes com 5 golos (71% de eficácia), as suas principais marcadoras. No último encontro do Grupo Portugal defrontou a equipa de Itália, e num encontro onde se verificou uma agressividade não esperada, Portugal obteve a sua primeira vitória, num encontro que apesar de tudo foi disputado com algum equilíbrio, mas onde a garra e a determinação das atletas portuguesas foi um factores mais importantes para o resultado final, com o intervalo a chegar com Portugal na frente do marcador pela diferença mínima (16-15), resultado que deu mais animo às nossas atletas, apesar das diversas igualdades registados neste período de jogo, e do excesso de virilidade, permitiu a Portugal terminar como justo vencedor. Com esta vitória, evitamos o último lugar no grupo e fomos apurados para disputar o 7/ 8 lugar com a Sérvia. Neste encontro Rita Trobetta (75% de eficácia) e Cristina Gheorgue (67% de eficácia), ambas com 6 golos cada, foram as melhores marcadoras de Itália. Claudia Correia com 7 golos (78% de eficácia), Maria Pereira (86% de eficácia) e Mariana Lopes (55% de eficácia), ambas com 6 golos, cada, foram as melhores marcadoras de Portugal. No último encontro disputado neste torneio Portugal defrontou a Sérvia, na discussão do 7/8 lugar, e com uma excelente entrado no jogo Portugal, rapidamente se colocou na frente do marcador, para posteriormente permitir uma aproximação da equipa da Sérvia, e saiu para o intervalo a vencer por apenas um golo 16-15, e com um segundo tempo de grande equilíbrio, o resultado no final do tempo regulamentar era uma igualdade a 27 golos, pelo que houve a necessidade de recorrer a prolongamento, onde Portugal consegui a sua terceira vitória e pela diferença mínima (31-30), classificando em 7 lugar, com Cláudia Correia e os seus 9 golos (82% de eficácia), e Mariana Lopes 8 golos (80% de eficácia), a serem as melhores marcadoras da Selecção Nacional, que acaba por terminar esta participação, de certa forma com algum positivismo, face a descrença que se foi criando devido em especial aos primeiros jogos disputados.

Resultados e Calendário – Portugal
Dia 24-06-18
Eslovénia 29 – 24 Portugal
Dia 25-06-18
Espanha 32 – 15 Portugal
Dia 27-06-18
Grécia 28 – 25 Portugal
Dia 28-06-18
Itália 28 – 31 Portugal

7/8 Lugar
Dia 29-06-18
Portugal 3130 Sérvia (C/prolongamento)

Classificação final7.º Portugal,

A Final será disputada entre a Espanha e Montenegro, e é dirigida pela dupla Portuguesa, constituída por Flávia Santos e Sara Pinto, única informação dada pela FAP até ao momento sobre a prestação da dupla portuguesa presente nos Jogos.

O Noticias

Sem comentários: