gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

terça-feira, 23 de outubro de 2018

Crónica de Fim-de-semana – 05 – 2018 / 2019 - IV


Nova crónica de fim-de-semana dedicada à PO04, que se manteve estável no seu modelo competitivo.

São directamente aprovados para a Fase Final as 3 primeiras classificadas em cada zona da 1.ª Fase. 

PO04 – Campeonato Nacional Juniores Masculinos 1.º Divisão
1.ª Fase

Zona 1
3.ª Jornada
Dia 11-11-18
AA Avanca - ABC (12H00)
4.ª Jornada
Dia 25-10-18
Águas Santas - AA Avanca (21H00)
5.ª Jornada
Dia 21-10-18
CP Natação 37 - 24 CD Feirense
ABC 30 - 32 Águas Santas
Xico Andebol 26 - 28 FC Gaia
Boavista FC 38 - 25 Estarreja AC
Dia 28-10-18
AA Avanca - FC Porto (12H00)

Zona, a ser disputada com uma irregularidade anormal, pois por exemplo a AA Avanca, apesar de termos disputado em termos de calendário a 5.ª Jornada, apenas realizou até ao momento dois jogos. Saliente-se no entanto, que não se registaram ocorrências disciplinares, mas existiram jogos que na prática foram disputados quase sem público, como foi o caso do Boavista FC / Estarreja AC (29 assistentes), jogo equilibrado apenas durante os primeiros 30 minutos, quando o resultado ao intervalo era de 17-16 a favor da equipa do Bessa, para no segundo tempo de jogo, ser disputado com total superioridade da equipa do Boavista FC, que desta forma obteve a sua primeira vitória, enquanto o Estarreja AC, é uma das duas equipas que apenas registam derrotas na Zona. Pedro Marques com 10 golos, juntamente com José Tavares com 6 golos, foram os melhores marcadores do Boavista FC, por sua vez, Rui Silva com 8 golos, e João Dias com 6, foram os melhores marcadores do Estarreja AC. A outra equipa que também apenas contabiliza derrotas na Zona é o Xico Andebol, que nesta jornada, defrontou em Guimarães o FC Gaia, e voltou a perder por uma marca, que é plenamente demonstrativa do equilíbrio que se verificou ao longo dos 60 minutos, tendo no entanto, chegado ao intervalo já na condição de vencido por 15-13. No segundo tempo, manteve-se a toada jogo, tendo o mesmo terminado com a mesma diferença que já se registava ao intervalo. Com esta vitória o FC Gaia, mantêm-se como uma das equipas que apenas regista vitórias nos jogos disputados até ao momento. João Campos com 8 golos, e João Leite com 5, foram os melhores marcadores do Xico Andebol, o FC Gaia com 12 dos seus atletas a marcarem golos, teve em Vasco Silva com 6 golos, e Pedro Salvador com 5, os seus principais marcadores. Num dos resultados mais dilatados da jornada, tivemos em Ermesinde, o CP Natação / CD Feirense, onde a equipa do CD Feirense apesar de ter atingido o intervalo na frente do marcador pela diferença mínima (14-13), o que prova o equilíbrio verificado no primeiro tempo, sucumbiu totalmente no segundo tempo, sofrendo uma derrota por números significativos. Com a equipa local a vencer o seu segundo encontro até ao momento. Hélder Vilaça com 8 golos, João Sampaio, e Miguel Lima, ambos com 6 golos cada, foram os melhores marcadores do CP Natação. Nuno Reis com 8 golos, foi o melhor marcador do CD Feirense. No principal jogo da jornada (na nossa opinião), tivemos o ABC / Águas Santas, pois colocou frente a frente duas das principais candidatas ao apuramento para a Fase Final da prova, na sua Zona. Jogo que terminou com a vitória da equipa maiata, que comandou durante mais tempo o marcador, surpreendendo a equipa local, chegando ainda no primeiro tempo a ter 4 golos de vantagem (9-5, por exemplo), para no entanto chegar ao intervalo a vencer pela diferença mínima (12-11), no segundo tempo não se verificaram grandes alterações na forma de jogar, com a equipa maiata a confirmar a sua vitória, continuando a ser uma das equipas da Zona que apenas regista vitórias até ao momento, por sua vez a equipa do ABC, sofreu a sua primeira derrota na Zona. Vinicius Fonseca com 10 golos, e Francisco Silva com 6, foram os melhores marcadores do ABC, por sua vez, Ruben Santos com 13 golos, António Aparício e Afonso Sequeira, ambos com 6 golos, foram os melhores marcadores do Águas Santas.

Classificação actual – 1.º FC Gaia (15 pontos), 2.º FC Porto (-1 jogo), e Águas Santas (-1 jogo) (12 pontos), 4.º ABC (-1 jogo) (10 pontos), 5.º CP Natação, e CD Feirense (9 pontos), 7.º Boavista FC (7 pontos), 8.º Xico Andebol, e Estarreja AC (5 pontos), 10.º AA Avanca (-3 jogos) (4 pontos).

Zona 2
5.ª Jornada
Dia 21-10-18
Juventude Lis 19 - 32 Benfica
Alavarium 26 - 24 AC Sismaria
Alto Moinho 38 - 29 ADC Benavente
São Bernardo 36 - 37 Belenenses
Sporting 31 - 18 IFC Torrense

Nova jornada totalmente cumprida, mas com registo de ocorrências disciplinares em dois encontros), e com alguns resultados surpreendentes. Vamos iniciar a crónica pelo encontro que na nossa opinião teve o resultado que mais surpreendeu nesta jornada o São Bernardo / Belenenses (jogo com ocorrências disciplinares, 17 exclusões e duas desqualificações), que terminou com a vitória da equipa do Belenenses, pela diferença mínima, num encontro onde na prática não existiram preocupações defensivas, tal o número total de golos registado (73), encontro sempre disputado nos limites, com o São Bernardo a atingir o intervalo a vencer por 17-16, mas com a equipa do Belenenses a reagir muito bem, e a superiorizar-se no segundo tempo ao seu adversário, terminando por vencer o encontro. David Gomes e João Saraiva, ambos com 9 golos cada, foram os melhores marcadores do São Bernardo, João Almeida com 12 golos, e Gonçalo Oliveira com 7, foram por sua vez os melhores marcadores do Belenenses. Com este resultado a equipa do São Bernardo, sofre a sua primeira derrota na prova. Outro encontro disputado dentro dos limites, por vezes também com excessos, foi o Alavarium / AC Sismaria, (jogo com ocorrências disciplinares, 16 exclusões e duas desqualificações), que terminou com a vitória da equipa do Alavarium, que desta forma obteve a sua primeira vitória na prova, num encontro sempre disputado com grande equilíbrio, e que ao intervalo registava um resultado de 10-8, a favor do Alavarium, diferença que se manteve até final do jogo, e que assim permitiu à equipa aveirense conquistar os seus primeiros 3 pontos, um pormenor deve-se destacar (na nossa opinião) foram os 11 livres de 7 metros a favor da equipa do Alavarium. Com esta derrota a equipa do AC Sismaria continua a não registar qualquer vitória até ao momento. Depois todos os restantes resultados, foram desequilibrados, com as equipas favoritas a vencerem com alguma facilidade os seus adversários. No Sporting / IFC Torrense, a equipa do IFC Torrense ainda proporcionou algum equilíbrio no primeiro tempo, mas mesmo assim sem criar grandes problemas pois o Sporting, comandou praticamente o jogo e o marcador durante os 60 minutos, pois no primeiro tempo chegou ao 9-5, para depois chegar ao intervalo a vencer por 12-8, no segundo tempo, as diferenças começaram a acentuar-se e o resultado final é um puro reflexo das mesmas. No Sporting, com 11 jogadores a marcarem golos, Nuno Reis com 5 golos, foi o seu principal marcador, André Morais com 6 golos, e Marcelo Amaral com 5, foram os melhores marcadores do IFC Torrense, que nesta zona continua a ser uma das equipas que ainda não venceu nenhum encontro ao contrário do Sporting, que regista por vitórias todos os encontros realizados até ao momento. No pavilhão da Juventude Lis, disputou-se o Juventude Lis / Benfica, que foi mais um encontro de sentido único, pois a equipa do Benfica nunca sentiu dificuldades, de tal de forma que ao intervalo já vencia por 19-9, limitando no segundo tempo a gerir o jogo e a equipa, sem ter grandes problemas, com esta vitória a equipa do Benfica continua a ser outra das equipas que na Zona, venceu todos os jogos disputados até ao momento., por sua vez a Juventude Lis, ainda não regista qualquer vitória. Fábio Moreira com 11 golos foi o melhor marcador da equipa de Leiria, no Benfica onde 11 jogadores marcaram golos, Gonçalo Jesus com 5 golos, foi o seu principal marcador. Terminamos com o Alto Moinho / ADC Benavente, que o Alto Moinho venceu, igualmente com alguma facilidade, pois apesar de ao intervalo estar a vencer por apenas 19-16, nunca sentiu grandes problemas, e no segundo tempo consolidou a sua superioridade, tendo 12 jogadores a marcarem golos, com Victor Talmazan a marcar 8 golos, e a ser o seu principal marcador, na equipa do ADC Benavente, André Rodrigues com 12 golos, e Vasco Moura com 6, foram os seus melhores marcadores.

Classificação actual – 1.º Sporting, e Benfica (15 pontos), 3.º São Bernardo (12 pontos), 4.º Alto Moinho, e Belenenses (11 pontos), 6.º ADC Benavente (10 pontos), 7.º Juventude Lis, e Alavarium (8 pontos), 9.º IFC Torrense, e AC Sismaria (6 pontos).

O Noticias

Torneios de Selecções Regionais (Masculinos e Femininos) - II


Serão provas onde teremos de sempre de louvar o esforço que alguns vão ter de fazer incluindo sacrifícios pessoais, para acompanhar os seus jovens, e para que os mesmos tenham as condições mínimas.

Esta época com a agravante de que apenas se poderão candidatar associações com um mínimo de 4 clubes e de 50 atletas (ver CO N.º 25 de 05-09-18), infelizmente é mais um passo para a eliminação de associações, e quem vai perder mais uma vez será certamente o interior do Pais.

Assim a FAP através do seu CO N.º 33 (22-10-18), deu a conhecer a estrutura da prova masculina.

Torneio Selecções Regionais Iniciados Masculinos - Prova destinada a atletas nascidos em 2003 e 2004.

Apenas se verificaram as inscrições das seguintes Associações – Algarve, Aveiro, Braga, Leiria, Lisboa, Madeira, Porto, Setúbal, e Viseu/Guarda. Total de 9 Associações, mas duas constituem uma única equipa, pelo que teremos apenas 8 equipas, voltando a verificar-se uma diminuição de participante, pois de 14, em 16/17, e 10 em 17/18, passamos para apenas 9 em 18/19, será que esta diminuição não leva os altos responsáveis da modalidade a pensar e a meditar, no mínimo, nas consequências para a modalidade desta continua diminuição.

Como primeira consequência, temos a não existência da Fase Intermédia, na verdade uma diminuição de despesa, será que é este o objectivo? Duvidamos!

Assim a 1.ª Fase: 2 Zonas (1 zonas com 5 equipas e 1 zonas com 4 equipas), jogando no sistema de TxT a 1 volta (a Zona 1 será disputada em duas concentrações, porquê?), apurando-se os 3 primeiros classificados de cada Zona para a Fase Final.

Zona 1 – n.º 1 Porto, n.º 2 Viseu/Guarda, N.º 3 Braga, n.º 4 Aveiro, n.º 5 Leiria;
Zona 2 – n.º 1 Lisboa, n.º 2 Algarve, n.º 3 Madeira, n.º 4 Setúbal;

Na nossa opinião zonas constituídas para minimizar custos, mas mesmo assim haverá zonas que são bastante dispendiosas, como por exemplo a zona 2.

Esta Fase será disputada:
Zona 1
1.ª Concentração – 05 e 06-01-19
2.º Concentração – 16 e 17-02-19
Zona 2 – 05 e 06-01-19

Fase Final – Participam as 6 equipas apuradas. Que numa 1.ª Fase serão agrupadas em 2 zonas de 3 equipas, jogando TxT a 1 volta, com os 1.º e 2.º classificados de cada zona, a disputarem as 1/2 Final, enquanto os 3.º Classificados farão um jogo de definição do 5.º e 6.º Lugar.

Esta Fase será disputa de 24 a 26-05-19, o que dará origem a 1 concentração.

Apesar do CO ser omisso, pensamos que estas zonas foram sorteadas, pois não existe razão para ser de outro modo.

A prova dará origem a um total de 4 concentrações, será que vai haver candidaturas para todas? Duvidamos (data limite para a 1.ª Fase 30-11-18), e neste caso, o local será sorteado, com os pavilhões a serem da responsabilidade da Associação sorteada, mas alimentação da responsabilidade de cada participante, e temos esta época uma grande novidade, pois o alojamento se houver necessidade do mesmo é da responsabilidade de cada Associação?

A data limite para candidatura da Fase Final é 29-03-2019

Como grande novidade e face ao meritório trabalho em prol do desenvolvimento da arbitragem, as mesmas serão da responsabilidade das Associações na 1.ª Fase.

Iremos elaborar artigo semelhante para a prova Feminina.

O Formador

segunda-feira, 22 de outubro de 2018

Crónica de Fim-de-semana No Feminino – 02 – 2018 / 2019


Crónica exclusivamente dedicada ao Feminino, que irá acompanhar como é hábito, o normal e regular desenvolvimento de uma das principais provas do calendário nacional (PO09- Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Femininos). 

Felizmente que voltamos a ter uma transmissão pela Andebol TV, e ficamos com a esperança de ter pelo menos um jogo por jornada.

PO09 – Campeonato Nacional da 1.ª Divisão Seniores Femininos.

1.ª Fase – Resultados
2.ª Jornada
Dia 20-10-18
CS Madeira 26 - 26 SIR 1.º Maio/CJB
JAC-Alcanena 23 - 31 Colégio Gaia
Maiastars 24 - 25 Passos Manuel
Madeira SAD 24 - 24 Alavarium
ARC Alpendorada 27 - 26 Juventude Lis
CA Leça 27 - 21 Assomada
3.ª Jornada
Dia 21-10-18
CS Madeira 21 - 29 Alavarium
Madeira SAD 28 - 15 SIR 1.º Maio/CJB

Começamos com a primeira jornada dupla, situação a que nos iremos habituar, cada vez que existirem deslocações de equipas do Continente à Madeira e vice-versa. Pensamos entanto que está na altura de quem de direito tratar o Andebol, como outras modalidades, e resolver de vez está situação que prejudica, toda a prova e a sua regularidade (na nossa opinião). Pois entendemos que os Clubes não têm que estar a pagar em termos desportivos a descontinuidade do território Nacional. Tivemos encontros equilibrados, e outros menos equilibrados, e até algumas surpresas, o que só trás beneficio à prova, e à modalidade, em especial na vertente feminina. Destaque ainda para as boas assistências em alguns dos principais encontros da jornada, que felizmente não teve jogos com ocorrências disciplinares registadas.

Iremos começar pelas equipas que realizaram jornada dupla, e assim tivemos o Madeira SAD / Alavarium, que foi um jogo bem disputado, mas com duas partes distintas, e com um número indesejado de faltas técnicas. Surpreendentemente o Alavarium, realizou os primeiros 30 minutos de total superioridade com a equipa do Madeira SAD a cometer muitos erros técnicos, apenas da sua guarda-redes Mónica Correia, ter tido um excelente desempenho, que se iria prolongar no segundo tempo, enquanto no Alavarium, Andreia Madail, defendia tudo e mais alguma coisa sendo uma das grandes responsáveis do excelente desempenho da sua equipas. Na equipa do Alavarium a jogar em transições rápidas onde Carolina Monteiro (10 golos), foi o expoente máximo no contra-ataque e Soraia Fernandes (3 golos), a criar problemas nos 6 metros do Madeira SAD, e com uma Mariana Azevedo (5 golos), sem medo na tomada de decisão em termos de remates, assumiu o comando do jogo e do marcador chegando ao intervalo a vencer por 16-9 (7 golos de diferença), No segundo tempo, tivemos um novo jogo, com a equipa do Madeira SAD, a jogar com uma defesa mais aberta e mais agressiva, foi criando fortes problemas ao ataque do Alavarium, que passou agora a ser a equipa que cometia mais flautas técnicas, e com a experiente Sara Gonçalves (5 golos) a ser uma seta apontada à baliza do Alavarium, e com a inevitável Mónica Sores (9 golos) a ser uma marcadora implacável de 1.ª linha, bem acompanhada na parte final do encontro por uma eficaz Anais Gouveia (4 golos), foi recuperando no marcador e aos 57 minutos iguala o marcador a 22 golos, para num momento decisivo (na nossa opinião), aos 58, 30 minutos num contra-ataque Carolina Monteiro acerta da barra, e o encontro termina numa perfeita igualdade. Dirigiu o encontro a jovem dupla feminina, constituída por, Flávia Santos e Sara Pinto que realizaram uma actuação bastante positiva. No segundo jogo a equipa do Madeira SAD, defrontou outra das equipas à partida considerada das mais fortes do campeonato o SIR 1.º Maio/CJB, e apresentou-se com outra disposição, não dando muitas hipóteses à equipa da Marinha Grande, chegando ao intervalo já na frente do marcador por 12-8, para no segundo tempo, aproveitar bem a fadiga apresentada pela equipa continental, aumentando progressivamente a sua vantagem. Diana Oliveira com 8 golos, e Mónica Soares com 7 golos, foram as melhores marcadoras da equipa do Madeira SAD, no SIR 1.º Maio/CJB, a sua melhor marcadora não passou dos 4 golos e foi Adriana Bastos.

No Pavilhão do Bartolomeu Perestrelo, o CS Madeira começou a sua jornada dupla por defrontar o SIR 1.º Maio/CJB, e começou o encontro da melhor maneira, chegando rapidamente aos 4-2, para chegar aos 6 golos de vantagem (14-8, ou 17-11, como exemplo), atingindo o intervalo a vencer por 18-13, mas o SIR 1.º Maio/CJB, nunca se deu por vencido, e no segundo tempo progressivamente diminuindo a diferença no marcador, chega a ter apenas uma desvantagem mínima (23-22, ou 25-24, por exemplo), para permitir a igualdade no marcador no final do tempo regulamentar. Ana Andrade e Ana Franco, com 7 golos, cada, foram as melhores marcadoras do CS Madeira, Adriana Lage com, e Barbara Ferreira com 6 golos cada, foram as melhores marcadoras do SIR 1.º Maio/CJB. No segundo jogo a equipa madeirense defrontou o Alavarium, que se mostrou uma equipa superior, pelo menos neste confronto, e ao intervalo já vencia por 15-9 (6 golos de vantagem). O CS Madeira inicia o segundo tempo da melhor maneira tendo reagindo, e diminui o diferencial 4/5 golos, mas esta reacção durou algum tempo, pois a equipa do Alavarium regressa ao seu bom momento e coloca o marcador em 26-19, e em 27-20, para terminar com o maior diferencial que se registou em todo o encontro. Ana Andrade, e Jessica Gouveia com 5 golos, cada, foram as melhores marcadoras do CS Madeira, por sua vez no Alavarium onde 10 jogadoras concretizaram golos, Mariana Azevedo com 6 golos e Soraia Fernandes com 5 golos, foram as suas principais marcadoras.

Temos o resultado, mais surpreendente da jornada, que ocorreu no Maiastars / Passos Manuel, encontro, que termina com a vitória da equipa que subiu de divisão (Passos Manuel), e onde se regista a segunda derrota caseira do Maiastars, que não começa como desejava certamente esta Fase da Prova. Foi um jogo de forte equilíbrio, com a equipa visitada a comandar durante mais tempo o jogo e o marcador, atingindo o intervalo a vencer por 11-8, maior diferencial registado nos primeiros 30 minutos. No segundo tempo apesar da reacção das maiatas, nunca deixaram o comando, e a poucos minutos do final do tempo regulamentar venciam, por 24-21, sofrendo de seguida um parcial de 3-1, terminando como vencedoras pela diferença mínima. A equipa do Passos Manuel, parece-nos que está a somar importantes pontos que lhe podem permitir a inclusão nos 8 primeiros lugares, nesta Fase da Prova. Ana Silva com 12 golos, e Maria Cerqueira com 5, foram as melhores marcadoras do Maiastars, Joana Reis, com 9 golos, Joana Pereira e Mariana Faleiro, ambas com 6 golos, cada, foram as melhores marcadoras do Passos Manuel.

Em Leça da Palmeira, disputou-se o CA Leça / Assomada, encontro que a equipa visitante começou bem chegando a comandar o marcador até aos 8-7, para depois permitir uma boa reacção do CA Leça, que passou para comando marcador e do jogo, chegando ao intervalo a vencer por 11-8, no segundo tempo a equipa da assomada ainda reagiu chegando por algumas vezes à diferença mínima de são exemplo os 15-14, ou os 16-15, para de seguida a equipa local, passar para os 25-21, e terminar a vencer por uma margem folgada. Com este resultado a equipa do CA Leça soma a sua segunda vitória na prova, enquanto a equipa da Assomada, que foi considerada a revelação da prova na última época, regista a sua segunda derrota na prova. Ana Sousa, e Filipa Ventura, ambas com 5 golos, cada, foram as melhores marcadoras do CA Leça, Edna Oliveira com 6 golos foi a melhor marcadora da Assomada. 

Em Alcanena, realizou-se o JAC-Alcanena / Colégio Gaia, encontro onde o favoritismo pendia para totalmente para o Colégio Gaia, e foi confirmado, apesar da animosa réplica da equipa do JAC-Alcanena, nomeadamente nos primeiros 30 minutos, quando chegou ao intervalo a perder por 15-12, para o segundo tempo o Colégio Gaia, fazer valera sua incontestável superioridade e terminar como vencedora por uma confortável margem. No JAC-Alcanena, Carolina Justino com 7 golos, Neuza Valente, e Raquel Anacleto, ambas com 6 golos, cada foram as marcadoras de serviço, no Colégio Gaia, Joana Resende, e Helena Soares, com 7 golos cada, foram as suas melhores marcadoras.

No Pavilhão de Alpendorada realizou-se o ARC Alpendorada / Juventude Lis, que terminou com a vitória da equipa que subiu de Divisão pela diferença mínima, num encontro sempre disputado com grande equilíbrio e alternâncias no marcador, apesar da equipa local, ter tido um excelente inicio de jogo, quando chegou rapidamente aos 4-1 a seu favor, para permitir uma igualdade a 10 golos, e chegar ao intervalo a perder por 14-13. No segundo tempo a equilíbrio continuou a ser visível, com novas igualdades como por exemplo a 14 golos, mas com a equipa visitada a colocar-se na frente do marcador por exemplo aos 18-17, e a chegar a dois golos de vantagem quando vencia por 21-19, para terminar, a vencer pela diferença mínima, registando assim a sua primeira vitória na Divisão. Sara Barbosa com 10 golos, Ângela Pessoa com 7, e Tânia Braga com 6 foram as melhores marcadoras do ARC-Alpendorada. Francisca Marques com 10 golos, e Margarida Oliveira com 9 golos, foram as melhores marcadoras da Juventude Lis.

O Noticias

Euro Sub-17 Femininos - 2019


EURO SUB-17 FEMININOS
2019

A Federação de Andebol, ao realizar um estagio de Sub-17 em 27 e 28-10-2018, em São Pedro do Sul, têm vista segundo os calendários que observamos não só o Euro de Sub-17, que se realiza em Agosto de 2019, como ainda a preparação para O Scandibérico, que será disputado Espanha, no próximo mês de Novembro, a presença no Kakygaia em Dezembro, e ainda a participação no GarciCup, em Junho de 2019.

Lista de Convocadas pela Seleccionadora Ana Seabra.
O Noticias

domingo, 21 de outubro de 2018

Crónica de Fim-de-semana – 05 – 2018 / 2019 – II


Mais uma das nossas habituais crónicas, dedicadas á PO02, constituída por 3 Zonas.

Apuram-se para a Fase Final do Grupo A, a que dá acesso á 1.ª Divisão os 3 primeiros classificados de cada Zona, que transportam os resultados e pontos nos jogos entre si na 1.ª fase, não voltando a defrontar-se na Fase Final, que será disputada no sistema de TxT a duas voltas. Os 2 primeiros classificados da Fase Final ascendem ao Andebol 1.

PO02 – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Seniores Masculinos.

1.ª Fase

Zona 1
4.ª Jornada
Dia 21-10-18
Marítimo 31 – 37 FC Porto B
5.ª Jornada
Dia 30-10-18
FC Porto B - SP. Oleiros (21H30)
Dia 20-10-18
Boavista FC 24 - 23 GC Santo Tirso
FC Gaia 34 - 30 Modicus
CD Feirense 29 - 36 Xico Andebol
Dia 04-11-18
Póvoa Andebol Clube - Marítimo (16H00)

Mais uma vez tivemos jogos adiados, nesta Zona, e realizou-se o encontro que se encontrava em atraso da 4.ª Jornada, o Marítimo / FC Porto B, que tinha sido adiado devido às condições atmosféricas, que terminou com a vitória do FC Porto B, após um primeiro período de jogo com algum equilíbrio, apesar do FC Porto B, ter chegado ao intervalo já na frente do marcador por 21-19, tendo aumentado a diferença já nos segundos 30 minutos, nos restantes resultados ocorridos, não se verificaram surpresas, no entanto tivemos alguns encontros disputados com grande equilíbrio, como foi o caso do Boavista FC / GC Santo Tirso, que terminou com a vitória da equipa do Bessa, pela margem mínima, com a equipa visitada a registar nova derrota, sendo a única equipa da zona, que ainda não regista qualquer vitória, neste encontro entrou melhor e chegou a estar na frente do marcador nos momentos iniciais do encontro, no entanto já chegou ao intervalo a perder por 13-11, realizando um segundo tempo, de reacção ao resultado, o que lhe permite esperar melhoras competitivas no futuro (na nossa opinião). O FC Gaia / Modicus, foi um encontro, onde apesar do FC Gaia comandar o jogo e o marcador a maior parte do tempo de jogo, teve no Modicus um adversário que nunca baixou os braços, e depois de chegar ao intervalo a perder por 18-15, ainda conseguiu chegar a apenas dois golos de diferença quando o marcador era favorável ao FC Gaia por 28-26, mas a partir daqui a equipa visitada, não concedeu muitas oportunidades e terminou como natural vencedora, sendo a única equipa da Zona, que apenas regista vitórias até ao momento. No CD Feirense / Xico Andebol, mas disputado em Guimarães (parece-nos, que a moda de inversão dos jogos continua), começou melhor a equipa do CD Feirense, mas rapidamente o Xico Andebol, deu a volta ao marcador, e ainda no primeiro tempo chegou aos 4 golos de vantagem, como por exemplo quando vencia por 18-14, para chegar ao intervalo a vencer por 18-15. No segundo tempo a partir dos 29-26 a seu favor foi progressivamente dilatando o marcador para terminar com um confortável resultado. Com esta vitória a equipa de Guimarães, continua empata do 2.º lugar da Zona, como Boavista FC, por sua vez o CD Feirense continua a registar apenas uma vitória. Um destaque nesta zona que foi disputada sem ocorrências disciplinares, e em alguns encontros registaram-se boas assistências.

Classificação actual – 1.º FC Gaia (15 pontos), 2.º Xico Andebol, e Boavista FC (13 pontos), 4.º FC Porto B (-1 jogo, 10 pontos), 5.º Póvoa Andebol Clubes (- 1 jogo, 8 pontos), 6.º SP. Oleiros (-1 jogo), Modicus, e CD Feirense (7 pontos), 9.º Marítimo (-1 jogo), e GC Santo Tirso (6 pontos).

Zona 2
5.ª Jornada
Dia 20-10-18
AD Albicastrense 33 - 19 SIR 1.º Maio
Ílhavo AC 24 - 34 Juventude Lis
ADC Benavente 21 - 37 Benfica B
São Bernardo 28 - 27 AD Sanjoanense
AC Sismaria 27 - 19 CD Mafra

Zona onde se disputou um encontro de grande expectativa, o São Bernardo / AD Sanjoanense, que terminou com a vitória da equipa do São Bernardo, que desta forma continua sem derrotas na Zona, ao contrário do seu adversário que sofreu a sua primeira derrota, foi um encontro com momentos, de grande equilíbrio, do qual resultou, que ao intervalo o resultado era de 11-9, a favor da equipa da Região de Aveiro, que nos segundo 30 minutos ainda chegou a ter uma vantagem de 5 golos (15-10), mas que foi prontamente contrariada pela equipa visitante, terminando o encontro com a vitória do São Bernardo pela diferença mínima. Uma referência para a excelente assistência que este encontro teve contrariando a tendência verificada nos outros encontros da Zona. Registou-se apenas um encontro com ocorrências disciplinares registadas, que foi no AC Sismaria / CD Mafra, que foi mais um encontro de forte equilíbrio nos primeiros 30 minutos, onde se verificaram algumas igualdades no marcador (8-8, por exemplo), mas que chegou ao intervalo com a equipa de Gândara já no comando do marcador por 12-10, para no segundo tempo sem grande surpresa ir aumentando a sua diferença. Tivemos ainda a primeira vitória do AD Albicastrense, frente ao SIR 1.º Maio, e por números que certamente não estariam na previsão de muito boa gente, de tal forma foi o seu domínio que facilmente chegou aos 4-0, para chegar ao intervalo a vencer por 18-6, com esta vitória igualou o seu adversário em termos pontuais. Registaram-se ainda mais dois resultados completamente desnivelados, como foi o Ílhavo / Juventude Lis, disputado em “família”, tal era o número de espectadores, com a equipa de Leiria, a comandar o jogo e o marcador praticamente durante os 60 minutos, chegando ao intervalo a vencer por 18-10, para no segundo tempo se limitar a gerir o jogo e o marcador, e até o próprio plantel, desta forma o Ílhavo, continua no grupo das equipas que apenas regista uma vitória. Por fim tivemos o ADC Benavente / Benfica B, em mais um encontro onde a equipa de Benavente se mostra longe do que se esperava da mesma, com o Benfica B, a chegar ao intervalo já vencer por 18-9, para terminar por vencer confortavelmente, e ser uma das equipas que na Zona, apenas não contabiliza derrotas nos jogos disputados.

Classificação Actual – 1.º São Bernardo, e Benfica B (14 pontos), 3.º AD Sanjoanense (13 pontos), 4.º AC Sismaria, e Juventude Lis (11 pontos), 6.º CD Mafra (9 pontos), 7.º SIR 1.º Maio, ADC Benavente, Ílhavo AC, e AD Albicastrense (7 pontos).

Zona 3
5.ª Jornada
Dia 20-10-18
Lagoa AC 25 - 25 1.º Dezembro
CDE Camões 19 - 17 CF Sassoeiros
IFC Torrense 28 - 29 Alto Moinho
Zona Azul 23 - 23 Ginásio Sul
Dia 21-10-18
CD Marienses 27 – 36 Vitória FC

Zona onde se continua a verificar alguns jogos equilibrado, como provam as duas igualdades que se registaram, e curiosamente foi precisamente nesses encontros que se registaram ocorrências disciplinares. Mas comecemos, pelo CDE Camões / CF Sassoeiros, onde o CDE Camões registou a sua primeira vitória na prova, num encontro sempre disputado com grande equilíbrio e diversas alterações no marcador, como por exemplo a igualdade a 7 golos, ainda no primeiro período, onde o CF Sassoeiros, chegou a estar a vencer por 5-1, para ao intervalo a equipa visitada estar na frente do marcador por 12-9. No segundo tempo a toada do jogo não se alterou e foram diversas as igualdades registadas como por exemplo a 16 golos, para o CDE Camões, consolidar a sua vitória nos minutos finais do encontro. No Lagoa AC / 1.º Dezembro (encontro com ocorrências disciplinares), ocorreu uma igualdade num encontro sempre disputado com grande equilíbrio, com o 1.º Dezembro a chegar ao intervalo na frente do marcador, pela diferença mínima (13-12), no segundo tempo o cariz do jogo, não sofreu grandes alterações, terminando numa igualdade, que também se registou no Zona Azul / Ginásio Sul (encontro com ocorrências disciplinares), onde a equipa visitante conquistou os seus primeiros pontos positivos, embora continue sem registar qualquer vitória, foi um encontro também de grande equilíbrio e com forte similitude ao anterior pois ao intervalo o Ginásio Sul, vencia pela diferença mínima (11-10), para a parte final do encontro ser disputada com sucessivas igualdades como por exemplo a 21, 22, e finalmente a 23 golos. No IFC Torrense / Alto Moinho, jogo, onde a equipa do Alto Moinho encontro maiores dificuldades do provavelmente estaria à espera, pois a equipa do IFC Torrense, realizou um jogo de parada e resposta e após uma igualdade a 12 golos, chegou ao intervalo a perder por apenas 1 golos (13-12), diferença que foi exactamente a mesma no final dos 60 minutos o que demonstra o forte equilíbrio que se registou ao longo dos 60 minutos, com esta vitória a equipa do Alto Moinho continua ser uma das duas equipas que apenas contabilizam vitórias na Zona, a outra é o Vitória FC, que já hoje foi aos Açores, vencer o CD Marienses, num encontro em que dominou quase sempre o encontro, chegando ao intervalo já na frente do marcador por 17-13, para acentuar a diferença entre as duas equipas no segundo tempo, onde aumentou o seu domínio e o diferencial de golos, com que terminou o encontro.

Classificação Actual – 1.º Vitória FC, Alto Moinho (15 pontos), 3.º 1.º Dezembro (12 pontos), 4.º CD Marienses (11 pontos), 5.º CF Sassoeiros (10 pontos), 6.º Zona Azul, CDE Camões, e Lagoa AC (8 pontos), 9.º IFC Torrense (7 pontos), 10.º Ginásio Sul (6 pontos). 

O Banhadas Andebol

sábado, 20 de outubro de 2018

Mundiais – 2021 - IHF


MUNDIAIS DE 2021 PASSAM
DE
24 PARA 32 EQUIPAS

A IHF, na última reunião do seu Conselho Executivo em 18-10-108, realizado em Doha (Qatar), tomou algumas decisões de forte importância, para a modalidade, na nossa opinião a mais importante de todas, foi – A Expansão dos Campeonatos Mundiais de Seniores, Juniores e Jovens, em ambos os géneros, passarem de 24 para 32 equipas, a partir de 2021.

Justifica a IHF, este aumento, com a forma de proporcionar a um número maior de Nações experiência a nível Internacional.

Na mesma reunião foi analisada a questão Pan-Americana, e o diferendo que se mantêm, bem como a decisão do TAS, mas nada mais foi dito sobre este tema, o que se estranha.

Com este aumento do número de Países, que na nossa opinião, vai dificultar cada vez mais a existência de candidaturas à organização destas provas, nada é dito acerca dos apuramentos, para os mesmos, nem sobre a forma de disputa dos mesmos em si, aguardaremos por informações mais conclusivas. 

O Noticias

Super Globe – 2018- VI


FC BARCELONA VENCE
SUPER GLOBE – 2018
(PELA 4.ª VEZ)
Com as 8 equipas que este ano disputam a “Super Globe”, na 12.ª edição, já realizaram todos os encontros que tiveram os seguintes resultados, sem qualquer surpresa.

Como nota podemos informar que já existem propostas da Arabia Saudita, para se candidatar à organização desta prova.

Equipas participantes, em 2018:

Barcelona – (Campeão em Titulo)
Hammamet (Tunísia) – (Representante da Liga Africana)
Al Najma Club (Bahrein) – (Campeão da Liga Asiática)
Sydney University Handball (Australia) – (Campeão da Oceânia)
Handebol Taubaté (Brasil) – (Campeão Pan-americano de Clubes)
Montpellier (França) – (Campeão da Liga Europeia)
Al- Sadd (Qatar) – (Organização)
Füchse Berlin (Alemanha) - (Wild Card – IHF)

Resultados Finais

Dia 19-10-18
7/8 Lugar
Sydney University Handball 26 – 28 Al Najma Club
5/6 Lugar
Handebol Taubaté 34 – 24 Hammamet
3/4 Lugar
Al- Sadd 23 – 33 Montpellier
Final
Füchse Berlin 24 – 29 FC Barcelona

Classificação Final1.º FC Barcelona, 2.º Füchse Berlin, 3.º Montpellier, 4.º Al- Sadd, 5.º Taubate / FAB / UNITAU, 6.º Hammamet, 7.º Al-Najma Club, e 8.º Sydney University Handball.

Notas – Uma referência para a presença do atleta português Gilberto Duarte, na prova, e na final em representação do FC Barcelona, e que assim se tornou no primeiro português a participar na prova e a vencê-la.

Um dos factores mais positivos na nossa opinião foi a qualidade das transmissões a que assistimos, como negativo teremos de referir a escassa presença de público.

Os vencedores do Torneio até ao momento são:

2010 – Atlético Madrid (Espanha)
2011 - THW Kiel (Alemanha)
2012 – Atlético Madrid (Espanha)
2013 – FC Barcelona (Espanha)
2014 – FC Barcelona (Espanha)
2015 - Fuchese Berlin (Alemanha)
2016 - Fuchese Berlin (Alemanha)
2017 – FC Barcelona (Espanha)
2018 – FC Barcelona (Espanha)

O Analista

sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Europeu 2020 Masculino – IX


CONFIRMAÇÃO
ESTÁGIO E JOGOS DE PORTUGAL
14.º EUROPEU MASCULINO – 2020
(ÁUSTRIA / NORUEGA / SUÉCIA)
Este Europeu, inaugurou uma nova forma de divulgação (13H00 de 19-10-18) da convocatória da equipa Nacional, pois agora a mesma é feita no próprio dia em que o mesmo se inicia, e em primeiro lugar não através de uma notícia no Portal (só mais tarde a mesma existe), mas sim através de uma noticia colocada no Facebook da FAP. Quando a própria Câmara Municipal, através do seu site, já tinha divulgado actividades sociais, para hoje e para amanhã “… na sexta-feira, pelas 16H45, antes do primeiro treino em Santo Tirso, está marcada uma sessão convívio, com autógrafos e fotos, com os alunos do Desporto Escolar de Andebol do Agrupamento de Escolas D. Dinis, no Pavilhão Municipal.

No sábado, dia 20, a partir das 15Hoo, a praça 25 de Abril vai ser palco de vários jogos de mini andebol, numa iniciativa promovida pela Câmara de Santo Tirso em parceria com Federação Portuguesa sw Andebol, a Associação de Andebol do Porto e o Ginásio Clube de Santo Tirso. Durante esta tarde, os jogadores da selecção nacional irão passar pelo espaço, para interagir com os participantes.”

Estamos em pleno acordo com todas estas interacções, mas não podemos deixar de dizer (em nossa opinião), que esta não é uma forma correta de divulgar uma convocatória.

Este é o primeiro Europeu onde a Fase Final é disputada por 24 equipas, que se realiza entre 10 a 26 de Janeiro de 2020, também é a primeira vez que uma prova, será coorganizada em três (3) Países (Áustria, Noruega e Suécia), com a final a ser disputada em Estocolmo, no Pavilhão Tele 2 (24.000 lugares), sendo o 14.º Europeu Masculino.

Serão apurados para a Fase final para o EHF Euro 2020, os dois (2) primeiros classificados de cada Grupo (8), bem como os quatro (4) melhores terceiros classificados (apenas contam os resultados obtidos com as equipas classificadas em 1.º e 2.º lugar no Grupo).

Portugal – Faz parte do Grupo 6, juntamente com a França, Lituânia, e Roménia.

O Campeão em título (Espanha), bem como os Países organizadores, estão directamente qualificados para a Fase Final do EHF Euro 2020 (Suécia, Áustria e Noruega)

Lista dos convocados, para os dois jogos – Sem comentários
Calendário de Portugal

1.ª Jornada – 24-10-18
Portugal – Roménia (20H00) em Santo Tirso (TVI24)
2.ª Jornada – 28-10-18
Lituânia – Portugal (17H00) em Klaipeda
3.ª Jornada – 10/11-04-19
Portugal - França
4.ª Jornada – 13/14-04-19
França - Portugal
5.ª Jornada – 12/13-06-19
Roménia - Portugal
6.ª Jornada – 15/16-06-19
Portugal - Lituânia

Horas Locais

Não queremos terminar sem desejar boa sorte nos jogos à equipa Nacional

O Banhadas Andebol

Super Globe – 2018- V


 SUPER GLOBE – 2018
FINAL

Com as 8 equipas que este ano disputam a “Super Globe”, na 12.ª edição, já realizaram todos os encontros que tiveram os seguintes resultados, sem qualquer surpresa.

Como nota podemos informar que já existem propostas da Arabia Saudita, para se candidatar à organização desta prova.

Equipas participantes, em 2018:

Barcelona – (Campeão em Titulo)
Hammamet (Tunísia) – (Representante da Liga Africana)
Al Najma Club (Bahrein) – (Campeão da Liga Asiática)
Sydney University Handball (Australia) – (Campeão da Oceânia)
Handebol Taubaté (Brasil) – (Campeão Pan-americano de Clubes)
Montpellier (França) – (Campeão da Liga Europeia)
Al- Sadd (Qatar) – (Organização)
Füchse Berlin (Alemanha) - (Wild Card – IHF)

Resultados Finais
1/4 Final
Dia 16-10-18
FC Barcelona 37 – 28 Al-Najma
Montpellier HB 31 – 22 Hammamet
Taubate / FAB / UNITAU 25 – 33 Füchse Berlin
Al Sadd 27 – 22 Sydney Uni Handball Club

1/2 Final
Dia 17-10-18
Al- Sadd 20 – 26 Füchse Berlin
Montpellier 30 – 37 FC Barcelona
5/8 Lugar
Sydney University Handball 18 – 38 Handebol Taubaté
Hammamet 27 – 26 Al Najma Club

Dia 19-10-18
7/8 Lugar
Sydney University Handball 26 – 28 Al Najma Club
5/6 Lugar
Handebol Taubaté 34 – 24 Hammamet
3/4 Lugar
Al- Sadd – Montpellier (17H00)
Final
Füchse Berlin – FC Barcelona (19H00)

Horas Locais

Nota – Uma referência para a presença do atleta português Gilberto Duarte, na prova, e na final em representação do FC Barcelona.

Todos os encontros podem ser seguidos via livestrem em –
http://www.alkass.net/alkass/flplayer/spe-link.aspx

Os vencedores do Torneio até ao momento são:

2010 – Atlético Madrid (Espanha)
2011 - THW Kiel (Alemanha)
2012 – Atlético Madrid (Espanha)
2013 – FC Barcelona (Espanha)
2014 – FC Barcelona (Espanha)
2015 - Fuchese Berlin (Alemanha)
2016 - Fuchese Berlin (Alemanha)
2017 – FC Barcelona (Espanha)
2018 –

O Analista

Minuto de Silêncio – Provas Oficiais


FIM-DE-SEMANA DE 20 E 21-10-18
FEDERAÇÃO PROMOVE
MINUTO DE SILÊNCIO
Através do seu Comunicado Oficial N.º 31 de 18-10-18, a Direcção da Federação de Andebol de Portugal, e face aos tristes acontecimentos vividos na semana decorrente, deliberou (e nosso entender de uma forma extremamente positiva), a existência de um minuto de silêncio em todos os jogos /  competições da sua responsabilidade e das Associações Regionais. Decisão que no nosso entender merece ser destacada, pois foram dois jovens praticantes que tristemente faleceram por motivos de doença. Voltamos a referir os nossos sentidos pesamos, às famílias, aos colegas e às suas equipas, enfim a todos os que gostam de andebol. 

Banhadas Andebol

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Europeu 2020 Masculino – VIII


ESTÁGIO E JOGOS DE PORTUGAL
14.º EUROPEU MASCULINO – 2020
(ÁUSTRIA / NORUEGA / SUÉCIA)

Este é o primeiro Europeu onde a Fase Final é disputada por 24 equipas, que se realiza entre 10 a 26 de Janeiro de 2020, também é a primeira vez que uma prova, será coorganizada em três (3) Países (Áustria, Noruega e Suécia), com a final a ser disputada em Estocolmo, no Pavilhão Tele 2 (24.000 lugares), sendo o 14.º Europeu Masculino.

Serão apurados para a Fase final para o EHF Euro 2020, os dois (2) primeiros classificados de cada Grupo (8), bem como os quatro (4) melhores terceiros classificados (apenas contam os resultados obtidos com as equipas classificadas em 1.º e 2.º lugar no Grupo).

Portugal – Faz parte do Grupo 6, juntamente com a França, Lituânia, e Roménia.

O Campeão em título (Espanha), bem como os Países organizadores, estão diretamente qualificados para a Fase Final do EHF Euro 2020 (Suécia, Áustria e Noruega)

Tendo Portugal, dois jogos a disputar um em 24 e o outro em 28-10-18, e estando na programação divulgada em tempo no Portal da FAP, onde é indicado que o estágio se inicia a 19-10-18 (no primitivo planeamento era a 15 que começava, conforme na altura noticiamos), em Santo Tirso e terminará a 29-10-18, a pós o encontro disputado em Klaipeda na Lituânia, estranha-se que estando nós no dia 18-10-18, véspera do programado estágio, até ao momento não tenha sido divulgada, qualquer lista de convocados, nem da constituição das comitivas, no mínimo, consideramos aberrante, que com um jogo a 24, a 18 ainda não se saiba quem vai para estágio, alguém pode explicar o que se passa?

Calendário de Portugal
1.ª Jornada – 24-10-18
Portugal – Roménia (20H00) em Santo Tirso
2.ª Jornada – 28-10-18
Lituânia – Portugal (17H00) em Klaipeda
3.ª Jornada – 10/11-04-19
Portugal - França
4.ª Jornada – 13/14-04-19
França - Portugal
5.ª Jornada – 12/13-06-19
Roménia - Portugal
6.ª Jornada – 15/16-06-19
Portugal - Lituânia

Horas Locais

O Banhadas Andebol