gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Arbitragem – Novas Regras - XV

NOVAS REGRAS EM 2016

Depois de termos dado a informação e os respetivos links, acerca das novas regras, o CA e a Federação continuam mudas acerca deste tema, Assim iremos continuar a dar aos nossos leitores, todas as alterações, com os possíveis textos a serem incluídos nas novas Regras, hoje continuamos a tratar do novo módulo que foi introduzido, chamado de “Orientações e Interpretações”.

Atualmente o texto diz:
(em vermelho iremos colocar as alterações que foram produzidas pela IHF).

Orientações e interpretações
(continuação)

Assistência a jogadores lesionados (Regra 4:11)

Nos casos em que vários jogadores de uma mesma equipa ficam lesionados, por exemplo devido a uma colisão, os árbitros ou o delegado podem dar autorização para entradas adicionais de pessoas qualificadas no boletim de jogo, poderem entrar no terreno de jogo com a finalidade de prestar auxilio aos jogadores lesionados.
Além disso os árbitros e o delegado supervisionam os paramédicos que podem entrar no terreno de jogo.

Guarda-Redes lesionado (Regra 6:8)

O guarda-redes que é atingido por uma bola durante o jogo e é incapaz de actuar, em geral, nestas situações a proteção do guarda-redes deve ser prioritária. AS formas de reiniciar o jogo, são diferentes consoante as situações:

a.       A bola ultrapassa a linha lateral, a linha de saída de baliza, ou está parada ou rolando na área de baliza.
Aplicação correta das regras: imediata interrupção do jogo e aplicar para seu reinício, a reposição pela linha lateral, ou lançamento de baliza de acordo com a situação que se verificou.
b.      Os árbitros interromperam o jogo antes de a bola ultrapassar a linha lateral, ou a linha de saída de baliza, ou antes de a bola ficar parada ou rolando na área de baliza.
Aplicação correcta das regras: reiniciar o jogo com o lançamento correspondente á situação.
c.       A bola está no ar sobre a área de baliza.
Aplicação correcta das regras: esperar um ou dois segundos até que uma das equipas obtenha a posse da bola, interromper o jogo e reiniciar o jogo com um lançamento livre a favor da equipa que tinha a posse da bola.
d.      O árbitro apita quando a bola ainda no ar.
Aplicação correcta das regras: Reiniciar o jogo com um lançamento livre para a última equipa que havia estado em posse de bola.
e.       A bola ressalta no guarda-redes, que é incapaz de agir, e vai para um jogador atacante-
Aplicação correcta das regras: Interrupção imediata do jogo, reiniciando o jogo com um lançamento livre a favor da equipa em posse da bola.

Nota:
Nestas situações, nunca é possível conceder um lançamento de 7 metros, os árbitros interrompem o jogo deliberadamente para a protecção do guarda-redes. Portanto não é uma situação de “apito injustificado” de acordo com a Regra 14:1b.

Passos, iniciar drible (Regra 7:3)

Em conformidade com a Regra 7:3c-d, apoiar um pé pela primeira vez depois de receber a bola no ar durante um salto não se considera como um passo (momento zero). No entanto, “receber a bola” significa receber um passe.

Vir em drible e agarrar a bola no ar durante um salto não se considera como “recepção de bola” de acordo com as regras. Apoiar um pé depois do drible ter começado, deve ser considerado sem excepção como um passo.

Contagem do número de passes após o sinal de Adveryência (7:11)
Ver apoio á formação no Apêndice 3.

(continua)

Tentamos mais uma vez não alterar as terminologias usadas atualmente nas Regras em Português, Hoje continuamos a dar continuidade ao novo módulo introduzido nas Regras de Jogo, chamado “Orientações e Interpretações”. Continuamos a aguardar por informações Oficiais, e assim vai a arbitragem nacional.

O Analista

Sem comentários: