gal vence

Euro Sub-20 Masculino Nova e Excelente vitória de Portugal agora com Dinamarca 31-29 - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

sexta-feira, 22 de junho de 2018

As Desistências do Direito de Participação nas Provas Europeias.


DESISTÊNCIA OU NÃO INSCRIÇÃO
NAS PROVAS EUROPEIAS
A FALTA DE INFORMAÇÃO

Nos últimos tempos, temos lido, que no nosso entender e por razões que consideramos extremamente válidas, que existem equipas portuguesas, que ganharam o direito de participação nas Provas Europeias, mas que não fizeram a sua inscrição.

Em relação a estas não participações, convém antes de mais dizer que isto apenas se verifica, normalmente por motivos financeiros e por falta de apoios, o que lamentamos. Lamentamos de igual modo a falta de informação sobre quem está apurado ou quem vai participar nas competições Europeias, pois tudo o que se sabe é através da Comunicação Social, como por exemplo a não participação do Madeira SAD em Femininos na Liga dos Campeões, e provavelmente em nenhuma competição Europeia, e ainda que o ABC abdicou do seu direito de participação, na Challenge CUP Masculina, e ainda de que a AA Avanca que se lhe seguia em termos classificativos lhe seguiu o mesmo caminho, e apenas o Madeira SAD em Masculinos, aceitou participar, na referida prova, temos a sensação de que apenas ficaremos a conhecer as diversas participações, depois da EHF, divulgar as equipas inscritas nas suas provas, e é pena.

Por falar em apoios, a FAP alterou (Quem sabia) o seu Regulamento Geral nomeadamente a matéria que estava previsto, no Artigo 4.º do Subtítulo 6 do Titulo 8 do referido regulamento, passando agora a dizer claramente que não estão previstas comparticipações financeiras….
Pois a obrigação de inscrição e as suas consequências também estão previstas no Regulamento geral da Federação, nomeadamente nos Artigos 1.º e 2.º do Subtítulo 6 do Titulo 8.
Questiona-se, se já foram contactados possíveis substituições, porque ainda não foi publicado um Comunicado Oficial com o direito de participação, nas provas Europeias em ambos os géneros?

Depois temos as sanções a aplicar pela não inscrição, que poderão ser gravosas, nomeadamente no ponto 1 do artigo em referência, e que aqui transcrevemos, com uma imagem do Regulamento Geral Da Federação, artigo que sofreu igualmente alteração na presente época.
Aqui a Federação, pode utilizar o ponto 2 deste artigo, e defender os clubes, mas o que fazer sobre o conteúdo dos Artigos 1.º e 2.º deste Regulamento. Esperamos que exista uma reflexão consciente sobre este tema, para que não surjam problemas que poderão ser insanáveis. E este é o nosso propósito.

O Banhadas Andebol

1 comentário:

Anónimo disse...

Volta Luís Santos!!!