CPLP - Por.vence Angola(23-22)-Mundial Sub18-Por.Vence Japão(38-32)
Calendário e Resultados na Barra Direita

quinta-feira, 31 de Julho de 2014

V Mundial Juvenil Feminino – 2014 – IX

Portugal está terminar a sua participação na Fase Final do V Mundial Juvenil Feminino (Sub-18) - 2014 que está a decorrer desde 20 de Julho e vai até 3 de Agosto de 2014 na Macedónia. A disputar os lugares de 9.º ao 16.º.

PORTUGAL VAI DISCUTIR COM A SUÉCIA
O LUGAR
DO 9 AO 12.º

Portugal está a efetuar uma participação, digna de todos os encómios que se possam fazer á equipa, apesar de existirem os detratores do costume, mas a esses, a equipa e toda a comitiva deve esquecer, mas as críticas com sentido construtivo devem ser aceites e procurar sempre uma melhoria efetiva da nossa competitividade. 
Portugal após um excelente comportamento na chamada Fase preliminar, apesar da derrota sofrida em prolongamento e livres de 7 metros nos 1/8 Final. Resta-nos discutir o 9.º Lugar, que na nossa opinião seria “ouro sobre azul” como se costuma dizer e esta equipa merece.
 
Hoje jogamos e defrontamos o Japão, num dos jogos de apuramento para o 9.º lugar, num encontro onde o equilíbrio apenas existiu até cerca dos 12 minutos, quando Portugal vencia por 9-8, para aos 21 vencer por 16-9, chegando ao intervalo a vencer por 20-14, e atingindo a maior diferença oito (8) golos aos 31 (22-14) e aos 36 minutos (25-17), situação que foi sendo recorrente por várias vezes, para depois Sandra Fernandes que diga-se tinha recuperado e bem na nossa opinião a equipa do desgastante jogo dos 1/8 Final, fazer uma completa gestão do plantel, que permitiu uma ligeira aproximação da equipa nipónica no marcador. Erica Tavares com 10 golos (cerca de 77% de eficácia) foi a nossa melhor marcadora, seguida de perto por Patrícia Rodrigues (cerca de 73% de eficácia) e Sandra Santiago (com uns excelente cerca de 89% de eficácia) com 8 golos cada. Jéssica Ferreira desta vez “apenas” obteve uma eficácia de cerca de 30%. Com este resultado a equipa nacional irá discutir o 9.º a 12.º Lugar, aproximando-se de um dos seus objetivos. No entanto o próximo adversário dá pelo nome de Suécia, e não será certamente nada fácil, mas esta equipa já nos demonstrou que possui valor suficiente para enfrentar este tipo de equipas.
 
Ao fim de 84 jogos, a Portuguesa Jéssica Ferreira continua a ocupar o 1.º Lugar no Ranking dos Guarda-redes, facto sempre de assinalar. 
Resultados 1/4 Final
Holanda 22 – 36 Roménia
Brasil 24 – 25 Montenegro
Alemanha 35 – 29 Coreia
Rússia 26 – 29 Dinamarca

Calendário
1/2 Finais
Dia 01-08-14
Roménia – Montenegro (17H00)
Alemanha – Dinamarca (19H30)
5.º ao 8.º Lugar
Dia 01-08-14
Holanda - Brasil (12H15)
Coreia – Rússia (14H45)
Dia 03-08-14 – Jogos que definem as classificações até ao 8.º Lugar.
 
Resultados dos Jogos Classificativos (9.º ao 16.º Lugar)
Hungria 23 – 27 Croácia
Noruega 22 – 28 Argentina
Portugal 38 – 32 Japão
Suécia 29 – 24 França

Calendário
Dia 31-07-14
13.º ao 16.º Lugar
Hungria – Noruega (13H15)
Japão – França (15H30)
9.º ao 12.º Lugar
Croácia – Argentina (17H45)
Portugal – Suécia (20H00)

Dia 02-08-14 – Jogos que definem as classificações finais do 9.º ao 16.º Lugar.
9/10 Lugar (20H00)
11/12 Lugar (17H45)
13/14 Lugar (15H30)
15/16 Lugar  (13H15)

MACEDÓNIA VENCE PRESIDENTE’S CUP 
A Macedónia, País organizador deste Mundial vence a chamada Presidente´s CUP, ao derrotar a Tunísia num encontro onde a sua superioridade nunca esteve em dúvida.

Resultados da Presidente´s CUP
Tunísia 26 – 22 Paraguai
Macedónia 24 – 22 Angola
Cazaquistão 26 – 23 Congo
Uzbequistão 29 – 33 China
Paraguai 29 – 28 Angola
Tunísia 16 – 23 Macedónia
Congo 34 – 25 Uzbequistão
Cazaquistão 27 – 25 China

Classificação Final – 9.º , 10.º , 11.º , 12.º , 13.º, 14.º , 15.º , 16.º, 17.º Macedónia, 18.º Tunísia, 19.º Paraguai, 20.º Angola, 21.º Cazaquistão, 22.º China , 23.º Congo e 24.º Uzbequistão.

Não deveremos terminar mais uma crónica relativa a este Mundial, sem mais uma vez, expressarmos o nosso agradecimento a esta jovem equipa que tão bem tem sabido dignificar o País que representa, bem como ao resto da comitiva, esperando que esta continue num futuro próximo a demonstrar o seu valor e mérito.

Datas das outras Fases
Os Jogos Classificativos do 5.º ao 8.º Lugar de 01 a 03-08-14
1/2 Final e Final em 01 e 03-08-14

O Formador

quarta-feira, 30 de Julho de 2014

EHF – Nomeações – Cursos

Finalmente a FAP, lembrou-se de que existe Preletores Portugueses nos quadros da IHF e da EHF.
Em 29-07-14, publicou embora de forma pouco visível, a nomeação de: 
 
CARLOS GARCIA PARA CURSO DE TREINADORES NA ROMÉNIA  
O Curso realiza-se de 18 a 20 de Agosto, em Bucareste, na Roménia. E faz parte do Calendário Nacional da FRH para formação de Treinadores. 
 
Carlos Garcia é um dos preletores EHF nomeado para estar presente no referido curso que é de técnicos e não de árbitros, conforme noticia o sítio da FAP.
 
O Curso contará com presença prevista de mais de 100 treinadores filiados na Federação Romena de Andebol, e constará de quatro (4) sessões teóricas e de quatro (4) sessões práticas. O Curso destina-se essencialmente aos treinadores da 1.ª e 2.ª Liga Romena. 
 
Pela nossa parte sentimos que mais uma vez Portugal, demonstra que tem pessoas de valor reconhecido a nível Internacional. 
 
O Noticias

terça-feira, 29 de Julho de 2014

2.º Jogos Europeus Universitários - I

Estão a disputar-se os 2.º jogos Europeus Universitários em Roterdão (Holanda) de 24 de Julho a 08-08-14, que englobavam a vertente Andebol, em Masculino e em Feminino, que terminou hoje (29-07-14)
 
UNIVERSIDADE DO MINHO VENCE EM MASCULINOS 
Em Masculinos estiveram e me competição as seguintes universidades:

Portugal – Universidade do Minho e Instituto Politécnico do Porto
Turquia - Universidade Gazi e Universidade de Uludag
Lituânia – Universidade de Ciências Educativas
Croácia – Universidade de Zagreb
Sérvia – Universidade de Novi SAD
Noruega – Universidade de Ciência e Tecnologia

Resultados dos jogos que definiram a Classificação Final
7/8 Lugar
Universidade de Uludag 33 – 30 Instituto Politécnico do Porto
5/6 Lugar
Universidade de Ciências Educativas 40 – 27 Universidade de Ciência e Tecnologia
3/4 Lugar
Universidade Gazi 29 – 21 Universidade de Zagreb
Final
Universidade do Minho 25 – 20 Universidade de Novi SAD
 
Classificação final: 1.º Universidade do Minho, 2.º Universidade de Novi SAD, 3.º Universidade Gazi, 4.º Universidade de Zagreb. 5.º Universidade de Ciências Educativas. 6.º Universidade de Ciência e Tecnologia, 7.º Universidade de Uludag e 8.º Instituto Politécnico do Porto.
 
UNIVERSIDADE DE VIVENT POL (POLÓNIA) VENCE EM FEMININOS
 
Em Femininos estiveram e me competição as seguintes universidades:

Portugal – Instituto Politécnico de Leiria e Universidade do Porto
Turquia - Universidade Akdeniz e Universidade de Kastamonu
Holanda – Radboub Universidade
França – Universidade de Toullen-Var
Polónia – Universidade de Vivent Pol
Croácia – Universidade de Zagreb
Noruega – Universidade de Ciência e Tecnologia
 
Resultados dos jogos que definiram a Classificação Final
7/8 Lugar
Universidade de Kastamonu 29 – 28 Instituto Politécnico de Leiria
5/6 Lugar
Universidade do Porto 21 – 19 Universidade Akdeniz
3/4 Lugar
Universidade de Zagreb 24 – 29 Radboub Universidade
Final
Universidade de Toullen-Var 18 – 26 Universidade de Vivent Pol

Classificação final: 1.º Universidade de Vivent Pol, 2.º Universidade de Toullen-Var, 3.º Radboub Universidade, 4.º Universidade de Zagreb. 5.º Universidade do Porto. 6.º Universidade Akdeniz, 7.º Universidade de Kastamonu , 8.º Instituto Politécnico de Leiria e 9.º Universidade de Ciência e Tecnologia.
 
NotaLamentar que o sitio da FAP, apenas tenha dado relevo a uma Universidade, quando Portugal esteve representado tanto em Masculinos como em Femininos e por duas equipas por sexo.
 
O Formador

Informação – Clubes – Boa Hora

BOA HORA FC
 
Nas comemorações do seu 96.º aniversário o Boa Hora FC, organiza um torneio nos dias 3 e 4 de Setembro de 2014. 
 (Informação Boa Hora FC)
 
O Noticias

V Mundial Juvenil Feminino – 2014 – IX

Após ter terminado a Fase preliminar (60 jogos no total) da Fase Final do V Mundial Juvenil Feminino (Sub 18) - 2014 que está a decorrer desde 20 de Julho e vai até 3 de Agosto de 2014 na Macedónia. Jogaram-se os 1/8 Final e iniciou-se a disputa da Presidente’s CUP. 
 
PORTUGAL DERROTADO PELA ALEMANHA
 
Portugal está a efetuar uma participação, digna de todos os encómios que se possam fazer á equipa, apesar de existirem os detratores do costume, mas a esses, a equipa e toda a comitiva deve esquecer, mas as críticas com sentido construtivo devem ser aceites e procurarmos sempre uma melhoria efetiva da nossa competitividade. 
Depois de termos feito esta breve introdução, para nos situarmos na derrota hoje sofrida de forma inglória diante uma equipa Alemã que tecnicamente em nada nos é superior, mas hoje teve o fator “sorte” do seu lado. Que dizer de um jogo que sempre disputado nos limites e onde o equilíbrio foi por demais evidente, com a equipa portuguesa basta vezes no comando do marcador. Os primeiros 30 minutos terminaram com a Alemanha a vencer pela diferença mínima (12-11), com Portugal a realizar sempre recuperações, apesar dos 5 / metros sofridos. Nos segundos 30 minutos a equipa Portuguesa assumiu diversas vezes o comando do marcador obrigando as Alemãs a andarem atrás do “ prejuízo”, chegando a desfrutar de uma vantagem de cinco (5) golos aos 50 e aos 51 minutos, com respectivamente o marcador em 25-20 e 26-21, permitindo uma recuperação á adversária através dos maus passes e da ansiedade que se apoderou da equipa inclusive com a falha na marcação de um Livre de 7 metros cercados 26 minutos, tendo talvez sido este o momento chave do encontro, mas eis que a cinco segundos do fim Portugal faz 28-27, para no segundo seguinte Patrícia Rodrigues ser excluída e Portugal sofrer o Livre de 7 metros que daria a igualdade e o prolongamento imerecido á Alemanha. Resta dizer que após o 1.º Prolongamento a igualdade persistia agora a 33 golos, no final do 2.º Prolongamento nova igualdade agora a 36 golos, com Jéssica Ferreira, a defender um remate de ponta no último segundo do prolongamento. Não restavam duvidas o encontro seria decidido através dos Livres de 7 metros, e mesmo assim só após uma segunda série, quando Portugal falhou uma execução, por respeito á atleta e ao seu sofrimento não referimos o seu nome. Importante referir o conjunto no seu todo, mas mais uma vez não podemos deixar de referir o comportamento de Jéssica Ferreira nos momentos decisivos, nem os 17 golos de Patrícia Rodrigues, ou os 12 golos de Sandra Santiago. Agora apenas nos resta discutir o 9.º Lugar, que na nossa opinião seria “ouro sobre azul” como se costuma dizer e esta equipa merece tudo conformas sensatas palavras proferidas pela sua técnica Sandra Fernandes, ao sítio da FAP.
 
Ao fim de 72 jogos, a Portuguesa Jéssica Ferreira continua a ocupar o 1.º Lugar no Ranking dos Guarda-redes. 
Resultados dos 1/8 Final
Hungria 21 – 22 Holanda
Suécia 21 – 25 Rússia
Noruega 26 – 29 Brasil
Coreia 42 – 34 Japão
Alemanha 40 – 39 Portugal (Após 7 Metros)
Montenegro 31 – 22 Argentina
Croácia 22 – 28 Roménia
Dinamarca 33 – 22 França
 
De assinalar a vitória da Holanda sobre a Hungria, e salientar o excelente comportamento do Brasil, que ao vencer a Noruega, se apurou merecidamente para os 1/4 Final. No duelo Asiático, a Coreia impôs-se como seria de esperar ao Japão que irá defrontar Portugal nos jogos classificativos. 
 
Apurados 1/4 Final – 30-07-14
Holanda – Roménia (12H00)
Brasil - Montenegro (14H30)
Alemanha - Coreia (17H00)
Rússia – Dinamarca (19H30)
 
Jogos Classificativos (9.º ao 16.º Lugar) (20-07-14 a 02-08-14)
Dia 30-07-14
Hungria - Croácia (13H15)
Noruega – Argentina (15H30)
Portugal – Japão (17H45)
Suécia – França (20H00)
 
Resultados de jogos da Presidente’s CUP (28 e 29-07-14)
Dia 28-07-14
Tunísia 26 – 22 Paraguai
Macedónia 24 – 22 Angola
Cazaquistão 26 – 23 Congo
Uzbequistão 29 – 33 China
 
Não nos querendo tornar repetitivos, terminamos esta breve crónica, com muito obrigado a este jovem equipa que tão bem tem sabido dignificar o País que representa, esperando que esta continue a demonstrar o seu valor e mérito.
 
Datas das outras Fases
Os 1/4 Final em 30-07-14
Os jogos Classificativos do 9.º ao 16.º Lugar de 30-07-14 a 02-08-14
Os Jogos Classificativos do 5.º ao 8.º Lugar de 01 a 03-08-14
1/2 Final e Final em 01 e 03-08-14
 
Notas
Mantemos algumas das notas já referidas
  • No total da prova foram disputados exatamente de 100 jogos.
  • Participam nesta prova 24 Países, é apenas a segunda vez com 24 Países
  • Pela negativa, o baixo número de espectadores pelo menos nos jogos que temos presenciado.
  • Referenciando a 2.ª vitória da equipa organizadora da prova (Macedónia), sobre a lusófona Angola.
  • Do Grupo de Portugal na Fase Preliminar, apenas Montenegro, passou aos 1/4 Final, ao vencer, na nossa opinião a equipa mais fraca dos 1/8 de final.
  • A China obteve a sua 1.ª Vitória ao vencer a equipa mais fraca de toda a prova o Uzbequistão.
O Formador

segunda-feira, 28 de Julho de 2014

Movimentações de Atletas – 2014 – IV – No Feminino

Neste texto sobre os movimentos de atletas, agora no Feminino, continua-se com o mesmo critério, ou seja só se dará informação dos movimentos de atletas que são praticamente certos, e daqueles em que a possibilidade de se concretizarem é quase garantida. Informa-se ainda de que apenas falaremos naqueles em que a garantia das fontes nos dê alguma credibilidade, embora por vezes falhe.
 
No Feminino o mercado de transferências, é difícil de descrever porque os clubes continuam muito fechados, sem grandes novidades e não tem sido possível apurar muita informação. Assim tudo o que aqui divulgaremos, teremos algumas certezas, e outras serão os rumores credíveis que conseguimos recolher. 
 
Acreditamos que ainda muitas movimentações estejam para acontecer, mas é pena que os clubes continuem a comunicar tão mal para o exterior. E depois queixam-se que se dá pouco destaque ao feminino…
 
Técnicos

Ulisses Pereira – Alavarium (saída)
Duarte Freitas – Madeira SAD (saída)
Duarte Filipe – Madeira SAD (novo)
Nuno Batista – AA Espinho (saída)
António Batista – SIR 1.º Maio (novo)
Carlos Neiva – Alavarium (novo)
Miguel Solha – Almeida Garrett (saída)

Renovações

Patrícia Fernandes – S.F. da Marinha
Vera Lopes – IBV (Islândia)
Telma Amado – IBV (Islândia)
Patrícia Rodrigues – JAC-Alcanena
 
Movimentos Conhecidos

Soraia Lopes – Madeira SAD / Porrino (Espanha)
Cláudia Correia – Paok (Grécia) / HMC Ramnicu Valcea (Roménia)
Diana Roque - Alavarium / HMC Ramnicu Valcea (Roménia)
Maria Coelho – Colégio Gaia / Alpendorada
Soraia Almeida – Assomada / JAC-Alcanena
Micaela Sanches – Assomada / JAC-Alcanena
Isabel Góis – Madeira SAD / Alavarium

Movimentos A Confirmar

Jéssica Ferreira – CS Madeira / Colégio de Gaia
Sara Sousa – CS Madeira / Colégio de Gaia

Saídas Confirmadas com Destino Desconhecido

Indefinidos

Ana Andrade – Madeira SAD / ???
Dulce Pina – João Barros / ???
Paula Malcato – João Barros / (a confirmar)
Renata Tavares – Madeira SAD / ???
 
Abandonos
 
Ana Seabra – Abandona / SELEÇÃO Jun C

O Administrador

A Bola Oficial – Época 2014 / 2015

Nova época e nova Bola Oficial, assim para a época que se vai iniciar (2014/2015) é da Hummel, e foi precisamente isto que o sítio da FAP, anunciou através do Comunicado Oficiais n.º 12 de 25-07-14, informando ainda de que a Bola Oficial se mantém na época 2015 /2016. Isto significa embora nunca tenha sido publicitado que o acordo com a Macron caducou.
 
Não se entende, como um comunicado que estipula modelo e tamanhos de bola para todas as provas Nacionais, não é específico naquela que irá ser usada na PO01? Terá ou não um modelo próprio? Felizmente desta vez indica os locais de venda.
 
Bola Oficial: 
Bola Hummel SUPER - Tamanho 3
58-60 cm Seniores Masculinos, Juniores Masculinos e Juvenis Masculinos
Bola Hummel TOP - Tamanho 2
54-56 cm – Seniores, Juniores e Juvenis Femininos e Iniciados Masculinos
Bola Hummel 4KIDS - Tamanho 1
50-52 cm Infantis Masculinos e Iniciados e Infantis Femininos
 
Mas uma curiosidade a Bola só estará disponível a partir de 20-08-14, entretanto os Clubes que iniciaram a sua preparação ou vão iniciar, ainda não tem bolas…
 
Desta vez foram ainda publicados os preços, felizmente se verifica uma mudança positiva, em comparação com anteriores comunicados sobre o assunto.
 
Preços das bolas:
Bolas SUPER e TOP - 20 Euros + IVA
Bolas 4KIDS - 15 Euros + IVA
 
No entanto o Comunicado referido para esta época, trás uma nota, de extraordinária importância, que a seguir se transcreve (Relembramos todos os clubes participantes nas competições oficiais da FAP, que a utilização da bola oficial nas provas oficiais, é obrigatória.) Este texto significa, que quem ainda tiver bolas da época que findou, as mesmas apenas servirão unicamente para treino.
 
O Comunicado também não especifica se haverá ou não distribuição de bolas, e em caso afirmativo quantas, quais e aquém.
 
Vamos lembrar, a propósito da existência de uma Bola Oficial e Regulamentar, nas competições da FAP, uma circular emitida pelo Conselho de Disciplina em 29-10-2008, sobre esta matéria, e que dizia:
 
Nomeadamente na sua alínea b) “ A não apresentação da Bola “Macron” (provavelmente agora deverá ler-se “Hummel”) pelos clubes aquando da sua participação nos jogos será punida, ao abrigo do disposto nos artigos 64.º do Título 8 (já não existe) e 43.º e 44.º do Título 11 do Regulamento Geral da Federação de Andebol de Portugal e Associações “.
 
Seguidamente divulga um texto numa alínea c) da mesma Circular com seguinte teor: “De harmonia com critérios de proporcionalidade e adequação, a não apresentação da referida Bola será punida do seguinte modo:
I) Pela primeira vez, com multa de € 50,00 a € 100,00;
II) Pela segunda vez, com multa de € 100,00 a € 150,00;
III) Pela terceira e seguintes vezes, com falta de comparência ao clube visitado e multa de € 199,52 ao clube visitante.
 
Nós perguntamos será que este texto se irá manter em vigor, pois nada foi dito, até a momento.
 
O Noticias

Europeu Sub-20 – 2014 – Masculino – VIII

Terminou a Fase Preliminar da Fase Final do Europeu Sub-20 – 2014, que está a  decorrer até a 3 de Agosto de 2014, na Áustria. 
 
A presença Portuguesa, é constituída pela dupla Internacional e Leiria, constituída por Daniel Martins / Roberto Martins, que foi uma das duplas nomeadas para o efeito.
 
Á dupla portuguesa continua-se a desejar os maiores êxitos nesta sua participação, e que a mesma vá o mais longe possível. 
 
Jogos já dirigidos pela dupla Portuguesa na Fase Preliminar, onde dirigiram tantos jogos como a maioria das duplas nomeadas:
 
2.ª Jornada – Estónia – Dinamarca (Grupo B)
3.ª Jornada – Macedónia – Noruega (Grupo A) – Arbitragem bastante positiva.

Classificação dos Grupos na Fase Preliminar:
Grupo A – 1.º Espanha, 2.º França, 3.º Noruega e 4.º Macedónia.
Grupo B – 1.º Dinamarca, 2.º Sérvia, 3.º Suíça e 4.º Estónia.
Grupo C – 1.º Alemanha, 2.º Áustria, 3.º Eslováquia e 4.º Bielorrússia.
Grupo D – 1.º Suécia, 2.º Eslovénia, 3.º Hungria e 4.º Israel.

Apurados para a “Main Round” (Lugares 1.º a 8.º)
Grupo M1 – Espanha, Dinamarca, Sérvia e França.
Grupo M2 – Alemanha, Suécia, Áustria e Eslovénia.

Apurados para a “Intermadiate Round” (Lugares 9.º a 16.º)
Grupo I1 – Suíça, Noruega, Macedónia e Estónia.
Grupo I2 – Hungria, Eslováquia, Bielorrússia e Israel

Notas

A principal surpresa na nossa opinião é o não apuramento da Noruega e da Hungria para a “Main Round”, e a verificação de um total equilíbrio no Grupo “A”, decidido por diferença de golos em face de os três (3) primeiros terem terminado em igualdade pontual (4 pontos). Tendo em consideração os resultadas verificados até ao momento, teremos que a Dinamarca e a Alemanha, serão provavelmente os grandes favoritos na prova, mas existem sempre surpresas, vamos aguardar.

Datas de disputa das diversas Fases do Europeu:

Fase Principal e Intermédia – disputada de 29 a 30 de Julho de 2014
Jogos Cruzados – 5.º a 8.º – 01-08-14
Jogos Cruzados – 9.º a 16.º – 01-08-14
Jogos Classificativos – 9.º ao 16.º - 02-08-14
1/2 Finais – 01-08-14
Jogos Classificativos – 5.º a 8.º - 03-08-14
3/4 Lugar – 03-08-14
Final – 03-08-14
 
Todos os encontros são transmitidos em Livestream:
Em Linz - http://cdn.laola1.tv/ehf/eurou20/ehfeurolinz.html
Em Traun – http://cdn.laola1.tv/ehf/eurou20/ehfeurotraun.html

O Noticias

domingo, 27 de Julho de 2014

V Mundial Juvenil Feminino – 2014 – VIII

Terminou a Fase preliminar (60 jogos no total) da Fase Final do V Mundial Juvenil Feminino (Sub 18) - 2014 que está a decorrer desde 20 de Julho e vai até 3 de Agosto de 2014 na Macedónia. Conforme já noticiado, Portugal apurado para os 1/8 Final desde a 3.ª Jornada. 
 
PORTUGAL APURADO PARA OS 1/8 FINAL
 
Portugal está a participou nesta fase integrada no Grupo “D”, onde estão ainda, o Montenegro, Croácia, Angola, China e França. 
Depois de termos feito uma breve crónica sobre os três (3) primeiros jogos da Seleção Nacional, hoje apenas abordaremos os dois (2) últimos jogos. Após a sua garantia de apuramento para os 1/8 final, confirmando-se as nossas previsões. No jogo que teoricamente seria o mais difícil disputado até ao momento Portugal derrota a Croácia que sofre a sua mais pesada derrota nesta fase da prova. Quem vir o Boletim de Jogo, pensa numa “batalha”, tal o número de exclusões (17 no total, 9 para a Croácia e 8 para Portugal) existentes, mas é um erro absoluto, pois foi um jogo bem disputado com os árbitros a usarem um critério rigoroso durante os 60 minutos de jogo. O Encontro apenas teve equilíbrio até cerca dos 14 minutos, quando Portugal vencia apenas pela diferença mínima (8-7), daqui até final foi um crescendo da equipa Nacional, atingindo o intervalo já vencer por seis (6) (14-8), continuando com uma defesa coriácea e forte, embora com falhas no ataque, e com a técnica portuguesa a fazer uma completa gestão do plantel, a seleção nunca se ressentiu, nem fraquejou, e terminou o encontro com um diferencial de 14 golos a seu favor. Ficando para o último jogo com Montenegro a discussão do 1.º Lugar no grupo. De salientar que a Croácia, não concretizou nenhum golo entre os 18 e os 30 minutos. Dirigiu o jogo uma dupla Islandesa, que produziu trabalho bastante positivo, com critérios definidos e uniformes durante todo o encontro em especial na Sanção Progressiva e nos Livres de 7 metros. A equipa Portuguesa tem se habituar a este tipo de arbitragens, menos condescendentes. De salientar na equipa portuguesa, que quase todas as atletas de campo concretizaram, com Patrícia Rodrigues (8 golos, 5 de 7 metros) a ser a melhor marcadora, seguida de Erica Tavares com 7 golos e cerca de 64% de eficácia, muito bem acompanhadas mais uma vez por Jéssica Ferreira com 44% de eficácia, e que na nossa opinião está a ser uma das grandes surpresas da equipa até o momento. Hoje Portugal disputou o último encontro da Fase Preliminar com a forte equipa de Montenegro, estando em discussão o 1.º Lugar no Grupo, e não foi capaz de contrariar a nítida superioridade da equipa de Montenegro com uma 1.ª Linha de se lhe tirar o “chapéu”, com as suas guarda-redes em grande forma (eficácia total de cerca de 64%), e possuidoras de uma envergadura física de fazer inveja. A mossa equipa não foi capaz nem defensivamente nem no ataque de arranjar soluções para o bom jogo das montenegrinas, que na prática “cilindraram” é este o termo a seleção nacional, que se apresentou como uma sombra de si mesmo. Em especial no ataque onde até em situações 1X1, falhou, diga-se algumas vezes por mérito das guarda-redes adversárias outras por “agredirem” as mesmas, falhas na receção de bola, maus passes, ataques curtos e remates sem nexo, esta foi a imagem deixada, pelas nossas jovens, e que na nossa opinião não corresponde á realidade, mas que pode deixar marcas no futuro da competição. Uma referência apenas para os largos períodos sem concretizar qualquer golo, no 1.º tempo desde os cerca dos 18 aos 30, só voltando a marcar aos 32 e sofrendo um parcial de 8/0 passando de 7-6 para 15-6 a favor de Montenegro. No 2.º tempo até cerca dos 42 minutos apenas marcamos por duas (2) vezes, e depois dos 15 aos 25, nada convertemos. Não fizemos nem uma assistência, e sofremos 6 exclusões, algumas delas, um autêntico exagero. No seu todo apenas destacamos por justiça Jéssica Ferreira que foi na nossa opinião a melhor jogadora da equipa (cerca de 30% de eficácia). Dirigiu o jogo, uma dupla da Eslovénia, que na nossa opinião não teve uniformidade na sanção progressiva com evidente prejuízo para a equipa portuguesa, embora estivesse coerente nos livres de 7 metros e no jogo Passivo.
 
Ao fim de 60 jogos, a Portuguesa Jéssica Ferreira continua a ocupar o 1.º Lugar no Ranking dos Guarda-redes. 
Resultados – Fase Preliminar
1.ª Jornada
Portugal 33 – 28 Angola
2.ª Jornada
China 15 – 27 Portugal
3.ª Jornada
Portugal 21 – 17 França
4,ª Jornada
Croácia 18 – 32 Portugal
5.ª Jornada
Portugal 11 – 29 Montenegro

Classificação do Grupo “D” 
Apenas os 4 primeiros de cada grupo passarão aos 1/8 final, como de costume as restantes equipas, irão discutir a President’s CUP (Lugares do 17.º ao 24.º)
 
Equipas Apuradas para os 1/8 Final
Grupo A – Coreia, Brasil, Suécia e Holanda
Grupo B – Hungria, Rússia, Noruega e Japão
Grupo C – Dinamarca, Roménia, Alemanha e Argentina.
Grupo D – Montenegro, Portugal, Croácia e França

Uma das grandes surpresas pela negativa foi o não apuramento da equipa de Angola 1/8 final ao terminar a Fase preliminar em 5.º lugar do Grupo, ao contrário as grandes surpresa pela positiva, foram o apuramento do Brasil, 2.º lugar no seu Grupo, que continua a apresentar excelente trabalho no sector feminino, garantido o seu apuramento, com quatro (4) vitórias, sendo bem acompanha pela Argentina que também se apurou, com um 4 lugar no seu grupo. Nenhuma equipa do Continente Africano se qualificou para os 1/8 Final. E os resultados obtidos pelo Uzbequistão, são resultados demasiado fracos para um Mundial.

Equipas que vão Disputar a Presidente’s CUP (28 e 29-07-14)
Grupo A – Tunísia e Cazaquistão
Grupo B – Paraguai e Congo
Grupo C – Macedónia e Uzbequistão
Grupo D – Angola e China

Jogos dos 1/8 Final – 28-07-14
Em Ohrid
Hungria - Holanda (14H00)
Suécia -Rússia (16H15)
Noruega – Brasil (18H30)
Coreia – Japão (20H45)
Em Strumica
Alemanha – Portugal (14H00)
Montenegro – Argentina (16H15)
Croácia – Roménia (18H30)
Dinamarca – França (20H45)

Portugal defronta nos 1/8 final uma das equipas com maior grau de dificuldade que lhe poderia ter saído, apenas lhe desejamos felicidades e boa sorte.
 
Não nos querendo tornar repetitivos, terminamos esta breve crónica, com muito obrigado a este jovem equipa que tão bem tem sabido dignificar o País que representa, esperando que esta continue a demonstrar o seu valor e mérito.
 
Datas das outras Fases
Os 1/4 Final em 30-07-14
Os jogos Classificativos do 9.º ao 16.º Lugar de 30-07-14 a 02-08-14
Os Jogos Classificativos do 5.º ao 8.º Lugar de 01 a 03-08-14
1/2 Final e Final em 01 e 03-08-14
 
Notas
  • No total da prova foram disputados exatamente de 100 jogos.
  • Participam nesta prova 24 Países, é apenas a segunda vez com 24 Países
  • Pela negativa, o baixo número de espectadores pelo menos nos jogos que temos presenciado.
  • Pela positiva, salientar as excelentes prestações desportivas da Coreia e do Brasil, que continua a surpreender nos escalões de formação, em especial no feminino.
O Formador

sábado, 26 de Julho de 2014

IX Jogos CPLP – 2014 - VII

IX JOGOS DESPORTIVOS DA CPLP
 
“Juntos na Diversidade”

Finalmente foi concluída a divulgação do Calendário da Prova, conforme niticia publicada no Portal da FAP, que serão disputados em Luanda (Angola), de 26 de Julho a 02 de Agosto de 2014.
 
Calendário – Completo

Dia 26-07-14
Brasil - Cabo Verde (08H45)
São Tomé e Príncipe – Portugal (10H00)
Angola-Moçambique (18H00)
Dia 27-07-14
Brasil - Portugal (09H00)
Angola - S. Tomé e Príncipe (11H00)
Cabo Verde - Moçambique (15H30)
Dia 28-07-14
Portugal - Moçambique (09H00)
Brasil - S. Tomé e Príncipe (15H00)
Angola - Cabo Verde (17H00)
Dia 30-07-14
Brasil – Moçambique (09H00)
S. Tomé e Príncipe - Cabo Verde (15H00)
Portugal - Angola (15H00)
Dia 31-07-14
Moçambique - S. Tomé e Príncipe (08H30)
Cabo Verde - Portugal (10H30)
Brasil - Angola (16H00)
Dia 01-08-14
5.º classif. - 6.º classif. (15H00)
3.º classif. - 4.º classif. (17H00)
FINAL - 1.º classf. -2.º classif. (19H00)
(Fonte FAP)

Continuamos a recordar que na última representação em Andebol Feminino (2010), em Moçambique também com uma equipa designada de Juniores C, que venceu a prova invicta (disputando 6 jogos). 
 
Termina-nos esta breve crónica, esperando que esta delegação nos proporcione uma representação com dignidade, são os nossos sinceros votos. 
 
O Formador

sexta-feira, 25 de Julho de 2014

Europeu Sub-20 – 2014 – Masculino – VII

Começou em 24-04-14 na Áustria, a Fase Final do Europeu Sub-20 – 2014, que vai decorrer até a 3 de Agosto de 2014.
 
A presença Portuguesa, é constituída pela dupla Internacional e Leiria, constituída por Daniel Martins / Roberto Martins, que foi uma das duplas nomeadas para o efeito.
 
Jogos já dirigidos ou a dirigir pela dupla Portuguesa Na Fase Preliminar:

2.ª Jornada – Estónia – Dinamarca (Grupo B)
 
Constituição dos Grupos – Fase preliminar
Grupo A – Espanha, França, Noruega e Macedónia.
Grupo B – Dinamarca, Suíça, Estónia e Sérvia.
Grupo C – Alemanha, Áustria, Bielorrússia e Eslováquia.
Grupo D – Suécia, Eslovénia, Hungria e Israel. 
 
Á dupla portuguesa deseja-se os maiores êxitos nesta sua participação.
 
Datas de disputa das diversas Fases do Europeu:

Fase Principal e Intermédia – disputada de 29 a 30 de Julho de 2014
Jogos Cruzados – 5.º a 8.º – 01-08-14
Jogos Cruzados – 9.º a 16.º – 01-08-14
Jogos Classificativos – 9.º ao 16.º - 02-08-14
1/2 Finais – 01-08-14
Jogos Classificativos – 5.º a 8.º - 03-08-14
3/4 Lugar – 03-08-14
Final – 03-08-14

Todos os encontros são transmitidos em Livestream:
Em Linz - http://cdn.laola1.tv/ehf/eurou20/ehfeurolinz.html
Em Traun – http://cdn.laola1.tv/ehf/eurou20/ehfeurotraun.html

O Noticias

Arbitragem – Classificações - 2013 / 2014

Não melhorou muito em relação ao que dissemos na época transata, senão vejamos. È elaborada em 16-07-14 e colocada no sítio da FAP em 22-07-14, uma Circular N.º 22, cujo conteúdo é demasiado cru e vazio, pois limita-se a transcrever quadros, sem qualquer justificação ou abordagem dos mesmos. Parece-nos muito pouco.
 
Mas mais, sendo na realidade uma circular que transmite na sua essência as classificações de final de época dos quadros de arbitragem (ou era assim que deveria traduzir), é vazia de conteúdo, e várias questões se poderão levantar, pois a circular é como já dissemos é crua e completamente omissa em especial, na definição dos critérios utilizados na elaboração das classificações, nomeadamente a indicação dos fatores de avaliação constantes nos pontos 7 e 8 do artigo 41 do Titulo 15), e se os mesmos sofreram ou não alterações.
 
Quantas observações foram feitas a cada filiado?
Quem os Observou?
Porque existe um valor individual e um valor por dupla?
Quais as penalizações sofridas por cada quadro?
Quais os critérios utilizados na sua elaboração?
 
Falando dos valores apresentados, e não indo discutir os nomes e os lugares onde se situam, isso é uma tarefa que deixamos ao critério de cada um.
 
Como é possível, que existam quadros de arbitragem cuja classificação final é inferior ao 50%, e os mesmos continuem a fazer parte dos quadros de arbitragem, pois a circular é completamente omissa, quanto a estes procedimentos. 
 
Deve-se destacar pela positiva, que quase toda a gente foi classificada, não existindo grandes exceções, e não houve validação de classificações. Mas infelizmente não são explicadas.
 
Como foi cumprido o conteúdo consignado no artigo 44 do Titulo 15, nomeadamente no que respeita á aplicação dos fatores de Avaliação? 
 
Finalmente foi publicada e não validada a classificação dos Oficiais de Mesa e dos Observadores, é um avanço notável, mas continua a “pecar” pelos defeitos anteriormente descritos. Mas existem omissões, ou será que as omissões, apenas executaram funções de Delegado? 
 
Um dos aspetos que ressalta desta circular é o número de licenciamentos, e caso curioso foram todos a pedido, mas aceitamos que assim tenha sido, mas achamos que são licenciamentos a mais, para uma época. 
 
Publicamos apenas como referencia apenas a tabela classificativa da Categoria de Nível 4, sem comentários, ou por outra como é que o quadro de árbitros que apenas comporta 28 árbitros tem 29.
Por último como é possível surgir um quadro de outras situações, onde surgem 20 árbitros, sem qualquer tipo de nota atribuída, e sem qualquer explicação para o facto. Estranho.  
Ficaremos aguardando ansiosamente, os desenvolvimentos, que se deverão seguir a esta circular com alguma curiosidade.
 
O Regras

quinta-feira, 24 de Julho de 2014

V Mundial Juvenil Feminino – 2014 – VII

Sensivelmente a meio da Fase preliminar (60 jogos no total) da Fase Final do V Mundial Juvenil Feminino (Sub 18) - 2014 que está a decorrer desde 20 de Julho e vai até 3 de Agosto de 2014 na Macedónia.
 
PORTUGAL NOS 1/8 FINAL À 3.ª JORNADA
 
Antes de se escrever sobre o comportamento desportivo da equipa Portuguesa, é importante referir, que se torna impensável, a ser verdade o texto que circula no Facebook, que esta Seleção tenha tido apenas 12 horas de descanso entre a chegada ao local dos jogos e o seu primeiro encontro, só esta forma se entende as palavras sensatas da Selecionadora Nacional ao dizer, e está no Portal da FAP “….Agora vamos descansar as atletas, recuperar, e então já não teremos o problema da falta de descanso para o próximo jogo frente à China". Uma situação destas é impensável, mesmo vivendo-se em dificuldades financeiras, alguém deve ser responsabilizado, se os factos corresponderem á realidade. Pela nossa parte PARABÉNS MIÚDAS. 
Portugal está a participou nesta fase integrada no Grupo “D”, onde estão ainda, o Montenegro, Croácia, Angola, China e França. 
Portugal iniciou a sua participação defrontando uma equipa da Lusofonia e que tem tradição em especial no setor Feminino, a equipa de Angola, num pavilhão praticamente vazio, o que se estranha. A Equipa Portuguesa apresentou-se com alguns princípios de jogo, mas foi-se convencendo ao longo do encontro, de que este estaria sempre ganho, e no final a diferença de golos pode vir a fazer falta. È uma realidade pura, que Portugal comando o marcador do 1.º ao 60.º minuto, chegando a estar com um diferencial a seu favor de 8 golos, por duas vezes (18-10 e 21-13) quando estavam decorridos cerca de 31 e 36 minutos respectivamente. Também é verdade que Angola apenas marcou o seu primeiro golo cerca dos 7 minutos de jogo (3-1). Mas a seleção Portuguesa, no nosso entender não pode falhar tantas vezes os remates de 1.ª linha, que na maior parte das vezes deram origem a contra ataques bem-sucedidos do adversário, e não pode sofrer tantos golos na zona dos 6 metros, muitos deles por nítida distração nas ações defensivas. Patrícia Rodrigues com 9 golos, com a melhor marcadora de Portugal e do jogo com uma eficácia de 75%, Jéssica Ferreira, também esteve muito bem na baliza da seleção com cerca de 40% de eficácia. A rotatividade das atletas que foi efetuada pela selecionadora, foi um dos fatores que permitiu que por algumas vezes as Angolanas se aproximassem no marcador. A arbitragem da dupla da Moldávia, foi completamente desastrada nos aspetos disciplinares e na falta do atacante. No segundo encontro disputado, a equipa mostrou-se mais sólida e com mais Andebol. A sua primeira linha continua na nossa opinião a pecar por excesso de remates e ataques demasiado curtos, no entanto a espaços realizaram em especial no ataque, jogadas de belo efeito. No entanto continua-se a sofrer demasiados golos por falhas técnicas no ataque, como maus passes, por exemplo, mas o resultado neste encontro nunca esteve em dúvida, atingindo-se o maior diferencial (13 golos) a nosso favor aos 59 minutos, quando estávamos reduzidos de um elemento em campo, por uma exclusão “infantil” de Frederica Jesus. É um jogo que pouco mais existe para dizer, tal a diferença que se foi acumulando a partir o momento em que Portugal assumiu o comando do marcador, cerca dos 5 minutos. Saliente-se a boa gestão do plantel, com quase todas as jogadoras de campo a marcar, Patrícia Rodrigues voltou a ser a nossa melhor marcadora (6 golos), mas 4 de 7 metros, logo seguida de Sandra Santiago com 5 golos e uma eficácia de cerca de 72%. Destaque mais uma vez para o rendimento das duas guarda-redes, em especial Jéssica Ferreira, com uma eficácia de cerca de 54%, inferior á de Nádia Nunes cerca de 63%, mas que esteve muito menos tempo em jogo. A dupla de arbitragem de Porto Rico, realizou uma prestação bastante positiva na nossa opinião. Terceiro jogo, terceira vitória, e qualificação para os 1/8 final garantida. O Adversário de hoje chamava-se França, tradicionalmente difícil, mas encontrou pela frente uma equipa, que fez um primeiro tempo de jogo excelente, em especial em termos defensivos, o que deu origem a que a equipa francesa apenas concretizasse quatro golos em 30 minutos, nunca esquecendo que com 13 minutos de jogo apenas o tinham feito por uma vez. No ataque já não tivemos tão bem mas desta vez com Sara Santiago em pleno (13 golos e cerca de 70% de eficácia), Portugal não permitiu veleidades á equipa francesa durante os 30 minutos inicias, chegando ao intervalo a vencer por 10-4. Mas a gestão do plantel e falta de concentração, permitiram que a equipa francesa sonhasse e cerca dos 45 minutos de jogo apenas perdia por um diferencial de 3 golos (12-9). No entanto Portugal reagiu e bem, nunca perdendo o controlo do jogo e do marcador, mas voltando a sofrer exclusões “infantis” (Patrícia Rodrigues), jogando os 2 minutos finais com menos uma jogadora de campo. Mais Jéssica Ferreira foi uma guarda-redes de alto rendimento (cerca de 52% de eficácia). Sobre a arbitragem da dupla da Nigéria, apenas dizemos que foi incompreensível, transformando nítidas faltas de atacante em 7 metros e nunca tendo um critério uniforme na aplicação da sanção progressiva.
 
Ao fim de 36 jogos, disputados até 23-07-14, a Portuguesa Jéssica Ferreira ocupa o 1.º Lugar no Ranking dos Guarda-redes. 
Resultados – Fase Preliminar
1.ª Jornada
Portugal 33 – 28 Angola
2.ª Jornada
China 15 – 27 Portugal
3.ª Jornada
Portugal 21 – 17 França

Classificação atual do Grupo 
Calendário Fase Preliminar
4,ª Jornada
Dia 25-07-14
Croácia - Portugal (18H30)
5.ª Jornada
Dia 26-07-14
Portugal – Montenegro (20H45)

Apenas os 4 primeiros de cada grupo passarão aos 1/8 final, como de costume as restantes equipas, irão discutir a President’s CUP (Lugares do 17.º ao 24.º)
 
Datas das outras Fases
President’s CUP disputa-se entre os dias 28 e 29-07-14 (17.º a 24.º Lugar)
Os 1/8 e 1/4 Final em 28 e 30-07-14
Os jogos Classificativos do 9.º ao 16.º Lugar de 30-07-14 a 02-08-14
Os Jogos Classificativos do 5.º ao 8.º Lugar de 01 a 03-08-14
1/2 Final e Final em 01 e 03-08-14

Notas
  • No total da prova estarão disputados cerca de 100 jogos.
  • Participam nesta prova 24 Países, é apenas a segunda vez com 24 Países
  • Já se verificaram alguns resultados surpresa (na nossa opinião) como a vitória do Brasil (24-23) sobre a Suécia, logo na 1.ª jornada do Grupo “A”, e até a vitória da equipa da Alemanha (24-20) sobre a Macedónia, bem como a vitória da Argentina igualmente sobre a Macedónia (24-22). Verificando-se ainda um resultado completamente disparatado no Grupo “C”, com a vitória da Dinamarca (60-18) sobre o Uzbequistão, jogos desta equipa estão sempre a dar resultados deste tipo, piores que aqueles que a Austrália em Seniores costuma fazer.
  • Pela negativa, o baixo número de espectadores pelo menos nos jogos que temos presenciado, assim como o comportamento da Seleção Francesa, que apenas contabiliza derrotas.
  • Pela positiva, salientar a excelente prestação desportiva da Coreia, que continua a surpreender nos escalões de formação, em especial no feminino.
O Formador