gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

domingo, 11 de setembro de 2011

SuperTaça Seniores Femininos - PO24 – Época 2011 / 2012

MADEIRA SAD VENCE SUPERTAÇA

Introdução – Mais uma vez o Andebol Feminino é mal tratado, esta prova além de não merecer quaisquer honras de transmissão televisiva, inclusive na FAP TV, a federação agendou uma transmissão no seu portal de um jogo da PO01, em 10-09-11,precisamente para uma hora parcialmente coincidente com os jogos das 1/2 Finais. E assim (não) vai o Andebol Feminino.

Clubes participantes - Gil Eanes, Madeira SAD, João de Barros e Juventude Lis.

Resultados
1/2 Finais
Juventude Lis 22 – 27 Gil Eanes (Após Prolongamento)Madeira SAD 20 – 18 Colégio João de Barros
Apuramento 3º e 4º
Juventude Lis 17 – 23 Colégio João Barros
Final
Gil Eanes 20 – 24 Madeira SAD

A pouca presença de público, é uma das notas dominantes destes jogos, pois atingiu-se uma presença média perto das 50/60 pessoas por jogo, e já com muito boa vontade.
Nas meias-finais, o jogo disputado entre a Juventude Lis e o Gil Eanes, foi um encontro de emoções, com a equipa de Leiria, comandada por Vítor Santos, chegou a causar surpresa, comandou o marcador grande parte do encontro, chegando ao intervalo a vencer (12-10). No segundo período o Gil Eanes, reequilibrou o marcador e cerca dos 40 minutos chegava-se a uma igualdade a 15 golos, para no final do Tempo Regulamentar o resultado situar-se numa igualdade a 21. No prolongamento prevaleceu a maior experiencia das Algarvias, que venceram por um parcial de 6-1, e assim obtiveram o passaporte para mais uma final. De Salientar a eficácia de Dulce Pina com 12 golos. Na outra meia-final, tivemos uma repetição da época transacta, com o Colégio João de Barros a fazer a vida negra às Madeirenses, chegando ao intervalo na posição de vencedoras (10-9), no segundo período o Madeira SAD, fez valer o seus argumentos e acabou por obter uma vitória dificílima, sobre aquela que no nosso entender, é na prática a terceira equipa no panorama Nacional, mas que vai encurtando cada vez mais as distâncias. O jogo para a disputa dos 3.º e 4.º lugar, colocou frente a frente duas equipas da mesma Região, venceu o Colégio João de Barros, com a juventude de Lis a efectuar uma excelente primeira parte, chegando a intervalo a vencer (12-8), mas uma segunda parte verdadeiramente desastrosa das Leirienses, com notória quebra física, permitiu á equipa de Pombal, terminar em vencedora sem grande dificuldade, repetindo a classificação da época transacta. A Final que colocou frente a frente mais uma vez as duas melhores equipas do panorama Nacional, terminou com a vitória das Madeirenses, diante um Gil Eanes que comandou o marcador durante os primeiros 30 minutos, a chegando a estar a vencer por 4 golos de diferença (6-2), obrigando o Madeira SASD a efectuar um time out cerca dos 12 minutos, para João Florêncio responder com o seu time out aos 19 minutos, quando o Madeira SAD, tinha recuperado para a diferença mínima (8-7), chegando-se ao intervalo com as Algarvias a vencer (12-11). Uma entrada fortíssima das Madeirense no segundo período permitiu uma rápida ascensão ao comando do marcador, para não mais o largarem até final. A equipa do Gil Eanes sentiu em demasia a desqualificação da sua melhor rematadora até então Dulce Pina.

O Noticias

28 comentários:

Anónimo disse...

Estamos todos de acordo que a FAP tinha (tem!) obrigações perante o andebol feminino e deve contribuir para o seu desenvolvimento, reforço, estamos todos de acordo. Agora vamos ao outro lado da questão: o que faz o andebol feminino (os seus clubes) para serem reconhecidos? Que projectos norteiam os clubes? Das equipas da 1ª Divisão quantas treinam todos os dias? Menos de metade! Quantas com três treinos por semana conseguem garantir a totalidade do plantel? 50%! Ao longo dos últimos dois anos a FAP reuniu pelo menos três vezes com os clubes (numa delas acompanhei o presidente do meu clube quando treinava o feminino), para discutir a problemática do feminino. Quantas propostas foram feitas à FAP pelos clubes para orientações futuras? Zero! Quantos clubes protestaram pelo (péssimo!) modelo que foi adoptado este ano para o campeonato? Quase todos, voltando atrás: quantos apresentaram propostas nas reuniões? Zero!
Temos andebol sénior feminino de qualidade no Gil Eanes. Este clube tem imensas dificuldades financeiras. Qual é o seu projecto desportivo? Como é a sua escola de formação? Vamos para o Madeira SAD e coloquemos as mesmas questões. Juntemos o Alavarium, a Juve Lis (não conta contabilizar a agiotagem que este clube pratica). Alguém me apresenta um bom projecto com vistas largas (o Maiastars, CALE e JAC não contam, porque só têm capacidade e estruturas para a formação)?
Estou enganado ou o Feminino é mesmo muito bom apenas a reivindicar? No que me diz respeito, treinei um ano este sector e garanto-vos que fazer comparação entre o esforço do masculino (e qualidade de dirigentes) e a negligência do feminino, é uma comparação impossível. Só para terem uma ideia o desporto feminino em relação ao masculino, está na mesma proporção que o andebol masculino federado tem para com os campeonatos do INATEL!
Se o objectivo é recreação e não competição, não estranho que os apoios escasseiem quer por parte da FAP quer por parte dos patrocinadores. Se o objectivo é competição, então meus senhores estão a anos de luz de algo palpável!

Anónimo disse...

Parabéns Madeira SAD! Apesar de todas as dificuldades sentidas para formar uma equipa capaz de manter o clube na disputa por todos os títulos nacionais, mostraram uma vez mais uma raça fantástica!

Anónimo disse...

Florêncio és uma vergonha!

Anónimo disse...

PARABENS AS VENCEDORAS E VENCIDOS, MAS COLOCAREM ESTA COMPETIÇÃO NUM LOCAL QUE NINGUEM CONHECE ANDEBOLISTAS NEM BELAS... FICA BEM ESTAS ORGANIZAÇÕES bARRANQUEIROS COPIEM ESPANHA E VEJAM ONDE FOI DISPUTADA A SUPER COPA! FEMINIA.
Tenham paciencias atetlas de enorme brio desportivo e dedicação á modalidade.

Anónimo disse...

Duarte Freitas parabéns por esta conquista !!! Agora justifica a tua qualidade e dá o campeonato à Madeira, como o Filipe deu 11 anos consecutivos !!!

Anónimo disse...

Vocês no banhadas defendem tanto o andebol feminino...Então satisfaçam -me a curiosidade ? Estiveram presentes em Ansião para fazer este comentário ao jogo? Não me parece que tenham estado e o vosso comentário foi feito através do site da fap tal como eu que estou a Kilhometros de distancia...Afinal vocês falam, falam mas fazem exactamente o mesmo que a FAP...e estão bem mais próximos do local do que eu e muitos adeptos das duas equipas da final!!!

Anónimo disse...

Então agora não dizem mal do treinador da SAD e seleccionador nacional, Duarte Freitas? Grande Duarte a Região está contigo... mas vê se ganhas o campeonato!

Anónimo disse...

A Supertaça já está! E reforços estão a caminho para garantir o titulo para a Madeira...

Anónimo disse...

Realmente, metem uma competição destas numa terriola escondida de tudo e de todos, sem condições mínimas de alojamento para as equipas... Enfim! tal e qual a supertaça de portimão dos masculinos... vergonhoso!

Anónimo disse...

O Duarte pode ganhar mais 10 vezes a a Supertaça, porque é sua obrigação. O mérito da supertaça é único das jogadoras, e o que admira às pessoas do Andebol é a dificuldade com que vence. Quando tens uma equipa que teria de vencer por 10 de diferença o João de Barros ou o Gil Eanes, e depois vences com dificuldades ou até perdes. O Duarte é fraco, e vai continuar a ser, e está na SAD porque é um lobbie de Alguém.

Anónimo disse...

Longe vai o tempo em que os orçamentos permitiam ter planteis em que se ganhasse por 10 golos ao concorrente mais directo! Hoje em dia, o importante é conseguir ganhar nem que seja por meio! E para já, foi o que o Madeira SAD fez! Ganhou ao campeão nacional por 4 bolas! Não foi assim tão à tangente quanto isso...

Anónimo disse...

Totalmente de acordo com o 1º comentario de um anonimo. Recriação é a palavra chave para tudo o qu se passa no feminino e ou se quer inverter isto e se formam atletas e clubes com um projecto ou continua o mesmo apoio da Fpa, que é vergonhoso e o feminino continua a ser a mesma "Feira das Vaidades" da incompetência.

Anónimo disse...

Vergonha devias ter tu ó P.P.!
Deixa o homem em paz a fazer o seu trabalho,que é por demais reconhecido por todos os clubes e jogadores que treinou.Não lhe cheiras nem os calcanhares,dedica-te à pesca e a tratar do psíco da tua "perturbada" namorada e preocupa-te com a tua equipa que até tem potencial e aí sim à obrigação de fazer muito mais,só que tu ó Pedrinho és muito fraquinho,não consegues sair da Costa e nunca chegarás ao Oiro!

Anónimo disse...

Pretende o anónimo criticar o andebol feminino em aspectos que tem razão e noutros sem ela. È até ofensivo quando considera um clube agiota. Decerto não saberá o significado da palavra mas compreende-se o seu objectivo covarde e injustificado,caso contrário saberia o trabalho desenvolvido pelo clube que refere. Tem porém razão quando diz que na sua maioria o andebol feminino é uma farsa,porque não se trabalha e clubes que treinam uma vez por semana disputam o titulo.Mas isso não chega para denegrir o trabalho daqueles que não pagam nem podem pagar mas trabalham árduamente para formar bem e servir os interesses dos Clubes ditos grandes e das selecções.
A palavra que apraz dizer para rimar com Agiota é Idiota

Anónimo disse...

É no mínimo ridícula a comparação do feminino com o masculino, apenas lhe posso dizer que em clubes com as mesmas condições se trabalha infinitamente mais e melhor no feminino.
Se quiser comparar vai ter que procurar clubes da 3ª ou equipas de juniores por esse país fora. A maior parte das equipas tem ao seu serviço atletas juniores e algumas seniores que conseguem resistir a desistir, nas equipas masculinas com o mesmo perfil o trabalho efectuado é o mesmo ou pior.
Forme uma equipa feminina e experimente ir angariar apoios, vai ver o resultado. Nos aspectos culturais este país ainda está a anos-luz de outros.

Anónimo disse...

Será que quem escreveu que a Juve Lis pratica a agiotagem o fez porque este clube promove juros muito altos para a modalidade pois tem por habito abater tudo quanto mexe nos outros clubes? Será por a Juve Lis praticar a politica de terra queimada no distrito,sacando a torto e a direito atletas, provocando inclusive extinção de outros clubes? Se for por isso não creio que a palavra esteja mal aplicada. Agiota rima com idiota, mas será que idiota significa o mesmo que agiota? Percebo pouco de português, mas se significar aplica-se bem a quem vem para aqui defender o indefensavel (porque a Juve Lis pratica a politica da terra queimada), se não significar vamos ficar apenas pela palavra idiota a quem defendeu o indefensável.

Anónimo disse...

A gil eanes so perdeu porque ainda nao pagou os ordenados da epoca passadas as atletas...

Anónimo disse...

Claro...os ordenados!Se fosse por isso, nenhuma equipa ganhava a supertaça, lololol!!!!

Anónimo disse...

Mais importante que considerar a Juve Lis um clube agiota ou não, até porque não percebemos bem em que sentido quiseram utilizar este termo (acredito que quem o escreveu n sabe o seu significado), é bastante relevante observar o técnico que esteve no banco nesta Super Taça...
Boa Vitó!
Mas atenção não ameaçes o principal... Normalmente isso dá mau resultado....

Anónimo disse...

Agiotagem... seria interessante verificar quem foi o clube que "fechou" por falta de jogadores que foram para a JUVE. Esta declaração deve ser da parte de um clube que dificultou a saída de atletas e depois os oferece a outro. Mas para repor a verdade estatistica quem é o campeão de jogadores da formação oriundos de outros clubes de Leiria é a Sismarias,portanto...

Luis disse...

Pena é que quem fez o primeiro comentário não tenha coragem de se assumir e escreva como anónimo. Tem comentários graves que devia justificar. Agiotagem é um nome grave e deve ser justificado.

Luis

Anónimo disse...

Luis? Não é anonimato???

Anónimo disse...

O covarde do "AGIOTA" perdeu o pio???

Luis disse...

Que eu saiba Luis é nome próprio que é o meu e estou identificado.
Anónimo não . É falta de coragem para não dizer outra coisa.

Anónimo disse...

Não sei qual é o espanto no 1º comentário... A Juve farta-se de ir buscar jogadoras aos clubes vizinhos e eles têm tendência a terminar escalões. Aconteceu o ano passado com o Dom Fuas, que se viu privada de jogadoras que foram para a Juve "de livre vontade". A Juve tem uma péssima politica de formação, basta ver onde elas estiveram nos escalões de minis, infantis e iniciadas... Ao fim ao cabo é um MaiaStars da zona Centro, que espera que os Clubes "pequenos" formem os talentos e depois os vai buscar. À esperem lá, desculpem, as atletas vão de livre vontade. Sismaria? HAHAHA ao pé da Juve são uns meninos. Enfim em Leiria reina também a politica do quero, posso e mando. Onde foram as fases finais de femininos o ano passado? Foi por sorteio...

Anónimo disse...

"...Ao fim ao cabo é um MaiaStars da zona Centro ..."

O Sr. anda enganado, A JUVENTUDE DO LIS para sua informação será o Maiastars C (peço desculpa pelo C, mas o A e o B, já estão ocupados, assim como o I).
Aqui não por falta de mérito e trabalho dos seus responsáveis, mas porque é muito importante ter um Clube em Leiria, onde á gosto pela modalidade, e as atletas entregam-se com paixão á camisola e não ao pseudo-dinheiro do 1º mês, os outros a ver vamos....

O Sr. de "16 de Setembro de 2011 11:16", que se cuide, pois pelos vistos quando vêm a Leiria, são maltratados (pelos resultados), e pelas dívidas que vão acumulando no seu clube, e para mais agora com jogadoras remuneradas (alguém irá deixar de meter a mão ao bolso, ou então as atletas e técnicos ficarão a ver navios) a confusão irá ser total, e poderão ser a sucursal D. Permita-me o abuso, Srs do Maiastars.

Quando vierem jogar Meirinhas, que é aqui perto, apresento-vos os a "nossa péssima escola de formação", bem superior ás vossas, que preenchem todos os requisitos e que felizmente para vocês, poucas vezes cá vêm.

Anónimo disse...

E falar de coisas que realmente interessam e têm lógica?Não??? Parabéns Madeira SAD por este bom arranque da nova época!

Anónimo disse...

Dá vontade de rir dizer que por causa da saída de 1 jogadora acabaram com o escalão. São completamente idiotas .deviam explicar porque ´não fizeram juniores masculinos na epoca passada e foram 6 ou 7 para a Sismaria.Porque será que as jogadoras querem sair desse clube??
Quanto ao outro grande clube que tem um responsável técnico há muitos anos que fomenta a divisão e o ódio com os outros de forma a melhor poder reinar
( receber ).Esse mesmo clube deveria explicar porque não tem agora equipa na P09.