gal vence

Euro Sub-20 Masculino Nova vitória de Portugal agora com a Hungria 31-30 - Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

terça-feira, 12 de junho de 2018

PO11 – 2017 / 2018 – Fase Final


Realizou-se este fim-de-semana (de 08 a 10-06-18) no Pavilhão da Escola Secundária de Alcanena a fase Final da PO11 (Campeonato Nacional Juniores Femininos), prova não fixa, que tal como todas as provas não fixas, teve a sua 1.ª Fase a ser disputada sob a responsabilidade das associações.

JAC-ALCANENA CAMPEÃ NACIONAL
(Sucede ao Colégio Gaia)
(Foto FAP)

PO11 – Campeonato Nacional de Juniores Femininos

Sagrou-se Campeão Nacional a equipa do JAC-Alcanena, que terminou sem derrotas a Fase Final, sucedendo ao Colégio de Gaia.

Modelo Competitivo: Sem alterações em relação á última época.

Os clubes apurados da 1ª Fase serão agrupados na 2ª Fase em duas zonas geográficas jogando TXT a 2 voltas, apurando-se o 1º Classificado para a Fase Final. O 2º Classificado de cada zona mais o representante da A.A. Madeira, disputam a Fase de Apuramento (TXT a 1 volta - regime concentração) apurando-se os dois primeiros classificados para a Fase Final (TXT a 1 volta – regime concentração). O 1º classificado será Campeão Nacional.

Clubes participantes – Maiastars, Alavarium, JAC-Alcanena, CS Madeira.

Fase Final - Resultados

1.ª Jornada- Dia 08-06-18
Maiastars 34 – 28 Alavarium
CS Madeira 20 – 28 JAC-Alcanena
2.ª Jornada – Dia 09-06-18
Alavarium 28 – 28 JAC-Alcanena
Maiastars 28 – 20 CS Madeira
3.ª Jornada – Dia 10-06-18
CS Madeira 19 – 32 Alavarium
JAC-Alcanena 26 – 25 Maiastars

Classificação Final1.º JAC-Alcanena (8 pontos), 2.º Maiastars (7 pontos), 3.º Alavarium (6 pontos), e 4.º CS Madeira (3 pontos).

Algumas notas

Titulo Nacional decidido, na última jornada num jogo de grande equilíbrio conforme o resultado final o demonstra.

De destacar ainda que as principais formações como por exemplo o Maiastars, ou o JAC-Alcanena, apresentaram nos jogos desta Fase Final, as suas principais atletas.

Nota positiva, para o facto da prova se ter realizado, com apenas um encontro a registar ocorrências disciplinares (Maiastars / Alavarium), e com boas assistências, em especial quando jogava a equipa da “casa”.

Por fim uma palavra pela negativa que ao contrário de épocas anteriores a Andebol TV, esteve completamente ausente. 

O Formador

3 comentários:

Anónimo disse...

Parabéns ao Alcanena pelo justo e merecido titulo conquistado, esperava-se mais do Alavarium, o CS Madeira esteve dentro das expectativas. Quanto aos tri vice campeões Maiastars(parece que esta designação agora dá titulos, tipo ao 3ª canto é penalti), pela 3ª vez consecutiva fizeram de "cabeçudos" (sem ofensa, é no sentido de verem os outros a festejar), algo esperado depois de terem saído 4 das melhores jogadoras desta equipa. Situação para fazer meditar os seus (i)responsáveis, pois com 3 equipas fantasticas nos ultimos 3 anos, consideradas sempre como principais candidatas á vitoria, arranjam sempre forma de perder.

Anónimo disse...

As principais atletas, deixa-me rir

Anónimo disse...

Concordo plenamente. Se o Maia se apresentasse completo, a história poderia ser outra. E esta "teimosia" teve impacto não só nas Juniores pois as Seniores poderiam ficar melhor classificadas. De facto, para os (i)responsáveis refletirem. Os castigos aplicam-se no fim da época...