gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Gala do Andebol - 2011

Em boa hora, a Federação decidiu organizar uma Gala. É o momento de festejar, de reconhecer, de agradecer, de premiar e porque não, de fazer balanços e tomar decisões.

E para além de ser gratificante para o nosso Mundo, também é de evidente significado, para Aquele que nos rodeia, o que, como sabemos, não é de menor importância.

Enfim, é um momento singular, de especial “vibração”, que pode “veicular” percepções muito positivas sobre a nossa modalidade.

E que, por sinal, bem precisa, a atender à evolução do número de praticantes federados e à posição relativa do Andebol, que tem vindo a perder lugares (será que, não foi bem aproveitada, a oportunidade “Morangos com Açúcar”), segundo o IDP.

Claro que, muito podemos questionar, como p. ex. o local, o timing, algumas das opções ou dos critérios utilizados para os jogadores. Não haveria métricas baseadas em valores adequadamente fixados (relativizados, p. ex. à data, tal como se relativizou entre Masculinos e Femininos), para não permitir que, p. ex., João Lopes fosse “medalhado” e tal não aconteça p. ex. com Carlos Silva e João Gonçalves ou José Manuel? Será que Pedro Feist e Jorge Rodrigues, para além de todo o seu mérito, não estão a beneficiar também de algumas “cumplicidades”? Talvez, mas já o José Garcia França é inquestionável. E, por outro lado, o reconhecimento após tanto tempo, a uma Maria José Carvalho, p. ex., é bonito.

Paralelamente, outras vantagens são evidentes. Finalmente, o Conselho Consultivo, que tanto foi solicitado pela AJAP, vai ter oportunidade de finalmente reunir (seguramente, não terão havido, entretanto, motivos para tal), após a tomada de posse de há 1 ano.

A iniciativa da Gala, a oportunidade de considerar, ANTA, APAOMA, AJAP (a ANCANP não precisa de ser considerada, já que sempre foi manobrada), de distinguir quem merece e tem peso específico no Andebol Português e o travestir-se de Liga, aproveitando os inúmeros legados (Revista imprensa, prova de Portimão, identificação de oficiais, Gala, …), demonstram que, a Federação que, ao longo dos anos, sempre “passeou”, falta de ética e escassez de inteligência, já conseguiu resolver este último aspecto.

E em boa hora, já que 2012 está à porta.

E isto leva-nos ao local. Eu também preferia que fosse no local que Júlio Magalhães “homenageou” no seu livro “Os Retornados” e onde, anteriormente, a Liga realizou as suas Galas. Teria uma localização e um estatuto mais adequado. Mas é assunto de somenos importância.

E há que reconhecer o envolvimento em tudo isto, do Presidente da Associação de Andebol de Braga, que tem sido um verdadeiro mentor do Presidente da Federação de Andebol de Portugal.

E agora, que já identificámos o Rasputine e o Nicolau II, e sabemos ainda que há príncipe herdeiro que, neste caso, não é hemofílico, vamos no próximo ano, ter uma ideia de como teria evoluído, sem bolcheviques, a Rússia Imperial.

O Historiador

8 comentários:

Anónimo disse...

Acabei de ler esta espectacular peça da literatura contemporânea, só espero que o príncipe herdeiro seja bem melhor que o actual regente, mas escrito desta forma parece-nos evidente que a identificação do historiador será apenas um mero exercício clássico

Anónimo disse...

Parabéns aos responsáveis federativos pela iniciativa de premiar e recordar atletas e dirigentes que mais se destingiram no Andebol na ERA Luís Santos(30 anos)
Faltam realizar uma GALA -1 para distinguir fantásticos jogadores , treinadores e árbitros de andebol de sete português.
Gratidão com certeza não falta ao actual Presidente Henrique Torrinha. Aguardamos...

Anónimo disse...

Adorei a vossa crónica! Faz-me lembrar o Sete Metros E...meio, não obstante dotado de um bem maior grau intelectual!

LINDO! Imprimam e emoldurem =)

Jorge Almeida disse...

Como meu contributo para uma Gala do Andebol cada vez melhor, acho que ficou a faltar um prémio à lista de prémios divulgada pela FAP, e que era de inteira justiça ser entregue: O do órgão de comunicação social que melhor seguiu a modalidade em 2010.

Claro que, para sermos justos, há que excluir a RTP e A Bola do processo, pois existem obrigações contratuais nestes casos para seguir a modalidade (apoio à PO01, nomeadamente).

Caso optassem por excluir os blogues deste prémio, haveria que criar um para os sítios de internet que seguissem melhor a modalidade (com a excepção dos sítios ligados à FAP - FAP.pt, o sítio das estatísticas da PO01, etc ... - pelas mesmas razões de estarem obrigados a seguir a modalidade por razões legais/contratuais).

Aqui, proporia o prémio ao Banhadas, que, embora algumas vezes tenha acertado ao lado (não se pode acertar sempre), e para além da vontade de ver evoluir a modalidade para melhor que acho ser comum a todos, tem tido um post quase todos os dias (parece-me ser o que tem mais actividade) e até com preocupações para fora do nosso rectângulo, para além de preocupações de futuro. E isto não sendo profissionais do blogue ... É certo que o pessoal da FAP dá mostras de não gostar do Banhadas, mas há que reconhecer que, na maioria dos casos, o Banhadas tem razão: eles põem-se a jeito ...

O prémio até poderia ir ex-aequo para o blogue do Sr. Eng. Carlos Capela, por falar dum tema tabu de maneira sem tabus: a arbitragem. E sempre com a preocupação de informar e de responder às dúvidas ...

Também poderia haver prémios para blogues mais técnicos, como o Prof. Paulo Pereira e o do Prof. Dr. António Cunha, sempre disponíveis para partilhar os seus conhecimentos.

Anónimo disse...

Historiador põe-te a pau que eles andam à solta, é só ver alguns dos anteriores comentários, e estes são os mais perigosos, rasputine nem aos pés deles chega.

Anónimo disse...

Leiam o comunicado que está no site da http://www.apaoma.pt/
tenham vergonha srs da Fpa!!!!

Anónimo disse...

Eu pergunto quem é o Manso e o Lamego? Ja nem sei s tem andebol. Destruiu um xlube a pagar 500€ e mais a seniores d qualidade duvidosa pra s andarem a arrastar na 2a e 3a. Que favores fez esse clube e Sr a FAP pra ganhar um galardao? Tnt dirigente q merecia mais mas enfim... Agora se percebem as arbitragem cm q s levava la em cima... Ao pt d uma vez uns arbitros de poo1 cozinharem la um empate com um golo anulado perfeitamente legal pra equipa de fora e dizerem: é melhir assim q assim saimos nós e vcs daqui sem problemas... Nesse ano, o pt roubado nesse jogo tinha dado pra equipa subir de divisao

Anónimo disse...

Anónimo de 26 de Agosto de 2011 15:57

A APAOMA passa o ano a roçar u c* pelas paredes.
Agora, põe-se em bicos de pés fazendo rir o mais céptico.

Incrível!!!