gal vence

Euro Sub-17 Femininos (Lituânia), Portugal vence a Turquia por 40-25 - Mundial Sub-19 Masculino Portugal derrotado pela França 1/4 Final por 34-24 - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Crónica de Fim-de-semana – 30 – 2013 / 2014 - II

Crónica possível dedicada á PO02, dedicada Á Fase Final com a realização da 5.ª e última Jornada da 1.ª volta. 
 
PO02 – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Seniores Masculinos.
Fase Final Nacional

5.ª Jornada
Benfica "B" 19 - 25 Xico Andebol
São Mamede 25 - 20 CDE Camões
ADC Benavente 29 - 40 Santo Tirso
 
Mantendo-nos fiéis aos nossos princípios, não temos qualquer dúvida em manter na sua totalidade a anterior afirmação de que “Confirmaram-se neste fim-de-semana, as nossas previsões “de que este campeonato irá ser disputadíssimo, principalmente entre as equipas oriundas da zona norte, onde a discussão pelos lugares de acesso à prova principal da modalidade serão o puro exemplo do que estamos a afirmar.” 
 
Esta jornada que assinala o fim da 1.ª volta desta fase final, foi completamente dominada pelas equipas oriundas da Zona Norte, confirmando-se na totalidade a favoritismos, que desde o início da fase atribuímos a estas equipas, e que tem servido de introdução a esta crónica. Continuamos com a nítida a sensação de que existem equipas nesta fase da prova, que dão como cumpridos seus objetivos ao aqui chegarem, e portanto nada mais existe a fazer do que cumprir o calendário, não sabemos e dizemo-lo com toda a frontalidade se é o procedimento mais correto ou se pelo contrário imperam aqui condicionantes futuras, que poderiam pôr em causa alguns projetos, e que justificam esta atitude, de “dever cumprido”. O Xico Andebol, na sua deslocação ao recinto do Benfica “B”, venceu de uma forma clara e justa, dizendo por que motivo comanda a Fase Final sem derrotas até ao momento. Dominaram o jogo e ao intervalo já vencia por 14-10, efetuando de seguida uma total gestão do marcador, onde o melhor acabou por ser Ivo Santos do Benfica “B” com 7 golos, num jogo disputado quase em família, tão escassos eram os espectadores. A AA. São Mamede que na jornada anterior tinha sido “cilindrada” em Guimarães, recebeu e venceu os liceais lisboetas do CDE Camões, sem grandes dificuldades, com o intervalo a chegar com a equipa nortenha já na frente por 12-9. Também neste encontro o melhor marcador concretizou 7 golos e foi Tiago Andrade da AA São Mamede., igualmente num jogo disputado em “família”. Por fim tivemos uma autentica “goleada” desculpem o termo futebolista, do Santo Tirso em Benavente diante a equipa local, num jogo que resultado ao intervalo não fazia prever o descalabro que se apoderou da equipa ribatejana, consentindo golos atrás de golos em situações que não normais neste recinto, que estranhamente também não registou uma presença de publico ao nível do que nos tem habituado. De destacar neste encontro os 10 golos do tirsense Diogo Oliveira. Esta prova apesar dos resultados da equipa ribatejana nesta fase que até ao momento apenas contabiliza derrotas, o melhor marcador da prova continua a ser o seu atleta Ricardo Barrão, que neste encontro marcou 9 golos. Destaca-se nesta prova, a realização de mais uma jornada sem casos disciplinares o que realça devidamente. Após esta Jornada a Classificação ficou assim estabelecida: - 1.º Xico Andebol (15 pontos), 2.º Santo Tirso (13 pontos), 3.º São Mamede (11 pontos), 4.º Benfica e Camões (9 pontos), 6.º ADC Benavente (5 pontos)
 
O Banhadas Andebol

13 comentários:

Anónimo disse...

Finalizada a época,chega a tão aguardada altura dos "boatos".

É a grande atracção deste blogue e se a malta não aparvalhar nos comentários torna-se interessante.

Aproveito para lançar um desafio aos administradores:a criação de um post,ou algo na barra lateral,com os jogadores que ficam sem clube.

Poderia ser um bom veículo de conhecimento para os Clubes que não sabem bem que jogadores encontram-se nesta situação, e para os jovens seniores de 1º ano que não têm muitos conhecimentos noutras equipas.

Pensem nisto e viva ao andebol.

Anónimo disse...

Essa barra lateral ficaria cheia com o Boa Hora! É que na próxima época vai chegar um charter de internacionais! O Boa-hora tem um projecto consistente, vai dar que falar!

Anónimo disse...

Consta que sim, acho que esta equipa apresenta um orçamento que lhe permite participar na liga dos campeões...

Anónimo disse...

Xico e Sto Tirso, devem subir, e em boa hora, pelos jogadores e história que têm os primeiros e pelo trabalho dos últimos 10 anos do Sto Tirso. Bem Hajam

Anónimo disse...

Mais uma grande vitória do Benavente perder por menos de 20 é muito bom
Parabéns ao seu papagaio

Anónimo disse...

10 anos de trabalho !!! só se fôr com a equipe senior... os responsáveis de santo tirso daqui a uns anitos, poucos, vão ver a qualidade duvidosa dos seus atletas, hoje juniores amanhã seniores ! Mas como vem sendo habitual são mandados embora e vão pescar às sobras do aguas e outros clubes.
NÂO É SANTO TIRSO UM CLUBE COM HISTORIA NA FORMAÇAO ???
A minha resposta é esta: Já foi !!!

Anónimo disse...

Acho que não devemos estar a falar da mesma instituição, os jogadores que actualmente compõem o plantel de juniores do Santo Tirso já tiveram grandes resultados noutros escalões, por isso deve estar a fazer confusão, os atletas que saem do Santo Tirso, fazem-no por vontade própria e quase sempre acabam por se arrepender mais tarde... Tudo isto para dizer que o Santo Tirso foi, é, e será um clube que preveligia o trabalho de qualidade na formação de atletas, resultado disso são os muitos elementos do seu plantel sénior formados na casa... Saudações Desportivas...

Anónimo disse...

Queixaste de ires buscar sobras, queixaste de já teres sido um clube de formação, mas há muitos e belos anos que ando no andebol, e desde que tenho memória poucas vezes fizeste uma época tão produtiva (apuramento para a 1º divisão diga-se) como este ano.

Falando das "sobras do Águas" que tens no teu clube: metem qualquer jogador da idade deles formado no Santo Tirso no bolso.

Anónimo disse...

Ilustre dá-me toda a razão. Em Santo Tirso o conceito de formação está ultrapassado à pelo menos 10 anos. Não tenho duvida que qualquer atleta formado no águas é bem melhor que qualquer um formado em santo tirso e note-se se têm feito alguma coisa nomeadamente a subida de juniores à 1ª divisão foi feita graças ao Diogo Carraca e Pedro Machado, formados AAAguas Santas.

Anónimo disse...

Acho mesmo que atletas, anteriomente sidos de Santo Tirso para outros clubes, não se arrependeram da saída, apenas foram mandados embora, pois do clube que vieram tinham lá atletas com muito mais qualidade, agora dizerem que o GCST é o clube de coração.... tretas...

Anónimo disse...

Os disparates que se dizem por aqui o comentador que aqui vem defender o virtuosismo da formação no Aguas que até se dá ao luxo de dar jogadores a outros clubes bem podia dizer porque razão eles lá não ficaram porque se foi por falta de qualidade então meu amigo está a contradizer-se.
No Ginásio quem vive o andebol e gosta de trabalhar venha de onde vier é sempre bem vindo, somos um clube pobre é verdade aqui não pagamos a juniores

Anónimo disse...

Vitória clara do Xico Andebol sobre o SLB, com fase final a decidir no Norte.

Os Grandes criam as equipas seniores "B", com a teoria do benefício de lançar jogadores para as equipas principais e dar tempo de jogo.

Como princípio está correcto, o problema é quando a organização e responsáveis arrastam e repetem decisões e escolhas erradas desde a formação aos juniores. No fim o trabalho de anos não origina os resultados esperados e sustentados.

Muitos jogadores de idade sénior que acabam por sair, sem espaço de afirmação, ou outros fora do seu contexto etário, levados para os seniores, para lhes aumentar o nível de exigência, sem evoluírem efectivamente. Para o ano há mais.

Para além da afirmação superior de um ou outro jogador, ilusões e perda de recursos e atletas com valor, esta mentalidade de carrossel não trouxe e dificilmente trará benefícios para os atletas, equipas e o andebol.



Anónimo disse...

Estes comentários Sto. Tirso e Aguas, não fazem qualquer sentido, primeiro porque mesmo o Àguas não vive só de atletas formados nas suas escolas, do 7 base dos séniores apenas o Juan é das escolas, segundo porque isso é normal e acontece com a maioria dos clubes. Parece-me é que os atletas saem dos clubes e ficam o com o amargo ao invés de valorizarem o doce que foi lhe terem proporcionado espaço para praticarem andebol. Parabéns ao Águas e ao Ginásio pela excelente época que fez o primeiro e está a fazer o segundo.