gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 16 de junho de 2018

Crónica de Fim-de-semana – 34 – 2017 / 2018 – II


Crónica sobre esta prova, desta vez apenas dedicada ao Grupo B, e à Zona 2.

PO02 – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Seniores Masculinos.

Campeão Nacional – SC Horta
Subidas de divisãoSC Horta e CCR Fermentões

Fase Final Nacional - Grupo B

Descem de Divisão, Zona 1 - São Mamede, e CP Natação
Descem de Divisão, Zona 2 – AC. Coimbra, e Estarreja AC
Descem de Divisão, Zona 3 – CCP Serpa, e Vela Tavira

Zona 2
14.ª Jornada
Dia 16-06-18
AC Sismaria 25 – 23 Benfica B
Estarreja AC 32 – 18 AC. Coimbra
SIR 1.º Maio 30 – 40 AD Albicastrense
Juventude Lis 28 – 28 CD Marienses

Última jornada desta zona, onde o grande interesse estava em saber quem acompanharia a AC. Coimbra na descida de divisão, com alguns encontros, a terem especial interesse para as contas finais, como o Estarreja AC / AC. Coimbra, com a equipa de Estarreja, a vencer de forma clara, um encontro que teve registo de ocorrências disciplinares, mas que de pouco lhe serviu, face ao empate verificado em Leira, entre a Juventude Lis e o CD Marienses, jogo igualmente com o registo de ocorrências disciplinares, pois com esta igualdade obtida nos momentos finais do encontro, com a equipa insular a recuperar de uma desvantagem que chegou a ser de 6 golos (21-15), já no segundo tempo, com esta igualdade, passou a existir uma igualdade pontual entre o Estarreja AC e o CD Marienses, que em termos de desempate conforme o previsto no Regulamento Desportivo da Prova e no Regulamento Geral da FAP, foi favorável à equipa insular pela diferença de golos, nos jogos entre si, pois em termos pontuais, nos jogos entre si também se encontravam em igualdade, refira.se que a diferença registada, é de apenas um golos (53 para o CD Marienses, e 52 para o Estarreja AC). De resto referir que foram confirmados dois dos resultados ocorridos por comparação como verificado na jornada homóloga da 1.ª volta, o Estarreja AC / AC. Coimbra, e o SIR.º Maio / AD Albicastrense.

Classificação final da Zona – 1.º Benfica B (54 pontos), 2.º AC Sismaria (53 pontos), 3.º Juventude Lis (52 pontos), 4.º SIR 1.º Maio (45 Pontos), 5.º AD Albicastrense (44 pontos), 6.º CD Marienses (43 pontos), 7.º Estarreja AC (43 pontos), 8.º AC. Coimbra (30 pontos). 

O Banhadas Andebol

6 comentários:

Anónimo disse...

se duvidas existiam quanto á forma como ainda se tratam algumas equipes de andebol dos nacionais, foi hoje visto no Pavbilão do Juve LIS, os atletas da equipe açorina do CD Marienses só não levaram porradas, foram humilhados pela arbitragem.
Bastou estar presente no jogo para assistir a algo que ainda se julgava não existir no desporto portugues....Foi Demais.

Parabéns ás equipes de Leiria e á equipe dos Açores, que também deu conta de si neste jogo...
Nota negativa, sem duvida para os senhores do apito, mau demais...

Anónimo disse...

A união faz a força!
MARIENSES SEMPRE
Houve quem achasse que já estavam acabados!!!

Anónimo disse...

Alguém consegue explicar pk razao só no ultimo jogo da época, FAP, marcou presença em Leiria, com um dos representantes màximo na arbitragem portuguesa.. Pk!? E o resto da época, por onde andou a preocupacao federativa, com os niveis de arbitragens tao baixos pró 2 escalao da modalidade em Portugal. Temos 4 ou 5 duplas de qualidade, tudo o resto muito abaixo do nivel exibicional das equipes.

Desporto..nao é isto! disse...

Hummm é pena quando nos resumos doa jogos sõ se fale de arbitragens, mau sinal prà modalidade..

Anónimo disse...

ESTA SITUAÇÃO DA 2ªDIVISÃO ERA MAIS QUE PREVISÍVEL, QUEM DE DIREITO CHEGOU AO PONTO DE "PREVENTIVAMENTE " VETAR A PARTICIPAÇÃO DUM ATLETA POR 5 JOGOS DERIVADO A PROCESSO DISCIPLINAR E CONCLUSÃO, SEM MATÉRIA PARA AVANÇAR SEJA COM O QUE FOSSE...É ARBITRAGEM QUE TEMOS!

EQUIPES MINIMAMENTE APETRECHADAS, ATÉ SE CALHAR COM INVESTIMENTOS DESAJUSTADOS PARA UMA 2 DIVISÃO, MAS A ARBITRAGEM NÃO ACOMPANHOU ESTE DESENVOLVIMENTO..

Anónimo disse...

Parabens, aos k se mantiveram nesta competicao nacional. Aos que subiram juizo com investimentos desajustados. Aos que desceram, mantenham espirito grupo, e que pró ano facam parte das competicoes das vossas Associaçoes, nao inveredem plo espirito federativo, de ir acabando pra fortelecer os poucos que existem, ERRADO!Só nos tornamos mais fortes, com equipes a competitir..nao desistindo!