gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sábado, 14 de maio de 2016

Competições Europeias 2015 / 2016 – LXXIII

CHALLENGE CUP MASCULINA
FINAL 

Disputou-se este fim-de-semana, a 1.ºMão da final da Challenge CUP Masculina, cuja final se disputa pela primeira vez entre duas equipas portuguesas.

ABC VENCE 1.ª MÃO 

Disputou-se no Pavilhão da Luz, com menos publico do que se esperava o encontro da 1.ª mão da Challeng CUP Masculina, onde a equipa do Benfica, defrontou o ABC, dando continuidade a maratona de jogos, em que estão envolvidas as duas equipas. Encontro de características completamente diferentes da que se disputam para o Play OFF Nacional, pois aqui, contam não só as vitórias, mas em caso de igualdade pontual, ou em número de vitórias, a diferença é especialmente feita através do número golos marcador fora. Assistiu-se assim a um encontro completamente diferente daquele que se disputou recentemente no mesmo pavilhão, hoje viu-se um ABC, que impôs o ritmo de jogo que lhe convinha, lento e calculista, em especial quando se encontrava em ações atacantes. Por sua vez o Benfica, não teve nos seus guarda-redes o rendimento esperado, e a sua defesa foi demasiado permissiva e lenta, cometendo ainda quando atacava, faltas técnicas por vezes demasiado infantis. A lentidão do encontro era tal que aos 13 minutos de jogo o mercador assinalava somente uma igualdade a 5 golos. A partir deste momento a equipa do ABC, assumiu o comando do jogo e do marcador, com Humberto Gomes a estar nos seus dias de tal forma, que não permitiu á ponta direita do Benfica, fosse Augusto Aranda, fosse Davide Carvalho a marcação de qualquer golo, a diferença de golos foi-se situando nos 4 golos a favor dos bracarenses (10-6, 13-9), para o intervalo chegar com o resultado em 13-10. No segundo tempo apesar da melhor entrada em jogo da equipa do Benfica, onde Belone Moreira (2 golos) se assume na nossa opinião como o elemento com exibição mais positiva da equipa encarnada a jogar e assistir os seus colegas, e Borragan (4 golos) a ser dos mais eficazes, o ABC, com Pedro Seabra Marques (4 golos) a dirigir de forma sobreva as operações da sua equipas, e com os experientes Hugo Rocha (3 golos) e Pedro Spínola (6 golos), a fazerem-se a diferença, onde os seus pontas, Diogo Branquinho (5 golos) e Miguel Sarmento (6 golos), demonstraram a sua real valia, comandou o marcador e o jogo, terminando o encontro com o maior diferencial registado ao longo de todo o encontro. Com esta vitória a equipa bracarense contínua invicta na Challeng CUP, esta época. Dirigiu o encontro a dupla húngara constituída por Peter Herczeg e Peter Sudi, que realizaram tarefa bem positiva, embora com algumas falhas nos passos, e na lei da vantagem.

Resultados e Calendário da Final

1.ª Mão
Dia 14-05-16
Benfica 22 – 28 ABC  

2.ª Mão
Dia 21-05-16
ABC – Benfica (18H00) Sport TV5

O Banhadas Andebol

14 comentários:

Anónimo disse...

Na vossa crônica, faltou referir que o ABC jogou sem dois dos seus mais influentes jogadores - Nuno Grilo e Ricardo Pesqueira, para além do Tiago Albuquerque. Faltou também referir que o ABC fez alinhar um jogador com 17 anos (André Gomes). Faltou referir tanta coisa, como os euros que separam as duas equipas. E a mística que separa as duas equipas. E o querer... E faltou lembrar ao S. L. Benfica que, se está convencido que o dinheiro compra tudo, o melhor será lançar uma OPA sobre o ABC. Pode ser que resulte... Uma palavra de muito apreço para o desportivismo e fair-play de Mariano Ortega. O Zupo teria tanto a aprender com ele, não fosse o facto de já estar de malas aviadas de regresso à Espanha.

Anónimo disse...

Ainda alguém duvida que Resende é o melhor treinador português? É quase "milagroso" o que tem conseguido esta época. Vidrago a jogar LE? Pois claro, e que bem ele ganhou lances e exclusões na equipa adversária. O único a rematar da 1ª linha é Spínola (os golos do André Gomes são em penetração) e ainda assim ganha-se o jogo! E a qualidade dos pontas? E a época do Hugo Rocha? E a prestação do Humberto? Ponha-se esta equipa nas mãos de qualquer outro treinador português e ela não ficaria nos primeiros 4 lugares do campeonato. O trabalho da equipa técnica tem sido fantástico!

Jorge Campos disse...

Acrescento aos lesionados Grilo, Pesqueira e Albuquerque o Carlos Martins que se lesionou no dia anterior. São 4 jogadores importantes num plantel que é curto e muito espremido. Ainda assim o ABC é uma verdadeira equipa de andebol, com um tipo de jogo muito evoluído, tanto a defender como a atacar. O Benfica só ganhará algum título esta época dos que ainda há para disputar se vencer o ABC pelo cansaço. Nisso Resende tem sido inteligente e preferiu abdicar do jogo de 4ª feira para poder surpreender hoje. O sucesso do ABC não passará tanto pela qualidade do andebol praticado, que é indiscutivelmente melhor, mas pela capacidade em aguentar esta carga de jogos contra jogadores anatomicamente muito mais desenvolvidos e que provocam enorme desgaste. A eventual recuperação de Grilo e Martins pode ajudar a gerir o plantel e a dar mais alternativas de escolha (sim, porque Pesqueira e Albuquerque já não jogam mais esta época). Seria curioso perceber o que seria o Benfica sem 4 dos jogadores mais importantes do plantel...

Anónimo disse...

Carlos Martins, Pesqueira, Grilo, Tomás...antes Seabra e Rebelo. Qualquer equipa em Portugal se queixaria e arranjaria desculpa se privada destes elementos! Em Braga? Nada!! Fazem falta? Muita. Mas Resende e sua equipa lá vai dando ânimo e coragem... E quem tem Resende no banco e a sua extensão em campo (Seabra) vale todo o esforço... O André rende, o Sarmento confirma, o Branquinho explode.
"Case study"?

Apreço extremo para os jogadores do SLB pela sua lisura e dignidade e para a categoria do seu treinador. A seguir ao Resende é o melhor.Um senhor!Zuppos para QUÊ???

Anónimo disse...

Excelente momento de Andebol Internacional tendo 2 equipas portuguesas a disputar pela primeira vez a Taça Challenge.
1º jogo foi só fabuloso a exibição ,resultado e local do jogo em casa do adversário estádio da Luz.
Por detrás de uam vitoria destas e nas circunstancias que foi tem que estar um Treinador(dupla CR/CF) de sucesso Direcção do ABC e plantel escolhido a dedo e com todos os condimentos para fazer historia!
Até sábado treinar e tornar o FSL a escala maior e muita gente contente e feliz por estar viva e poder ver o jogo. Abraço a todos mas não facilitar!
ADC

Anónimo disse...

Em primeiro lugar os parabéns à equipa de Braga, pois mereceu ganhar.
Quanto ao jogo, é que não concordo com o que se escreve.
O ABC não ganhou o jogo, o Benfica é que o perdeu.
Não vi nada do Seabra ao contrário do que dizem foi completamente travado pelo adversário. Quanto ao Pesqueira já está afastado há vários jogos, porque falar dele? O Grilo sim, é uma baixa de vulto mas a equipa tem que saber jogar sem ele e isso eu não vi. O Carlos Martins também faz falta não tenho dúvidas.
Para mim quem fez a diferença neste jogo foi, obviamente, o guarda-redes Humberto e ninguém se refere a ele. Foi enorme a travar os pontas e caso tivessem entrado metade do que se falhou, o que seria razoável, o resultado não era de facto este.
Quanto à mística que o ABC tem, o Benfica não a tem menos e tem melhor treinador. Disso não tenho dúvidas.
O Borragan tem que recuperar para a defesa e não deixar uma passadeira aberta ao Branquinho, o Benfica tem que jogar no limite e não pode falhar na defesa, os pontas têm que estar mais concentrados e "ler" o guarda-redes. Se isto acontecer, também não tenho dúvidas que a taça é nossa.

Anónimo disse...

Não deixo de ficar espantado sobre alguma análise ao jogo. Antes de mais afirmo a minha particular simpatia pelo Benfica e a qualidade de alguns jogadores.

Aliás, em Dezembro poucos acreditavam na evolução do Benfica.

Mas, importa dizer que o ABC foi melhor, mais decido, coeso, coerente, com jogadores de qualidade, uns da casa outros dispensas, vindas dos ditos grandes....é verdade o ABC forma e contrata jogadores no orçamento possível.
O Benfica, dos juvenis aos seniores, recebe jogadores aos pacotes, entra e sai, numa visão estratégica muito própria do Prof Carlos Cruz.

Depois basta olhar o pavilhão, onde 100 adeptos do ABC mostram a sua presença, num espaço longe de esgotar e mais uma vez se prova a dificuldade de mobilização. Assim se vê a força do ABC ! que continuará em Braga.

Espera-se mais do Benfica. Força.

Anónimo disse...

O anónimo das 18.17 esteve seguramente noutro pavilhão e noutro jogo...
Azia?

Anónimo disse...

Anónimo das 18,17, de 15/5:

O maior cego é o que não quer ver!

Anónimo disse...

Ainda não chegamos ao fim e Resende distingue-se! No oposto Zupo a dar barraca. Os adeptos dizem que, é como o Otávio é do vinho. Realmente entrar neste segundo jogo assim, é gozar o Sporting. Mais um sete base novo. Andamos a brincar? O andebol no Sporting passou as marcas do ridículo. Antunes não vê a baliza. Com aquela altura julgo que até vê melhor, só que a vontade é nenhuma. Dizem que pegado com o treinador, verdade? Põe Sergio Barros de inicio e ao fim de trinta minutos, não teve uma bola. Lembra-me dele em junior e esforça-se mas, nota-se um rosto tenso de desilusão. Não admira. Edmilson de início? Outra que saltou á vista João Pinto a jogar bem, isento de pressão. Triste pela enésima vez, a maneira distraída como anda em campo! Resumindo nunca tivemos uma equipa. Olhe-se prá ABC e com tanta lesão anda a dar que fazer. Para o ano não vou ao dragão ver, uma vez que apoiar eu era o único.

Anónimo disse...

Parabéns ao ABC! Que treinador, onde os jogadores não ouvem ralhetes e andam híper-motivados! Não se ouve um queixume devido ás inúmeras lesões. Ao contrário sobretudo do Porto, não há estrangeiros. Aqui os apoios não abundam e os bancos não emprestam. E no pavilhão do maior clube do mundo, via-se que apoio não faltou. Até simpatizo com o Benfica mas, também acho que, em andebol há ali qualquer coisa que não se compreende e, ainda não é agora que se levanta.

Anónimo disse...

Como é que uma dupla com falhas nos passos e na lei da vantagem pode ter feito uma arbitragem positiva?

Anónimo disse...

"a lentidão do jogo" como é dito na análise, tem que se lhe diga!
O ABC monta a teia e vai aniquilando. Faz-me rir que, com jogadores que, noutros sítios não pegam e, são mandados embora ali são heróis!
Nos jogos do ABC a bola chega oval ao fim, bate-se, passa-se e volta-se a passar e repassa-se. Ao minímo toque uuuh! e grilo está estatelado! No final caso sejam campeões e até vençam a Chalenge, vamos ver quantos saem!
O ABC é paciente e pelos vistos no fim dos jogos, está mais fresco que os outros. Os jogos teem sido dados na Tv mas, não cativam! Corre-se o risco de adormecer. Safam-se, pois há uma equipa á muito tempo junta. O treinador é batido e sabe as armas que tem, vivendo com elas. Parabéns por não haver um estrangeiro e, muito jogador feito nas suas escolas.

Anónimo disse...

Seabra bem podia voltar ao Sporting e Grilo seria mais ofensivo que J. Pinto. Como Cruz parece não reunir consensos no Sporting...Vidrago já está comprometido com o Benfica. Diz-se que Branquinho pode estar a caminho do EDP... verdade? Sérgio Barros no ABC? Rito queria-o e é colega de familiares dele numa escola... Sérgio disse a alguém no ABC que dos treinadores Portugueses gosta muito de Resende e Fidalgo... Bem! E o treinador caso o pior dos últimos tempos seja despedido... pode rumar aos Leões! Rei ía pró Benfica depois da saída de Areia... mas, já está no Àguas Santas, assim como Rebelo do ABC! E ainda não acabou a época!