gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

6.º Jogos do Mediterrâneo – Juniores “C” Masculinos

Portugal vai participar nos 6.º’s Jogos do Mediterrâneo com a equipa de Juniores “C” Masculinos, que se disputam na cidade de Mahdia na Tunísia de 14 a 22-02-09. O que desde já nos congratulamos.

Agora o inédito está na Chefia da Comitiva Portuguesa, “ver imagem “, em que está indicado o Sr. José Marques, ou seja o Sr. José Tinoco Marques de seu nome completo depois de ter pedido a demissão de dirigente da FAP , no anterior mandato, volta a ter “emprego”, depois de ter perdido o estatuto de jornalista ( aqui lamentamos o sucedido, pois todas as vozes são poucas nos Órgãos de Comunicação Social ). Será que a FAP, em época de crise e de poupança, necessita de enviar cinco Oficiais!!!, quando em outras provas de maior responsabilidade não o fez, deixamos aqui a interrogação? Mas existe mais, uma novidade na informação da FAP, remete-nos para um site http://www.figh.it/ ( ... mais informações sobre o 6.º .... ), que é, nem mais nem menos que o site da Federação Italiana de Andebol, e não para um site da organização, estranho!!!

ÚLTIMA HORA

A FAP, actualizou o seu site, e informou que acompanhará a Selecção a dupla de árbitros Feminina Marta Sá / Vânia Sá de Viseu

O Noticias

9 comentários:

Anónimo disse...

"Estará igualmente presente no torneio a dupla de arbitragem constituida por Marta Sá e Vânia Sá."
muito bem! a noticia foi actualizada no site da FAP e desejo as maiores felicidade à dupla! Vamos continuar a mostrar que Portugal está a trabalhar bem na arbitragem! Força "na verga" meninas!

Anónimo disse...

Aguarda-se com expectativa o vosso comentário às nomeações da LPA e da FAP...

Anónimo disse...

Como estamos num País cheio de recursos, onde a nossa Modalidade continua a primar pela desistência de Clubes após as Provas terem começado por falta de dinheiro, acho que devemos continuar nestas fantochadas de nos darmos ao luxo de participarmos nestes Campeonatos ou em Torneios Internacionais, muito mais com uma Selecção C que demonstra efectivamente o grande nível que o nosso Andebol possui em todos os seus Escalões, incluido os Séniores, quer Masculinos quer Femininos .

Não parem de vez para pensarem, que qualquer dia estão a organizar Campeonatos Nacionais de Selecções em todos os escalões, porque os Clubes estão completamente asfixiados monetáriamente com aquilo que são obrigados a desembolsar para uma Modalidade cada vez com menos nível competitivo, mas cada vez com mais exigências de toda a ordem, correndo-se o sério risco de terem que acabar com a prática da nossa Modalidade .

Por último: só haverá no universo de jogadores a nível Nacional, a possibilidade de apenas serem convocados dois jogadores de Clubes do Sul do País (1 do Vela e outro da Sismaria), ou continuamos a brincar às Selecções e a estragar dinheiro como se tem andado a fazer de alguns anos a esta parte, desde o famoso Projecto de Rio Maior, cujos jogadores com excepção daqueles que tinham condições naturais para a Modalidade - o Fábio Magalhães e o Cláudio Pedroso - desapareceram do panorama andebolístico, independentemente do muito dinheiro que se esbanjou com "Treinadores" Estrangeiros e Nacionais, que defendiam em toda a parte, que o trabalho que estavam a realizar através dos seus modelares Treinos Cientificos, nos haveriam de trazer jogadores de grande nível ?

Anónimo disse...

Sr. Anónimo das 18:14. O sr. também devia dar um cariz mais cientifico aos seus comentários. Uma vez que os mesmos mostram um total desconhecimento sobre o assunto. Especialmente quanto aos Atletas que participaram nos "modelares Treinos Cientificos". Perca um pouco de tempo pesquisando e depois volte a dizer-nos aqui onde andam os jogadores que participaram no "famoso Projecto de Rio Maior".

Anónimo disse...

Só na FAP é que há dinheiro para masculinos, dos A aos ZZZZ...A selecção feminina que participou num Europeu, nem secretátio técnico tinha...Viva a crise na FAP!!!!

Já agora, quando é que há novidades no feminino??? Não me digam que a Paula Marisa vai continuar...????

Anónimo disse...

A Modalidade está num patamar de nível tão baixo, que efectivamente não há mais tempo a perder com pesquisas ou no alimentar de polémicas ou interesses, mas sim, com o tentar ainda salvar o que nos resta, enquanto ainda existe algum tempo e algumas pessoas amantes do progresso da Modalidade .

Reafirmo o conteúdo do comentário das 18:14, sejemos realistas e práticos, tentemos revitalizar internamente o nosso Andebol com Campeonatos com interesse competitivo e que possibilite que em termos económicos os Clubes não ponham em definitivo um ponto final na Modalidade em que estamos inseridos e que cada vez está mais cara e exigente, para se andar a alimentar Selecções a torto e a direito, sem se continuarem a deslumbrar o aparecimento de novos valores com qualidade suficiente para o futuro .

Talvez assim, consigamos vir a salvar o Andebol .

Anónimo disse...

Só um esclarecimento, tipo "errata" ao "post":
O homem chama-se José Tinoco Marques, e não José Marques Tinoco.

Já agora, para completar, uma série de informações sobre esta pessoa:

É uma pessoa ligada ao ABC, tendo sido já seu dirigente (não sei se ainda é).

É jornalista da Rádio Antena Minho, 1 das poucas rádios em Portugal a transmitir, com regularidade, relatos de jogos de andebol. Neste caso, transmite os jogos do ABC (a outra rádio é a Rádio Popular Afifense, que transmite os jogos do Afifense).

Anónimo disse...

Breve comentário à convocatória: estão apenas dois atletas do ABC, quando este clube nunca perdeu, neste escalão, com a selecção. Há (ou houve) algum problema com o Sérgio Caniço?

Anónimo disse...

Em aditamento aos comentários de 4 de Fevereiro, das 18.14 e de 5 de Fevereiro, das 10:56 :

Peço desculpa, porque afinal são três jogadores do Sul e não dois como erradamente mencionei (1 do Vela de Tavira e 2 da Sismaria).