gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

domingo, 21 de maio de 2017

Crónica de Fim-de-semana – 64 – 2016 / 2017 – I – Actualizada

Regressamos às normais crónicas de fim-de-semana dedicada aos Grupos A e B da PO01.

PO01 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Masculinos.

Fase Final Nacional – Grupo “A”
9.ª Jornada
Dia 17-05-17
Madeira SAD 30 – 30 Sporting (Antecipado)
Dia 20-05-17
Benfica 28 – 27 FC Porto
Águas Santas 27 – 25 ABC

Com um jogo já disputado por antecipação, esta 9.ª jornada, que tem como sua homóloga a 4.ª jornada da 1.ª volta desta fase, nos jogos realizados este fim-de-semana tinha como grande atrativo o Benfica / FC Porto. Jogos que decorreram sem problemas disciplinares registados. Mas onde se verificou uma notória falta de atenção por parte do CA nas nomeações que foram feitas, e mais não dizemos, pois não vale a pena, desde existirem jogos com dois delegados até um apenas, existe de tudo, sem qualquer explicação. E onde foi rectificado um dos resultados ocorrido na jornada homóloga da 1.ª volta.

Benfica 28 – 27 FC Porto

Jogo disputado no Pavilhão da Luz, que mais uma vez, tinha uma moldura humana, longe do que seria desejável, para um encontro que é um verdadeiro clássico da modalidade. Foi um encontro que terminou em polémica (se que existe), e que originou pensamos nós a declaração de protesto que está exarada no Boletim de Jogo e que é certamente apresentado pelo FC Porto. Assistimos a um razoável jogo de andebol, onde uma das equipas o Benfica, que se apresentou desfalcada (E. Semedo e Lika Rakovic, por lesão), e Alkes Silva apesar de inscrito no Boletim de Jogo era como se costuma dizer “carta fora do baralho”, jogo o jogo sem pressão desinibida e a cometer poucos erros técnicos, jogando mais serena, pois a sua classificação já estava assegurada, e apenas estava jogar pela dignidade da equipa. O FC Porto, como de costume apresentou-se bem com uma estrutura defensiva com poucas falhas, embora os guarda-redes estivessem os dois longe do que podem e sabem render em termos de eficácia, Alfredo Quinta com apenas 11% de eficácia, e Hugo Laurentino com 26% de eficácia, enquanto Hugo Figueira do outro lado, terminou com 32% de eficácia, mas foi sobretudo no ataque que a equipa esteve pior, face à boa estrutura defensiva do Benfica. O andamento do resultado apesar de o Benfica comandar o marcador durante quase os 60 minutos, nunca conseguiu vantagens confortáveis, sempre com a FC Porto a reagir muito bem, quer por Alexis Borges (6 golos, 100% de eficácia), quer por Marko Matic (5 golos, 83% de eficácia), de tal forma que aso 18 minutos registava-se uma igualdade a 9 golos, e o intervalo chegou com o Benfica na frente por 16-14, sobressaindo equipa do Benfica U. Silva (6 golos, 55% de eficácia), que realizou um dos jogos mais produtivos pela equipa do Benfica. NO segundo tempo o FC Porto melhora ainda mais o seu sistema defensivo, e aos 40 minutos de jogo nova igualdade agora a 19 golos, para logo de seguida o Benfica ter a maior vantagem registada em todo o encontro (3 golos), quando vencia por 24-21 aos 48 minutos de jogo. Para o FC Porto, com mais acerto no ataque e aproveitando bem a precipitação em alguns ataque do Benfica iguala a 25 golos aos 53 minutos, e o jogo entra nos últimos dois minutos com uma igualdade a 27 golos, tendo Tiago Pereira, quase em cima dos 60 minutos, concretizado o seu único golo, e que colocou a resultado em 28-27. Teremos sempre de dizer que o FC Porto terminou o encontro em inferioridade numérica, por exclusão de Marko Matic. Pois a exclusão de Rui Silva, já se verifica com praticamente os 60 minutos decorridos. Não poderemos ignorar o bom jogo de José Carrillo (5 golos, 83% de eficácia, 4 em 5 de 7 metros). No Benfica a rotação do plantel foi uma constante de tal forma que 12 jogadores marcaram golos. Jogo dirigido por uma jovem dupla de Braga constituída por Fernando Costa / Diogo Teixeira, positivamente “lançada aos lobos” como se costuma dizer, que no entanto mantiveram durante 54 minutos um critério que consideramos exagerado nos livre de 7 metros e nas exclusões, mas foi seguido com equidade, mas no final do encontro entre o minutos 55 e minuto 59, esqueceram-se do critério que tinham aplicado., e estiveram francamente mal na Lei da Vantagem, e na falta do atacante, mas consideramos acima de tudo que são os menos culpados, pois a grande responsabilidade é de quem nomeia. Não falamos intencionalmente do que se passou nos 30 segundos finais, porque não queremos ser usados como veio de transmissão, mas sabemos as regras. Rectificamos o nome da dupla que tinha sido colocada por erro e assim sem problemas assumimos os nossos erros, e apresentamos as nossas desculpas aos visados.

Em Águas Santos, disputou-se o Águas Santas / ABC, sendo o jogo onde se confirmou o resultado ocorrido na 1.ª volta, com a vitória da equipa maiata, sobre o ABC. Foi um bom jogo de andebol, com uma razoável moldura humana, como é costume em Águas Santas, que apesar de tudo foi equilibrado com alternâncias no comando, em especial nos primeiros 30 minutos, com o ABC a assumir o comando do jogo e do marcador a partir dos 8 minutos, chegando à vantagem máxima de 3 golos, aos 12 minutos por exemplo quando vencia por 6-3, com Águas Santas sempre a reagir de forma positiva, e a igualar aos 28 minutos a 12 golos, para chegar ao intervalo a vencer por 14-12, para realizar um segundo tempo sempre no comando do jogo e do marcador, chegando a ter uma vantagem de 5 golos quando vencia por 26-21, para o ABC, nos últimos minutos aproveitar e bem s situação de superioridade numérica de que dispôs, e terminar derrotado por apenas dois golos de diferença. Na baliza dos maiatos António Campos com 28% de eficácia, esteve bem melhor que Humberto Gomes, com apenas 17% de eficácia, pois o jovem Cláudio Silva na baliza do ABC, com 27% de eficácia, acaba por ser o guarda-redes com trabalho mais positivo. Pedro Cruz com 10 golos (71% de eficácia), e André Rei com 5 golos (100% de eficácia), foram os melhores marcadores do Águas Santas, no ABC onde 10 jogadores marcaram golos, Pedro Spínola (6 golos, e 50% de eficácia), e André Gomes (5 golos, mas somente 42% de eficácia), foram os seus principais marcadores.

A Classificação da Fase Final Grupo “A” - 1.º Sporting (59 pontos), 2.º FC Porto (58 pontos), 3.º Benfica (52 pontos), 4.º Madeira SAD (47 pontos), 5.º ABC (46 pontos), 6.º Águas Santas (43 pontos).

Fase Final Nacional – Grupo “B”
9.ª Jornada
Dia 20-05-17
Ismai 27 – 26 SC Horta
AC Fafe 32 – 34 Boa Hora
São Mamede 23 – 27 Belenenses
Dia 21-05-17
AA Avanca 26 - 28 Arsenal

Com o Grupo, em dia como se costuma dizer sem jornadas em atraso, pelo contrário, têm um jogo, da 11.ª jornada disputado por antecipação, e com um encontro adiado em última da hora de sábado para domingo. “Não nos cansamos de referir que consideramos que nesta fase da prova, todo e qualquer adiamento, ou antecipação poderá ou não ter consequências ao nível desportivo”. Pois podem colocar em causa a verdade desportiva. Disputou-se a 9.ª Jornada completa, embora conforme já dissemos, com um dos encontros a ser apenas disputados no domingo, que têm a sua jornada homóloga, na 2.ª jornada da 1.ª volta. E nos jogos disputados, não se registaram ocorrências disciplinares.. Com dois dos encontros a serem a confirmação do ocorrido na 1.ª volta. 

No Pavilhão Municipal da Maia, tivemos o Ismai / SC Horta, com os insulares a apresentarem mais uma vez como técnico principal Yuriy Kostetskyy (técnico de 3.º Grau), técnico não qualificado para a prova, esperemos que tenhamos aqui outro caso Fafe AC, que continua por resolver. Foi um encontro em que a equipa insular conseguiu equilibrar o resultado e o jogo, até aos 10 minutos quando se registava uma igualdade a 4 golos, a partir deste momento e com o SC Horta a não aproveitar as superioridades numéricas de que dispôs, o Ismai tomou conta do jogo e do marcador e aos 29 minutos de jogo, já vencia por 16-12, para o intervalo chegar com 16-13 a favor dos maiatos. No segundo tempo a equipa do Ismai apesar da condigna réplica do SC Horta, foi mantendo sempre uma margem aparentemente confortável (chegou aos 5 golos, aos 39 minutos), para permitir uma reacção extremamente positiva do SC Horta que aos 59 minutos de jogo, perdia por apenas um golo 26-25, para terminar por perder o encontro exactamente por essa diferença. Na nossa opinião desta vez a grande diferença esteve no rendimento dos guarda-redes, pois quer Manuel Borges com 33% de eficácia, quer Reynel Nelson com 36% de eficácia, estiveram superiores a Nuno Silva com apenas 27% de eficácia. No Ismai onde 10 atletas marcaram golos, foi mais uma vez Angel Zulueta com 8 golos (89% de eficácia), o seu principal marcador. No SC Horta Noelvis Reve com 12 golos (67% de eficácia), foi o seu melhor marcador, com este resultado, o SC Horta, ainda não está livre do espectro da descida de divisão.  

No Municipal de Fafe disputou-se o AC Fafe / Boa Hora, que tal como no jogo anterior continua o seu técnico a ser um técnico de grau 3, desconhecendo toda a gente se existe ou não autorização para que tal aconteça. O jogo terminou com a confirmação do resultado verificado na 1.ª volta, ou seja com a vitória do Boa Hora, que com a mesma se deve ter colocado em definitivo a salvo de qualquer imponderável de descida de divisão, pensamos também que se mais nada acontecer ao AC Fafe, o mesmo provavelmente também estará a salvo da possibilidade de descida (mas todo o cuidado é pouco). Neste encontro, mais uma vez tivemos equilíbrio até cerca dos 13 minutos, quando se registava uma igualdade a 6 golos, para a partir deste momento o Boa Hora assumir mais vezes o comando do jogo e do marcador, mas quase sempre pela margem mínima, e até se verificaram novas situações de igualdade, chegando o intervalo com a equipa visitante no comando do marcador por 17-16. No segundo tempo tivemos uma perfeita fotocópia do primeiro tempo, onde se voltaram a registar diversas igualdades, a última das quais aos 56 minutos a 31 golos, para o Boa hora neste período fazer um parcial de 3-1, e vencer o encontro. No Entro 3 guarda-redes em evidência, Bruno Dias pelo AC Fafe com 30% de eficácia), Henrique Carlota com 32% e o “Veterano” Vasco Ribeiro, com 39% de eficácia. No AC Fafe, Eduardo Sampaio com 7 golos (78% de eficácia), Vasco Santos (50% de eficácia), e Paulo Silva (60% de eficácia), com 6 golos cada, foram os melhores marcadores do AC Fafe. No Boa Hora, com 9 golos (64% de eficácia), tivemos Luís Nunes como melhor marcador, e registamos ainda 3 atletas com 5 golos cada, (Nuno Santos – 50% de eficácia, Rui Barreto – 56% de eficácia, Pedro Sequeira – 83% de eficácia).

No Pavilhão Eduardo Sores, tivemos ainda o São Mamede / Belenenses, foi um jogo que confirmou o resultado ocorrido na primeira volta, com nova vitória da equipa do Belenenses. Foi um jogo de grande equilíbrio e alternâncias no marcador até cercados 41 minutos de jogo, quando se registou a última igualdade no marcador a 19 golos, pois foi a partir deste momento que a equipa visitante assumiu em definitivo o comando do jogo e do marcador, apesar do seu bom começo em que chegou aos 5-1, quando estavam decorridos apenas 6 minutos de jogo, mas o intervalo chegou com a equipa do São Mamede na frente do marcador por 15-13. A equipa do Belenenses têm a sua maior vantagem no jogo (5 golos), aos 58 minutos quando marcador está em 27-22 a seu favor. Para terminar com a vitória por 27-23. No São Mamede, José Silva com 7 golos (88% de eficácia), e Ricardo Ávila com 5 golos (83% de eficácia), foram os seus melhores marcadores, enquanto no Belenenses, como de costume Gonçalo Ribeiro com 8 golos (57% de eficácia), e Gonçalo Valério com 6 golos (67% de eficácia), foram os seus melhores marcadores. De assinalar a eficácia dos dois guarda-redes do Belenenses, João Moniz com 32% e Miguel Espinha com 63%, contra os 23% de Tiago Anorim na baliza do São Mamede. Na nossa opinião o Belenenses com esta vitória, também poderá estar a salvo da descida de divisão.

Actualização

No Pavilhão Adelino Costa disputou-se o AA Avanca / Arsenal, que surpreendentemente ou talvez não, terminou com a vitória dos arsenalistas, que assim rectificaram o resultado ocorrido na jornada homóloga da 1.ª volta. Foi um encontro de relativo equilíbrio até cerca dos 8 minutos de jogo quando o Arsenal passou para a frente do marcador pela primeira vez (4-3), situação que foi mantendo durante os primeiros 30 minutos, chegando à vantagem máxima de 4 golos neste período por diversas vezes, 10-6 aos 16 minutos, 12-8 aos 21 minutos, para chagar ao intervalo com essa vantagem por 16-12. No segundo tempo a Arsenal chegou a ter 5 golos de vantagem aos 37 minutos (19-14), para a AA Avanca, reagir de forma positiva, e igualou o marcador aos 23 golos quando estavam decorridos cerca de 50 minutos, para voltar a comandar o marcador em definitivo aos 25-24, aos 54 minutos, que manteve até final do jogo. Esta vitória do Arsenal não assenta na prestação dos guarda-redes pois os homens da baliza da AA Avanca, quer Alejandro Carreras (33% de eficácia), e Luís Silva (38% de eficácia), contra Ricardo Castro de 24% de eficácia. Miguel Batista com 7 golos (64% de eficácia), e Pedro Valdez com 5 golos (50% de eficácia), foram os melhores marcadores da AA Avanca, que sofre assim a sua segunda derrota consecutiva nesta Fase da Prova. João Ferreira com 8 golos (89% de eficácia) foi o melhor marcador do Arsenal, com esta vitória as contas na zona de descida ficam bastante complicadas quando ainda faltam cinco jornadas para o fim da mesma.


A Classificação Fase Final Grupo “B” - 1.º AA Avanca (53 pontos, +1 jogo), 2.º Boa Hora (45 pontos), 3.º Ismai (43 pontos), 4.º Belenenses (42 pontos), 5.º AC Fafe (37 pontos), 6.º Arsenal (34 pontos), 7.º SC Horta (33 pontos), 8.º São Mamede (30 pontos, +1 jogo).

O Banhadas Andebol

40 comentários:

Anónimo disse...

O jogo SLBenfica-FCPorto não foi dirigido pela dupla de Aveiro que vocês referem mas sim por uma dupla de Braga. Quer-me parecer que vocês não viram o jogo...

Madureira disse...

Sinceramente até vos fica mal dizerem que "não falam intencionalmente sobre o que se passou nos últimos 30 seg porque não querem ser utilizados como veio mas sabem as regras"... não falam de como uma equipa pode ficar sem um titulo, fruto de uma época de muito trabalho, suor, dedicação porque houve 2 árbitros que não cumpriram as leis de jogo??

Expliquem pf, até para muita gente que aqui vem e talvez não conheça essa regra o porque de a dupla ter de marcar 7m na falta sobre o R.Silva por exemplo!

Sejam sérios e honestos em prol da modalidade.

É um roubo o que estão a fazer a esta equipa do Porto!

Unknown disse...

Sinceramente acho que deviam esclarecer as pessoas que têm dúvidas legítimas sobre as regras do que se deve fazer na situação que aconteceu na Luz...se vocês sabem e não esclarecem estão a prestar um péssimo serviço à comunidade, porque nem todos sabem bem.... Enfim, vocês que estão sempre a criticar a federação por isto e aquilo mas depois nem um esclarecimento sobre regras fazem...parecem aquelas pessoas que estão sempre de fora a mandar bitaites mas depois não são capazes de apresentar melhores soluções...estar de fora a dizer mal é muito fácil, o difícil é assumir responsabilidades e ter de tomar decisões!

Anónimo disse...

"...Não falamos intencionalmente do que se passou nos 30 segundos finais, porque não queremos ser usados como veio de transmissão, mas sabemos as regras..."
Isto é surreal: então o blog que sobre tudo opina neste caso "mete-se dentro" porque é mais confortável? Já chegou a isto?
Já agora a dupla é de Braga e na minha opinião esteve muito bem, com critério uniforme. Quanto aos últimos 5 segundos... nao falo intencionalmente mas conheço as regras!

Anónimo disse...

A dupla que dirigiu o encontro Benfica-FCP era de Braga e chamavam- se Fernando Costa e Diogo Teixeira!

Anónimo disse...

NÃO COMENTO RESULTADOS MAS A ULITMAS NOMEAÇÕES DO JOGOS DECISIVOS SÃO UM ATENTADO A IRRESPONSABILIDADE DE QUEM NOMEIA CA E SEU PRESIDENTE.AM.
Ele lá saberá porque procedeu aim e ontem o final do jogo Benfica-Porto desnorte total prejudicando o FCP.

Anónimo disse...

Assim fica difícil credibilizar as análises. Árbitros Benfica-Porto não são de Aveiro e sim de Braga. E os nomes não são esses, bastaria ver no boletim...

Anónimo disse...

O ABC desligou a ficha. A perspetiva de ver a equipa desfeita no próximo ano, os compromissos já assumidos por muitos atletas (André Gomes, Spínola, José Costa, Pesqueira, Martins (?), Branquinho (?), para além de Resende, mexeram com a cabeça dos jogadores. Isto, conjuntamente com a saída do Grilo e a extenuante participação na Liga dos Campeões (desportiva e financeiramente), hipotecaram, e de que maneira, a época em curso.A perspetiva de ser o Rito o treinador na próxima época também não ajuda aos que ficam. Ainda assim, há que ir buscar forças ao fundo do poço para tentar ganhar a Taça de Portugal. O FCPorto vai aparecer "ferido na asa", de cabeça quente, o que poderá permitir uma passagem à final. E aí, como dizia o outro, não é para jogar, é para ganhar. Assim seja.

Anónimo disse...

Benfica tem o 3º. lugar assegurado. Há que reconhecer que defendeu bem e teve jogadores que estiveram muito acima do normal. A dupla do apito num jogo desta importancia é que faz pensar. Quem apitará o Sporting -Benfica? O dinheiro gasto tinha de ser justificado e algo anda no ar! Não é de agora! Tanto empenho nos jogos do Porto porquê? Ontem a dupla do apito foi muito rigorosa mas na decisão sentindo o Benfica a ganhar, repentinamente mudou o chip do rigor. A quem convinha? Ao Benfica? Isto foi a maior encomenda que já vi mas para pôr o Sporting na frente! HÁ UM ERRO GRAVE A 7 SEGUNDOS DO FIM QUANDO RUI SILVA É IMPEDIDO DE SEQUER SE APROXIMAR DA ÁREA DO BENFICA! AS REGRAS SÃO CLARAS QUANTO Á PUNIÇÃO NESTES SEGUNDOS FINAIS! EXPULSÃO DO JOGADOR QUE A PRATICA E LIVRE DE SETE METROS! POIS, PODIA FALHAR, CLARO! E ATÉ SÓ DARIA EMPATE! O BENFICA FEZ O SEU PAPEL E FOI HONESTO MAS E APESAR DE JOGAR MELHOR QUE O HABITUAL, E SE CALHAR NÃO RESOLVERMOS EM ALGUNS MOMENTOS CAPITAIS, ESTE "ERRO" MUDOU TUDO! A CARA DOS DOIS DE APITO E, ALGUNS GESTOS DE NERVOSISMO DÃO A SENSAÇÃO DE CABALA BEM URDIDA! O QUE FEZ A MESA? NADA? EXISTE PROTESTO DO JOGO BEM FUNDAMENTADO. AGUARDEMOS!... É QUE HÁ NOTICIAS DO SPORTING REFERENTES Á TAÇA CHALLENGE, EM COMO ELES ESTÃO INVENCIVEIS, PASME-SE! MAS QUE MÉRITO ASSIM TÃO GRANDE HÁ EM VENCER AMADORES FAZENDO OS DOIS JOGOS EM PORTUGAL? S JOGOS PASSARAM NAS TV E VIU-SE A QUALIDADE DESSAS EQUIPAS... PORTANTO HÁ QUE DESCONFIAR DE ALGO MUITO BEM PREPARADO... CANELA NÃO PRECISA DE ANDAR A DIZER QUE TEM JOGADORES HABITUADOS A FINAIS E QUE FORAM CAMPEÕES DO MUNDO. SABEMOS COMO RUESGA O MAIS BEM PAGO, ARRANJA OS JOGOS E AÍ OS DO APITO NÃO SÃO NADA RIGOROSOS!
NÃO SOMOS FÁCEIS DE ENGANAR!!!

Anónimo disse...

Nunca com nesta época se notou que, o Porto-andebol não joga á sua maneira. Exclusões e dois minutos assim como expulsões de Salina e Borges mexem com essa forma de estar. Salina distingue-se bem pela força em excesso e alguma maldade, caíndo em cima de adversários. Borges com as suas quedas e atirando a bola á sorte já não enganam ninguém. Por isso o Porto não impõe aquele andebol em que são sempre benefeciados e as outras equipas, intimidam-se. Este ano já andam a tremer e nem o relações públicas Moreira consegue com as suas falinhas mansas levar á certa, os srs. do apito. Como já não corre muito sobra-lhe tempo para isso. Como tal "roça nos adversários e estatela-se no chão, mandando-os prá rua e "arrancando os livres de sete. È isto um jogador experiente ou malandro? Com a ajuda de alguém! Os passeios ás caves a altas horas da noite mudam a forma de apitar de alguns! Até transformam as faltas atacantes do Cubanos canhoto em golos espectaculares.

Anónimo disse...

Apenas para dizer ao sr.Ricardo Costa, que a falta a que se refere não foi em nenhum contra ataque, mas sim no seguimento de um time out pedido pelo FC Porto a pouco menos de um minutos do fim do jogo, e onde o sr. Rui Silva, se atirou para a relva, tentando provocar uma falta que desse vermelho e 7 metros, esta sim é que é a verdade.

Anónimo disse...

O jogo SLBenfica-FCPorto deu nas televisões dos dois clubes. Quem percebe de regras básicas de andebol sabe o que, se passou na última jogada!!! Não branqueiem!!! Hà alguém em aflição e desespero, e então depois da demissão e mentira para a imprensa sobre o com V. Moura, deve andar a fazer jogo subterrâneo! Há que justificar os erros estrondosos e aplicação desordenada de ordenados e prémios numa equipa de andebol que , corre o risco de nada ganhar!! Quem alugou esta dupla de Braga? Esta nomeação dá que suspeitar! Então só os da Madeira é que deram o título ao Porto da última vez? A dupla de Braga não esteve a trabalhar para o ABC, porque esses já não tinham hipóteses. Sempre tão frios e mandões, cheios de rigores mesquinhos e depois, ambos a verem o que se passou e não cumprem porquê?
Que batotagem descarada e feia!!

Anónimo disse...

A estrutura do FCP está mal habituada...
A única coisa que se podem queixar é das 4 derrotas em 5 jogos fora do Dragão!!!isso sim é preocupante...para quem ganhou todos os jogos da 1@ fase!
Com o Sporting na passada semana não protestaram o jogo com um golo fora de horas...
Não pode valer tudo ou ganhar de qualquer maneira...

Anónimo disse...

O Rui Silva veio para o Sporting porque este clube cobriu a oferta do Porto. Agora como não era titular absoluto, decidiu sair e anda cheio de raiva. Ontem fez figurinhas tristes mas, não está no Xico andebol esse sim talvez o seu amor. No Porto está a ganhar dinheiro como todos. Fez um teatrinho miserável, aprendido talvez em transmissões de futebol. È um bom jogador e mais responsável que o seu amigo Martins, o grande criador de faltas. Escusa é de pensar que está naquelas fases finais em que a mamã, convivia com gente do andebol e fabricava-se uma imagem falsa, em que até o Barcelona o queria. Só para treinar guarda-redes ou limpar o pavilhão. Se fosse assim tão bom tinha ido para equipas europeias de nomeada. Uma delas deixou-o treinar com o consentimento do Sporting. Mas não o quiseram. Na seleção vai sempre ser convocado como era o mano, aquele que joga em duas velocidades e nem no Sporting se afirmou. Sê honesto com os teus colegas Rui!

Anónimo disse...

O Ricardo Costa será treinador do Porto na próxima época?
O outro Ricardo o cansado, será jogador do Porto da fruta na época que se segue?
Ài que tremuras!

Anónimo disse...

Quem foi que disse que roubaram um golos a Matic, quando este rematou já depois do arbitro ter apitado o puxão de camisola a Papez, ou estava vesgo, ou quer defender-se da derrota sofrida, e duma justificação, incrível, ao ler os jornais hoje fiquei pasmado.

Anónimo disse...

A arbitragem claramente prejudicou o Porto, não só no último lance, mas no critério técnico e disciplinar não coerente ao longo da partida.
Mas este facto não invalida 2 pontos

1) o Porto já foi bem beneficiado este ano, não só na fase regular (algumas das suas maravilhosas recuperações foram empurradas qb), mas no confronto directo com o Sporting.

2) a equipa do Porto, tal como o ano passado, está em claro subrendimento nesta fase da temporada. Será coincidência? Dada a profundidade do plantel, e a fraca exigência da Liga, mesmo com EHF pelo meio, dará que pensar.

Anónimo disse...

Com a vitória de ontem, o Boa Hora já garantiu a permanencia no escalão maior para a próxima época.

Anónimo disse...

o sr. treinador do FC Porto, há-de explicar-me como da sua posição e eu já lá andei dentro e estive ao banco muitas vezes, como dizer que lhe roubaram um golo ao Borges, como pode ele ver que não violação da area, é impossível, fala para se defender, das suas asneiras durante o jogo, por exemplo porque não deu profundidade á sua defesa com o Benfica sem 1.ª linha fiável, porquê diga lá. e depois queixam-se, quando ainda no último jogo foram altamente beneficiados

Anónimo disse...

Boa tarde,

Não sou do Benfica nem do FCP nem do Sporting.
Sou do andebol há 50 anos, sei as regras atuais e sou técnico com master coach tirado fora de Portugal.
A falta sobre o Rui Silva não acontece em circunstancias que mereçam 7 metros e 2 minutos.
Os árbitros decidiram bem e estou surpreendido com os comentários a falarem de coisas laterais e com quase todos a assumirem que houve erro na decisão.
Não houve erro. O que há é muitos equívocos sobre os últimos 30 segundos.
E até as boas duplas se equivocam como aconteceu à dupla da Letónia nos quartos de final da "Champions" que fez o erro de assinalar 7 metros e 2 minutos numa situação semelhante e depois foi fortemente penalizada pela observação do video.

Anónimo disse...

Estou curioso para ver se os fruteiros também vão pedir a repetição do 5º jogo da final de 2014/2015 devido ao facto de o pivot do Sporting, Bruno Moreira sofrer uma descaradíssima falta para 7 metros nos últimos segundos do 1º prolongamento.
Ou então se calhar os fruteiros vão pedir a repetição do jogo de ontem do hóquei, face ao remate que entrou dentro da baliza a cerca de 30 segundos do fim e os árbitros não validaram o golo ao Sporting.
Ou será que a verdade desportiva (que nem é o caso pois os árbitros decidiram bem) só é requisitada quando convém?
Fruteiros uma vez....fruteiros a vida toda!

PS: Magalhães...manda lá vir mais um contentos de cubanos.

Anónimo disse...

Caiu a más cara aos defensores da verdade desportiva "sabem as regras mas não falam????" que é isto? credibilidade? não branqueiem a situação. Houve até um artista que afirma que o lance ocorreu após um time-out? Digam se tiverem coragem que o Porto fez um péssimo jogo mas não invalida que chegasse para vencer este Benfica, Não invalida que as últimas 3 decisões da arbitragem sejam polémicas. E na certeza que existiu erro técnico que deverá ser confirmado na decisão dentro dos últimos 30 segundos. Conduta antidesportiva do Tiago que deveria ser assinalada com desqualificação + cartão azul e L7 mts sempre e em todo o lado conforme explica o CO nº15 sobre as alterações às regras de jogo- O que ainda é mais estranho é que se vê o arbitro Diogo Teixeira a falar com o delegado ao jogo Hugo Vírgilio ,curiosamente ou talvez não, o mesmo que atuou na Madeira no jogo da SAD com o Porto
e este deveria no mínimo impedir este erro técnico.
Depois do que se passou em Braga e na Madeira, o clube com mais vitórias no campeonato é afastado por decisão da arbitragem. Acorda Porto, por onde anda o tal poder proclamado??????

Anónimo disse...

Não estarei longe da verdade se disser que alguém quer que o Sporting seja campeão, independentemente de o merecer ou não.
Esse alguém (mais que uma pessoa) gosta de marisco, passa com frequência na Calçada da Ajuda e até consegue ter arbitragens a seu pedido.
...............
o CA está a queimar novos árbitros, com o critério usado. Mas a malta do CA quer é ver o Marreiros na Europa, o Conceição longe dos fogos para poder manipular a seu jeito.
...............
Constato: não há dinheiro e vêem-se delegados a passear de norte a sul e vice versa, com um saltinho às ilhas. Sabemos que alguns não se importam de estar dois anos sem nada receber mas o pessoal tem que ser sério. Ou os que fazem parte dos passeios são dos que têm as verbas garantidas no final do mês? Pode muito bem ser.

anonymous disse...

Alguém me explica onde andam as duplas internacionais que não foram nomeados para estes jogos finais?? Os madeirenses estão fora de Portugal mas então e a dulpa de Leiria? Assim não tem piada...nao poder deitar a culpa nos árbitros...

Anónimo disse...

Penúltimo ataque do porto
Jogo passivo com 6 passes e com rui silva em suspensão remata contra o bloco, ressalta para alexis que marca golo e os árbitros inverteram o jogo por ultrapassar os 6 passes. Mas pelos vistos o ressalto vindo do bloco não conta como um passe... ou seja golo limpo

Anónimo disse...

O FCP ganhou 7 campeonatos consecutivos. Depois contrata Ricardo Costa e prepara-se para perder os 2 campeonatos. É preciso dizer mais alguma coisa?

Anónimo disse...

A verdade é que o Porto nesta fase tem mais derrotas que o Sporting, tudo porque joga mal. Ontem nunca teve nem conseguio estar em vantagem, em Odivelas comemorou uma derrota, na Madeira !!' ( é porque é dificil jogar depois de uma visgem de avião), com o ABC... porque sim. E na realidade os processos de jogo são fracos. Ricardo, és fraco... viu-se o ano passado no playoff, e este ano em grupo de 6.
Mas quais arbitragens???!!!??? Quem quer ganhar faz por isso, e com o passaro na mão, decidimos cortar-lhe as asas... Miserável... O Benfica, o Aguas, o Sporting, até o Madeira têm todos razões de queixas em arbitragens esta época. Que a nosso arbitragem é fraca? Talvez... Mas os melhores apitadores não estão a apitar esta 2 fase... e não foi para favorecer o Sporting. Que com sorte ainda vai ser campeão. Eu vi o jogo da Madeira, e foram muito mais roubados que nós... mas empataram!
Ricardo... troca com o Martingo.

Anónimo disse...

Até agora, nesta data, só AVANCA e BOA HORA, tem a manutenção garantida.
Se do Avanca já se esperava, do Boa Hora, grande época para o primeiro ano na 1ª. divisão.

Anónimo disse...

21 de maio de 2017 às 01:50
anónimo
Tem razão a regra não foi cumprida mas se o 7 metros entrasse terminava em empate e ate ganhava nas apostas!
A Dupla de árbitros tem futuro mas no presente tem outras duplas inte4rnacionais mais experientes mas nada acontece por acaso!
A dupla Internacional Caçador e Nicolau esteve num jogo sem interesse classificativo arbitraram bem o Aguas Santas-ABC 27-25.
-Mas a realidade é que o Porto em 5 jogos no Grupo "A" fora perdeu 4!
-O Porto está a jogar pior do que no ano passado e este ano as coisas não correm bem porque será e até o Ricardo Costa poderá não ter culpa nenhum!
-Dizem que o grupo dos cubanos tem perdido muitas noites nas discot4ecas, bebidas e conflitos físicos! e perigosos.
-O ambiente no F.C. do Porto global não tem sido favorável ás vitorias em varias modalidades!
Depois de concluido o Campeonato a ganhar ou a perder e disputados Final Four da Taça de Portugal, reflectir e decidir alterações estruturais nas várias modalidades entre elas o Andebol!
NÃO HÁ BONS JOGOS SEM UMA BOA ARBITRAGEM E AS NOMEAÇÕES TEM SIDO UMA ENORME IRRESPONSABILIDADE POR PARTE DO PRES. DO CA.
Carlos Pereira

Anónimo disse...

No jogo avanca - arsenal houve muita gente a ganhar dinheiro nas apostas, basta ver como o avanca jogou, nem nos infantis há as falhas tecnicas que o avanca fez, muito estranho o jogo do avanca.

Anónimo disse...

O Sporting tem uma equipa cara? Isso depois de ganhar ou não são contas que os sócios analisam e demitem ou não o Bruno de Carvalho. Agora que dá nas vistas o Porto não ter aquela equipa que esmagava e jogava a ritmo alucinante, é verdade! Que esperar dum Ricardo que até parece coxear? No entanto fala insistentemente para os árbitros! Raposa velha! È frequente bater nos colegas fazendo-se aos livres de sete e arrancar a exclusão deles! Comportamento nojento! Que esperar dum Hugo Santos que pesa quarenta quilitos como o Tavares? Ah! Só o Tavares é pequenote? Matic tem sido irregular tal como Cudic não tem categoria para equipa grande. São dois dos seus colegas que o dizem. Arbitragens? Jogaram mal e o Benfica jogou um pouco mais que o habitual. Simples. Não perderam na fase normal? Mas as regras estão estabelecidas para todos desde o início!

Anónimo disse...

No jogo do Avanca não houve apostas. Há é claramente uma união das equipas do Norte para colocar o Horta na 2ª Divisão.

Anónimo disse...

Aguardando ansiosamente pelas nomeações do dia 31.... palpite para o slbxscp?? Dupla dos afilhados da Madeira?....

Anónimo disse...

O sporting tem uma fama doutro mundo de perder em momentos decisivos. resta saber se contra o Benfica vão fazer má figura. Bruno esteve no último jogo da Challenge com os Romenos. Não estava com grande cara. caso se perca o campeonato o que poderá acontecer? Fujam!

Anónimo disse...

Porquê que o Sporting é o mais falado? Simples. È quem gasta de longe mais e talvez esteja a correr o risco de "bancarrota". È, ou não, inexplicável que haja tão pouco adepto a ver os jogos com o que se gastou. Depois fala-se na Challenge como quase ganha mas, sejamos sinceros, que equipas apanhou? Não jogou uma vez fora! Olha-se o banco e há palhaçadas para todos os gostos, chegando-se ao ponto de Canela aceitar aconselhamento do jovem André que, ninguém sabe explicar como ali caíu. Outras veses, a falta de liderança é incrível e é Carneiro que, dá a táctica? O que vem a ser isto? No último jogo que, vi pela Tv, foi notório que um jogador que, não discuto a qualidade, parecia dar ordens. Já devia ter havido um esclarecimento se Portela fica ou não. Ouvem-se muitas coisas e há um ambiente esquisito. Podemos até vencer tudo, é verdade. Mas que sustentação tem a modalidade? Neste momento o que se passa com os juniores? È que é o último escalão de formação. Formamos e os jogadores resultam em grande nos outros clubes? Se a equipa formada era para ganhar tudo, como se pode "dar" Fábio Magalhães ao Ac Madeira? E ficamos com o J. Pinto que treme e agora é ponta?

Anónimo disse...

O Porto está a mudar e perdendo o poder de toda a podridão que, por baixo da mesa de jogo existe, começa a notar-se que já não são os outros a ter azar! Note-se no n de expulsões do Porto nesta época. Depois é claro que já não esmagam e intimidam. Houve até jogos em que ganharam á beira do final como na Madeira mas, com o empurrãozito da ordem! Então sempre repetem o jogo? É QUE ASSIM AGRADAVAM A DOIS ADVERSÁRIOS NOSSOS, DANDO O CAMPEONATO PRÉVIAMENTE PRÉ-ESCOLHIDO fcp E, DANDO UMA SEGUNDA BILHETEIRA ÁS GALINHOLAS!

Anónimo disse...

Parece que ao falarem de Resende para o EDP 2 já há jogadores do Benfica a dedicarem-se! Ài que susto! E no entanto vai sair muita gente do Benfica. Cinco? Seis? Afinal vai haver revolução1 Mas e quem será o diretor de Andebol e o adjunto? E... E... E...

Anónimo disse...

Neste momento dos três futeboleiros com andebol, a que alguns chamam "grandes" o Sporting é o guia isolado em gastos. Todos sabemos disso! Agora ficamos a saber que, o adolescente Bruno dos cigarros electrónicos viajou com a equipa, para a Roménia... o rapazola está á espera de ser filmado com o troféu e logo declarar que, desde que chegou a presidente o Sporting já ganha em Andebol. Depois dá jeito para quem ganhava 700 paus passar uns dias fora... que os burros pagam!

Anónimo disse...

Perante o amadorismo que vamos vendo no andebol tuga, esclareçam-me:
- Quem vai apitar o SLB-FCP se for repetido? Em que data?
- Quem vai apitar o SCP-SLB que pode dar o título?
Com este final de época ninguém contava mas, tenho a sensação que há muito árbitro a querer agradar ao CA da FAP!
Tenho um certo pudor mas vou perguntar para quem souber, ou fazer uma ideia, é quantos jogadores vão saír do país?

Anónimo disse...

Bomba prestes a rebentar no boahora....já existem conversações com Florêncio (pai) para tomar conta da equipa para o ano e levar com ele Nuno Pinto, Raquel, Valério, Moniz, Nelson Pina do madeira e David Pinto do SLB. ....ao que se diz o boahora vai apostar no grupo A e apostará forte num treinador experiente e que realmente percebe de andebol. Faltará saber quem vai acompanhar Luis Santana nesta saída que já pecá por tardia!!!