gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 19 de maio de 2018

Crónica de Fim-de-semana – 62 – 2017 / 2018 – I


Nova Crónica de fim-de-semana da PO01, que abrange os dois grupos o A (que terminou), e o B.

PO01 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Masculinos.

Fase Final Nacional – Grupo “A”
10.ª Jornada
Dia 19-05-18
Madeira SAD 32 – 31 AA Avanca
Benfica 21 – 25 ABC
Sporting 26 – 31 FC Porto

Disputada que foi a última jornada deste grupo, onde o Campeão Nacional, era definido, e o mesmo já estava conformado há três jornadas atrás, temos de salientar que nesta jornada, foram rectificados todos os resultados ocorridos na jornada homologa da 1.ª volta, e que a mesma totalmente disputada, sem ocorrências disciplinares, mas poderemos dizer com alguns resultados que nos surpreenderam, como foi a vitória do ABC diante o Benfica, e a difícil vitória do Madeira SAD diante a AA Avanca, já que a vitória do FC Porto diante o Sporting, não surpreende os adeptos da modalidade. De registar as fracas assistências verificadas na maioria dos jogos.

Sporting 26 – 31 FC Porto

Jogo disputado no Pavilhão João Rocha, com menos público que o desejado, e que foi o último encontro aqui disputado por Pedro Portela, por isso a ligeira homenagem de que foi alvo antes do encontro se iniciar. Começo da melhor maneira o FC Porto, que foi comandando o marcador até aos 10 minutos (5-4),posteriormente o jogo entrou numa toada de equilíbrio, sendo várias as alternâncias, e as igualdades no marcador com saliência para os guarda-redes de ambas as equipas, com o jovem Manuel Gaspar no Sporting (25% de eficácia), mas com Alfredo Quintana do FC Porto, fez um segundo tempo soberbo, a chegar aos 42% de eficácia, e apesar dos diversos erros ou falhas técnicas em termos atacantes o intervalo chega com Miguel Martins (4 golos, 56% de eficácia) a marcar para o FC Porto, no último segundo do tempo regulamentar o golo que lhe deu vantagem (14-13), de destacar a prestação de Pedro Portela (5 golos, 100% de eficácia) no Sporting, em especial no ataque e de Pedro Valdez (3 golos, 75% de eficácia), em termos defensivos, que juntamente com Kopco foram os pró activos em termos defensivos, já que no ataque a pressa não era boa conselheira e não dava resultados. No segundo tempo, uma fulgurante entrada do FC Porto rapidamente coloca o resultado em 17-13, quando estavam decorridos apenas 34 minutos de jogo e nunca mais largou o comando do jogo e do marcador, onde Diogo Branquinho (5 golos, 100% de eficácia) e António Areia (5 golos, 83% de eficácia), estiveram nas melhorias verificadas em especial em termos de contra ataque da sua equipa, e aos 38 minutos de jogo o FC Porto vencia por 20-15, regista-se alguma recuperação, mas o melhor que a equipa do Sporting conseguiu foram ter apenas dois golos de diferença (20-18), com muita responsabilidade do jogo realizado por Carlos Carneiro (5 golos, 56% de eficácia, 0 em 1 de 7 metros), para chegar a diferença a ser de 6 golos, aos 26-20, quando estavam decorridos cerca de 52 minutos de jogo, e o FC Porto, fez rodar todo o seu plantel, terminando com 13 atletas a concretizarem golos. E com esta derrota o campeão nacional termina a prova. Dirigiu o encontro a dupla de Aveiro, constituída por Ruben Maia, e André Nunes, a quem já vimos realizar melhores prestações, pois desta vez os princípios de equidade em termos de sanção progressiva, 7 metros lei da vantagem, e Falta do atacante, não existiram.

No Pavilhão Adelino Costa, disputou-se o Madeira SAD / AA Avanca em mais inversão de pavilhão, e com o Madeira SAD, a obter a sua segunda vitória nesta fase da prova, num encontro onde assumiu o comando do jogo em termos definitivos e do marcador aos 28 minutos de jogo (14-13), para chegar ao intervalo a vencer por 15-13. No segundo tempo chegou a ter 6 golos de vantagem, como por exemplo aos 41 minutos (24-18), para depois tentar fazer uma gestão do jogo e do marcador que lhe ia saindo caro face a reacção do adversário, terminado por vencer pela diferença mínima, apesar da prestação dos guarda-redes da AA Avanca, terem estado num nível superior, (Luís Silva – 42% de eficácia, e Magnol Fis – 32% de eficácia), aos seus colegas de porto no Madeira SAD (Luís Carvalho. 25% de eficácia, e Gustavo Capdeville. 39% de eficácia). Elledy Semedo com 13 golos (62% de eficácia, 5 em 5 de 7 metros), e João Paulo Pinto com 10 golos (67% de eficácia, foram os melhores marcadores do Madeira SAD, com Taboada e os seus 9 golos (64% de eficácia) a ser o melhor marcador da AA Avanca.

Na Luz 2, quase sem público, o tivemos o Benfica / ABC, que apenas foi equilibrado até aos 21 minutos de jogo, quando o resultado passou a ser de 11-10 a favor do ABC, que chegou ao intervalo na frente do marcador por 14-10, ou seja o Benfica teve os últimos 9 minutos do primeiro tempo sem marcar qualquer golo. No segundo tempo o ABC aumentou a sua vantagem que chegou a ser de 8 golos (impensável para muito boa gente), aos 36 minutos (19-11), e aos 40 (20-12), como exemplo, para depois reagir mas já era tarde. No entanto este resultado não afectou o seu 2.º lugar em termos classificativos. Humberto Gomes na baliza do ABC foi o homem do jogo com 52% de eficácia, enquanto o melhor no posto do seu adversário foi Hugo Figueira com 38% de eficácia, mas esteve pouco tempo de jogo. No Benfica com 11 jogadores a marcarem golos, Belone Moreira (6 golos, 67% de eficácia, 2 em 3 de 7 metros), foi o seu principal marcador. Rafael Peixoto com 6 golos (86% de eficácia), e Hugo Rocha com 5 golos (63% de eficácia, 3 em 3 de 7 metros), foram os melhores marcadores do ABC.

Classificação Final Grupo “A”

1.º Sporting (64 pontos)
2.º Benfica (58 pontos)
3.º FC Porto (58 pontos)
4.º ABC (53 pontos)
5.º AA Avanca (45 pontos)
6.º Madeira SAD (42 pontos).

Fase Final Nacional – Grupo “B”
12.ª Jornada
Dia 19-05-18
Belenenses 31 – 32 Xico Andebol
Boa Hora 36 – 34 São Bernardo
AC Fafe 22 – 22 Ismai
Águas Santas 36 – 26 Arsenal

Disputou-se a 12.ª jornada deste Grupo, que conforme se sabe o real interesse do mesmo é saber quem vai ou não descer de Divisão, poderemos desde já afirmar que em todos os jogos se verificaram alterações em relação ao ocorrido na jornada homologa da 1:ª volta, e que a mesma foi disputada, não registando ocorrências disciplinares. Tivemos um resultado surpreso que foi a vitória do Xico Andebol sobre o Belenenses no Pavilhão Acácio Rosa. E regista-se o facto de o Boletim de Jogo do Boa Hora São Bernardo estar incompleto. Com estes resultados iremos certamente ter as duas últimas jornadas deste grupo disputadas sobre “ brasas”, pois ainda estão em disputa 6 pontos, e neste momento existem apenas 3 equipas que podem descer de divisão (AC Fafe, São Bernardo, e Xico Andebol), pois a equipa de Guimarães apesar da vitória no Restelo sobre o Belenenses, reacendeu a sua chama, e as hipóteses de ainda se poder manter na 1.ª Divisão aumentaram, no entanto em caso de igualdade pontual com o AC Fafe está em nítida desvantagem, pois os critério de desempate aplicam-se apenas com os resultados nesta Fase, e aqui o AC Fafe regista duas vitórias, no entanto em caso de igualdade com o São Bernardo têm nítida vantagem (por diferença de golos), a situação complica-se um pouco se as três equipas terminarem igualadas em pontos, pois os jogos destas próximas jornadas registam-se alguns jogos que serão decisivos. Hoje a nossa crónica sobre este grupo é mis reduzida, pois o interesse nos jogos resume-se na nossa opinião aos encontros onde intervirão as equipas que podem descer de divisão.

Classificação da Fase Final Grupo “B” - 1.º Águas Santas (60 pontos), 2.º Belenenses (51 pontos), 3.º Boa Hora (49 pontos), 4.º Ismai, e Arsenal (44 pontos), 6.º AC Fafe (39 pontos), 7.º São Bernardo (38 pontos), 8.º Xico Andebol (35 pontos).

O Banhadas Andebol

10 comentários:

Anónimo disse...

CAMPEONATO NACIONAL SENIOR P001

ANALISE:
CLASSIFICAÇÃO 1ª FASE:

1-SPORTING 75
2-PORTO 71
3-BENFICA 71
4-ABC 63
5-AVANCA 60
6-MADEIRA SAD 54

FASE FINAL GRUPO "A" (COM 50% DOS PONTOS)

1-SPORTING 64(CAMPEÃO)
2-BENFICA 58
3º PORTO 58
4º-ABC 53
5º-AVANCA 45
6º- MADEIRA SAD 42

CONCLUSÕES:
CAMPEÃO, SPORTING CLUBE DE PORTUGAL O MELHOR E MAIS REGULAR.

1-"Modelo" de campeonato não alterou a classificação da 1ª Fase para a Fase Final!!!(reflexão e continuar para aproxima época!)

2- A fase final que deveria ser emocionalmente mais interessante não o foi!

3-Mera perda de tempo a disputa do 10 jogos que cada equipa teve que realizar!

4-À 6ª jornada estava encontrado o Campeão(SCP)

5º-A maioria dos jogos sem interesse desportivamente com o Sporting a conseguir o Titulo à 6ª Jornada!
6-Pavilhões com pouco adesão de publico!

7-Maior equilíbrio nas Nomeações da Duplas com critério respeitando o Ranking da Duplas.Na época passada foi um enorme falta de bom senso com a Dupla da Madeira arbitrar a maioria dos jogo decisivos!

8-Boa participação da TVI24, Porto Canal, Sporting TV, Benfica TV e Artística TV e Canal da FPATV.

9-Partiipação activa do Jornais Desportivos, A Bola, Record e Jogo.
10-Jogo com presença de publico desportivo, não se verificando comportamentos desviante ou anti-deportivo..
ADC

Anónimo disse...

Não sei que contas fazem vocês. A menos que haja faltas de comparência, o Xico já desceu, tendo em conta que na ultima jornada há um Fafe - S. Bernardo, e ou fazem os 2 dois pontos, ou um deles faz três.

Anónimo disse...

No São Bernardo continua o que foi a época inteira: Jogadores que amuam, uns que já se recusam a ir aos jogos, quem manda no clube a contestar os árbitros.

A culpa não é do João Alves. Foi bom jogador mas é um treinador de terceira divisão e logo cedo se viu que não tinha unhas para conduzir uma equipa que estava espremidinha. A culpa é de quem se lembrou de o colocar lá e levar o São Bernardo para a 2ª divisão.

Anónimo disse...

Não voltem a colocar os play-off não para alavancar a modalidade ... está a resultar em pleno! Parabéns! Pavilhões completamente lotados! Voltemos a ter jogos sem interesse algum numa fase final ... mais uma época ...

Anónimo disse...

Antes do muito provável falhanço que vai ser a Taça de Portugal em Andebol, recapitulemos:
1- Um campeonato com menos público que na época anterior.
2- Mesmo na fase a decidir entre os seis melhores, houve menos publico.
3- Um clube com investimento muito acima de possibilidades, para Andebol Português. Dois clubes que disputaram o segundo lugar que, investiram menos.
4- Só um vanal de tv foi aparecendo mas, nem sequer houve transmissão de um jogo por jornada.
5- Problemas com arbitragens e alguns sempre com as mesmas suspeitas. Mau lançamento de duplas mais jovens-
6- Claro que Portugal na Europa do Andebol, foi algo péssimo. Ainda pr cima há quem nessas andanças ande co juniores a mais... ou falta de banco, cm um mínimo de qualidade!
7- A luta pela descida é algo incrível, constando-se que alguém "não vai descer".
8- `
A beira de fim de época, algo que se desconfia á muito... a corrupção! Com arbitragens que não recebem, claramente fragilizadas, aparecem reportagens gravadas sobre "compra de árbitros"!!! Logo por azar, incidem sobre o clube campeão!

Que modelo de Andebol?
Resta a nossa selecção principal, dar-nos ou não, a alegria de Portugal num Mundial! Nem me lembra da última vez!

Anónimo disse...

Não se pode considerar o Andebol em Portugal como profissional, para além de diferenças financeiras muito grandes, entre equipas. Num momento em que dois dirigentes originários de claques, essa besta negra do desporto, onde se escondem criminosos, o que faz a FAP? Era bom não misturarem o Andebol no que de mais triste e corrupto existe no tal desporto-rei! Neste pobre país os políticos deixam andar. Pagamos caro os dirigentes sem formação para tal! Muito caro o aventureirismo de quem chega pobre e parte rico com o futebol e\ou desporto! Era bom o andebol não ter que suportar a indiferença de escutas e reportagens, ou investigações em que ninguém desmente nada! È tempo de se tomarem medidas e não de, afectos ou frases de esperança ilusórias! È tempo de medidas e coragem. Havendo provas como as que ouvimos tantas vezes, nos mídea nos últimos dias, há que ser rápido com a justiça. O banditismo ao serviço de alguém, ou a corrupção para dirigentes se perpetuarem no poder enriquecendo, á custa de adeptos ou sócios de clubes, deve acabar!
O Andebol neste momento já corre o risco de depois de ultrapassado pelo Futsal, o ser pelo Voleibol e Hóquei patinado! Quem diria?

Anónimo disse...

ADC

20 de maio de 2018 às 10:37

(continuação.

10-Os pontos ganhos dentro do campo não deveriam ser retirados na Secretaria!, e passar a FASE GRUPO "A" com 50% mas o Andebol e seus dirigentes ainda não aprenderam!

Mais um indicador:

PONTOS TOTAIS NA 1ªFASE E FINAL(GRUPO A)

1Fª GA TOTAL

1º SPORTING 75 24 99
2º BENFICA 71 18 88
3º PORTO 71 19 80
4º ABC 63 17 80
5º AVANCA 60 8 68
6º MADEIRA 56 6 62

NOTA:

A-AS EQUIPAS DO AVANCA E MADEIRA SAD LONGE DA DISPUTA DE LUGARES NA FRASE FINAL(GRUPOA)

C-urgente refletir sobre o "modelo de campeonato" e retirar do andebol a divisão dos pontos, bem melhor a 2ª fase ser em play-off como na P009.
ADC

Anónimo disse...

A justiça em Portugal é demorada. Como se pode pensar em construir e como, uma equipa se pode haver tanta alteração na tabela? Fiquei parvo com este caso das escutas telefónicas ao sr. Geraldes. Apostando o Sporting como apostou nada fazia prever estas vigarices! Podia notar-se aqui e ali que nos jogadores do Sporting, havia menos medo. Que nos outros (Benfica, Porto e ABC) havia decisões mais ásperas, enfim! È uma nódoa incrível para a modalidade. Quando foi do Futebol, em que se ficou a saber tudo até aos mais pequeno pormenor, as autoridades nada fizeram. Hoje ainda vemos pessoas relacionadas com esses factos serem dirigentes! Que esperar? Não chega provar crimes?

Anónimo disse...

O Sporting é sempre muito falado sobretudo quando começou a gastar resmas de dinheiro. Pormenor curioso é que após o jogo com o FCPorto, foi anunciada a saída de quatro jogadores!
Dois deles dão que pensar pois a última época foi um monumental desastre, no caso Filipe e Bojovic, ambos internacionais. Bojo foi convocado á pouco para a sel. da Austria. Pedroso tirou o lugar a Bojo mas talvez ganhe menos pois é Português. Filipe estava "desempregado" e veio para quê? È que era o terceiro ponta esquerdo e, ainda há Gaspar um junior que, já deu algumas provas de qualidade. Estará a rodar para ir para outro lado? Parabéns ao treinador Canelas que levou o barco a bom porto. Que época virá a seguir com quatro guarda-redes internacionais para a baliza? Obrigado Portela e boa sorte!

Anónimo disse...

Findo o Andebol 1 é fácil rever tudo e analisar sem cegueiras. O Sporting era o mais claro candidato pelo que gastou, sendo o clube que pior estava financeiramente. O Porto perdeu o controle e baixando orçamento desistiu cedo. Pior que desistir a incompetencia de Caldeira e outros. Jogadores como Leandro e outros nada podem trazer de bom, por falta de qualidade! O Benfica está a reestruturar? Foi buscar Resende um treinador que, será o melhor mas, já se viu não dispor de material suficiente. Ninguém é campeão com prata da casa! Para o próximo campeonato que novidades? È que a lista de emigrantes continua a aumentar e de que maneira! Esperemos agora pela justiça pois, perante o que vemos nos telejornais, se calhar há muita coisa podre e isto é só princípio! Aos olhos de todos o Porto dominava tendo a melhor equipa. Agora domina Sporting com a melhor equipa! Lógica! Só jogadores pelos vistos nada ganham...