ABC Vence Super Taça Masc. Madeira SAD venceu Super Taça Fem.
Calendário e Resultados na Barra Direita

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Informação – Fórum – Açores - I

I Fórum do Desporto

Realizou-se em Santa Maria- Açores o “I Fórum do Desporto”, que decorreu entre os dias 27 e 30 de Agosto, e que teve como objetivo a formação formal dos agentes desportivos não praticantes, nomeadamente Treinadores e Dirigentes, formação obrigatória e assídua tendo em conta as novas exigências do estado português no que diz respeito aos responsáveis técnicos para o desporto, numa organização conjunta entre a Associação de Basquetebol e a Associação de Andebol da ilha de Santa Maria. 

Foram palestrantes nesta formação, diversos especialistas nacionais e internacionais, na vertente especifica e mesmo de âmbito geral para todos os dirigentes e treinadores de todas as modalidades como seja a presença do Dr. Raul Pacheco, medico especialista em Medicina Desportiva,  bem como o Professor San Payo Araujo que abordou o tema ” O Papel dos Pais no Desporto”.

Na área mais específica a organização trouxe aos Açores credenciados palestrantes, como sejam um dos nomes mais cotados da Federação Italiana de Basquetebol na área do Mini Basquetebol, Professor Maurizio MoldoniProfessor Nuno Trancoso treinador e coordenador de escalões de formação do Andebol do Sporting Clube de Portugal ex-Selecionador Nacional de Seleções Jovens da Federação de Andebol de Portugal,  o Professor João Ribeiro, membro do Corpo Nacional de Treinadores de Basquetebol ou ainda o Professor Rui Santos Ex-diretor Regional do Desporto e atual coordenador técnico do Sporting Clube da Horta
 (fonte identificada)

Dever-se-á dizer que o andebol, esteve bem representado.

O Noticias  

PO22 Super Taça Masculina - Época 2015/2016 - I

Esta época voltamos a normalidade competitiva, com a Super Taça Seniores Masculinos, a ser disputada no início de época, juntamente com a Super Taça Feminina, o que se saúda. Assim como se refere a excelente transmissão que foi realizada pela Andebol TV e pela Bola TV. 
ABC VENCEDOR DA SUPER TAÇA MASCULINA
PO22 - Super Taça Seniores Masculinos – Maia 2014

FC Porto 24 – 26 ABC

A prova que foi disputada no Pavilhão Municipal de Castelo Branco, entre duas equipas, que fazem parte da história da modalidade, o ABC e o FC Porto, o pavilhão apresentava uma excelente moldura humana, embora o calor e humidade no recinto, fossem (na nossa opinião), responsáveis por o número de falhas técnicas cometidas por ambas as equipas ser superior ao normal, esta factor não retira nem a competitividade nem a emotividade, nem o grande equilíbrio com que o jogo foi disputado na maior parte dos 60 minutos. Venceu a equipa dos “tostões” o ABC, que igualou a equipa dos “milhões”, no numero de troféus que cada equipa já conquistou, (6 cada).

Foi um encontro disputado na maior parte dos 60 minutos, com um surpreendente equilíbrio, não só no marcador, mas até nos bons momentos de bom que por vezes foram praticados, nos primeiros 30 minutos, as situações de igualdade sucediam-se mas atrás das outras, tendo o intervalo chegado com o marcador a assinalar a vantagem mínima para o ABC (12-11), com o golos da vantagem a ser marcado nos últimos momentos do primeiro tempo. Foi um primeiro tempo marcado, por uma total supremacia das defesas sobre os ataques, situação que se prolongou pelo restante tempo do jogo. O FC Porto, que está neste momento a adaptar-se ao novo comando técnico, teve grande problemas na concretização, apesar de contar com uma excelente 1.ªlinha, e dois pivots, que na nossa opinião foram os melhores jogadores da equipa, quando esta jogava para os 6 metros, juntamente com Gilberto Duarte. Mas o ABC, comandado por um jogador de baixa estatura mas de elevada inteligência, que geriu todo o jogo da sua equipa de uma forma notável e que se chama Pedro Seabra Marques, e que mais uma vez foi na nossa opinião o melhor jogador em campo, sendo muito bem acompanhado por um surpreendente Nuno Rebelo, que realizou um jogo como a muito não lhe víamos fazer, e por um guarda-redes de nome Humberto Gomes que esteve simplesmente impecável, ao contrario dos seus colegas do outro lado, pois quer Alfredo Quintana, quer Hugo Laurentino, não estiveram nos seus melhores dias. DE referir ainda o fraco rendimento dos pontas do FC Porto Hugo Santos e Ricardo Moreira, que apenas nos últimos minutos do encontro concretizaram do seu posto específico. Apenas cerca dos 34 minutos de jogo uma equipa conseguiu uma vantagem super á diferença mínima e foi o ABC quando colocou o resultado em 14-12, situação que voltou a repetir cerca dos 42 minutos, quando o ABC vencia por 18-16, o ABC chega aos 4 golos de vantagem aos 52 minutos (23-19), com Humberto Gomes a defender um livre de 7 metros e com Nuno Grilo a ser desqualificado ao sofrer a 3 exclusão, mesmo assim entrou-se nos últimos 5 minutos de jogo com o ABC a vencer por 24-20, para terá mesma vantagem quando faltavam apenas 3 minutos e 30 segundos (25-21),para nos minutos finais com o FC Porto a ter uma boa reacção e entrar-se nos últimos 25 segundos com o ABC a vencer pela margem mínima (25-24),para o homem do jogo quando a sua equipa sofria uma marcação HxH em todo o campo marcar o 26.º e último golo do encontro a cerca de 8 segundos do fim do jogo. No FC Porto Daymaro Salina com 6 golos e Gilberto Duarte com 5 golos foram os melhores marcadores da equipa. Pedro Seabra Marques, Nuno Rebelo, e Miguel Sarmento todos com 5 golos foram os melhores marcadores do ABC. Dirigiu o encontro a jovem dupla da Madeira, constituída por Gonçalo Aveiro e Hugo Fernandes, que apesar das 16 exclusões (e nós somos adeptos de andebol de 7 e não 6 ou de 5) nada temos a dizer sobre as mesmas, assim como na coerência na marcação dos livres de 7 metros, agora teremos de chamara atenção da distância dos 3 metros na execução dos livres, pois aos 41 minutos a não manutenção da distância deu uma intercepção do FC Porto e golos na sequência da jogada, ou seja um erro com influência no resultado.

Um último destaque para as declarações dos dois jovens técnicos, revelaram um excelente espírito de Fair Play, com o qual nos congratulamos.

Nota Final – Durante a entrevista de Nuno Grilo para a Andebol TV e Bola TV, ele falou que esta época existe uma nova regra e que eles se estão adaptar, por isso o elevado número de exclusões. Esclarecemos que não existe nenhuma regra nova, existe sim segundo nos apercebemos um maior rigor na aplicação das regras de jogo em especial da regra 8:5. Tudo isto seria evitado se a Federação através do respectivo sector, e esclarecesse toda a gente sobre o que é dito nas acções de reciclagem, até para esclarecimento do próprio público.

O Noticias

domingo, 30 de agosto de 2015

SuperTaça Seniores Femininos - PO24 – Época 2015 / 2016 - I

Começamos a época, mas com uma originalidade, que foi a substituição da dupla de arbitragem previamente nomeada (Ana Silva / Ana Afonso), que foi substituída pelos jovens Aveirenses Ruben Maia / André Nunes, que fazem parte do programa de jovens árbitros da EHF, desconhecem-se os motivos que levaram a esta situação. Não era este começo que desejávamos para esta crónica, mas não poderemos deixar passar em claro esta originalidade do CA.

Não retiramos, uma palavra sobre este tema, no entanto as entidades responsáveis, deveriam ter sido as primeiras a dar a notícia e a publicar o motivo da substituição da dupla, pois continuamos na ignorância do que se passou, basta para tal ler o sítio da Federação e a reportagem feita sobre a prova. No entanto, não temos problemas em enviar as nossas condolências, e explicar que segundo as informações contidas nalguns comentários, a substituição da dupla se deve ao falecimento de um seu familiar

Esta época voltou-se ao normal com a Super Taça Seniores Feminino a disputar-se no mesmo dia e no mesmo local da Super Taça Seniores Masculina, dando á modalidade o primeiro vencedor de uma prova oficial da época 2015 / 2016.

Disputou-se no Pavilhão Municipal de Castelo Branco, felizmente este ano com boas transmissões quer na Andebol TV, quer na Bola TV, ao contrário do sucedido na época passada.
PO24- Supertaça Seniores Femininos  

MADEIRA SAD VENCE SUPERTAÇA
18.ª CONSECUTIVA
(Desde a época 1998 / 1999) 
Alavarium 22 – 24 Madeira SAD

È a terceira vez consecutiva, que estas duas equipas discutem este troféu, com a curiosidade de nas duas últimas vezes, os jogos terem sidos em prolongamento. Este encontro encerrava (na nossa opinião) a curiosidade de se saber, se o Madeira SAD, agora dirigido pela ex-seleccionadora Nacional, Sandra Fernandes, consegue a sua 17.ª vitória consecutiva, e defrontou uma equipa (Alavarium),que também sofreu alteração na sua direcção técnica. E mais uma vez, o Madeira SAD, apesar do seu reduzido plantel (apresentou apenas 12 jogadoras), venceu a super taça de Andebol Feminino, situação que aos 154 minutos de jogo provavelmente ninguém esperaria, pois a superioridade do Alavarium era evidente, com um parcial de 5-0, chegando ao final do primeiro período em vantagem (13-11). No segundo tempo, ”veio ao de cima” como se costuma dizer a experiência das atletas do Madeira SAD, e após um parcial de 6-0, cerca dos 40 minutos venciam por 19-15, nova reacção do Alavarium que leva o resultado para os 21-10 a favos das madeirenses, cerca dos 47 minutos, verificando-se então um período de jogo de 8 minutos sem golos, com as aveirenses a acertarem várias vezes nos postes e na barra da baliza de Diana Roque, de assinalar que esta recuperação se deve 4 livres de 7 metros bem assinalados e bem concretizados pela Mariana Lopes (9 golos), e que foi a melhor marcadora da sua equipa e do jogo. De referir que foi um bom jogo de Andebol, mas onde se nota que estamos em inicio de época, com as madeirenses a estarem bem na defesa o que proporcionou uma série de contra ataques e ataques rápidos, de salientar a excelente prestação das duas guarda-redes no encontro, Diana Roque pelas madeirenses e Isabel Góis pelas aveirenses. As aveirenses, acabam por sair derrotadas, pela inexperiência demonstrada nos últimos minutos. A desqualificação de Erica Tavares cerca dos 45 minutos de jogo, não foi (na nossa opinião) devidamente aproveitada pela equipa do Alavarium. Além de Maiana Lopes, que já referimos, também Mónica Soares com 6 golos esteve bem no Alavarium, enquanto Cláudia Aguiar com 7 golos, e Erica Tavares com 6 golos foram as melhores marcadoras do Madeira SAD. A Arbitragem do jovem dupla Ruben Maia / André Nunes, foi positiva, com alguns equívocos na não marcação da falta do atacante.

Apenas para recordar, que estas equipas, são o Campeão Nacional em Titulo e o Vencedor da última Taça de Portugal.

O Noticias

V Gala do Andebol - FAP - 2015

Realizou a Federação de Andebol de Portugal a sua V Gala da Modalidade, a organização de decorreu numa das Salas de Visitas da Cidade de Castelo Branco o Cine Teatro Avenida, integrada num conjunto de actividades que envolveram diversos agentes da modalidade.

Este ano, a principal animação esteve a cargo de diversas personalidades ligadas á cultura Albicastrense.

A Cerimónia da FAP, que teve na apresentação dois andebolistas a Filipa Fontes (Alavarium) e o Nuno Grilo (ABC).
No seu discurso de apresentação e Abertura o Presidente da FAP Dr. Ulisses Pereira usou palavras e expressões como “Quisemos, com esta escolha, sublinhar o compromisso da Federação com o desenvolvimento da modalidade nas zonas mais afastadas dos principais pólos de desenvolvimento do país. Temos a obrigação, todos, de lutar pela coesão territorial e o Andebol pretende ter um papel cada vez mais ativo nesse caminho”.

São palavras que entendemos, e até subscrevemos na totalidade, quando são totalmente cumpridas, pois usando palavras já por nós escritas ”… Enfim, é um momento singular, de especial “vibração”, que pode “veicular” percepções muito positivas sobre a nossa modalidade.

Dizer apenas palavras não basta, no nosso entendimento, o mais importante é a prática diária e constante.

Ficamos a saber que durante o dia e a coberto (na nossa opinião) da cobardia existiu uma intromissão informática no sitio da Federação e subscrevemos na totalidade as palavras proferidas pelo Presidente da Federação e que se encontram no próprio sitio da Federação Mesmo aqueles que durante o dia de hoje o invadiram, de forma abusiva e ilegal, para conhecerem o nome dos premiados, o que lamentamos ter sucedido e procuraremos evitar no futuro. É matéria que trataremos nos locais próprios, mas também é um sinal claro do interesse crescente que a Gala do Andebol desperta na opinião pública e isso deixa-nos naturalmente satisfeitos
Para além dos melhores, a Gala do Andebol é, ainda, o momento em que se reconhece e se presta homenagem a quem de alguma forma, têm ou teve um papel preponderante e de relevo na nossa modalidade. Florival Rosado, um dos mais antigos agentes da modalidade, com uma vida dedicada á modalidade e ao seu clube de sempre o Clube Oriental de Lisboa ao receber o chamado prémio Homenagem, viu finalmente reconhecido o seu trabalho na modalidade.
 
Foi para nós um dos ponto alto da Gala.


Os Premiados Foram
Atleta Revelação Masculino 2014/2015 – Miguel Martins, Que sucede a Pedro Sequeira
Atleta Revelação Feminino 2014/2015 – Daniela Mendes, Que sucede a Diana Oliveira
Melhor Jogador 2014/2015 – Gilberto Duarte, Que sucede a Pedro Portela
Melhor Jogadora 2014/2015 – Mariana Lopes, que repete a distinção.
Melhor Guarda Redes Masculino 2014/2015 – Alfredo Quintana, Que sucede a Ricardo andeias
Melhor Guarda Redes Feminina 2014/2015 – Isabel Góis, que repete a distinção.
Melhor Treinador provas nacionais femininas 2014/2015 – Carlos Neiva, Que sucede a Ulisses Pereira
Melhor Treinador provas nacionais masculinas 2014/2015 – Carlos Resende, Que sucede a Ljubomir Obradovic
Melhor dupla de árbitros 2014/2015 – Vânia Sá / Marta Sá, Que sucede a Eurico Nicolau / Ivan Caçador

Apenas fazemos um ligeiro comentário ao prémio sobre a melhor dupla pelo seu ineditismo, e por discordarmos frontalmente, pois estamos plenamente convencidos, que o mesmo só foi possível, devido ao sistema de votação.

Não gostaríamos de terminar, sem dizer que esta foi a V Gala da FAP, mas repetindo o que já várias vezes dissemos, existiram outras que ficam para memória futura, pois também fazem parte do legado histórico da modalidade.

O Historiador

sábado, 29 de agosto de 2015

Nomeações – EHF – 2015 / 2016 – IV - Rectificação

Por imperativo e dever de ser o mais correcta possível a informação, hoje corrigimos a nossa informação IV sobre nomeações da EHF. Poiso delegado Manuel Da Conceição está nomeado para as duas mãos da 1.ª Ronda de Qualificação da EHF CUP Masculina. Foram feitas em 28-08-15 as nomeações para a Qualificação da Liga dos Campeões Masculina, não tendo sido contemplado nenhum elemento Português. 

Delegados  
Manuel da Conceição - Foi nomeado, para o encontro da 1.ª e 2.ª Mão da Qualificação 1 da EHF CUP Masculina, que se disputam entre o Hudo Initia Hasselt (Bélgica) e o Merzifon Belediye H.SK (Turquia), no Bélgica em 05 e 06-09-15.

Ao nomeado os nossos pedidos de desculpa.

O Regras

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Arbitragem – Duplas Provisórias e Outros – 2015 /2016 - II

Inicia-se uma nova época na modalidade, mas estranhamente ou talvez não, o Conselho de Arbitragem da Federação, depois da feitura das Circulares n.º 5 e 6, nomeadamente a n.º 5, que no nosso entender é uma peça de verdadeiro surrealismo, nada diz, e existem situações verdadeiramente incompreensíveis, que deveriam ser totalmente esclarecidas, e cujo conteúdo continua ser cru e vazio.

Senão Vejamos:

Uma circular publicada em 27-08-15, depois de realizadas as acções de Viseu, surge, com uma nova roupagem, mas com data de 13-08-15.
  • Pergunta-se como é possível?
  • Como já existem duplas mesmo que provisórias, a. do ponto 1, se pela data da circular ainda não se realizaram quaisquer acções de formação, onde está a verdade?   
Depois temos, mais uma de puro surrealismo, ver a. do ponto 2, que transcrevemos, na  integra” Informamos que os certificados médicos desportivos serão efetuados nos CFIE de cada quadro de arbitragem

Se nos termos legais a validade dos exames médicos, é a partir da sua data de aniversário, têm a validade de 1 ano. Pergunta-se?
  • Será que conforme está especificado na Circular do CA, todos fazem anos no mesmo dia?
  • Ou será, que estamos na presença de mais um artifício?
Vamos ao Ponto 3 desta circular, cuja data, de feitura, levanta diversas dúvidas, e verificamos que o mesmo, é uma cópia “arranjada” da Circular 1, criada em19-06-15, mas apenas divulgada em 09-07-15,e cujo conteúdo, se referia em especial às acções de formação. Talvez seja este um dos motivos para se proceder ao arranjo de datas.

Anterior a acção de 21 a 23-08-15 em Viseu, estava prevista apenas para Observadores Nacionais, no novo texto que agora se lhe dá inclui-se as duplas de nível III e IV, e faz-se desaparecer a acção que estava prevista para Castelo Branco, mas a informação só é divulgada em 27-08-15,ou seja depois a acção realizada, porquê?

Desapareceram o seguinte texto desta “nova” circular”

Realizam-se nos fins-de-semana de 12/13, 19/20 e 26/27 de Setembro, acções de formação para duplas regionais e nacionais de nível I e II, em colaboração com as Associações Regionais. O Conselho de Arbitragem entrará em contacto com todas as AR para que possamos organizar as referidas acções em conformidade com o número de participantes envolvidos e as necessidades de cada Associação

Passando a existir o seguinte texto:

Realiza-se em Monte Gordo no Algarve, nos dias 04, 05 e 06 de Setembro, uma Acção de formação para as duplas de nível I e II

As seguintes questões se colocam:
  • Existiu, f alta de colaboração das Associações?
  • Obriga-se todos os quadros dos níveis I e II a deslocarem- se ao Algarve?
  • Qual o significado desta alteração, pois nenhuma explicação e dada?
Depois temos um ponto “espectacular” , Lista Provisória de Duplas

Pergunta-se porque se designa por provisória, será que existem quadros que não cumpriram os testes (se os houve), mas mesmo a assim, pergunta-se? Como é possível a criação de uma lista provisória, antes de existir qualquer acção de formação (pelo menos, é o que se pode inferir da data da criação da circular)

Depois qual o motivo (Anti-regulamentar), de na referida lista, não ser referida quais os níveis das respectivas duplas?

A lista refere 30 duplas e 1 árbitro isolado, refira-se a título de curiosidade, que é precisamente a soma do número de duplas previstas, para os níveis III e IV.

Terminamos, aguardando que nos termos regulamentares, seja feita a distribuição das duplas pelos respectivos níveis, indicando as subidas e descidas, pois a época já iniciou e até ao momento não existe qualquer informação.

Em breve iremos falar sobre outros temas relacionados com a nova época e especial da arbitragem, e aguardamos ansiosamente pela divulgação das duplas em definitivo. Este tema irá ser certamente muito controverso, e irá provocar algumas reações, apenas esperamos é os comentários sejam elaborados de forma civilizada.

O Regras

História dos Mundiais de Seniores Masculinos – XII

Hoje voltamos a publicar um pequeno texto histórico, na sequência do que informamos na primeira publicação sobre o tema.
 
12ª EDIÇÃO Checoslováquia 1990
Checoslováquia – País organizador
Datas – 28 de Fevereiro a 10 de Março de 1990
Participantes – 16
Campeão – Suécia
País Árabe – Argélia
Melhor Marcador – Julian Duranona (Cuba) 55 golos.

Nesta 12.ª Edição do Campeonato Mundial Masculino da IHF, organizada pela Checoslováquia, mais uma vez, participaram 16 equipas, que mais uma vez, foram divididos em quatro Grupos.

Após a disputa da 1.ª Fase, as três equipas primeira classificadas de cada grupo, foram novamente divididos em dois grupos, de seis equipas. Os Vencedores e os e vice-campeões em cada grupo avançaram para a disputa dos jogos finais, com os vencedores a disputarem a final e os vice-campeões a disputarem o terceiro e quarto lugar.

No confronto para o terceiro e quarto lugar, a Roménia venceu por 24-23 a Jugoslávia, enquanto o título foi para a Suécia após a vitória por 27-22 sobre a União Soviética.

A Argélia mais uma vez perdeu todos os encontros na 1.ª Fase da Prova.
(Fonte http://www.handball2015)

O Historiador

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Europeu 2016 Masculino – XV – Seminário

A EHF depois de ter divulgado as nomeações das 14 duplas, que irão estar presentes num seminário que decorrerá durante três dias (3) em Viena, no final de agosto (28 a 30). Procedeu não só á divulgação dos prelectores dessa acção como ainda dos Delegados que frequentarão a mesma e estarão presentes na Polónia, e Portugal mais uma vez estará presente, em ambas as funções. 

Este seminário servirá de preparação e estes para a Fase Final do EURO 2016 Masculino, que irá decorrer na Polónia entre 15 e 31 de Janeiro de 2016.

Das 14 duplas que frequentarão este seminário, serão escolhidas as 12 que irão estar presentes na Fase Final do EURO 2016 Masculino, entre elas estará dupla Portuguesa, já por nós divulgada em tempo.

Duplas Seleccionadas:
….
Duarte Santos / Ricardo Fonseca (Portugal)
….

Entre as matérias a ser tratadas, junto dos árbitros, teremos os seguintes pontos-chave: 

  • Aptidão física, testes (shuttle) e programas de acompanhamento.
  • Trabalho psicológico e seus métodos (em especial, nos emotivos, e no desempenho da linguagem corporal, controlo de stress).
  • Acções em campo (exemplos em vídeo).
  • Discussões pró-activas, sobre os principais pontos de cooperação com os delegados da EHF.
  • A Importância da coerência no comportamento e nas acções.
Delegados Nomeados:

Hausleitner (Áustria)
Antoniou (Chipre)
Konecny (República Checa)
La Cour (Dinamarca)
Arponen (Finlândia)
Gremmel (Alemanha)
Andorka (Hungria)
Nachevski (Macedónia)
Baum (Polónia)
Rui Coelho (Portugal)
Djurkovic (Sérvia)
Konopliastiy (Ucrânia)
Sotiris Migas (Grécia)
A Imagem apresentada faz parte do folheto do programa de divulgação da acção.

Entre as matérias a ser tratadas, junto dos Delegados, teremos os seguintes pontos-chave:
 
  • Tarefas do Delegado (desde a chegada até ao Final), gestão e administração do jogo.
  • Desempenho do Delegado da EHF, antes, durante e depois do jogo,
  • Ferramentas de Treino, comportamento e desempenho.
  • Sistema de Observação Online, instruções sobre o mesmo.
Prelectores da Acção (Comité Técnico de Arbitragem)

Dragan Nachevski (Macedónia) – Presidente
Mona Föström (Finlândia) – Membro (Arbitragem Feminina)
Henrik La Cour (Dinamarca) – Membro (Programa Jovens Árbitros)
António Goulão (Portugal) – Membro (Material Educacional)
Helmut Wille (Áustria) – Membro (Preparação Física)
Victor Poladenko (Rússia) -Membro

A todos os nomeados damos desde já os nossos parabéns, pois certamente, que algumas nomeações não serão do agrado de muita gente.

O Noticias

Movimentações de Atletas – 2015 – I – No Feminino

Neste texto sobre os movimentos de atletas, agora no Feminino, continua-se com o mesmo critério, ou seja só se dará informação dos movimentos de atletas que são praticamente certos, e daqueles em que a possibilidade de se concretizarem é quase garantida. Informa-se ainda de que apenas falaremos naqueles em que a garantia das fontes nos dê alguma credibilidade, embora por vezes falhe.

No Feminino o mercado de transferências, é difícil de descrever porque os clubes continuam muito fechados, sem grandes novidades e não tem sido possível apurar muita informação. Assim tudo o que aqui divulgaremos, teremos algumas certezas, e outras serão os rumores credíveis que conseguimos recolher.

Acreditamos que ainda muitas movimentações estejam a acontecer, e outras que jáaconteceram,  mas é pena que os clubes continuem a comunicar tão mal para o exterior. E depois queixam-se que se dá pouco destaque ao feminino…

Técnicos

Paulo Costa – ARC Alpendorada (saída)
Marco Santos - ???

Renovações 

Soraia Domingues – Alavarium

Movimentos Conhecidos
 
Petra Abreu – Madeira SAD / CS Madeira
Melissa Marques – Regresso / João Barros
Ana Carina Castro – Regresso / CS Madeira
Margarida Gabriel – SIR 1.º Maio / Juventude Lis
Raquel Sarmento – JAC-Alcanena / Juventude Lis
Adriana Silva – JAC-Alcanena / Juventude Lis
Ana Rita Henriques - JAC-Alcanena / Juventude Lis
Vanessa Oliveira – JAC-Alcanena / Juventude Lis
Beatriz Magro – Porto Salvo / Juventude Lis
Claudia Correia – O. RM Valcea (Roménia) / Stryn (Noruega)
Ana Temtem – Madeira SAD / João Barros
Inês Pires – Batalha AC / João Barros
Ana Santiago – Maiastars / St. Joana
Ana Ferreira – A. Espinho / St. Joana
Ana Sofia Silva – Maiastars / St. Joana.
Sílvia Santos – Académico FC / CA Leça
Ana Paula – João Barros / CA Leça
Maria Coelho - Arca Alpendorada / Alavarium

Movimentos A Confirmar

Cláudia Farinha – Madeira SAD / CS Madeira
Sara Sousa – Alavarium / CS Madeira

Saídas Confirmadas com Destino Desconhecido

Cátia Santos – Passos Manuel / ?
Andreia Paulo – Passos Manuel / ?
Joana Lourenço – Passos Manuel / ?

Indefinidos

Virgínia Ganau – Madeira SAD / ?

Abandonos

Carolina Santos – Passos Manuel

O Administrador

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Planeamento Desportivo – Época 2015/2016 - VIII

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA
 A ÉPOCA 2014 / 2015 – Parte 1

Através do CO N.º 19 de 12-08-15 a FAP, deu a conhecer as Orientações Técnicas para a nova época (2015 / 2016), onde são esclarecidos alguns dos pontos já aqui mencionados por diversas vezes, o conteúdo deste CO é na prática igual ao da época finda, embora contenha alguns novos pontos e outros com oportunos esclarecimentos. Tal como na época anterior é um grande passo organizativo que as mesmas tenham sido divulgadas ainda antes de se realizar a 1.ª prova Oficial da Época.

 Assim, neste artigo apenas considerámos até ao ponto 6 do Comunicado já referido, que em relação á época anterior, são precisamente as mesmas.

Ponto 1. Intervalo do Jogo

a)      A FAP estabelece a duração do intervalo em 10 minutos.
b)      Exceções à alínea anterior deverão ser autorizadas e coordenadas para efeitos de transmissão Televisiva.

(Foi mantido a decisão, continuamos a considerar, um esclarecimento em tempo e oportuno)

Ponto 2. Time OUT

a)      O cartão de Time-out deve ser entregue em mão ao Oficial de Mesa.
b)      Cada equipa pode utilizar 3 time-out por jogo, no máximo dois por cada parte.
c)      Nos últimos 5 minutos do jogo, cada equipa apenas pode fazer a utilização de 1 Time-out.

(A FAP, manteve e bem o sistema, e para todas os jogos independentemente do seu género e escalão o princípio dos três Time-out, já utilizado em muitas provas pela EHF e IHF, o que se saúda, esperando nós que quem tenha de os utilizar, os faça em oportunidade.

Ponto 3. Número de jogadores

16 Atletas (não é obrigatório), o número máximo de atletas inscritos nos jogos de todas as competições

(Ao manter esta decisão a FAP, evita confusões e segue os caminhos traçados pela IHF e EHF)

Ponto 4. Lesão de um árbitro

Apenas é permitida a substituição de um árbitro por lesão, antes de jogo começar, devendo o colega proceder á sua substituição se existirem condições para tal.

(Manteve o texto da época passada, que na nossa opinião é um esclarecimento oportuno)

Ponto 5. Árbitros de Recurso

Sempre que um encontro já tenha sido iniciado com árbitros de recurso, por falta da presença á hora marcada para inico do jogo dos árbitros oficialmente marcados, o jogo deve sempre terminar com a dupla de recurso.

(Tal como no ponto anterior, manteve o texto, sendo um oportuno esclarecimento)

Ponto 6. Equipamentos Eletrónicos

A utilização de equipamentos eletrónicos de comunicação entre os árbitros em qualquer prova nacional carece de autorização do CA da Federação.

(Mantendo a mesma norma que estava em falta, até em termos de Regras de jogo, verificou-se, que muitas duplas já usam este meio para comunicar entre si)

O Analista

Informação – Passos Manuel - Apresentação

PASSOS MANUEL
APRESENTA A SUA EQUIPA
MASCULINA
O Passos Manuel, única equipa que disputa as duas principais Provas Nacionais de Seniores, apresenta a sua equipa Masculina, no dia 29 de Agosto de 2015,no Pavilhão da Quinta de Marrocos, pelas 16H00, num jogo com o Sporting.

O Noticias  

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Movimentações de Atletas – 2015 – III

Neste texto sobre os movimentos de atletas, continuando com o mesmo critério, ou seja só se dará informação dos movimentos de atletas que são praticamente certos, e daqueles em que a possibilidade de se concretizarem é quase garantida. Informa-se ainda de que apenas falaremos naqueles em que a garantia das fontes nos dê alguma credibilidade.

Técnicos
 
Pedro Lagarto – SC Espinho (novo)
 
Renovações
 
João Carlos – Arsenal Devesa
Carlos Osório – Arsenal Devesa
Carlos Siqueira – Belenenses
Pedro Pinto – Belenenses
André Alves - Belenenses
Filipe Pinho – Belenenses
Vasco Pinto – Belenenses
Ruben Pereira – Belenenses
Henrique Carlota – Belenenses
 
Movimentos Conhecidos
 
José Poças – FC Gaia / GC Santo Tirso
Tiago Rodrigues – Boavista FC / GC Santo Tirso
Manuel Sousa – Xico Andebol / Arsenal Devesa
João Santos – Xico Andebol / Arsenal Devesa
Luís Correia – ABC / Arsenal Devesa
Gaspar Cunha – ABC / Arsenal Devesa
José Costa – Benfica / Montpellier
Pedro Lopes – FC Porto / Ismai
Álvaro Rodrigues – Panduri (Roménia) / Palma del Rio (Espanha)
Miguel Reinaldo – Camões / Belenenses
Pedro Silva – Estarreja AC / SC Horta
Ricardo Fernandes – Sporting / Belenenses
Fábio Semedo – Sporting / Belenenses
José Diogo – Vila Real Benfica / Xico Andebol
Alfredo Bravo – Académico FC / Xico Andebol
Luís Castro – Não Inscrito / Xico Andebol
 
Movimentos A Confirmar
 
Pedro Silva – Estarreja AC / SC Horta
 
Saídas Confirmadas com Destino Desconhecido
 
Indefinidos
 
Bruno Ferreira – Belenenses / ?
João Valadas – Belenenses / ?
Dario Andrade – Benfica / ?
 
Abandonos
 
O Administrador

Nomeações – EHF – 2015 / 2016 – IV

A EHF procedeu às 1.ª’s nomeações das duplas e delegados para as suas provas Europeias. Portugal, foi comtemplado com algumas nomeações, de delegados para a 1.ªRonda de Qualificação da EHF CUP Masculina.

Delegados 
Manuel da Conceição - Foi nomeado, para o encontro da 1.ª Mão da Qualificação 1 da EHF CUP Masculina, que se disputa entre o Hudo Initia Hasselt (Bélgica) e o Merzifon Belediye H.SK  (Turquia), no Bélgica em 05-09-15.

José Jorge - Foi nomeado, para os encontros da 1.ª e 2.ª Mão da Qualificação 1 da EHF CUP Masculina, que se disputa entre o HV. KRAS/Voledam (Holanda) e o HC Lovcen (Montenegro), na Holanda em 12 e 13-19-15.

Aos nomeados em representação Nacional, desejamos e endereçamos os nossos parabéns, fazendo votos de que tudo lhes corra pelo melhor.

O Regras

Informação – Avanca - Apresentação

A.A.AVANCA
APRESENTA A SUA EQUIPA
Numa iniciativa inédita, conforme Comunicado á Imprensa, que se transcreve esse saúda pelo seu significado desportivo.

A Associação Artística de Avanca e a Associação Atlética de Avanca irão fazer a apresentação oficial do plantel sénior de andebol e futebol, respetivamente, numa iniciativa conjunta e inovadora a acontecer no próximo sábado dia 29 de agosto pelas 21.30 horas na praça Júlio Neves em Avanca

A iniciativa terá início com uma demonstração de “Dance Fusion Fit” da professora Susana Gonçalves do Gymnarte Ginásio seguido de um desfile de vestuário desportivo da responsabilidade dos clubes intervenientes onde apresentarão diversos equipamentos. Termina com o momento alto do evento, a apresentação do plantel sénior da Artística de Avanca, que vai disputar o campeonato de Andebol da 1º Divisão Nacional e do plantel sénior da Atlética de Avanca que vai disputar o campeonato de futebol 1ª Divisão Regional de Aveiro.”

O Noticias  

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

V Gala do Andebol – 2014 - III

CASTELO BRANCO
CAPITAL DO ANDEBOL
 POR
 UM FIM-DE-SEMANA

Depois dos artigos que efetuámos sobre a V Gala FAP do Andebol, que decorrerá em Castelo Branco no próximo dia 29, vamos, hoje informar da atividade que vai ser vivida durante os dias 29 e 30 de Agosto de 2015.

Na prática será uma verdadeira abertura da época desportiva, pois disputar-se-á, a seguir ao tradicional Torneio Internacional de Viseu. E existirá ainda duas sessões de trabalho organizadas pelo Conselho de Arbitragem, conforme o descrito na sua Circular n.º 1 da Época em Curso.

"Realiza-se em Castelo Branco, nos dias 29 e 30 de Agosto, uma Ação de formação para algumas duplas de nível III e IV e todo o quadro nacional de oficiais de mesa, durante a supertaça feminina e masculina”

Super Taças
Masculina e Feminina
Dia 30-08-15
PO22 - Super Taça Seniores Masculina
FC Porto – ABC (15H00) Andebol TV e BolaTV
PO24 –Super Taça Seniores Femininos
Alavarium – Madeira SAD (12H00) Andebol TV e Bola TV

Voltamos á normalidade, com estas competições a serem disputadas antes do inicio dos Campeonatos Nacionais, e a proporcionarem na prática verdadeira abertura época da modalidade.

V GALA FAP DO ANDEBOL
Á noite do dia 29-08-15 no Cine Teatro Avenida, realizar-se então a dita gala, onde serão divulgados (pensamos nós) os vencedores dos prémios das diversas categorias que estiveram em votação e que foram.

Atleta Revelação Masculino 2014/2015
Atleta Revelação Feminino 2014/2015
Melhor Jogador 2014/2015
Melhor Jogadora 2014/2015
Melhor Guarda Redes Masculino 2014/2015
Melhor Guarda Redes Feminina 2014/2015
Melhor Treinador provas nacionais femininas 2014/2015
Melhor Treinador provas nacionais masculinas 2014/2015
Melhor dupla de árbitros 2014/2015

Este ano não existe qualquer informação até ao momento acerca da existência ou não da atribuição dos prémios Carreira e Homenagem, que normalmente serão entregues a pessoas que se distinguiram na modalidade.

De salientar, que estas atividades terá transmissão em direto pela Andebol TV

Como nota final, todos estes assuntos serão por nós posteriormente tratados em separado.

O Historiador