gal vence

- Vamos encher os Pavilhões - mas com dignidade a Modalidade merece
Calendário e Resultados na Barra Direita

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Projecto Resende – Acaba

FINALMENTE O PROJECTO…RESENDE CESSA ACTIVIDADE

Através de uma lacónica Nota de imprensa, publicada em 12-06-12, a Federação, dá a conhecer, de que o chamado pomposamente projecto Resende cessa a sua actividade no final da época.

 Transcrição da Nota de Imprensa

 “Assunto: Centro de Treinos de Resende

Após profunda avaliação à forma como se desenvolveu, em todas as suas vertentes, o projecto do Centro de Treino de Resende, a Direcção da Federação de Andebol de Portugal decidiu não dar continuidade ao mesmo, cessando no final da corrente época desportiva.

A presente decisão já foi comunicada aos atletas, bem como à Câmara Municipal de Resende, a quem a Federação muito agradece a colaboração prestada, bem como a todos aqueles que garantiram o trabalho desenvolvido ao longo desta época desportiva.”

Desde o início que criticamos a forma como surge este projecto que era para ser utilizado pela Selecção de Juniores “B”, mas que foi erradamente transformado “Resende Andebol”, nunca foram divulgados os pressupostos da sua participação na 2.ª Divisão Nacional, nem nunca se soube quais os regulamentos que foram alterados para sancionar legalmente a sua participação.

Nunca foi divulgado o peso económico deste simulacro de projecto… na modalidade e logicamente nas finanças da Federação.

Nunca foi explicado o porquê dos atletas com dois cartões CIPAS, e jogando na mesma época por dois clubes diferentes

O términus desta história ainda não totalmente contada, apesar de ser aparentemente uma boa noticia, só será completa, quando for tornado publico, tudo o que lhe esteve subjacente.

A Federação diz “…Após profunda avaliação à forma como se desenvolveu, em todas as suas vertentes…”, mas nada foi divulgado porquê?

  • Quais foram as vertentes em que o projecto foi avaliado?
  • Quais os custos reais, no orçamento Federativo?
  • Quem foi beneficiado com a existência deste projecto, se os houve?
  • Será que a existência de um projecto destes devidamente suportado, sem interferências, ou feito sem a intencionalidade de beneficiar terceiros, não teria validade?
Ficamos por aqui esperando que as possíveis boas noticias sejam sempre um facto.

O Noticias

17 comentários:

Anónimo disse...

o k nasce torto tarde ou nunca se i
indireita lol

Henrique disse...

O futuro da blogosfera chama-se Banhadas.

Tudo serve para deitar abaixo a FAP.
Se fazem é porque fazem, se não fazem é porque não fazem.

Vem agora este grupo de iluminados dizer que o comunicado da FAP é lacónico.

Como queriam que fosse? Um testamento?
Não brinquem mais com quem ainda quer fazer algo pelo andebol.

Vivam o dia a dia e sejam honestos.

Será pedir muito?

Anónimo disse...

Penso que este projecto Resende, por muito boas intenções que tenha tido, foi uma página negra na nossa modalidade, essas irregularidades que o post fala, são alvo do anedotário no meio desportivo nacional. Muito mau, mesmo...

Anónimo disse...

Pena que o banhadas tenha esta postura, se fazem é porque fazem, se não não fazem nada, pobre banhadas é dificil saber o que querem para o Andebol.

Força FAP, bem ou mal façam as reformas, não liguem ao Banhadas..

Anónimo disse...

Espero é que para o ano voltem a existir selecções regionais nas associações a nível de Juvenis também! Estamos a falar de 3 anos de selecções regionais (Infantis, Iniciados e Juvenis), em alturas nas quais os jogadores podem ser bastante potenciados por estas últimas, visto que é mais que justificável. Ninguém vai fazer selecções regionais nos minins/bambis e nos Juniores, mas nestas idades bem que é necessário.

E separar minis/bambis por sexos é rídiculo também! Por favor! As raparigas têm tendência a serem maiores nestas idades e os miudos só querem é divertir-se! Os realmente bons do sexo masculino são aproveitados nos Infantis! A Federação que não se preocupe com isso!

E não são só os clubes grandes nem apenas os jogadores eleitos para selecções nacionais que fazem mover a modalidade...também os atletas de clubes pequenos que por vezes não têm as condições de treino de outros atletas nos grandes emblemas e nas selecções nacionais, podem muito bem ser aproveitados e são merecedores de serem expostos a um treino melhor, de forma a contribuírem para um maior crescimento da modalidade junto dos clubes.

Faço votos para que a associação de andebol do Porto siga para a frente com a ideia.

E porque não voltar com a Taça Governador Civil do Porto?

Vamos trabalhar como sabemos gente! Quem quiser, que siga o exemplo. Ao menos tentamos contribuir para o crescimento da modalidade sem jogos de bastidores!

Anónimo disse...

O comentador das 16:38 tem carradas de razão, o projecto Resende foi um enorme sucesso e uma mais valia para o andebol Português.
Haja dô alguém com um mínimo de bom sendo e dois dedos de testa pode defender semelahnate disparate?
Eu penso que não.
Quando o projecto aparece, va-se lá saber de onde, a maior parte dos agentes da modalidade logo mostrou todos os erros em que mesmo estva a ser construido mas os eruditos da FPA, se calhar deve dizer-se taxitas, logo vieram a terreiro defende-lo apontando enormes virtudes.
Ficamos todos à espera, descansem estamos sentados, que nos mostrem os resultados finais do projecto Resende.
Serviu apenas e só, uma vez mais, para encher os bolsos de alguém.

Anónimo disse...

banhadas, é para te informar, que apesar de nos teus textos estares de acordo com algumas das decisões tomadas, estás proibido de fazer qualquer comentário, pois como sabes cada vez que houver uma novidade ela é boa de certeza, vejam se ganham juizo, poça bacio, como diz o outro

Anónimo disse...

"...após profunda avaliação... acabou!"
Banhadas: isto nao diz tudo? A direção da FAP nao foi eleita para tomar decisoes? O que falta dizer? Falta a roupa suja? Falta transformar o Portal/comunicado da FAP numa crónica tipo jornal "o Crime"? Falta expor a nudez das pessoas? Tenham juizo!
ADC

Anónimo disse...

Impunha-se uma vez mais que O HT falasse...

Melga Real disse...

Caro ADC
Ainda se admira com as atitudes do Banhadas?
E acha mesmo que apesar do seu apelo o Banhadas vai ganhar juizo?
O fundamental da decisão em questão está no Portal da FAP mas o Banhadas queria sangue.
Comparações com o "Crime"? Nem isso, porque esse jornal lavou a cara e o conteúdo.
O Banhadas só deixará de perseguir a FAP quando um ou mais dos seus elementos tiver assento na FAP.
Isto será no dia de S. Nunca!!!

Haja pachorra!

Anónimo disse...

Para a melga Real, vê-lá se já não estão lá dentro, e te queimas, no bom sentido, mas já agora mais um pouco de informação não fazia mal nenhum, porque eles depois dizem aos amigos, e em outras entrevistas, basta estares atento.

Um abraço

O geleia real

Melga Real disse...

Camarada Geleia Real, você refere-se ao Henrique Silva?
Joga no Banhadas e na Federação.
Olha que novidade.
Ninguém me queima. Só o Sol.

Anónimo disse...

O que foi criado ate’ com boas intenções mas muito apadrinhado por pessoas e uma instituição desportiva deu os resultados que se sabe…., mas atenção nas modalidades desportivas devem existir pelo menos 2 CAR(Centro de Alto Rendimento), Masculino e feminino e direccionadas não para todos os atletas mas sim e em parte das intenções globais para os Talentos desportivos dispersos por pequenos clubes e com esse reforço de treino e carga horaria de dedicação á modalidade que gostam.
No andebol deveriam ser criados 2 centros nacionais um na área do norte , Porto-Braga masculino e no feminino na zona de Aveiro-Leiria.” CARS regionais um na Madeira para o Feminino e Açores Masculino apoiado pelos governos e estruturas locais.
Os Clubes de maior potencial e suas estruturas existentes onde se encontram os melhores atletas jovens de futuro, não precisam de deslocar-se para os CARS.
Poderei dar uma boa ajuda pela experiencia tida e vivida noutros países Espanha, França, Brasil… mas não sou voluntario… tenho ideias emergentes e de acordo com as realidades e atenção o futuro a médio prazo com ev as novas orientações de acabar com a Educação Física como disciplina real na Escola vai ser devastador no pratica desportiva federada a médio prazo, com redução de milhares de novos praticantes por falta de formação desportiva de base…
ADC
nota os CARS devem estar sempre apoiadas nas Instituições publicas e privadas do sistema universitario na area do Desporto.

Anónimo disse...

Do Geleia real para o melga, esse que você refere é um nado morto, pois nem num lado nem no noutro tenho a certeza, pois deve querer é sopas e descanso, para tão anafado estar, agora á outros e bem camuflados, é só estarem atentos no facebook, e depressa chegam a conclusões. E olhem que se queimam e não é só sol

Um abraço

Anónimo disse...

Acabou um dos maiores escandalos do desporto! SErviu para esbanjar o pobre povo, por parte dum pr. de camara vergonhoso. Tinha o seu filho num clube que vai dominando e sujando o andebol. A fase final de juniores em Resende foi do que, mais sujo vi. Este dito projecto foi óptimo para o FCPorto poupar na formação!!!

Anónimo disse...

Depois das vergonhas que fez esse senhor em Resende até lhe dou os meus parabéns assim como á nosssssa... querida federação! Mereciam um louvor público sobretudo por terem naquele centro o tristemente célebre DUDA. Exemplo máximo de incompetência e de como não se deve conduzir jovens. Como pode sêr possivel que depois de tantas histórias ouvidas este personagem nunca fosse objecto dum inquérito? Já nem vale a pena falar do que nunca conseguiu!!!

Anónimo disse...

Dos atletas presentes em Resende digam-me um ou dois que preste. O Belmiro? Se dizem que era o melhor está tudo dito. Coitado nem com um cérebro novo apesar de levado ao colo. Quanto ao Duda prefiro falar de animais pois despertam-me mais atenção. Eu sou sempre positivo apesar do que me rodeia.